Ricardo Augusto: Revolução e neurose

5
114

@

Anúncios

5 COMMENTS

  1. Falando nesse assunto, eu que moro em Rondônia, acabo de saber que os funcionários da usina de Jirau entraram em “revolta” novamente,(está claro que tem politica perversa por trás disso) e como da primeira vez, os vândalos atearam fogo nos alojamentos e destruíram outros patrimônios dessa empresa…

    Sinais do Caos subversivo: Esses “trabalhadores” sem alojamento, estão vindo para a cidade e o ESTADO está arranjando abrigos para eles.
    A empresa também é obrigada por LEI a continuar pagando os salários ( e todos os beneficios) de todos os trabalhadores, mesmo que estejam sem trabalhar.

    A parte engraçada: Muitos estão exigindo voltar para seus estados de origem, entretanto também protestam o fato da construtora só oferecer passagem de ônibus e não pagar passagem de avião para eles (vale ressaltar que uma parte dos que querem voltar para suas casas não fazem parte dos vândalos).

    Ou seja, prejudicam a empresa e ainda querem agrado em cima de agrado.

    Eles estão prejudicando essa construtora desde o primeiro dia de obras, sempre aparece uma coisa nova, muita manipulação de donos de sindicatos famintos por dinheiro (e os trabalhadores sembre agindo como idiotas úteis como bem explicado por Yuri Bezmenov), muita manipulação política (interesses tanto financeiros como ideológicos). E por aí vai…

    “Nunca antes na história desse país” houve tanto esforço para fazer esse estado virar um caos e sujeita-lo a uma ditadura socialista global…

  2. [OFF]

    Luciando, veja este artigo.
    http://br.mulher.yahoo.com/pelo-direito-de-n%C3%A3o-querer-ter-filhos.html
    Isso é um fato; conheço várias mulheres que simplesmente adoram crianças mas tem algum medo de ter filhos.
    O interessante disso, é que foi a mesma medida que o pessoal dos países europeus tomaram, e se não me engano isso tá dando dor de cabeça pro governo pq envelhece a população.
    Apesar disso ser uma conclusão da inserção do feminismo, seria isso algum tipo de técnica de esquerda que falhou miseravelmente (e que está se espalhando tardiamente pra cá)?
    E mesmo que se espalhe, diante da magnitude populacional do Brasil, é um perigo ao futuro?

Deixe uma resposta