Homem esfaqueia 5 e mata 1 durante festa de Natal em Osasco/SP… ei, esquerdistas, cadê a lei de controle de facas?

7
33

facas e canivetes (10)

Fonte: Terra

Um homem esfaqueou seis pessoas na madrugada desta terça-feira em Osasco, na Grande São Paulo. Segundo a Polícia Militar, o crime ocorreu durante uma festa de Natal. Uma vítima morreu e as demais foram hospitalizadas. O suspeito foi preso.

De acordo com a PM, o ataque aconteceu em uma casa na rua Padre Kassabian, no bairro Baronesa, por volta das 6h. A polícia não soube informar os motivos do crime e nem a identidade do autor. O caso foi registrado como homicídio e tentativa de homicídio e será investigado pela 10º Delegacia de Polícia.

Meus comentários

Sem comentários.

Anúncios

7 COMMENTS

  1. Não duvido que daqui a algumas décadas, toda a faca vai ter que ter registro, curso de manuseio, etc; e só vai poder ser vendida para médicos, cozinheiros, etc. Infelizmente a esquerda esta com muita força pelo mundo(tirando um ou outro lugar como Singapura).

  2. Os esquerdistas poderiam dizer que se o homem estivesse com metralhadora e/ou granadas, o dano seria maior. Creio que seja um argumento razoável.
    Certamente é menos pior tomar uma facada do que um tiro de metralhadora.
    Isso não implica que eu seja a favor do desarmamento, mas não ter controle algum ou pouco controle sobre as armas me parece insano.
    O Orlando aborda esses pontos de forma interessante: http://espectivas.wordpress.com/2012/12/18/o-argumento-mercator/

    • Bom, nos EUA os massacres e crimes pesados acontecem com uma frequência muito maior em locais onde o controle de armas é mais forte. Aliais, com um controle governamental nas armas, quem vai ceder ao controle, é justamente o povo que segue as leis. Criminoso algum vai deixar de ter uma AK 47 porque é proibido, ele simplesmente vai comprar de outro criminoso.

      Os criminosos sempre vão cometer crimes onde há mais controle de armas. Se coloque no lugar de um bandido, você prefere roubar onde a vítima esta desarmada e se estiver armada, ainda assim compensa mais para ela te entregar, que se defender e enfrentar processo por porte ilegal ou você prefere roubar um lugar fortemente armado?

  3. Facas só entram em ação quando a arma de fogo não é mais efetiva – ou seja, quando acabam as balas ou quando o combate fica no mano-a-mano. Como essas condições são mais raras, não há pq a esquerda se importar com assassinato a facadas, pois este tipo de usuário não representa capacidade defensiva (na maioria das vezes, andar com facas é sinônimo de assassino, enquanto o mesmo nem sempre acontece com armas).
    Cidadãos armados com pistolas tem mais coragem pra se defender, do que se entrasse em combate físico com uma faca.
    Por isso, a prioridade são pistolas, espingardas, metralhadoras e rifles.
    Numa situação onde este tipo de arma de fogo sejam banidas das mãos dos cidadãos – ficando apenas nas mãos do Estado e bandidos – aí sim teremos espaço para controle de armas brancas, já que estas serão o mecanismo de defesa dos cidadãos desprotegidos.

  4. Se fôssemos imitar as estratégias da gaystapo, poderíamos associar essa barbárie à Cristofobia – afinal, o crime aconteceu contra um grupo que comemorava a festa máxima do cristianismo.

Deixe uma resposta