Silas Malafaia dá um fatality em sua resposta ao CFP marxista cultural

32
202

@

Já elogiei Silas Malafaia mais de uma vez aqui neste blog, e tenho me surpreendido com a qualidade de seu discurso recente.

Mas o último, em que ele responde ao CFP, está acima até do padrão que ele mantinha. (Sobre a mensagem do CFP ver o post O conteúdo fecal da mensagem de repúdio do CFP contra Silas Malafaia)

No vídeo acima, está a resposta de Silas.

Melhores momentos:

  • Menção ao aparelhamento do CFP pelo esquerdismo
  • Mais ainda, menção da ação CPF lutando para substituir os valores cristãos por valores humanistas
  • Citação de um caso de Freud, que reorientou uma paciente homossexual
  • Comparação da atitude do CFP com a Inquisição
  • Citação da constituição e demonstração de que ela está ao seu lado
  • Demonstração de que o preconceito é da CFP, e não dele
  • Questionamento em relação à exatidão da alegação do CFP sobre a homossexualidade
  • Demonstração de que o CFP está atendendo a agenda gayzista
  • Exposição da imoralidade do CFP ao julgá-lo como psicólogo, enquanto ele falava como pastor
  • Comportamento exemplar em favor da liberdade de expressão, em especial quando ele disse que se os ativistas gays quisessem criticá-lo, tudo bem, isto é, demonstrando que ele é a favor da liberdade de expressão, enquanto seus oponentes são contra
  • Exposição da noção de que homofobia é uma doença, e, portanto, rotular um crítico do comportamento gay de homofóbico, é hipocrisia (aliás, a meu ver, é um crime, o de denunciação caluniosa)
  • Uso do termo propaganda para definir o que o ativismo gay, junto com o CFP, tem feito
  • Demonstração de que o CFP não representa atualmente os psicólogos, por estar envolvido com partidarismo
  • Dizer que se alguém não estiver satisfeito com a crença evangélica, e estiver confuso, pode procurar um psicólogo também. Sendo assim, por que um gay não pode fazer o mesmo?

Estes são os pontos principais, que configuram um altíssimo nível de assertividade e postura high profile.

Anúncios

32 COMMENTS

  1. Luciano, eu estou achando o máximo que isto esteja ocorrendo. Com o alcance que o Silas possui, aos poucos uma massa de pessoas está começando a entender que são os verdadeiros inimigos, (esquerdistas/humanistas).

    Quanto mais eles avançam contra o Silas, mais expostos ficam para o público que geralmente é leigo.
    Não sei se concorda comigo, mas o tiro da esquerda está saindo pela culatra desta vez.

      • Eu discordo. O Malafaia já recebeu vários rótulos que fazem com que o público em geral rejeite o que ele diz sem nem ouvir o argumento. Como reverter isso? Não tenho ideia…

      • Pois é, com certeza. Gosto muito da linha dele, mas a maioria dos esquerdistas tem um ataque de chilique quando alguém toca no nome dele.

        A grande maioria das pessoas no meu Facebook concordou com a Marília Gabriela e com o Eli Vieira, mesmo com seus argumentos fraquíssimos. E por que? Porque simplesmente nem ouviram o que o Malafaia disse. Nem julgaram os argumentos, pararam na pessoa.

        Se conseguíssemos reverter essa propaganda de rótulos pra fazer pelo menos as pessoas ouvirem e pensarem… Mas acho que é pedir demais, né? :/

    • “Mas esse é o ônus de qualquer um que defender as idéias que ele defende.

      Qualquer um será rotulado do mesmo jeito, a meu ver”

      Luciano, concordo em partes.
      Mas acho que o Silas poderia investir em um pouquinho de marketing pessoal. Seu jeito agressivo e sua forma de ser acabam por gerar certo preconceito. As pessoas médias não querem se igualar a alguém como ele. Que tal se expressar de forma mais calma, com um melhor português e vestir-se melhor, por exemplo?

      Esse tipo de coisa melhoraria muito sua imagem.

      • Nesse caso, concordo contigo.

        Há algo a ser trabalhado ali. Até pq se vermos os autores neo-ateístas, nenhum deles faz escandalo. 😉

        Abs,

        LH

      • Exato. É o que você sempre diz: o marketing deles é invejável e nisso eles nos dão uma aula.
        O Silas nisso é um verdadeiro desastre, assim como o Bolsonaro!
        Eu já lhes enviei e-mails tratando disso, não obtive resposta; mandei mais um pro Silas agora. Vamos ver se dá em algo…

      • A aparentemente inabalável “tranqüilidade” dos autores neo-ateus, pra mim, tem cheiro de psicopatia total. E se ela contribui para a alta “taxa de sucesso” do proselitismo neo-ateu,…
        E considerando que nem os gayzistas e nem os ecochatos hesitaram muito em aplicar um certo tipo de *terrorismo* para conseguirem o que queriam…
        Realmente, não dá pra entender por que as direitas ainda não assimilaram as boas idéias veiculadas no filme SWORDFISH:

        http://www.imdb.com/title/tt0244244/

  2. Agora é preciso ver o que Malafaia dirá a Adriano Facioli em relação a isto:

    http://www.youtube.com/watch?v=r6vwCJqFeI4

    Como já disse anteriormente, pelo que pesquisei dele, não achei sinais de ligação direta a entidades marxistas-humanistas-neoateístas, mas quem vir o blog dele notará explícitos flertes com marxismo cultural e humanismo secular, bem como aquela clássica postura de neoateu que se acha humorista e fica afrontando de maneira ironiquinha a religião revelada. Observe-se que ele usa de clichês típicos de tal espectro de religião política em outros vídeos dele, como aqueles no qual encarna o personagem Frank Jaava e fala, por exemplo, de conservadores e o que é direita e esquerda:

    http://www.youtube.com/watch?v=iUbzSQq8SgI

    http://www.youtube.com/watch?v=WpB387DH-mw

    Continuamos naquela base de Malafaia ter suas fontes e Adriano, outras. Em todo caso, quem vir o Face dele notará o seguinte comentário do próprio feito neste link que embute o tal vídeo de resposta:

    obrigado, Heloisa Helena! mestre Ioda, o Eli Vieira entrou naquele outro video meu sobre o malafaia e deixou la congratulaçoes, dizendo que gostou do video. mas, para divulgar melhor, bastava que ele clicasse em “gostei” e aceitasse esse ultimo como resposta ao dele. enviei como resposta ao dele. vamos ver se ele percebe isso la na caixa de entrada dele. obrigado por sua força aí, mano velho!

    Logo, observe-se que o presidente da LiHS já fez contato com o Facioli que não se chama Luciano. Abaixo disso, segue um comentário de Leonídia Pereira que flerta com o conceito de crime-ideia e quer insinuar que Malafaia falando contra militantes homossexuais estaria diretamente ligado a maníacos que agridem e matam homossexuais pelo fato de eles gostarem do sexo entre iguais:

    ÊÊêê …. #AlegriaDefine Finalmente um PSICÓLOGO se manifestou em relação às INVERDADES ditas por Silas Malafaia em relação à PSICOLOGIA… lembrando que as INVERDADES ditas por ele em relação à GENÉTICA já foram esclarecidas e corrigidas pelo mestre e doutorando em Genética, Eli Vieira, assim como as inverdades relativas à Área Jurídica que já foram esclarecidas e corrigidas pela Jurista Maria Berenice Dias e pelo Advogado e mestre em Direito Constitucional, Paulo Iotti!!! Bom, parece que agora sim quase todos os argumentos do Malafaia foram derrubados o que prova que o mesmo apenas se utilizou de informações e argumentos por ele manipulados e colocados para causar resultados planejados por ele para simplesmente tentar impor as opiniões DELE PRÓPRIO!!!

    Como disse muito bem o jornalista Leonardo Sakamoto: “Pessoas, como o pastor Silas Malafaia, dizem que não incitam a violência com seus sermões. Não é a sua mão que segura a faca, o revólver ou a lâmpada fluorescente, mas é a sobreposicão de seus argumentos ao longo do tempo que distorce o mundo e torna o ato de esfaquear, atirar e atacar banais. Ou, melhor dizendo, “necessários”, quase um pedido do céu. São pessoas assim que alimentam lentamente a intolerância, que depois será consumida pelos malucos que fazem o serviço sujo. A presença de igrejas não resolve o problema por si. É necessário algo mais.”

    E como disse muito bem a minha amiga, Sabrina Barbosa: “Existem pessoas que querem por a opinião delas acima de tudo… O ser humano é muito complexo e existem diversas coisas que fogem ao que consideramos “normal”, isso na natureza em geral. Poxa, somos todos de uma mesma espécie humana e o que nos faz iguais é o fato de sermos diferentes. Se está escrito na Bíblia: “Por que você repara no cisco que está no olho do seu irmão, e não se dá conta da viga que está em seu próprio olho? Como você pode dizer ao seu irmão: ‘Deixe-me tirar o cisco do seu olho’, quando há uma viga no seu? Hipócrita, tire primeiro a viga do seu olho, e então você verá claramente para tirar o cisco do olho do seu irmão.
    Mateus 7:3-5.”. Se ser homossexual é um pecado, quem sou eu, reles ser humano, para julgar se o meu próximo está pecando ou não, se eu peco também? Se ele, Malafaia, segue o cristianismo e segundo a religião dele, Deus diz para amarmos uns aos outros como a nós mesmos. Se ele sabe o que é o amor então ele deve saber que amar ao próximo não é amar apenas o que nos agrada no próximo, mas amar principalmente aquilo que não nos agrada nele, pois até mesmo Jesus que nos amou tanto, sofreu! O amar é suportar a dor que o nosso próximo nos dá, sem agredi-lo verbalmente ou fisicamente, simplesmente amá-lo.”

    Se o Sakamoto diz que comentários de Malafaia gerariam caldo de cultura para agressão a homossexuais, o que dizer quando Sakamoto diz que ostentação (sabe-se lá como definir isso de maneira cientificamente inegável) justifica assaltos? Alguém inclusive já falou sobre aquele lance que alguém que não tem carro poderia querer processar alguém que tem um Fusca caindo aos pedaços por ostentação, enquanto esse dono do Fusca poderia processar quem tivesse uma Ranger pelo mesmo e o dono da Ranger poderia processar quem tivesse uma Ferrari pelo mesmo artigo imaginário. Logo, alguém poderia dizer que o Sakamoto também está estimulando a violência quando prega que alguém poderia se voltar contra outrem que por acaso tenha mais patrimônio. Alguns inclusive lembraram que isso que ele disse é análogo àquela suposta história de que uma mulher seria culpada de seu estupro por andar com roupas decotadas (coisa que muito os religiosos políticos marxistas-humanistas-neoateístas gostam de atribuir àqueles que lhe opõem).

    • Vi o vídeo do Facioli. Achei 10 truques:

      1. O fato é que se ninguem nasce gay, então o fato dele dizer que “há vários fatores que podem influenciar o comportamento gay, e isso está em aberto” não serve para desprovar a afirmação que “ninguém nasce gay”
      2. Ele confunde uma suposta “não recomendação para tratamento gay” com “proibição” (que é a do CFP)
      3. Ele garante que a afirmação da sociedade americana é o “estado da arte”, usando de apelo a autoridade
      4. Ele confunde terapia psicológica com medicamento. Erro de analogia.
      5. Ele enlouquece ao dizer que o melhor tratamento “é o de conformação”, para quem quer “reorientação”. Erro lógico. O melhor tratamento para uma mulher que quer aumentar os seios pode ser uma cirurgia, ao invés de um que a faça se conformar em não aumentar seios.
      6. A citação dele de Freud ainda não refuta o caso de uma mulher que se reorientou em relação a sua homossexualidade. Portanto, ele só poderia citar o exemplo se todo homossexual fosse “homossexual retinto”, mas quem disse que as terapias são para estes? Que eu saiba, são para os homossexuais confusos. Ele mesmo reconhece que a paciente tratada por Freud não era “verdadeiramente homossexual”. Ora, se é o caso, estes é o que podem ser tratados e reorientados.
      7. Ele diz que “homofobia” não está classificada como doença. Na verdade, ele mente, pois qualquer fobia está classificada como distúrbio de ansiedade, passível de tratamento. A crítica a homossexualidade não se configura como fobia.
      8. Ele diz que o tom de Malafaia é “discurso de ódio”. Mas como ele daria diagnóstico psicológico virtual? Não poderia ser um recurso de oratória? Como se vê, Facioli apela para a pseudo-ciência. E se a defesa dos valores tradicionais familiares, por Malafaia, é obsessiva, ele acabou de transformar o gayzismo em obsessão, pois o tempo que Malafia dedica a atacar o gayzismo é muito menos do que todos os amigos de Facioli dedicam a atacar o cristianismo. Hmm… Projeção?
      9. Ele diz que o ódio excessivo é amor recalcado. Seriam então os gayzistas apaixonados sexualmente pelos heterossexuais? Ou os neo-ateus doidinhos para transar com os cristãos? Esse Facioli realmente é um fanfarrão.
      10. No fim, o truque de Facioli. Ele diz: “Deixe os homossexuais em paz”. Mas onde o Malafaia está querendo converter “todos” os homossexuais?

      Na boa, o cara é muito desonesto intelectualmente. Eu até faria um texto a respeito, mas o cara é de muito baixo nível.

      Abs,

      LH

  3. Caro Luciano,

    Infelizmente, vamos ser realistas. Mais aparelhado do que o CFP, só mesmo o sistema jurídico brasileiro. Suiá Missu e Raposa Serra do Sol estão ai para comprovar. Um dos fazendeiros de Suiá Missu junto com seu advogado entregou uma petição a um ministro do Supremo apenas para ouvir:
    “Olha, eu vou receber. Mas já adianto que nem vou olhar por que sou indigenista”.
    O Pr. Silas tem direito de expressão? Genuinamente sim. Mas melancias de toga vão manter esse direito? Ou será que vão responder: “Olha, eu vou receber sua petição, mas não vou nem olhar, por que sou gaysista e anti-homofóbico”.
    Vamos levando até onde der.
    Mas já devemos prever um cenário em que furar censura na net num jogo perigoso de gato e rato com a PF será nosso futuro enquanto resistência civil.
    Já devemos ir atrás de VPNs, TOR ou o que mais tivermos. Inclusive articularmos uma anti MVPT.
    Cedo ou tarde alguém, talvez até o Pr. Silas mesmo, vai requerer nossos direitos do Art. V ao STF. Devemos estar preparados para o pior cenário.
    Mas que meu irmão Malafaia é bom de briga isso é! =)

    Abraços.

    • Você está correto na questão do Suiá Missu. Como eu já falei, eles estão perdidos. Mas a diferença no caso do Silas Malafaia é que ele espertamente está atraindo os holofotes antes. Um exemplo disso foi o recuo que a Marta Suplicy teve que fazer no PL 122.
      Em relação ao futuro, esperar pelo pior é vital, e estarmos preparados para agir nesse novo cenário.

      • Mas Luciano, os cenários são diferentes.
        Os congressistas estão sob constante vigilância e pressão e talvez sejam até mais vulneráveis do que eu e você. Por isso a postura combativa do Pr. Silas tem surtido efeito.
        Já os ministros do STF assim como todos os magistrados e promotores do país podem simplesmente usar a Constituição pra acender churrasco e ainda mandarem o povo cachimbar formiga que ninguém na República tem nenhuma autoridade sobre eles.
        Se a Constituição ainda fosse respeitada de fato e não apenas nominalmente, jamais uma lei feminazista como a Maria da Penha teria sido tolerada.
        Quando vejo o Pr. Silas declarando que apelará até a última instância na defesa da liberdade de expressão, eu deliberadamente opto por interpretar esse ato como outra vitória da esperança sobre a razão. A opção seria considerar como apenas outra tática de guerra política. Plenamente legítima e efetiva, aliás.
        Concordo plenamente contigo que a coragem indômita, a coerência e a tenacidade em combater o erro do Pr. Silas tem com efeito freado e atrapalhado as ambições gaysistas em nível de Congresso.
        E graças a Deus por isso, pois ou vencemos no Congresso ou é melhor orar por uma intervenção divina.
        Os mais intocáveis de todos o revolucionários, os togados, jamais renunciarão à sua arrogância para se darem ao trabalho de interpretar a Constituição segundo seu significado ao invés de seguirem sumárias conveniências revolucionárias. Melhor nunca precisar ter nenhuma esperança de justiça da parte dessa raça.
        Enquanto isso, vamos trabalhando nos planos B, C, D..

  4. Luciano,

    Você esta acompanhando a luta das petições no site da Avaaz envolvendo o Silas Malafaia?

    De um lado os militantes LGBT querendo que o seu registro de psicólogo seja cassado, do outro lado o próprio Silas defendendo a manutenção do seu registro diante do CFP.

    Quando foi aberta uma petição contra o Silas no site da Avaaz, dias depois foi aberta uma em favor dele. Em um dado momento essa petição ultrapassou em 10 mil assinantes da petiçção daqueles que estavam contra o Silas. Quando isso aconteceu a Avaaz simplesmente deletou a petição em favor do Silas.

    Uns dois ou tres dias depois o Silas abriu uma nova petição em dominio próprio e que até o dado momento tem ultrapassado novamente a petição daqueles que querem a sua cabeça na bandeja.

    Essa guerra esta interessante. Você vai escrever algo a respeito?

    • Uma notícia do UOL confirma que a exclusão do abaixo assinado pró Malafaia foi fruto da vontade de “70%” dos participantes do site. E, obviamente não mencionou a existência de outra campanha a favor no próprio site do pastor.
      Impressionante, que o “anjo negro petista” o infame Abramovay, é um dos lideres do AVAAZ no Brasil. Ele disse “Mais de 77% da nossa comunidade votou para remover esta petição, e estamos muito orgulhosos dessa decisão democrática para rejeitar este tipo de lobby para continuar práticas homofóbicas”. Resumindo, o AVAAZ é um site aparelhado e não pode ser considerado pelo nosso lado.
      E qualquer dos nossos que seja hacker tem um alvo perfeito!
      O link:
      http://www1.folha.uol.com.br/poder/1233375-protesto-virtual-pode-levar-silas-malafaia-a-perder-registro-de-psicologo.shtml

  5. “Mais ainda, menção da ação CPF lutando para substituir os valores cristãos por valores humanistas” O que é a obrigação do CFP

    “Citação de um caso de Freud, que reorientou uma paciente homossexual” Isso nunca ocorreu, o pseudo-inculto Malafaia MENTIU, fingindo confundir a teoria da angustia de castração e inveja do pênis com “reorientação”. Pelo contrário, segundo Freud, todos os seres humanos tendem à bissexualidade.

    “Citação da constituição e demonstração de que ela está ao seu lado” Fazendo com o Artigo V o mesmo tipo de distorsão que tenta fazer com a Biblia. “Pulando” vários parágrafos que instituem a responsabilização do cidadão pelo mal uso do direito a liberdade de expressão.

    “Questionamento em relação à exatidão da alegação do CFP sobre a homossexualidade” A alegação não é da CFP, é da OMS e da APA, entidades onde as teorias malucas do Silas não serão ouvidas, já que ele não tem sequer o status de pesquisador do tema

    “Demonstração de que o CFP está atendendo a agenda gayzista” Óbvio! Tinha que estar atendendo à agenda malafaica :p

    “Exposição da imoralidade do CFP ao julgá-lo como psicólogo, enquanto ele falava como pastor” Quer dizer que ele pode rotular as pessoas como doentes mentais “na qualidade de pastor”?!? Além,de de covardia e estratégia para fuigir de uma resposbilidade sobre as proprias flas que a CF lhe impões, ainda é Exercicio Ilegal de Medicina, da pra pegar ai uns aninhos de cadeia.

    “Exposição da noção de que homofobia é uma doença, e, portanto, rotular um crítico do comportamento gay de homofóbico, é hipocrisia (aliás, a meu ver, é um crime, o de denunciação caluniosa)” De onde ele tirou que homofobia é doença?!?!? Cadê o código no CID ou DSM? Isto não é argumento, é surto psicótico. Eu receitaria uns meses de internamento se tivesse autoridade profissional. Homofobia NÂO é doença, é sem-vergonhice.

    “Demonstração de que o CFP não representa atualmente os psicólogos, por estar envolvido com partidarismo”. òbvio que não! Quem representa a classe é a igreja do sr. Malafaia 😛

    “Dizer que se alguém não estiver satisfeito com a crença evangélica, e estiver confuso, pode procurar um psicólogo também. Sendo assim, por que um gay não pode fazer o mesmo?” PQP!!! Quer dizer que crença evangélica agora é disturbio ou transtorno para ser tratado ou “reorientada”?!?1

    E tem crente que é tão estúpido a ponto de ser chamado de doente mental por um pseudo-pastor e pseudo-psicologo e ainda aplaude. Vai ser burro assim na IADVEC!!

    • Erzulie demonstra todo o seu recalque e fúria em uma resposta que espera ser letal, mas serve como uma saraivada de balas no próprio pé dos gayzistas.
      O que é a obrigação do CFP
      Atenção: a esquerdista acima afirmou que é “obrigação do CFP” pregar a agenda humanista-esquerdista. Como é burrinha. Os petistas passam a vida negando a estratégia gramsciana, e ela chega e… confessa. Eu falei que é só botar pressão que eles se irritam (são apaixonados por suas ideologias) e cometem atos falhos. A diversão é total! Ganhei o dia com essa confissão de Erzulie.
      Isso nunca ocorreu, o pseudo-inculto Malafaia MENTIU, fingindo confundir a teoria da angustia de castração e inveja do pênis com “reorientação”. Pelo contrário, segundo Freud, todos os seres humanos tendem à bissexualidade.
      Ele não mentiu, mas falou os fatos. Existia uma homossexual confusa, que foi reorientada. Já refutei essa de “não é verdadeiro homossexual”, mas, se não há um determinismo gay, ela é exatamente igual, em termos categóricos, à paciente do Freud. Logo, qualquer um que se enquadrar na mesma categoria que a paciente do Freud em questão, pode procurar tratamento. Este é um fato. Por outro lado, a ideia de que todos os seres humanos tendem à bissexualidade é apenas uma tese não comprovada, e, portanto, não pode receber o mesmo status que o fato da paciente reorientada por ele. Tsc… vc tentou raspar o fundo do tacho e nada achou em seu favor.
      Fazendo com o Artigo V o mesmo tipo de distorsão que tenta fazer com a Biblia. “Pulando” vários parágrafos que instituem a responsabilização do cidadão pelo mal uso do direito a liberdade de expressão.
      E criticar um comportamento, de forma filosófica, não significa nenhum mal uso do direito de liberdade de expressão. Vc não acerta uma…
      A alegação não é da CFP, é da OMS e da APA, entidades onde as teorias malucas do Silas não serão ouvidas, já que ele não tem sequer o status de pesquisador do tema.
      Não são “teorias malucas”, mas fatos, e se OMS e APA estão aparelhadas, conforme demonstrei, isso não significa nada. Mas o CFP foi ainda mais intelectualmente desonesto que as outras duas.
      Óbvio! Tinha que estar atendendo à agenda malafaica :p
      Olhem a lógica demente desta: Alguém denuncia que X está cometendo um ato ilícito em favor de Y, então significa que este quer que cometa o ato ilícito em favor dele. Hahahahaha.
      Para ela, CFP tem que atender a agendas políticas. Mais uma confissão. Eu falei que é só pressionar…
      Quer dizer que ele pode rotular as pessoas como doentes mentais “na qualidade de pastor”?!? Além,de de covardia e estratégia para fuigir de uma resposbilidade sobre as proprias flas que a CF lhe impões, ainda é Exercicio Ilegal de Medicina, da pra pegar ai uns aninhos de cadeia.
      Claro que ele pode fazer o argumento que quiser, mas ele não rotulou ninguém como doente mental, portanto você faz o truque da ampliação indevida. Vc não acertou absolutamente nada. É realmente uma prodígio na arte de mentir.
      Aliás, “exercício ilegal da medicina”? Onde é que Psicologia virou medicina.
      Vc não tem vergonha na cara em mentir tanto.
      Cadê o código no CID ou DSM? Isto não é argumento, é surto psicótico. Eu receitaria uns meses de internamento se tivesse autoridade profissional. Homofobia NÂO é doença, é sem-vergonhice.
      Com tanta mentira que você fez, vc não tem capacidade de receitar coisíssima nenhuma. É uma psicótica, enlouquecida e com diversos transtornos, além de uma neurose devastadora.
      Aliás, fobias são distúrbios, e portanto, homofobia é um distúrbio assim como a aracnofobia. Mas a discordância filosófica quanto a criação de aranhas não é aracnofobia. Entendeu? Não, não entendeu, e vai fingir não entender, e já consigo até prever as simulações de falso entendimento que a escória da esquerda fará. Isso aqui já se tornou um esporte para mim…
      :òbvio que não! Quem representa a classe é a igreja do sr. Malafaia
      Mas de novo ela confessa que um CFP TEM QUE ser partidário? hahahaha
      PQP!!! Quer dizer que crença evangélica agora é disturbio ou transtorno para ser tratado ou “reorientada”?!?1
      Se alguém achar que religião é um distúrbio ou transtorno, que procure tratamento, oras. O seu esquerdismo é um distúrbio. Quando você notar que não consegue mais conviver socialmente, poderá procurar tratamento também. Qualquer coisa pode se tornar um distúrbio. 
      E tem crente que é tão estúpido a ponto de ser chamado de doente mental por um pseudo-pastor e pseudo-psicologo e ainda aplaude. Vai ser burro assim na IADVEC!!
      Eu sou ateu, ô doidinha. E quem disse que ele disse que “religião é doença”. Se for um crente confuso, temos um distúrbio, se for um gay confunso, temos um distúrbio. É disso que ele falava, ô cretina.
      Vc não vergonha na cara mesmo, se orgulha de mentir por parágrafo, é indigna como ser humano, e portanto tenho o maior prazer em expor toda a sua safadeza. Uma pessoa que mente tanto como você deve ser exposta ao público como um perigo para a sociedade.
      Não sei sua orientação sexual, e não me importa, mas você é um perigo em termos sociais, por ser incapaz de se expressar com um ato honesto sequer. Tudo, absolutamente tudo, que vier de você é desonesto.

      • Opa! aprendendo argumentum ad hominem com Malafalácia? Cuidado ele não é bom nisso. E pelo jeito o sr. como argumentador é um ótimo papagaio, pois não teve a capacidade intelectual de acrescentar absolutamente nada ao “pseudo” , $ila Mimimifaia. Estava pensando em rebater de forma critica e adulta seus argumentos, mas como o sr. não apresentou nenhum…

        “O seu esquerdismo é um distúrbio” A sua capacidade de concluir apressadamente que sou “esquerdista” tb 😉

        “Se for um crente confuso, temos um distúrbio, se for um gay confunso, temos um distúrbio. ” idem para ateus, ó “ateu” puxa-saco de fundamentalista religioso, hahahahaha

        Só vou lhe pedir um favor: não me faça passar mal com crises de risos. 😉

        PS: Vou espalhar esse link junto com minha resposta pela Facebook para que o Brasil conheça o nivel de “intelectualidade” dos defensores do MImimifaia.Fica a seu critério e “honestidade” publicar minha “resposta” (“resposta”, à quê?!não tem o que ser respondido.)

      • Erzulie, a doidinha
        Opa! aprendendo argumentum ad hominem com Malafalácia? Cuidado ele não é bom nisso. E pelo jeito o sr. como argumentador é um ótimo papagaio, pois não teve a capacidade intelectual de acrescentar absolutamente nada ao “pseudo” , $ila Mimimifaia. Estava pensando em rebater de forma critica e adulta seus argumentos, mas como o sr. não apresentou nenhum…
        Esta esquerdista é realmente muito doida. Ela começa o discurso dizendo que o oponente faz “ad hominem”, e daí diz “Malafalácia” e “$ila Mimimifaia”. Isto aqui é argumentação? É como aquele esquerdista petralha que começa o debate dizendo: “Ae, é demotucano, é demotucano, ehehehe” e acha que está argumentando.
        Daí ela diz que “estava pensando em rebater de forma crítica e adulta” meus argumentos, mas diz que eu não apresentei nenhum. Mas se eu não apresentei nenhum, devia ser fácil para ela refutar…
        Eu falei que essa é mais doida que a média. É uma doida neurótica.
        A sua capacidade de concluir apressadamente que sou “esquerdista” tb
        Ela tem discurso de esquerda, agenda de esquerda, manias argumentativas de esquerda, truques de esquerda… mas quer nos convencer de que não é esquerdista. 
        idem para ateus, ó “ateu” puxa-saco de fundamentalista religioso, hahahahaha
        Olha a psicose da esquerdista… Se reconheço um ponto onde Silas acerta (enquanto discordo de outros), então eu viro “puxa-saco de religioso”.
        Na ótica da Erzulie, não se pode concordar com absolutamente nada do que religioso disser rs.
        Só vou lhe pedir um favor: não me faça passar mal com crises de risos.
        Vc vai passar muito mal… com risos para esconder seu nervosismo. 🙂
        PS: Vou espalhar esse link junto com minha resposta pela Facebook para que o Brasil conheça o nivel de “intelectualidade” dos defensores do MImimifaia.Fica a seu critério e “honestidade” publicar minha “resposta” (“resposta”, à quê?!não tem o que ser respondido.)
        Não tem o que responder, pois não há argumento algum em seu post, mas faço questão de publicar para que todos vejam o nível da esquerdalha atual. E todos poderão ler que não sobrou nada em seu argumento que não tenha sido refutado.
        É a isso que se resume a esquerda atual. Chilique, histeria, neurose, psicose e auto-engano.
        Devem ser expostos mesmo 😉

    • Dona Erzulie,
      como foi que a OMS e o CFP chegaram a conclusão de que homossexualidade não é doença? Por que a homossexualidade foi retirada do DSM e do CID?

      Não foi uma retirada baseada em critérios científicos, minha querida. Foi através de votação. Luciano está certissimo quando escreve: “OMS e APA estão aparelhadas”. Ressalto que não estou dizendo que homossexualidade é doença… apenas mostrando que não existiu base científica para a retirada do DSM e CID, sob a batuta da OMS e da APA. Curiosamente, travestismo, transexualismo e orientação sexual egodistônica permanecem como Transtorno de Personalidade.

      Então, Dona Erzule, não venha com esse blá blá blá totalitário, querendo dar uma de pseudo-democrata e pseudo-psicologa.

      Vá bater latinha com seu grupelho de feministas mal-amadas!

      • Estudar mais?!

        O dia em que você tiver uma biblioteca como eu tenho de psicologia social, psicologia evolutiva e dinâmica social, volte para conversar. rs.

        Erzulie, doidinha, você não sabia que transtorno de identidade é um TRANSTORNO DE PERSONALIDADE? heheheheh…

        Ô burrinha…

      • «
        Ressalto que não estou dizendo que homossexualidade é doença… apenas mostrando que não existiu base científica para a retirada do DSM e CID, sob a batuta da OMS e da APA. Curiosamente, travestismo, transexualismo e orientação sexual egodistônica permanecem como Transtorno de Personalidade.
        »

        Só pra botar mais gasolina na fogueira 😀 , acrescento que
        também não houve fundamentação rigorosa para a classificação da homossexualidade como “doença”, “distúrbio” ou o que for. Não estou do lado dos humanistas e gayzistas, porém sendo eu um ponto fora do espaço 😛 , tenho a obrigação de espinafrar também as malandragens praticadas pelo lado “conservador” 😉

      • Bom, Luciano já respondeu sobre personalidade x identidade para a anta erzulie.

        quanto ao IMK que escreveu “também não houve fundamentação rigorosa para a classificação da homossexualidade como “doença”, “distúrbio” ou o que for.” Ocorre que a pauta é que a homossexualidade foi retirada da DSM e do CID (argumento utlizado por Erzulie) e não porque um dia foi incluida no DSM e no CID – alguns neurônios em atividade poderão encontrar a resposta.

      • Carla escreveu:

        «
        Ocorre que a pauta é que a homossexualidade foi retirada da DSM e do CID (argumento utlizado por Erzulie) e não por que um dia foi incluida no DSM e no CID
        »

        E eu pergunto: E DAÍ? 😉

        Hummmm, já entendi, você não gosta de “pontos fora do espaço” 😛

Deixe uma resposta