O ódio ilimitado e grotesco de ultra-humanistas contra a rejeição de Rachel Sheherazada às ofensas que tem recebido deste grupo

11
104

RACHEL-SHEHERAZADE

Fonte: Paulopes

Rachel Sheherazade (foto), âncora do “SBT Brasil”, contratou uma assessoria de imprensa para rastrear os “comentários maldosos” contra ela, de modo, se for o caso, “dar encaminhamento jurídico para que sejam tomadas medidas cabíveis”.
A informação é de Gabriel Lewis, do Portal PS, hospedado no UOL. Não foi divulgado o nome da assessoria.

A jornalista, que acaba de renovar contrato com o SBT, escreveu Lewis, “tem sido alvo de muitos comentários por conta das manifestações contrárias ao deputado-pastor Marco Feliciano”.

Na edição do dia 20 de março do telejornal, em referência aos protestos contra a permanência de Feliciano na presidência da Comissão dos Direitos Humanos e Minorias, Sheherazade comentou que as “opiniões pessoais” do deputado deveriam ser respeitadas.

Ela ressaltou que em uma democracia as decisões “são tomadas através do voto, não do grito nem da intolerância”.

Depois, em entrevista à Veja SP, ela disse que não apoia as ideias tidas como racistas e homofóbicas de Feliciano e que o seu comentário tinha sido feito para preservar a democracia, que, segundo ela, estava em “risco” por causa das manifestações contra o deputado-pastor.

De acordo com o portal, a assessoria de imprensa também vai divulgar informações sobre a jornalista e gerenciar o “grande número” de entrevistas solicitado a sua cliente, o que vem ocorrendo principalmente por causa da polêmica em torno de Feliciano.

Não está claro o que a jornalista entende por comentários “maldosos”, já que ela própria, tida como polêmica, poderá ser acusada de “maldosa”, dependendo da avaliação que cada brasileiro possa expressar no exercício do seu direito de livre manifestação de pensamento.

MEUS COMENTÁRIOS

Vejamos a simulação de falso entendimento de Paulopes.

A jornalista defende o direito de Marco Feliciano criticar um comportamento, sem mencionar pessoas, e pede uma ação judicial para coibir ofensas pessoais e ameaças contra ela.

Daí os humanistas do Paulopes, todos endossados pelo dono do blog, dizem que ela “não tem moral para falar em liberdade de expressão”. Motivo: ela defendeu a liberdade de expressão de Marco Feliciano.

Um forista mais razoável, Yuri, disse: “Ela tem que processar mesmo, vi vários comentários injustos e realmente maldosos, machistas, uns incitando até mesmo agressão física.”

Um humanista respondeu: “Chora mais crentalhão”.

Na mesma linha, outro disse: “Mas se ela defende as barbaridades que o Feliciano diz, baseada no direito de livre expressão, que aguente no osso a livre espressão de quem se sentiu ofendido. Quer dizer, quando o direito de expressão ofende os negros e gays, daí tem que engolir, mas quando ela é chamada de racista, daí ela tem direito de processar? Estranha essa lógica.”

E ainda em seguida: “Acostume-se, pois essa é a lógica dos teocratas!”.

Notaram a absurda distorção de tudo que foi dito? Yuri havia dito que Rachel havia sido ofendida pessoalmente, inclusive com ameaças de agressão física (que Feliciano jamais cometeu), e os humanistas em coro dizendo que Rachel “não pode reclamar de sofrer ameaças físicas”.

Em outras palavras, se você, como teísta, criticar o comportamento gay, deve em retorno sofrer ameaças de violência e estupro. Essa é a moral humanista.

Outro diz: “Evanjegue é assim mesmo! Essa gente não vale o ar que respira!”

Mas se alguém dissesse que os gays não valem o ar que respiram, qual seria a consequência? Este é um exemplo de que eles usam um peso e duas medidas sempre.

Os humanistas realmente se inspiram nas baixarias diante de Rachel. Veja este:

A mentalidade de cristãos da Idade Média ainda faz parte da vida dessas pessoas, especialmente dos evangélicos!

Eles invertem a situação e ainda fazem terrorismo ideológico e moral, alegam que seus discordantes estariam querendo implantar ditaduras (gay, ateísta, etc), que os opositores estariam querendo privilégios de não serem criticados, que seus opositores estariam amordaçar a sociedade, no entanto, isso é o que eles CRISTÃOS sempre fizeram, fazem e desejam continuar fazendo, essa que é A REALIDADE.

Essa gente (religiosos) deveriam ter seus PRIVILÉGIOS (sim, pois eles gozam sim de privilégios sociais) revogados e suas bocas sim amordaçadas, pois não passam de GRUPOS DE ÓDIO, todos os religiosos, dos mais passivos aos mais exaltados, todos quando se agrupam formam potenciais grupos de ódio.

Essa gente (religiosos em geral) é inimiga da democracia, é inimiga da liberdade, é inimiga da justiça e da fraternidade solidária!

A nossa democracia precisa urgentemente amadurecer e castrar o exercício público da religiosidade, assim como procura castrar o nazismo declarado.

RELIGIOSIDADE = NAZISMO!

O irônico é que o humanista acima posta uma mensagem exatamente igual, em termos de tonalidade e ataque, àquelas que os nazistas faziam contra os judeus antes do Holocausto, e ainda acusa os seus oponentes de nazistas. Impressionante o truque de controle de frame aqui!

Mas é exatamente o que eu afirmei antes em um texto mostrando que os humanistas não dão a mínima para o genocídio de cristãos pelo mundo.

O fenômeno que faz os humanistas perderem toda e qualquer empatia por Rachel, e se irritarem por ela se defender de ameaças de violência, é exatamente o mesmo que fez os marxistas apoiarem todos os genocídios que estabeleceram no século XX.

Até por que o marxismo é uma crença humanista.

Dá para notar o padrão, não?

Anúncios

11 COMMENTS

  1. O sujeito tem a cara de pau de dizer que o exercício público de religiosos deve ser cassado e ainda se acha um grande defensor da democracia.

    Vergonha na cara = zero.

    Quanto aos termos “Evanjegue” e “Crentalhão”, como você mesmo diz, são meras provocações de parquinho.

  2. Alto nível dos humanistas

    Cláudio8 de abril de 2013 11:27
    XerecaAzeda, me processa. 😉

    Antonio s2 Lucy ///INGERINDO GLICERINA///8 de abril de 2013 15:32
    hSAUSHUAHSUA

    Bruno8 de abril de 2013 11:30
    Opa! Rastreia essa opinião pessoal aqui Sheroazedo! _|_

    Anônimo8 de abril de 2013 11:35
    Vem me processar sua diarréia cerebral!

    • Pelo nivel dos comentarios da pra saber muito bem quem são os mestres dessas criaturas acefalas, simplesmente pelo fato deles nao serem capazes de elaborar uma opinião propria e passarem a repetir tudo que falam seus mestres.
      Sheroazedo = Pirulla
      diarréia cerebral = Yuri Grecco

  3. É por isso que é fundamental demonstrar a fraude e ==== HUMILHAR, ESCULACHAR os humanistas…..não pode ter dó…..tem que demonstrar o erro e demonizar no último. Eu já cansei de ser polido……próxima oportunidade que tiver de debate, vou manter o nível até encontrar a fraude….depois que encontrar e expô-la….aí é só esculhambação moral…….desmoralização completa.

    O problema desse pessoal de mídia, é falar e depois ficar de mimimi, querendo se retratar. Os religiosos, querendo explicar bíblia e evangelizar……PORRA ASSIM NÃO DÁ.
    Nenhum desses filhos da puta vai mudar sua visão política com 2 ou 3 argumentos, Nenhum deles vai crer no evangelho, só pela bondade dos religiosos de explicar texto bíblico.

    GENTE….ACORDA…….Tem mais é que mandar esse povo se foder em alto estilo erudito.

    • Concordo, pq também já estou adotando esta prática, principalmente depois de reparar como eles são sensíveis ao escárnio público, alguns deles no final até concordam comigo, me dão parabéns e somem pra não ouvir mais da verdade nua e crua… pq eu xingo até lavar a alma! kkkkkk

  4. É sempre assim. Sempre quando alguém fala que religião é facista, gera guerras e mata pode saber que está mal intencionado, é intolerante e mentiroso.

  5. Vamos ser realistas Paulo Lopes e sua turma só não mataram e perseguiram religiosos fisicamente porque ainda não conseguiram poder para isso, basta ler os comentários no blog para ver o que digo, se o Brasil fosse um pouco mais sério essa turma já estaria indo em cana além de ver o sol nascer quadrado.

Deixe uma resposta