Jornal paraguaio chama chanceler brasileiro Antonio Patriota de “canalha intelectual” e este tem que se calar

0
81

13099744

Fonte: Folha de S. Paulo

O jornal paraguaio “ABC Color” publicou ontem um editorial em que chama o chanceler brasileiro, Antonio Patriota, de “canalha intelectual” por ter reconhecido a vitória de Nicolás Maduro na Venezuela.

Segundo o jornal, “parece mentira que quem se expressa de modo tão condescendente sobre o neodespotismo bolivariano seja o mesmo sujeito que encabeçou uma patota de chanceleres da Unasul (…) para impedir o julgamento político [que destituiu o presidente Fernando Lugo]. O Itamaraty disse que não responderia.

Meus comentários

É por isso que eu digo que você pode de forma legitimada e completamente moral chamar um esquerdista de fraudador intelectual ou mentiroso na cara dura. Claro que você deve fazer isso após ele ter praticado uma fraude intelectual.

O esquerdista beneficiário sabe que na verdade é um portador de fraudes, não uma pessoa intelectualmente honesta. Os funcionais são apenas emuladores das mesmas fraudes.

Restará a ele fingir que não ouviu sua acusação de fraude sobre ele, o que é mais provável, ou então responder bravinho, o que é raro. Mas mesmo se ele fizer isso, você poderá apontar coisas como “Mas você acabou de dizer que apoia X, e depois disse que rejeita X, e ainda entrou em contradição aqui…”, que facilitaria a exposição dos truques dele.

Por isso, entende-se a ausência de resposta do Itamaraty.

Anúncios

Deixe uma resposta