Mulher compra brinquedo Chinês e encontra carta de funcionário escravo pedindo socorro

14
151

Trabalho-escravo-na-China

Fonte: Liberdade Econômica (citando The Huffington Post e Daily Mail, com tradução do Instituto Plínio Correa de Oliveira)

Em outubro de 2012, Julie Keith (foto acima), uma mãe do Oregon (EUA), enregelou-se: num pacote para Halloween “made in China” que ela comprara na loja Kmart havia uma carta escondida meticulosamente. Grafada num inglês trêmulo, a mensagem [foto abaixo] falava de um cenário de horror. O autor estava preso num campo de trabalho forçado no norte da China, trabalhando 15 horas diárias durante toda a semana sob o látego de desapiedados guardas.

Se você comprar este produto, por favor, mande esta carta para a Organização Mundial de Direitos Humanos” – leu Julie.“Milhares de pessoas na China, que sofrem a perseguição do Partido Comunista, ficar-lhe-ão gratas para sempre”.

Entrementes, o autor – Zhang, 47 – conseguiu sair da fábrica-prisão. Como muitos outros ex-detentos, ele descreveu o universo carcerário socialista marcado por abusos estarrecedores, espancamentos frequentes e privação de sono de prisioneiros acorrentados semanas a fio em posições doloridas. A morte de colegas por suicídio ou doenças fazia parte do pão quotidiano.

Corrobora-o Chen Shenchun, 55, que passou dois anos num desses campos: “Às vezes os guardas puxavam-me pelos cabelos, colavam na minha pele barras ligadas à eletricidade, até que o cheiro de carne queimada enchia a sala”, disse.

A maioria dos escravos-operários de Masanjia foi presa por causa de sua crença. Mas o regime os mistura com prostitutas, drogados e ativistas políticos. As violências se concentram naqueles que se recusam a renegar sua fé.

Nem os responsáveis do campo de concentração, nem a Sears Holdings, dona da loja Kmart, quiseram atender pedidos de entrevista. Julie repassou a carta para um órgão governamental americano, mas a administração Obama adota uma atitude de subserviência diante das práticas inumanas chinesas. Por exemplo, um funcionário disse que o esclarecimento deste caso levaria muito tempo. O que equivale mais ou menos dizer que ele nunca será esclarecido.

Como aconteceu com Zhang…

Clique para ampliar
Clique para ampliar

Da próxima vez que o leitor for comprar algum produto chinês, pense na tragédia que pode estar levando para sua casa.

Meus comentários

E por que será que o governo Obama não quer apurar o caso? É simples demais: todo socialista fabiano, como Obama, tem por intenção implementar o esquerdismo por completo, para chegar no estágio chinês.

A China é apenas um “case” de sucesso do esquerdismo, onde tal discurso permitiu um ganho de poder totalitário em dimensão muito maior do que Obama tem nos Estados Unidos.

Aliás, é exatamente por isso que a direita é tão importante. Se nos Estados Unidos, não há um governo ditatorial socialista, isso ocorre unica e exclusivamente por causa de uma direita forte e atuante, denunciando a esquerda sempre que possível.

Em tempo: assim como vimos no caso dos escravos cubanos, fica claro que escravizar pessoas é um padrão para esquerdistas.

Anúncios

14 COMMENTS

  1. “Isso é o capitalismo-comunista do regime chinês. Contradição? Não, eles são capitalistas na acumulação e comunistas na opressão e na exploração do povo.
    Assim o sistema capitalista de produção e trabalho, na forma liberal, neo-liberal ou social-democrata, ou mais o que quiserem chamar, está sendo destruído por dentro. Eles já dominam o comércio mundial de manufaturados e irão destruir todo o sistema produtivo do Ocidente. Quem sobreviver ao Governo Dillma e sua quadrilha verá…” (André Luiz Guedes Fontes)

  2. “O governo é bom em uma coisa. Ele sabe como quebrar as suas pernas apenas para depois lhe dar uma muleta e dizer: ‘Veja, se não fosse pelo governo, você não seria capaz de andar!'” (Harry Browne)

  3. As pessoas precisam decidir se é realmente responsabilidade do governo americano ser a policia do mundo. Pois só o que tenho ouvido é condenações a eles no caso da Síria, mas, ao mesmo tempo, o culpam pela falta humanidade em todo o mundo.

  4. ué ao que eu saiba tudo isso que ocorre na china tem as bençãos do capitalismo internacional. quem adora um escravo é o capitalismo. tudo que a china produz para o mundo é dinheiro do capitalismo internacional. a maioria das empresas que atuam na china são americanas. o mundo não aodra produtos mais baratos? então só escravos podem produzi-los não é? me poupem seus idiotas!!!!!!!

    • Ué, Socialista, e quem está dizendo o contrário? Todo mundo aqui sabe que socialismo SEMPRE FOI UM TRUQUE para dar poder a totalitários, e nada mais que isso. Mesmo que empresas americanas se instalem na China, AINDA ASSIM É O GOVERNO CHINÊS QUE ESCRAVIZA AS PESSOAS. 🙂

    • Opa! Alto lá! Idiota é você! A esse propósito (para deixar se ser um idiota) recomendo-lhe, urgentemente, a leitura do mais novo livro do Filósofo Olavo de Carvalho: O MÍNIMO QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA NÃO SER UM IDIOTA.

  5. Povo falando que Capitalismo depende de escravos. Por isso as maiores nações capitalistas foram os maiores escravagistas.
    EUA, Hong Kong, Suíça, Singapura, Austrália, Nova Zelândia, todos escravistas.

    Ai, ai 🙂

  6. Capitalismo depende de escravos?
    Diga-me como as nações capitalistas EUA, Suíça, Nova Zelândia, Austrália, Hong Kong, Singapura, Chile são escravistas.

    Que eu saiba quem depende de cupins-humanos para se sustentar são os socialistas. E por sinal esse sistema só funciona com cupins-cupins.

    Campos de trabalho forçado não surgiram com a demanda “capitalista” por produtos baratos. Eles existem desde que o Maozinho chegou ao poder por lá. E por definição, não há como a produção fruto de trabalho escravo suplantar a produção de trabalho voluntário (contratual). A sociedade viveu sob o escravismo até 200 anos atrás e era uma miséria absurda. Hoje, com um pouco de liberdade que há no Ocidente, o padrão de vida de todos é muito superior até aos mais nobres do passado.

    Trabalho escravo = estagnação e morte. Só funciona com insetos.

    • Se quer pegar só exemplos pinçadoos podemos pegar o Canadá, Escócia, Países da Escandinávia e a maioria destes dentro dos 10 melhores IDH do mundo. São governos de liderança esquerda (e diferente do que autora do texto diz uma visão a esquerda não é uma tentativa de futuramente escravizar criancinhas inocentes e etc e que os EUA estão livres do Comunismo pela vigilancia constante da direita, Obama é comunista agora? Os democratas? Eles são direita, só mais ao centro do que os Republicanos, mas chamar de Esquerda é ridiculo. Aliás a Paranóia comunista é mostrada bastante na figura do J. Edgar que enxergava comunismo em tudo, tentou barrar Martin Luther King e etc) Mas muito bem. Como se configurou entao o sistema capitalista? Desde o fim da era medieval, começo da moderna e ínicio das grandes navegações. Dominar um território, exterminar o seu povo (ou escraviza-lo). Determinante pra configurar o mundo moderno eurocêntrico, e sim as coisas mudaram ao longo da passagem de alguns poucos séculos e o recente quebramente europeu. EUA realmente não utilizam trabalho escravo, eles manufaturam os produtos dele onde podem utilizar trabalho escravo e não produzem mais nos EUA. Não escraviza mais o próprio povo. Ah também inventa algo sobre armas de destruição em massa como desculpa para enviar tropas e tomar campos de petróleo. Mas acho que podemos fechar os olhos pra cidades inteiras sendo mortas não é? Estratégia não de hoje aliás, inumeras intervenções pela “Liberdade” no oriente médio. Engraçado que crianças são escravizadas em guerrilhas, são transformadas em soldado por boa parte da África Central e do Sul e ninguém que valoriza a tal liberdade mexe uma palha para agir ali. Porque não tem lucro. Você não pode justificar um crescimento baseado no exterminio de massas, e uso de trabalho escravo, que é exatamente o que estão criticando da China. Só que os EUA não faz com seus próprios habitantes. Agora se todo país do mundo fizer isso, explorar o próximo quando será a próxima guerra por recursos? O Chile eu estive lá, conheci. Dificilmente você pode classificar o país como direita de carteirinha, a esquerda lá é muito forte e se as pessoas acham que houveram muitos movimentos sociais no Brasil ultimamente, não é metade do que havia no Chile não mais que 2 anos que voltei. A austrália tem uma força de esquerda considerável também aliás. O país não ser comunista não quer dizer que não a ação da esquerda. A Suiça, sabe pelo menos como funciona? Tem 7 ministros e a coisa vai desde esquerdista a extrema direita. O país é estável porque manteve a neutralidade independente disso. Suécia, Finlândia, Dinamarca e Noruega além da Escócia mantém também esquerdismo no seu governo assim como o Canadá. Estão entre os maiores IDH do mundo. Realmente não são potências ecônomicas. Mas eu preferia viver com o conforto da Finlandia, Suécia ou Escócia do que em Hong Kong e Singapura. De extremos temos a China que de fato usa trabalho em regime quase escravo e utiliza o terror e força bruta para manter sua política e do mesmo modo temos o EUA que faz exatamente a mesma coisa, só que não com americanos. Com Árabes e até com Chineses também, grande número de empresas americanas tem suas manufaturas na China.Se eu contrato alguém pra trabalhar em regime escravo eu sou também um escravista, ou podiamos dizer que no Brasil os senhores de Engenho não eram escravistas eram os Africanos que escravizavam e vendiam, nós só usavamos. Poupe-me né?

      E antes que venham com as acusações ridiculas de “Socialista, PTista” não sou um nem outro. Sou esquerdista e isso tem um leque muito maior que a mente limitada que põe apenas Socialista ou Petista de rótulos para algo.

      • Se quer pegar só exemplos pinçadoos podemos pegar o Canadá, Escócia, Países da Escandinávia e a maioria destes dentro dos 10 melhores IDH do mundo. São governos de liderança esquerda (e diferente do que autora do texto diz uma visão a esquerda não é uma tentativa de futuramente escravizar criancinhas inocentes e etc e que os EUA estão livres do Comunismo pela vigilancia constante da direita, Obama é comunista agora?
        Esses países com os melhores IDH do mundo são países de esquerda, é verdade, mas isso não é um valor do esquerdismo. Só seria se esses países enriquecessem por causa do esquerdismo, mas eles já eram ricos antes do esquerdismo. O que acontece é que países ricos são mais propícios a serem vítimas de inchaço estatal, pois o dinheiro que esses povos possuem “salta aos olhos dos burocratas”.
        E, sim, o Obama é comunista, mas não consegue implementar tudo o que quer.
        Os democratas? Eles são direita, só mais ao centro do que os Republicanos, mas chamar de Esquerda é ridiculo.
        Hahahahaha… Chamar os Democratas de Partido de Direita é no mínimo gozação. Aliás, os Republicanos que hoje são um partido de centro, e centro MESMO, nem à direita e nem a esquerda. Obama pratica um socialismo fabiano.
        Aliás a Paranóia comunista é mostrada bastante na figura do J. Edgar que enxergava comunismo em tudo, tentou barrar Martin Luther King e etc) Mas muito bem.
        Isso não é um argumento. Ah, e antes de paranoia, um pouco do pensamento do Partido Democrata
        http://lucianoayan.com/2010/08/29/a-serenidade-dos-liberais-essas-tais-pessoas-moderadas/
        Como se configurou entao o sistema capitalista? Desde o fim da era medieval, começo da moderna e ínicio das grandes navegações. Dominar um território, exterminar o seu povo (ou escraviza-lo).
        Só nos livros do MEC o domínio de um território e extermíno de um povo são oriundos do capitalismo. Na verdade são oriundos do gregarismo…
        EUA realmente não utilizam trabalho escravo, eles manufaturam os produtos dele onde podem utilizar trabalho escravo e não produzem mais nos EUA. Não escraviza mais o próprio povo.
        Aqui há uma falácia grotesca, onde se coloca a opção se escravizar o próprio povo ou escravizar o povo dos outros. Na verdade, por largos períodos de tempo, os Estados Unidos não contaram com nenhuma forma de mão de obra escrava. Se hoje contratam serviços da China, isso no máximo é uma terceirização de mão-de-obra escrava…

        Ah também inventa algo sobre armas de destruição em massa como desculpa para enviar tropas e tomar campos de petróleo. Mas acho que podemos fechar os olhos pra cidades inteiras sendo mortas não é?
        Aqui é o truque de fingir que somente países capitalistas usam armas de destruição em massa e buscam campos de petróleo. Obviamente para isso será preciso ignorar a invasão russa do Afeganistão…
        Estratégia não de hoje aliás, inumeras intervenções pela “Liberdade” no oriente médio. Engraçado que crianças são escravizadas em guerrilhas, são transformadas em soldado por boa parte da África Central e do Sul e ninguém que valoriza a tal liberdade mexe uma palha para agir ali. Porque não tem lucro.
        Qual é o argumento aqui. Se existe um interesse econômico e um povo é salvo, então deve-se abolir este interesse e NÃO SALVAR NINGUÉM?!?!?! Rs.
        Você não pode justificar um crescimento baseado no exterminio de massas, e uso de trabalho escravo, que é exatamente o que estão criticando da China. Só que os EUA não faz com seus próprios habitantes.
        Er… Os Estados Unidos não fazem com seus próprios habitantes, e a China faz com os seus, e então os Estados Unidos são os culpados. Rs. Bela transferência de culpa. Está engraçado pelo menos.
        Agora se todo país do mundo fizer isso, explorar o próximo quando será a próxima guerra por recursos?
        Eu não sei, e todos os países do mundo fazem tudo que podem em termos de exploração. Não é capitalismo que define essa exploração…
        O Chile eu estive lá, conheci. Dificilmente você pode classificar o país como direita de carteirinha, a esquerda lá é muito forte e se as pessoas acham que houveram muitos movimentos sociais no Brasil ultimamente, não é metade do que havia no Chile não mais que 2 anos que voltei. A austrália tem uma força de esquerda considerável também aliás. O país não ser comunista não quer dizer que não a ação da esquerda. A Suiça, sabe pelo menos como funciona? Tem 7 ministros e a coisa vai desde esquerdista a extrema direita. O país é estável porque manteve a neutralidade independente disso. Suécia, Finlândia, Dinamarca e Noruega além da Escócia mantém também esquerdismo no seu governo assim como o Canadá. Estão entre os maiores IDH do mundo. Realmente não são potências ecônomicas. Mas eu preferia viver com o conforto da Finlandia, Suécia ou Escócia do que em Hong Kong e Singapura.
        Novamente, a fraude de dizer que se há conforto nos países escandinavos, ele surgiu POR CAUSA DO ESQUERDISMO, mas na verdade foi APESAR DO esquerdismo.
        http://lucianoayan.com/2013/04/22/se-a-suecia-causa-tantas-dissonancias-cognitivas-nos-esquerdistas-enganando-tambem-ate-alguns-direitistas-nada-melhor-que-a-metafora-do-estupro-para-explicar-lhe-a-dura-realidade/
        De extremos temos a China que de fato usa trabalho em regime quase escravo e utiliza o terror e força bruta para manter sua política e do mesmo modo temos o EUA que faz exatamente a mesma coisa, só que não com americanos. Com Árabes e até com Chineses também, grande número de empresas americanas tem suas manufaturas na China.Se eu contrato alguém pra trabalhar em regime escravo eu sou também um escravista, ou podiamos dizer que no Brasil os senhores de Engenho não eram escravistas eram os Africanos que escravizavam e vendiam, nós só usavamos. Poupe-me né?
        Aqui é a tentativa de justificar o injustificável. Na verdade, a aquisição de produtos chineses é a compra de um produto, e não de um serviço. Ao comprarmos um produto, compramos aquele de menor custo. No caso dos escravos cubanos no Brasil, a coisa é diferente, pois o valor R$10.000 é igual para todos, o que não justifica a contratação de escravos cubanos…
        E antes que venham com as acusações ridiculas de “Socialista, PTista” não sou um nem outro. Sou esquerdista e isso tem um leque muito maior que a mente limitada que põe apenas Socialista ou Petista de rótulos para algo.
        Mas, conforme previsto, não é nem um pouco diferente dos outros esquerdistas que passam por aqui. O discurso é exatamente o mesmo, os frames são iguais, as rotinas, etc…
        Já estou acostumado.

  7. Discutindo socialismo x capitalismo???

    Só podem estar de brincadeira.

    isso se chama SISTEMA MONETARISTA, vai além dessa discussão ultrapassada.

    Além do mais, queridos conservadores, um sistema totalitário (“comunista”) se baseia em que? produção e lucro, acúmulo de capital.

    De comunista ou socialista a China não tem nada, só a carcaça.

    É o capitalismo em seu estado mais puro e avançado.

    • Mateus,

      Não perca o foco. O capitalismo de fato não deixou de existir, e nunca foi essa a intenção de qualquer esquerdista. O discurso esquerdista, incluindo o discurso comunista, só serve para inchar o estado e dar pretexto para esse inchaço.

      Abs,

      LH

  8. A culpa não é só dos americanos e sim de todos, inclusive do Brasil.
    Quantos produtos Made in China é importado todos os dias para o Brasil.
    Quem é que fabrica estes produtos a preço de banana? Só pode ser escravos, então nós também concordamos com a política chinesa de escravizar as pessoas.
    Por não enviamos esta carta os Três Poderes, para que proíbam a compra de produtos chineses?
    Se eles quiserem vender seus produtos que instalem suas fabricas aqui no Brasil.

    • Isso, o único meio de produzir coisas baratas é via escravidão. Por isso TODOS os países socialistas são grandes exportadores 🙂

      Aliás, por isso que o Reino Unido se tornou o fornecedor de bens mundial no século XIX: era uma sociedade totalmente escravista.

      Ai, ai, Luciano, eu ia até escrever, mas seu post foi uma obra de arte. Obrigado.

      Espero que aqueles que são contra produtos chineses sejam coerentes e tirem tudo made in china (made in qualquer lugar exportador) das suas casas, afinal, não foi produzido na Pátria Amada. Alguém aqui ainda usa os computadores nacionais dos anos 80? Eles eram 100% nacionais :p

      Podem chorar, vermelhos.

Deixe uma resposta