Ha ha ha: Direção do PT vai proteger o partido dos… petistas da blogosfera

13
66

0-0-0-000leandrofortes

Segundo a Folha de S. Paulo, após a polêmica devido a baixaria publicada na página de Facebook do PT, o partido resolveu colocar uma mordacinha virtual em seus jornalistas militantes contratados para “xingar muito no Twitter”. Um pouco mais abaixo, falando da ideia do partido de centralizar o controle das redes sociais na campanha de 2014:

Na próxima sexta-feira, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, vai se reunir com o secretário de Comunicação do partido, José Américo, o vice-presidente da legenda Alberto Cantalice, o jornalista Leandro Fortes e outras quatro pessoas que produzem conteúdo para os canais oficiais do PT na internet.

Segundo petistas, foi Cantalice quem aprovou o artigo “A balada de Eduardo Campos”, divulgado no último dia 7, que chama o governador de Pernambuco de “playboy mimado” que “vendeu a alma à oposição” e a ex-senadora petista de “ovo da serpente”.

No dia seguinte, Campos reagiu e classificou o artigo de “ataque covarde” : “Enquanto os cães ladram, a nossa caravana passa”. O Palácio do Planalto evitou comentar o caso. O governo, contudo, avaliou que tais polêmicas não beneficiam Dilma.

Cantalice disse que o texto era uma “resposta às críticas” que o governador de Pernabuco vinha fazendo a Dilma na internet, mas não constituía “a posição oficial do partido”. O artigo foi escrito pelo jornalista Leandro Fortes, segundo a Folha apurou.

Aha, eis Leandro Fortes (foto). Anunciado como a grande estrela para a campanha de terrorismo virtual, ele já começou queimando o filme.

A regra é simples: na hora de partir para a baixaria, anônimos são usados para “tocar o terror” nas redes sociais. Mas Leandro Fortes esqueceu-se de que, mesmo anônimo, a página do Facebook ainda representava o partido.

Foi por isso que tempos atrás escrevi um artigo sobre a tática de briga de lama, que funciona muito melhor quando não há associação direta entre o promovedor da baixaria e aqueles que os financiam.

Um pouco mais sobre o “controle oficial” do PT:

A ordem da direção do PT é que nada mais seja publicado sem a aprovação de Rui Falcão e de José Américo. Cantalice continuará responsável pelas redes sociais do partido, mas todo o material produzido precisará ser aprovado previamente pelos outros dois dirigentes.

O objetivo é evitar que episódios como o do Facebook voltem a se repetir. A avaliação da cúpula petista é a de que Cantalice deveria ter sido mais rigoroso e previsto uma crise com os antigos aliados frente ao tom do texto, classificado de “ácido e grosseiro”. Na ocasião, o vice-presidente da sigla avaliou que o artigo não teria grande repercussão.

Outra ordem da cúpula do PT é que nada mais seja publicado sem assinatura, como ocorreu no episódio da semana passada. Agora, segundo petistas, serão veiculados materiais com “rosto”, sempre assinados por militantes ou por dirigentes do partido.

Leandro Fortes foi contratado recentemente pela Pepper, empresa que presta serviços de comunicação para o PT. Ela fará o monitoramento das redes sociais para mapear perfis falsos utilizados para atacar os candidatos do partido —principalmente a presidente Dilma.

Espere aí: “monitoramento das redes sociais para mapear perfis falsos utilizados para atacar os candidatos do partido”? Mas o que vimos, na atuação de Leandro Fortes, é bem diferente do que ele disse que ia fazer.

É claro que todos nós sabemos que o propósito de Leandro Fortes é ajudar a implementar uma baixaria organizada a partir de anônimos na Internet. O problema é que ele se empolgou demais em sua função, e ajudou a queimar ainda mais a imagem do partido – uma pena que seus opositores ainda não saibam se aproveitar disso.

Em suma: o PT vai controlar o que Leandro Fortes e sua turminha fazem, para evitar que eles sejam petistas demais enquanto postam na Internet.

Anúncios

13 COMMENTS

  1. ISTO É REVELADOR:

    Leandro Fortes foi contratado recentemente pela Pepper, empresa que presta serviços de comunicação para o PT. Ela fará o monitoramento das redes sociais para mapear perfis falsos utilizados para atacar os candidatos do partido —principalmente a presidente Dilma.

    Quer dizer que vão mapear PERFIS FALSOS UTILIZADO PARA ATACAR……… CANDIDATOS DO PARTIDO, principalemte a presidente….

    O PT não vai controlar seus militantes para evitar que eles sejam petistas demais, vai MAPEAR todo aquele fizer OPOSIÇÃO ao seus candidatos. É a própria implementação da ‘democratização de mídia’ (falácia semântica para CONTROLE de mídia)…na intenet.

    O que eu fico imaginando é o que farão quando mapear os perfis de oposição governista…
    É mesmo…não preciso imaginar…
    Ataques direcionados, assassinatos de reputações, baixaria total dos anônimos pró governo — e por fim ameaças à integridade física e família daqueles “mapeados”.

  2. Mais uma nova leva de notícias:

    1) Creio que você tenha visto a morte do adolescente Kaique Augusto Batista dos Santos, como se pode ver aqui e aqui. Acho que dá para suspeitar de “homofobia de lacunas”, uma vez que estão chiando de o caso ter sido registrado inicialmente como suicídio. Claro que um ocorrido desses sempre pode ser retipificado conforme as investigações avançarem. O que se sabe por ora é que o rapaz estava sem documentos e celular, o que dificultou bastante o reconhecimento, ainda mais que ele estava desfigurado e com uma barra de ferro na perna, o que poderia ser compatível com alguém que tivesse se jogado e caído em um lugar com ferros que trespassassem o corpo. Claro que pode ser de fato uma morte devido a espancamento, mas aí precisamos ir mais longe na coisa. Como ele estava sem documentos, sequer daria para saber inicialmente quem ele era ou qual sua sexualidade. Era apenas um corpo no IML até se saber seu retrospecto.
    Tenho meus receios de que se descubra que o caso nada tenha de homofobia, tal qual outros casos que vimos nos últimos tempos. E se o rapaz foi espancado por um noia qualquer? E se foi vítima de crime passional e, portanto, vítima de outro homossexual? E se for suicídio mesmo? Por ora, como poderá ver, os marxistas-humanistas-neoateístas fecharam na ideia de que ele teria sido espancado por skinheads, o que acabaria atendendo a dois desejos dos gramscistas: que alguém com ancestralidade africana e homossexual sofresse uma atrocidade daquelas sobre a qual os religiosos políticos possam se promover em cima.

    Porém, observe-se que já há uma sakamotice a esse respeito e usa a morte trágica do adolescente para querer jogar a culpa na bancada evangélica e dar uma neoateizada mais forte do que as que ele costuma fazer, além de por tabela ficar querendo dizer que as famílias seriam culpadas por um monte de coisas, a ponto de dizer que um homem heterossexual que se sente bem quando uma mulher lhe passa uma cantada não poder se sentir mal se toma uma cantada de homem. Fica a pergunta: já que ele acusa a bancada evangélica de coparticipação em morte de homossexuais, que provas ele possui que sustentam isso?

    2) Mais uma mostra de que pode estar surgindo nos países islâmicos uma forma de a população neutralizar o aspecto de religião política do Islã. Se a nova Constituição teve 98% de aprovação, isso significa que a maioria dos muçulmanos de lá não quer um governo teocrático. Pode ser que haja lições para que saibamos também neutralizar de uma vez o marxismo-humanismo-neoateísmo;

    3) Enquanto isso, pode ser que os mensaleiros saiam da cadeia antes do que pensamos.

    • Sobre o caso Kaique, eis que vi este vídeo que fala de algumas coisas:

      1) Acharam o corpo nos baixos de um viaduto, o que favorecia a tese de que tivesse se jogado (ou sido jogado, caso seja assassinato). Logo, a tese original de suicídio acabou por ficar favorecida, ainda mais que era morto indocumentado no momento em que foi encontrado, fora não haver como saber a sexualidade de um cadáver cuja aparência é a de um adolescente do sexo masculino que não infligiu a si próprio alterações mais extremas (como o seria no caso de um travesti);

      2) Diz um amigo do rapaz que eles estavam dentro de uma boate gay e que no lugar encontraram três skinheads que não foram com a cara deles, o que os fez fugir. Há algo que estranhei e que é bem óbvio: se skinheads agridem e matam gays, como é que eles poderiam estar dentro da casa, ainda mais que são facilmente reconhecíveis e fazem questão de o ser (cabelo raspado, camisa branca, suspensórios, coturnos e cara de poucos amigos)?

      Logo, como se pode observar, há coisas muito esquisitas nisso tudo e a coisa precisa ser apurada com extremo cuidado.

      • Luciano, agora está praticamente certo que o jovem Kaique tenha mesmo se suicidado, como você poderá ver no UOL, Terra, Estadão e G1. Reinaldo soltou uma lenha às 18h47 e outra às 19h16.
        Se formos ao Blog do Sakamoto, veremos os seguintes comentários já nesta postagem que nada tem a ver com o assunto:

        Galo Candango 2 horas atrás

        Ok, mas… e quanto ao caso do jovem gay que você decretou ter sido linchado pelo homem branco cristão heterossexual num crime de homofobia, mas que na verdade suicidou-se?

        Comentário esse que recebeu as seguintes réplicas que seguem abaixo:

        Herbáceo 53 minutos atrás

        Marilia Feres, serio que você acredita na sua versão ? você foi no local que o garoto foi encontrado ? você é legista ? você viu o corpo do garoto ?? O que a ditadura tem a ver com isso ??

        Luís Otávio Zaneti 58 minutos atrás

        É, esses fatos são de uma traquinagem impressionante. Vivem fugindo à ideologia.

        Antonio M 1 hora atrás

        Marília, se o governo federal ofereceu ajuda não seria a hora dela aceitar e denunciar caso o que afirma fosse a verdade? Se fosse com meus filhos eu não aceitaria nenhum tipo de ameaça desse tipo. Que tipo de mãe que aparece indignada e depois aceita isso? Procure não repetir o erro do signatário, colocando fatos onde não existem !!! Como a irmã da vítima dele mesmo disse, ele saia para beber e fumar narguile. Dependendo de quanto bebeu e do que fumava, o que poderia acontecer? E note a preocupação em falar que ele ficava do lado de fora do bar para fazer isso. Queriam proteger o dono do boteco?!?!?

        Seguido por este outro comentário:

        Rd-39 1 hora atrás

        Informações importantes, de relevância especialmente para as pessoas que se encontram nessa situação de vulnerabilidade. Necessária divulgação. Não dá, por outro lado, pra ignorar o comentário acima. E acho que o blogueiro, assim como outras pessoas, não devem mesmo se manifestar neste momento, em que a história parece ainda pior do que no início. Ou alguém já explicou a barra de ferro ou a perda de todos os dentes?

        Que recebeu as seguintes réplicas:

        Herbáceo 34 minutos atrás

        que barra de ferro cumpadi ? eu ja quebrei dente desmaiando e caindo no chão, a menos de 1.70 de altura, imagina cair de cara de um viaduto.

        Luís Otávio Zaneti 57 minutos atrás

        Quando está tudo obscuro, então, o blogueiro pode se manifestar. Quando há mais luz sobre o caso, não. Curiosa essa lógica de vocês.

        Antonio M 1 hora atrás

        Uai Rd-39?! No artigo artigo anterior sobre o assunto era caso concreto e agora tem dúvidas ?!?!!? Pede melhor investigação, averiguação!?!?

        E este outro:

        Brasileiro, apenas 19 minutos atrás

        A Polícia e também os SKINHEADS merecem um pedido de DESCULPAS, não é, Saka?

        Nesta outra postagem que não tem nada a ver com o caso Kaique, também tivemos comentários:

        CWB 3 horas atrás

        Então Sakamoto, nenhuma palavra a respeito da morte do jovem gay que se jogou do viaduto? A própria família, após conversas com amigos do rapaz e leitura de seu diário, admitiu que ele muito provavelmente se matou.

        menosvalia 3 horas atrás

        Deu no Terra: 21 de Janeiro de 2014•14h41 • atualizado às 16h20 Mãe reconhece suicídio de filho gay: ‘foi um choque’ Advogado da família diz que família quer se retratar e confirma suicídio de adolescente E AGORA SAKAMOTO?

        E se formos à postagem original, veremos uma avalanche, tudo começando a partir deste comentário de dois dias atrás:

        Richard Cristiano 2 dias atrás

        Mas ai Fica a Pergunta até quando os Homossexuais vão ser Perseguidos pelas pessoas e pela Igreja?

        Que recebeu a pequena chuva de tréplicas abaixo:

        MN_SP 1 hora atrás

        Mania de perseguição é doença e tem tratamento. Sou religioso e não odeio negros gays ou pobres. Sou branco, tenho emprego e só não suporto nenhum grupo ou etnia ter direitos que não tenho. TODOS são IGUAIS perante a lei, logo, os gays e os negros não dever ter nenhum direito a mais e nem a menos do que eu possuo.

        pedro83 4 horas atrás

        Foi suicídio.

        Antenor Boas-Vindas ontem

        Cite um caso de perseguição de homossexuais por parte da Igreja. Obrigado.

        Chuva essa que vai aumentando conforme os comentários mais recentes, como este, cuja réplica também vai anexa:

        Herbáceo 22 horas atrás

        Engraçado como para o nobre jornalista os policiais presumiram que um corpo em estado de decomposição pertenceria a um gay e por puro preconceito colocaram como suicídio o caso. Pouca relação tem a ver com o fato do proprio garoto ter postado frases com um teor dramático que qualquer um que lesse se preocuparia com a segurança do mesmo.

        MN_SP 1 hora atrás

        Falou tudo.

        E preparem os guarda-chuvas, como verão abaixo, já com as réplicas inclusas:

        GraceKlm 20 horas atrás

        Já vi que você censurou meu comentário anterior, que pena. Encontraram o diário com a despedida de Kaique e o vídeo que mostra o menino sozinho a 50 m de onde ele pulou. Então… foi suicídio. E agora? Vai continuar deixando sua ideologia tirar sua razão ou vai pedir desculpas. Sim, você deve desculpas a polícia e aos religiosos! Lamento pelo que houve com o menino, meus sentimentos a família e amigos… mas é o cúmulo você, Jean Wyllys e Maria do Rosário usarem a tragédia deste menino para fazer proselitismo ideológico e disseminar ódio contra religiosos. Que raios de direitos humanos vcs defendem?

        Mirosvaldo 14 minutos atrás

        O Sakamoto pisou mais uma vez na bola. Ele levou uma verdadeira surra – só para citar um exemplo – quando propôs que déssemos bonecas de presente para os meninos, em nome de uma utópica igualdade de gêneros. Mas ele não se cansa de falar besteiras e agora acaba de se promover nesse sentido, ao esculaxar todo mundo pela morte de um garoto gay. Segundo a “lógica Sakamoteana” os responsáveis por esse “crime de ódio” deveriam ser rigorosamente punidos, com leis draconeanas para que o mesmo caso jamais se repita. Ora, Sakamnoto Sam, se formos seguir a sua “lógica” eu proponho que punamos sem dó nem piedade o homófobo que matou o garoto. Ou seja, ele mesmo. Nós podemos acusá-lo de homofobia, tortura, assassinato por motivo torpe, ocultação de cadáver, entre outras coisas. O que você nos diz, Sakamoto Sam? Vai honrar as calças que veste e pedir desculpas ou vai deixar a coisa esfriar e da próxima vez que for bradar aos quatro cantos do mundo suas excrecências político-corretas vai tomar mais cuidado e investigará um pouco mais?

        MN_SP 1 hora atrás

        Não esquenta, eu vivo sendo censurado pelo Sakamoto.

        Câmara Cascudo 5 horas atrás

        Não defendem “direitos humanos”, defendem “interesses humanos” (ou pessoais).

        Está com seu guarda-chuva? Pois bem, tire também a capa da gaveta e a vista:

        Bruno Lopes 8 horas atrás

        Quando o Sakamoto vai escrever um post chamado “Errei, foi suicídio”? Qualquer pessoa sensata é contra crimes motivados por ódio religioso, racional, de gênero ou orientação sexual. Mas também é o fim ver um jornalista que critica a tal “imprensa sensacionalista”, e que não admite seus próprios erros – e nem critica o governo federal e a SDH, quando é o momento de criticar. Não é ser homofóbico considerar que aquilo foi um suicídio, se é isso o que dizem a autópsia e as investigações criminais.

        Antenor Boas-Vindas 3 horas atrás

        “Não é ser homofóbico considerar que aquilo foi um suicídio, se é isso o que dizem a autópsia e as investigações criminais.” >>> Na verdade, é sim. Na cabeça dessa gente, se os fatos não se adaptam à ideologia, são os fatos que estão errados.

        Rômulo – Natal/RN 3 horas atrás

        Concordo Bruno. Acho que o mínimo que o Sakamoto deveria fazer era se retratar e, em respeito aos seus milhares de leitores, pedir desculpas!

        pedro83 4 horas atrás

        Duvido muito que ele se retrate. Ele foi rapidinho acusando os suspeitos de sempre da ala progressista. Julgou o trabalho da Polícia Civil e concluiu o inquérito policial em poucas tecladas, num passe de mágica.

        Já está com capa e guarda-chuva? Pois agora prepare as galochas:

        pedro83 4 horas atrás

        Sakamoto, a mãe do Kaique admitiu a pouco que o menino cometeu suicídio, de acordo com uma investigação paralela que ela fez com amigos do rapaz e de acordo com um diário do filho. E vc escrevendo trocentas churumelas e acusando o trabalho da Polícia Civil no seu post padrão. Você por acaso sabia que o garoto foi encontrado debaixo de um viaduto? Pois é, o fato de ele estar com dentes quebrados e fratura na perna pode muito bem ter ocorrido em razão da queda. E vc sabia que a Polícia Civil também estava trabalhando com a hipótese de homicídio, tanto que havia uma investigação aberta? Mas vc, lógico, julgou antes. Julgou o trabalho da Polícia Civil e concluiu o inquérito policial, tudo por si mesmo.

        Rômulo – Natal/RN 3 horas atrás

        Exatamente pedro83…acabei de ler a matéria no próprio site do UOL. Mas o Sakamoto com 5 dias de antecedência tirou conclusões precipitadíssimas. O mínimo que deveria fazer era, em respeito também aos seus milhares de leitores, pedir desculpas e se retratar.

        Já está tão encapotado assim? Bom, vou pedir para que agora também se distancie do meio-fio, pois comentários podem respingar e sua indumentária não irá lhe impedir que fique seco:

        Snorke 4 horas atrás

        Já fora comprovado que se tratou de um suicídio. Sakamoto estava errado (como na maioria das vezes) e o caso não foi um homicídio cometido por um homem branco heterossexual motivado por homofobia. A polícia paulista mostrou um trabalho perfeito e coerente, mesmo pressionados pelo governo federal.

        MN_SP 2 horas atrás

        A polícia trabalhou com a razão. Os militantes da causa gay, reagiram com o fígado. Deu no que deu. Parabéns aos policiais.

        Melhor se afastar daí, pois está começando a inundar:

        Jonh Costa 4 horas atrás

        digite no Google “Família de jovem gay diz que está convencida sobre suicídio”. hahaha… esse blog do Sakamoto é uma piada.

        Está subindo muito rapidamente. Vá para um lugar mais alto e se salve:

        dollabh 3 horas atrás

        Pois é Sakamoto, e agora? Como já informou o pedro83 aí embaixo, agora a família reconhece que foi suicídio mesmo. Sério. O que ficou foi a impressão que voce publicou um texto apressado, sem as devidas ponderações jornalísticas, apenas motivado pelo sensacionalismo politicamente correto. Que tal um texto reconhecendo o erro e a afobação? Seria bem elegante e jornalisticamente honesto.

        Vá para um lugar mais alto ainda:

        Antenor Boas-Vindas 3 horas atrás

        Não esperem um pedido de desculpas do Saka. Aposto em uma das três possibilidades abaixo: (1) Ele fará um obsequioso silêncio, torcendo para esquecermos o assunto, ou (2) escreverá um post descascando os “reacionários” que ficaram em clima de festa quando saiu a confirmação do suicídio, provavelmente desandando para algo do tipo “foi apenas um exemplo, só porque nesse caso específico não foi assassinato não quer dizer que não existam milhares de casos reais, não podemos ignorar o contexto geral”, bla bla bla, ou (3) escreverá um post tentando atribuir o suicídio à opressão e homofobia da “sociedade”, e usará termos como “violência simbólica” e afins.

        Felippex 1 hora atrás

        exatamente…largará os argumentos de lado, pois já foram por água abaixo, e começará com o ad hominem nonsense….

        Alexssandro Roberts 2 horas atrás

        Conclusão perfeita colega, vai ser mais ou menos isso mesmo!! Estou só aguardando pra ver o o que esse sem noção vai fazer!!!

        Chegou a um lugar alto? Pois bem, que desça daí o mais rápido possível, pois a chuva de comentários pode provocar queda de barreira:

        Wellington Chaves 3 horas atrás

        Aprenda e tome mais cuidado com as palavras em uma próxima vez.

        Ainda não se convenceu? Desce dessa encosta:

        Tchelo71 2 horas atrás

        Retratação já!!! Tem que comer muito feijão com arroz para ser um jornalista sério e comprometido com a verdade.

        Veja o mundo caindo a seu lado e fuja daí o quanto antes para não ser atingido por terra:

        Math25 2 horas atrás

        Descupas não vão vir, para o jornalista-sindicalista padrão o melhor é sempre culpar entidades como O ESTADO, A ELITE , etc. Agora esses pseudo-socialistas como o Saka nunca erram…

        Pedras estão rolando e você ainda está aí?

        Liguria 2 horas atrás

        Sakamoto, diante das declarações da família do garoto morto, seja humilde (se é que você cultiva essa virtude): peça desculpas. Fica mais bonito.

        A avalanche progride e agora não é só pedrinha:

        RaphaelCosta 2 horas atrás

        Continuando insistindo. Não se pode ter uma opinião diferente aqui né? Isso sim é democracia, a moda cubana. Mas continuo perguntando, quem fala mais besteira? Sakamoto, Maria do Rosário ou Guido Mantega?

        Árvores estão deslizando e poderão matar alguém se atingido:

        Nunesdn 2 horas atrás

        Agentes públicos quando erram, com razão a imprensa pública seus erros pois é obrigação destes prestar bons serviços. E quando o JORNALISTA ERRA? E erra por não ter informado fatos, mas sim optado por DEDUZIR, ou seja, apresentar ao leitor ILAÇÕES.

        E agora uma lama aguada desce pelas encostas, com direito a réplica:


        Sandro Rogério

        1 hora atrás

        Que coisa, hein! Quem cobra de todos e de todo mundo comportamentos coerentes, saiu-se rápido na pistola e atirou, mas errou o alvo. A inteligência aceita idéias, mas costuma ficar obtusa com ideologias que se negam a enxergar outro lado nas histórias. Desculpe-se com a polícia, rapaz! #ficaadica

        Câmara Cascudo 29 minutos atrás

        E vc acha que ele agora vai ter atitude de homem (digo em oposição a moleque)? Não, pq isso para ele seria machismo.

        E parece que alguém andou lendo esta postagem sua:

        Felippex 1 hora atrás

        VOCÊ É O MAIOR “REACIONÁRIO” DE TODOS, SR. SAKAMOTO!!

        Câmara Cascudo 31 minutos atrás

        Como eu queria poder me expressar assim sem tanta censura!

        Por fim, tem gente aqui levantando suspeitas de que ele seja beneficiário que se faz de funcional:

        Rorschach1974 1 hora atrás

        Sakamoto acusou a polícia, acusou o Estado, acusou a sociedade. E agora, vai fazer o quê?

        Câmara Cascudo 34 minutos atrás

        Nada pq o tempo que ele tinha calculado para acusar já passou e ele sempre soube até qd poderia acusar.

        Também não acho que teremos um pedido de desculpas dele, como o que tivemos da família do menino (ainda que fosse muito compreensível que a mãe, na revolta da perda de parte de sua prole, pudesse não acreditar que fosse suicídio e tivesse uma natural e esperada reação emocional à coisa). Porém, o principal da coisa aqui é que foi o lance de dar aos marxistas-humanistas-neoateístas toda a liberdade de expressão do mundo para que eles próprios se ferrem. Ferrou-se Maria do Rosário, ferrou-se Sakamoto (vou perguntar até se o blog dele continuará existindo depois dessa bola tão fora que saiu do estádio, pois o UOL foi desmoralizado por tabela e um monte de comentaristas, como viu acima, pôs o também professor da PUC contra a parede), ferraram-se as entidades ditas defensoras dos gays (que fizeram passeatas contra uma homofobia que na realidade era suicídio por desilusão amorosa). Aqui sequer foi um MHN combatendo outro e a gente podendo usar isso como combate ao MHN, mas sim MHNs que jogaram bumerangues que atingiram as cabeças dos próprios arremessadores, coisa essa que igualmente pode e deve ser usada no combate ao marxismo-humanismo-neoateísmo. Os anti-MHNs viram tudo de camarote e só ficaram rindo dos religiosos políticos dando tiros de fuzil automático no pé.

      • Grande Cidadão! Você, sim, fez um verdadeiro trabalho jornalístico, muito mais digno desse nome que tudo o que escrevem certos “jornalistas” muderninhos e politicamente corretos.

  3. oi Luciano adoro esse blog e diariamente o vejo desde o ano passado e venho aprendendo muito sobre essa guerra politica não sou um gênio no discurso politico mas venho aprendendo muito a analisar, graça ao seu blog, as mentiras de esquerdistas e melhorando na discussão e em desmentir as inverdades deles. e sobre essa história da blogosfera hoje vir um video no canal TV Revolta sobre “Blogueiros e jornalistas mortos durante o governo do PT” (link: http://www.youtube.com/watch?v=o7F8XTTaBXQ ), é um video que apesar de tentar atingir um pouco o emocional traz uma grande verdade que é o número de jornalistas/blogueiros mortos durante esse governo e seria uma coisa muito boa você ver e tirar suas próprias conclusões e talvez fazer até um post sobre esse assunto. vlw e continue com o ótimo trabalho nesse blog.

  4. Luciano, normalmente você fala das marxistizadas-humanistizadas do Sakamoto. Não seria bom também falar das neoateizadas que ele dá de vez em quando? Eis que ele usou este fato que entra para o pitoresco, mas também esta fatalidade que provavelmente vai deixar um rapaz se sentindo culpado pela vida toda. Observe que ele fica fazendo gracinhas nada engraçadas com quem pede que algo venha dos céus, bem como flerta um pouquinho com o marxismo ao dizer que bem e mal não existem e que isso seria uma criação que se encaixaria na dialética do barbudinho alemão que fez filho por fora e não registrou em seu nome, mas aí vamos considerar que é força do hábito mesmo.
    Porém, eis que ele insinua desejar que o Cristo Redentor não continue em pé e siga o caminho dos Budas de Bamiyan. O Cristo, como sabemos, tem para-raio e foi capaz de suportar um monte de descargas recebidas, ainda que estas tenham danificado dois dedos (dedos esses que não são cobertos pelo para-raio. Veja este trecho:

    Contudo, há esperança. O Cristo Redentor também foi atingido por um raio, que machucou a sua mão. Deus teve mais de 80 anos para deixar claro que aquela estátua de concreto armado e pedra-sabão, que virou símbolo nacional, é de um mau gosto estético sem precedentes.

    Por que, então, só agora resolveu atingir o retrato esteticamente duvidoso do próprio filho para dizer que não gosta dele? Será que ele/ela decidiu que é a hora de começar a deixar a neutralidade de lado?

    Imagino que tenha visto o vídeo da Globo conversando com o padre que falou que já estavam agendados serviços de conservação do Cristo. Logo, independente de que raios o atingissem ou não, ele ia passar por algum trabalho. E, enquanto obra, sabemos que ele é bem projetado e já recebeu raios outras vezes sem maiores problemas. Apenas o que ocorreu agora foi que foi um dia excepcionalmente com mais raios que a média. E se ele disse que Deus estaria deixando a neutralidade de lado após 80 anos, fica soando que deseja ao Redentor o mesmo destino que tiveram os Budas de Bamiyan.
    Preste atenção ao trecho em que ele fala sobre deixar a neutralidade de lado, bem como querer insinuar sobre o pensamento de Deus, sendo que ele não acredita Nele. Como sabemos, uma diferença importantíssima entre o neoateu e o ateu normal está no fato de que o ateu normal não se incomoda nem um pouco com a religiosidade alheia e tem um convívio normal com isso (bem como não se incomoda de alguém orar por ele), enquanto o neoateu deseja no fundo que as religiões deixem de existir (a tal destruição criadora) para que daí surja o(a) novo mundo/novo homem/nova sociedade. E ele não deixará de ficar lançando mão de ironiazinhas rastaqueras como estas que estão um pouco antes no mesmo texto:

    Para o pessoal que acredita e, portanto, faz a interface com o divino: não precisa pedir para o céu ajudar. Se ele não atrapalhar, já estará de bom tamanho.

    Ou, melhor, já que é largar coisas na gente, peça para ele solta-las de forma menos aleatória.

    Sim, na cabeça dele as pessoas teriam pedido para que caísse um raio ou um porco-espinho na cabeça. Creio que tenha notado aqui aquela sutileza neoateísta de também achar ruim que as pessoas orem. Observe inclusive aqui outra provocação de parquinho:

    No fim do ano, fui – novamente – cagado por um pombo. Estava saindo de um evento e, não muito distante, um dirigente de uma grande empresa já envolvida em denúncias de corrupção, superexploração de trabalhadores e danos ao meio ambiente sorria. Então, do nada, puff! Não que eu não tenha meus pecados, pelo contrário, cultivo-os em profusão (afinal, sou jornalista). E nem um boi voador com intestino irritadiço seria suficiente para expiar todos. Mas, no efeito de comparação, acho que o céu foi desonesto. Bem desonesto.

    Resolvi testar uma hipótese. Utilizando o nome de alguns autoproclamados representantes do divino na Terra, mas que, na verdade, professam a homofobia e a intolerância, como termos de busca no Google, e juntando palavras como “pombo”, “raio”, “taturana” e, é claro, “porco-espinho” e “ouriço”, sabe o que encontrei? Absolutamente nada de útil.

    Observe também que ele novamente vem insinuar que religiosos seriam responsáveis por tudo aquilo que de ruim ocorre no mundo e que professariam a perseguição às categorias de que os marxistas-humanistas-neoateístas desejam extrair inocentes úteis (sendo que, como sabemos, a história mostra que MHNs são mais homofóbicos e intolerantes do que qualquer dos religiosos revelados a quem acusam disso).
    Como pode observar, isso muito lembra em mecânica as recentes invasões de militantes do Femen a igrejas em plena missa, em que elas apareciam com mensagens blasfemas como “eu sou Deus” e “o Natal está cancelado”, apenas com a diferença de que está embrulhado no conteúdo de um artigo. E com certeza a maioria dos ateus cariocas não vê problema algum de abrir a janela de casa e olhar para o Cristo Redentor. Além disso, creio eu que tanto a família da mulher atingida pelo raio como a mulher vítima do porco-espinho que se desequilibrou e foi atraído pela gravidade para sua cabeça não gostariam nem um pouco de saber que alguém usou esses ocorridos para ficar por aí dando uma de Dawkins.

Deixe uma resposta