As feministas e a cultura da castração

59
762

medica-myriam-priscilla-de-rezende-castro-239987

Vejamos a história de Jackson, um jovem de 25 anos que mora no interior, em uma cidadezinha de não mais que 30 mil habitantes. Um local onde todos se conhecem. Namorando Angela, com a mesma idade que ele, ambos compõem um casal invejado por ambos os lados. Os homens invejam Jackson por namorar Angela. As mulheres invejam Angela por ela namorar Jackson.

Após três anos de namoro e mais 8 meses de noivado, um casamento é marcado. Entretanto, o relacionamento desmorona e poucos dias antes do cerimônia Jackson decide declinar do compromisso. Revoltada, Angela contrata dois capangas para castrar Jackson em uma emboscada sua própria casa às 4 horas da manhã. Seu pênis decepado é completamente destruído no liquidificador, para evitar qualquer possibilidade de reimplante. O objetivo de Angela estava atingido: destruir por completo a vida de Jackson.

Humilhado, Jackson decide viver como anônimo, enclausurado para sempre na casa dos pais. Não tem mais vontade de trabalhar, nem coragem de sair às ruas. Vítima de chacota, sua família é conhecida como a “família do castrado”. Nem sequer seus pais saem às ruas sem serem motivos de piadas e ridicularizações diversas.

Angela, por outro lado, vive para comemorar o sofrimento abominável ao qual condenou Jackson por toda sua existência. Sem a menor fibra e coragem para se vingar de Angela, Jackson hoje em dia não é mais nem sequer uma sombra de um ser humano. Sem coragem para se matar, ele sabe que cada dia de sua existência humilhada significa um dia a mais de regozijo para sua ex-noiva. Tudo poderia se resumir a uma história de sadismo inacreditável, mas ela não termina nos arredores do relacionamento do casal.

Angela é condenada a ridículos 6 anos de prisão em regime semi-aberto, tudo por causa de uma cultura de guerra de classes criada pelas feministas. Por isso, hoje em dia se uma mulher recebe um soco de homem, isso pode gerar para ele uma pena muito maior do que a de uma mulher que destrói a vida de um homem pela mutilação genital. (Na verdade, em uma sociedade com uma ética sadia, homens e mulheres deveriam sofrer penas similares por crimes similares)

Nada se compara, no entanto, à diversão descomunal que a castração de Jackson causa nas redes sociais. Muitas feministas, e outras tantas influenciadas por esse discurso, comemoram a emasculação de Jackson como se fosse um troféu. Piadas sádicas e desumanas são lançadas em quantidades descomunais.

Como podemos julgar uma sociedade na qual esse tipo de tratamento desumano a Jackson é incentivado? Como podemos avaliar um momento no qual seu sofrimento é tratado como um deleite para uma legião de pessoas influenciadas por um discurso de ódio? Como pode ser possível que uma parte dos formadores de opinião tenha se tornado tão orgulhosa de propagar um discurso somente cabivel para psicopatas?

Se você sentiu ânsia de vômito com essa história, saiba que ela não passa de um plágio descarado de um evento real, relatado recentemente na notícia do UOL falando de uma médica levemente condenada por mandar cortar o pênis do ex-noivo em Minas Gerais.

Na caixa de comentários da notícia, vemos a sensação de euforia de várias mulheres com o sofrimento de Jackson, ops, com a vítima da médica Myriam (foto). O ex-noivo de Myriam hoje é obrigado a viver anonimamente, diante de não apenas uma quantidade inacreditável de humilhações automáticas em sua cidade, como também a satisfação psicopática de pessoas que hoje entendem os homens como não merecedores de respeito.

Em tempos onde temos a Lei Maria da Penha, não existe nenhuma lei para fazer justiça ao relação ao ocorrido com ex-noivo de Myriam. Ao contrário, ele é obrigado a ver Myriam “curtindo a vida adoidado”. Coisa que ele jamais vai poder fazer de novo.

A reação na caixa de comentários da notícia é apenas a reprodução de um padrão duplo criado pelas feministas, no qual um estupro contra uma mulher é condenável (com justiça), mas a castração de um homem é não apenas tratada como engraçada, mas também motivo de inacreditável euforia. Estou exagerando? Então veja abaixo um vídeo da TV norte-americana:

Jackson (nome fictício) é mais uma vítima da cultura da castração criada pelas feministas. Por exemplo, quando o Pagu Funk lançou um vídeo dizendo que as mulheres deveriam cortar a genitália dos homens que elas não gostassem, Lola Aronovich saiu em defesa exacerbada do grupo. Em outras palavras, as feministas promovem esse tipo de barbárie intencionalmente.

Já passou do momento de uma campanha mostrando que os homens não merecem ser castrados e que todas as feministas que apoiarem essa ideia (e que hoje vibram com o “sucesso” de Myriam) não passam de monstros morais, dignos de rejeição social e denunciações nos termos mais fortes possíveis.

Anúncios

59 COMMENTS

  1. No Brasil, não há feministas. Existem feminazistas. É necessário chamar a coisa pelo seu nome correto.
    É óbvio que o infausto é resultado imediato da ação da esquerTRALHA na guerra-cultural que campeia por este solesmãegentil (sic).
    Como não tem um grupo conservador organizado disputando poder político, engajemo-nos ferozmente na batalha pela igualdade de direitos para o masculino e o feminino. Como consta na Constituição, aliás. E se não houver ferocidade do lado de cá, saibam que, há muita décadas, há do lado de lá.

    • Devemos estarmos todos unidos nesta batalha contra essas genocidas , LOBOTOMICAS que querem nos lobotomizar pra viver em um castelo de LUXO e UTOPIA e muito sexo com Latrocidas … vamos estar juntos vitimas de HONESTOFOBICAS , FEMINAZIS sacos de espermas de latrocidas (lembra daquele assalto ocorrido no Rio de Janeiro onde o ladrão ao assaltar o carro da vitima ocorreu que o BEBE ficou enrroscado no cinto e foi arrastado por 14KM pois bem essas SANTAS mulheres segundo a MMMMMIIIIIDDDIIIIAAAA são apenas sacos de espermas DESTES criminosos , irmãos e irmãs que DEUS nos ajude.

  2. Luciano, aqui quem vos escreve é O autentico, do canal autentico produções.

    faço vídeos ridicularizando o feminismo, suas contradições e mazelas, e vi que você mencionou Lola aronovich em seu texto.

    esta senhora, em um “blog secreto” que ela e outras blogueiras feministas mantém, chamou-me de “racista, homofóbico e transfobico” SEM PROVAS.
    fui até a delegacia de crimes na Internet prestar queixa com os prints dela na mão, e o policial disse que não poderia fazer nada. se fossem invertidos os papéis eu já estaria preso.
    Lola,como toda esquerdista, adora distorcer e caluniar quem vai contra seus ideais. só que ela foi violentamente refutada por um amigo meu do blog “o marxismo cultural”, no texto “as mentiras da feminista Lola”. Tanto que ela o ameaçou até de processo por ele te la refutado.

    segue o link do meu canal no YouTube:
    http://m.youtube.com/watch?v=4jAsgovTn14&ctp=CAIQpDAYASITCKyr14i7xr0CFZIyqgod3rkA7g%3D%3D&hl=pt&gl=BR&client=mv-google&guid=

    • Autêntico, caso o agente na delegacia se recuse a registrar a ocorrência, tente identificá-lo e, mesmo que não consiga, procure o Ministério Público e denuncie. Já fiz isso, o promotor tomará as providências! Infelizmente, os próprios homens encurralam os homens, pois quando precisamos de ajuda somos ignorados pelos próprios homens! Que vergonha!

      • Esse tipo de irmão so serve para te dar um tapa nas costas e fazer voce carregar o armaria da casa dele , leve o na neutralidade fale em CODIGO com eles não gaste todas energia com eles e sim com os irmão de batalha como o guarda de toronto autentico e eoutros , esses irmaos falsos so serve pra nos ESCRAVISAR encher o bolso de dinheiro e dai ELAS FEMINAZIS chamam os para dar sexo toda hora e ai eles se exibem na nossa frente com nosso dinheiro (exibidos Herois de mulher protetor de mulher do buxo cheio )e nós na punheta , por isso tome cuidado com este tipo de irmão são eles que saem por ai criando LEIS do tipo o namorado é estrupador.

    • Gente o pior disso tudo é que isso além de crime independente do sexo é uma coisa que vai contra qualquer tipo de sanidade a pena não deveria ser prisão e sim sanatório para acompanhamento psiquiátrico onde podemos aceitar isso como um pensamento feminista ou por ta sendo incentivado essas mulheres tem vontade própria e nessa mesma situação compartilham da mesma doença vai contra qualquer princípio de justiça ou justificativa fazer um mal sem tamanho pra dimencionar ninguém é obrigado a continuar com ninguém sem vontade doentia essa moça sua atitude absurda e sem fundamento a dor do outra causar bem estar a ela deve ser uma vergonha não para o rapaz e sim para ela que autorizou mandou ou compartilhou desse fato e de todos envolvidos pelo amor de deus que mundo que estamos essa mulher teria que passar o resto de seus dias reclusa e sem expectativa de um dia voltar a viver em uma sociedade sendo que o ato dela fala por si só sem defesa que ela não pode ficar solta por ai deus que me perdoe!

  3. Que coisa nojenta esse programinha à la Oprah nos Estados UNidos. E a mulher fazendo a “dancinha” feito a deputada Guadagni? (é esse mesmo o nome?)
    Por quê não viajam todas com seus canivetes para países islâmicos e lá promovem suas “cirurgias reparatórias”.
    Detalhe, o grande “crime” do sujeito foi romper um noivado!!!!
    Da próxima vez que uma namorada terminar comigo e partir meu coração vou cortar o pau dela fora também!

  4. Agora imaginemos que fosse o contrário.

    Imaginemos que a mulher tivesse desistido do casamento três dias antes.
    E então, o ex-noivo tivesse estuprado ela, sem arrancar nenhum membro e jogar no liquidificador para que não fosse reimplantado, no meu exemplo ele “só” estupra ela sem causar ferimentos graves.

    Seria manchete nacional, é óbvio.
    Portanto é também óbvio que na nossa sociedade existe ódio aos homens.
    É uma sociedade baseada no ódio.

  5. Se fazem algo deste tipo comigo, minha vida terá como único objetivo destruir a vida da responsável. É o que esse sujeito deveria fazer… Parar apenas quando a família inteira dessa psicótica for reduzida a cinzas.

    • É um exagero destruir toda a família.
      Os parentes da louca não têm culpa, à menos que tenham sido cúmplices.
      Já os caras que ela contratou têm culpa também.

      • Ela pegou 6 anos em regime semi-aberto… Olha que maravilha… Só vai para a prisão para dormir. E outra: Cumpre apenas 1/3 da pena e estará em liberdade.

        Não existe punição suficiente para pagar por um dano como este. Se houvesse prisão perpétua no Brasil, não pagaria. Se houvesse pena de morte, não pagaria.

        Os pais dela são co-responsáveis, pois a omissão deles criou este monstro de saia.

        Estou dizendo o que EU faria se fosse comigo… Eu faria isso, depois me entregaria a polícia.
        Ninguém precisa concordar… é uma atitude individual.

        Esse sujeito não tem mais NADA a perder… Ir para a cadeia a essa altura do campeonato não seria problema nenhum.

    • Devemos proteger a mente das nossas mulhres de MIDIAS americanas e jornalecos lixos do brasil que santificam mulheres criminosas , avisar a elas que sentar no luxo da jornalistas e la na frente a midia vai trocar estas feministas por um DIAMANTE ou um Carrão de grife

      A midia escreve satanismio de uma pobre crianças de favela sem um lar e familia observe o que ela escreve de um filhinho de uma mão de favela, que aos 89 anos cometeu delitos :
      “”””””SEMENTINHA DO MAL””””” essa frase foi de um fragil garorinho no fundo de uma viatura que sem lar e no meio cultural de mafiosos adulto sem ter opcão cometeu delitos assaltos com armas de fogo e ai ela escreve “””””Sementinha do mau””””” com a foto do garotinho fragil de 8 anos que foi manipulado pelo sistema ela a MIDIA quer dizer agora com outra MASCARA filho do CAPETA mas depois la na frente ela chora falsamente pela por uma mãe tambem de favela poderia ser a mãe do garotinho ou seja um mãe da favela (O caso da menina estrupada por 33 caras por ex) se fingindo amiga colocando uns contra os outros , se ela chamou o filho de uma mae de favela de filho do capeta como ela pode chorar la frente SACOU a MANIPULAÇÂO MENTAL. politicos tomem cuidado não saiam por ai fazendo piadas de grelho por Celular tranque o portão se suas casas e conversem com amigos em segurança

  6. Vamos lembrar que o feminismo, em sua ideia básica, prega a igualdade entre homens e mulheres. Pessoas que não entendem isso pregam qualquer outra coisa, mas não o feminismo. A violência contra homens ou mulheres não se justifica. O problema todo é uma cultura que prega a diferença já quando crianças. E modificar dá trabalho e leva tempo.

    • “Vamos lembrar que o feminismo, em sua ideia básica, prega a igualdade entre homens e mulheres.”

      Se o feminismo prega a igualdade então está errado.
      Ninguém é igual à ninguém, muito menos um homem seria igual à uma mulher.

      Vou citar um só exemplo de diferença entre homens e mulheres:
      Homens tem mais força física.

      Pronto, o feminismo que você sonha é IMPOSSÍVEL.

      Já a igualdade perante a lei… Isso já é pregado há muito tempo pelos iluministas.

      E hoje em dia as mulheres já tem mais direitos do que os homens:
      – Mulheres se aposentam mais cedo, mesmo tendo expectativa de vida maior.
      – Mulheres não são obrigadas à prestar serviço militar.

      Isso só para citar duas VANTAGENS que as mulheres tem.

      Agora diz aí, existe ALGUM direito que os homens possuam que as mulheres não tem?
      Ah, não?

      Pois é, foi o que pensei. O feminismo é coisa de psicopatas que ACHAM, na sua imaginação PSICÓTICA, que existe algum direito que as mulheres não tem e que os homens tem.

  7. Eu me coloquei no lugar desse rapaz e fico imaginando o que se passa por em sua mente, por isso eu digo o seguinte: se fosse eu, essa mulher iria pagar na mesma moeda, nem que eu soubesse que iriam me condenar a 20 anos de prisão. Esse tipo de coisa é fruto da psicopatia das mulheres e do feminismo, do recalque, do rancor, do ódio e inveja que elas sentem pelo homem. Vamos começar a dar um basta nisso

  8. Será que tivesse acontecido isso com um filho delas, estariam rindo e fazendo troça desse jeito? Temos que nos colocar no lugar das pessoas.

  9. Se eu morasse mais perto da cidade onde ocorreu esse triste evento, tomaria as dores do cara e faria uma pior com ela: entupiria sua vagina com creolina misturada com soda cáustica e cola mil. Pronto, muito simples.

  10. Não tenho dúvida de que daqui a uns 500 anos ainda vão ter imbecis que batem em mulheres, que acham que gay tem que apanhar, que acham que pessoas de outra cor são inferiores, e muitas outras barbaridades que sempre existiram e sempre existirão, o DNA humano é naturalmente agressivo e intolerante disso ninguém duvida; o que mais me preocupa é o fato do governo ao invés de tentar unir os diferentes e estimular a tolerância já que o belo do mundo é justamente essa diversidade maravilhosa que povoa o planeta, eles fazem exatamente o contrário, criam normas absurdas com o pretexto de criar equidade mas ao final o que fazem é tornar os diferentes mais distantes entre si, hiperprotegem os supostamente mais fracos fazendo com que pessoas e atos iguais passem a ter valores diferentes, isso cria uma sensação de poder aos protegidos e uma sensação de injustiça aos perseguidos, como pode um olho roxo em uma mulher ter mais gravidade do que um olho roxo em um homem, como pode um gay ter orgulho de ser gay e um hétero ser proibido de ter orgulho de ser hétero, como pode em um estado democrático o esquerdista comuna poder falar sobre ditadura e o direitista( Bolsonaro) ser impedido de falar; que País é esse que se diz democrático mas que não ouve todas as partes, que País é esse que apoia grupos sectários minoritários em detrimento ao senso comum da maioria; faltam discussões mais aprofundadas sobre os assuntos relacionados a isto, tudo se transforma em discussão estéril com dedos em riste acusando uns aos outros, de um lado os supostos “vitimizados” por poderosos algozes e do outro lado os perseguidos por supostamente serem poderosos demais para serem contidos por sistemas sociais espontâneos. No meu humilde ponto de vista tudo é causado pela INTOLERÂNCIA crescente que este País vem passando no presente momento, intolerância esta fomentada pelos Estado, as pessoas não aceitam opiniões divergentes das suas próprias, pior do que não aceitar, sequer querem ouvi-las, sentar frente a frente e discutir meios de melhorar as coisas é algo inaceitável, cada um agarrado no seu sectarismo cego e capaz de tudo para defende-lo; puro retrocesso dialético, anos de evolução social sendo jogados no lixo, vitimização de iguais, fomentação de ódio, renascimento do preconceito e intolerância. Ver essas mulheres rindo de um fato hediondo como a amputação de uma genitália masculina só mostra que a desumanidade, egoísmo e insânia estão presentes nas pessoas, não as critico, apenas as considero desinformadas sobre o mal que causam à sociedade e a si mesmas agindo dessa forma.

  11. Poxa, Luciano, satisfeito estou por enfim ver alguém levantando essa questão: por que a violência das mulheres contra os homens é aplaudida? (inclusive por uns homens filhotes de Sakamoto que dizem ter vergonha de ser homem)

    Eu sempre quis que a seguinte questão fosse comentada:

    Mulheres esquerdistas, nem precisam ser daquele tipo tão caricatas, agem como mães quando você fala de um bandido que cometeu roubo ou até assassinato, dizendo que não é pra reprimir, não é pra tratar mal, nem desejar mal, e sim que eles são vítimas, são caras legais que vivem em um meio ruim, que o meio é que os tornou assim, que “a sociedade” (sempre a culpada por tudo, em especial a classe média) é que os tornou assim porque os exclui, etc etc.

    Agora, pegue essas mesmas mulheres, e fale a respeito de um estuprador ou um encochador de metrô.
    Cruz credo! Exigem tolerância zero, falam que esses caras merecem ser enjaulados, ter a vida destruída, espumam ódio, querem sangue e sofrimento deles.

    Estou falando do que vi: já vi mulher esquerdista, do tipo que ama o PT, dizendo que “é muita maldade não compreender a atitude dos bandidos”, e logo após dizendo “tolerância zero aos estupradores, precisa cortar o pênis, precisa torturar, sangrar, cuspir em cima”.
    NO QUE BANDIDOS QUE ROUBAM E MATAM SÃO TÃO MAIS BONZINHOS QUE ESTUPRADORES? Por que não reconhecer de uma vez que os dois grupos são um só, todos criminosos? Por que colocar os bandidos assaltantes e assassinos do lado “do bem” e só estupradores do lado “do mal”? Por que tanta dificuldade em reconhecer que ambos são “do mal”, ambos são vilões?

    São as mesmas que fizeram comentários para essa notícia achando legal que a mulher tenha castrado o cara porque ele não a quis.

  12. O grande problema, é que as mulheres tem mais direitos que os homens neste país, homem que bate em mulher vai para cadeia, e mulher que bate em homem não acontece nada, ou seja, o homem é ridicularizado e a mulher é engrandecida. Neste caso específico de castração, nem tem o que comentar, a mulher teria que pegar pelo menos uns dez anos em regime fechado, indenizar a vítima e ter o direito de exercer a medicina caçado. Ja penssou se isso vira moda!

  13. Luciano, infelizmente, nós mesmos somos culpados por essa situação! Seja nas ruas, quando um policial não dá ouvidos a um homem que pede ajuda, mas atende prontamente ao chamado de uma mulher, seja no Congresso Nacional, onde somos maioria mas aprovamos essas leis imorais que privilegiam as mulheres em detrimento dos homens!

  14. Luciano, há muito tempo luto contra essa cultura de que homem deve aceitar passivamente agressões de mulheres, de que não pode defender-se, mas infelizmente não tenho o apoio dos próprios homens nessa luta! Antes me sentia sozinho, agora vejo que algumas pessoas também discordam dessa falta de lógica nas campanhas feministas, mas ainda somos muito pouco!

  15. Somos culpados por isso, porque somos maioria no Congresso Nacional e aprovamos privilégios para elas que não temos! A lei Maria da Penha legalizou a agressão deliberada contra os homens! Todos os dias, milhares de homens são agredidos, mas não reagem com receio de serem presos! Essa realidade não interessa à imprensa nem à Secretaria de Políticas para Mulheres! Que vergonha!

  16. Agora estão criando a Casa da Mulher Brasileira; mulher que apanhar do companheiro terá casa, comida e roupa, médico, psicólogo etc, às custas do contribuinte! Mas o homem continuará sem receber qualquer apoio do Estado quando sofrer violência! Mas não acabou: estão propondo a criação de uma bolsa, ou seja, mulher que apanhar do companheiro receberá salário do Estado para reconstruir sua vida! Que vergonha!

    • Quem vai lutar contra o governo nem se for o Rambo, É POR ISSO que devemos estar juntos , outro dia o AUTENTICO PROD… tava fazendo um debulhado de mães solteiras dizendo que elas irao voltar para o homem que ela despresava no passado e para ser sustentada ela iria dar um bom sexo “”””””TAI um erros de nossos companheiro ingenuos achando que elas dependem da gente , pois não depende mais elas estao se apoderando da POLITICA justamente para isso para que ela seja mamães solteira que Deu o rabao gostoso pros canalha todos e virou mae solteira agora e ai esta o GOLPE das FEMINAZIS ja vem o golpe AUTENTICO meu amigo aguenta ai tome uma agua com açucar veja elas na politica elas simplesmente dao aque rabao gostosos pros canalha e nós entra com a PENSAO sem nem precisar ela passar na frente da casa da gente viu o perigo meus amigos não podemos ficar dando ataque Bumerangues achando que elas vai estar so e nos procurar , alem do mais sobre as maes solteira a situaçaõ aqui e,m baixo esta tao critica que nem mae soltira aparecem se aparece alguma por ai devemos dar graçads a DEUS , sem falar no fato daquela bomba ninja de nao poder mais CANTAR a Mulher nas Ruas pensam bem se ja era dificio ficou pior …

  17. Na verdade, ninguém sabe o real motivo para meu pai ter tomado essa decisão. nunca houve noivado, muito menos casamento. nunca apareceu um convite dessa festa!!! pq simplesmente não houve isso. o que meu pai fez com esse miserável foi por ele ter me agredido fisicamente e, com isso, me levou ao aborto. depois disso, fiquei anos sem poder engravidar, e só consegui isso com várias tentativas de fertilização in vitro. as pessoas que me conhecem sabem que eu seria incapaz de tal ato, e que meu pai teve seus motivos para isso. era para eu ter um filho de 13 anos hoje. que tal se colocarem no lugar de meus pais, vendo a filha machucada, perdendo um bebê? Sigo minha vida com minha família, meus amigos e minha profissão, que amo. Deus sabe da verdade, e é somente isso que me importa.

  18. Sempre fui e continuo sendo ferrenho defensor da castração cirúrgica dos homens, a princípio achava que era importante apenas pelo controle da natalidade o que é de extrema urgência sob pena de saturação do planeta, pelo fim da violência,pelo eliminação do risco de doenças sexuais, DSTs e outras, pelo fim do câncer de próstata e de testículos,pela eliminação da Hipertensão, obesidade estresse, depressão, doenças cardiacas, cáries, calvicie entre outras, além de tornar o homem um verdadeiro homem mais carinhoso e gentil, com maior concentração no serviços com maior rendimento e qualidade, entre centenas de outras vantagens que só a castração oferece. hoje fazem um mês e três dias que estou castrado é só assim tive o prazer de constatar que ser castrado é muito melhor,é alguma coisa indescritível, extremamente maravilhosa, com uma paz interior avassaladora, gente e obrigatório muito mais que necessário ser castrado para se ter certeza do prazer, felicidade e maravilha que é,não tenho palavras para explicar o quanto e ótimo, só mesmo sendo castrado, ser castrado e o auge da vida.

  19. O feminismo, só vai se efetivar a hora que as mulheres aprenderem a castrar indiscriminadamente os homens, cortar os testículos dos homens e jogar no lixo é jugar no chão toda a espécie de violência e o mais importante para os homens não existe nada melhor que ser castrado, é fantástico, maravilhoso e muito emocionante, fica livre de DSTs, hipertensão, obesidade, cáries, estresses, irritação, aumenta a vida por mais vinte anos, evita doenças de próstata, de testículos e colabora decisivamente no controle da natalidade além de outras inúmeras vantagens que só a castração e capas de oferecer, é necessário ser castrado para saber o quanto é bom.

  20. Uma coisa eu sei isto vai acabar rolando muito sangue e a culpa é de todos. E eu vou ficar só olhado e observando bem feito a todos os culpados e aqueles que pedirem ajuda eu vou dizer não.

    • Para as falsas feministas já que pelo procedimento e comentários que fazem, todas são falsas, e só querem se passar por vítimas sem tomarem as providências obrigatórias que é a castração em massa, na internet tem uma petição pública (Abaixo-assinado Castração humana para criminosos) http://wwwpeticaopublica.com.br/confirm. aspex. Que esta pedindo e colhendo assinaturas para que seja criada uma lei que obrigue a castração cirúrgica incondicional de criminosos, pergunto se as feministas que se dizem vítimas já assinaram a petição? Ou se não vão assinar que calem a boca. Eu já assinei.

  21. Espero que o Ederson tenha razão no que disse no dia 28 de outubro de 2.015, que possa rolar muito sangue mas dos sacos sendo cortados para tirar as bolas, porque sempre que se abre um saco, sai algumas gotas de sangue, e quando corta os tendões para tirar as bolas também sai, então assim espero que role muito sangue e com isso teremos milhões de homens castrados o que significa a grande maravilha da humanidade.

Deixe uma resposta