O comportamento petista após as vaias a Dilma no Itaquerão mostra que um VTNC até que saiu barato

31
193

1371326291dilma370x211

Imagine um filme como aqueles da série The Texas Chainsaw Massacre ou The Hills Have Eyes, onde uma garota passa o tempo todo vendo seus amigos sendo exterminados por uma gangue de psicopatas. Em certo momento, ela desfere um soco na cara de um dos maníacos, que corria atrás dela com uma serra elétrica (para fatiá-la em pedaços), apenas para escapar. Realize a cena onde o maníaco começa a gritar, dizendo-se vítima de uma “ofensa abominável”, por ter tomado um soco.

Claro que uma cena dessas só poderia ocorrer em um filme de comédia, pois a ausência de senso de proporções na reclamação do psicopata (que estava prestes a matar uma mulher) é simplesmente ridícula se este resolver reclamar de um mero soco em legítima defesa.

Mas é exatamente assim que o PT tem agido em suas vergonhosas litanias contra as pessoas que mandaram Dilma tomar naquele lugar no jogo do Itaquerão. Veja exemplos desse showzinho ridículo (baseada em ausência deliberada de senso de proporções) nos posts Reporteres totalitários do Linha de Passe Na Copa mostram duplo padrão e hipocrisia para atacar aqueles que protestaram contra Dilma na abertura da Copa e A cara de pau de Juca Kfouri e da escória petista da mídia esportiva.

Mas será que o VTNC foi uma “ofensa inaceitável” ou apenas a justa expressão de um povo cansado de ser vítima de um partido totalitário que adora se aliar à ditaduras sedentas de sangue, como aquelas da Venezuela, Cuba, Coréia do Norte e China?

O ex-presidente Lula disse que as vaias a Dilma na abertura são a maior vergonha que o país já viveu. Será mesmo? Então veja o vídeo abaixo:

Se mandar uma única mulher (presidente do Brasil) tomar naquele lugar é a “maior vergonha que o país já viveu”, então o fato de Lula ter chamado Pelotas de cidade “exportadora de viados” é o quê? Será a “maior vergonha que o mundo já presenciou”? Algo digno de uma ação no Tribunal de Haia? Como se vê, Lula não tem moral para falar em “maior vergonha que o país já viveu”. Alias, essa mania dele de usar o truque “nunca antes nesse pais” já ultrapassou as raias do ridículo e da afronta.

Dilma disse que não se perturbaria por agressões verbais, falando que nem a tortura a tirou “de seu rumo”. O detalhe é que as vaias a Dilma foram evidenciadas na televisão. Não há evidência alguma de que Dilma tenha sido torturada.

Lula disse: “Eu vi uma parte da manifestação contra a presidenta Dilma e eu fiquei pensando que não é nem dinheiro nem escola nem títulos de doutor que dão educação para as pessoas. Educação se recebe dentro de casa. Eu nunca tive coragem de faltar com respeito a um presidente da República”. Ué, mas ele próprio costuma dizer que vai dar “surra” em adversários. Qualquer pessoa em sã consciência sabe que tomar uma surra é muito pior do que ouvir a expressão VTNC.

E surra não é apenas uma figura de linguagem para os petistas. Como eles são da linha socialista mais purista, eles de fato se aliam a ditaduras genocidas. Com não poderia deixar de ser, eles trouxeram as FARC para participar do Foro de São Paulo, e financiam o MST, que usa de violência extrema em suas invasões de terra e quaisquer manifestações. Basta que alguém tenha a mais rudimentar noção de moral para saber que atentados terroristas, mortes em campos de concentração e invasões de propriedade são muito mais violentas do que o lançamento de um VTNC. Alias, um partido que incentiva essas formas violentas de “protesto” quer reclamar de “falta de educação” de quem xingou Dilma? É realmente como se fosse um serial killer com uma larga ficha corrida reclamando de um safanão de uma potencial vítima.

Como se isso não fosse suficiente, o partido ainda tenta criar ódio racial, dizendo que as ofensas vieram de “pessoas brancas”, pois, segundo eles, não havia nenhum negro na arquibancada. Como bem lembrou Reinaldo Azevedo, isso é incitação ao ódio racial e um crime gravíssimo. Qualquer um que tente acusar “os brancos” de xingarem Dilma está praticando o crime de ódio racial. Alias, tanto negros e brancos xingam a presidente. Como mostra o blog Coturno Noturno, o protesto contra Dilma começou com um negro. Leia mais:

O que sobrou para a esquerda governista e parte da imprensa chapa-branca que suportam Dilma Rousseff e o governo do PT justificarem um protesto espontâneo contra a presidente, entoado por 60.000 pessoas na abertura da Copa? O de sempre. A velha pregação da luta de classes. Agora dizem que não havia negros no Itaquerão, que lá estava apenas a elite paulistana e a direita raivosa. E que por isso houve quatro ou cinco vaias contra a presidente. A mentira não para em pé.

O mesmo xingamento de ontem foi ouvido há duas semanas num show gratuito de rock, realizado em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Lá estava o rapper Falcão, um negro, band leader do Rappa. Antes do início do show, Falcão, um negro, fez uma crítica equilibrada e sensata sobre a Copa do Mundo. Espontânea e surpreendentemente 40.000 jovens endossaram as palavras de Falcão e passaram a entoar a mesma vaia repetida ontem por 60.000 pessoas no jogo da abertura.

O que fica claro é a indignação dos brasileiros, indiferente de idade, raça ou posição social, contra a Copa do Mundo fora do campo. Não é contra o país. Não é contra a seleção brasileira. Não é contra o nosso Hino Nacional, maravilhosamente cantado à capela. É contra o governo do PT, ali representado pela Presidente da República. Uma indignação que está presa na garganta. Uma revolta. Um prenúncio. Só não vê quem não quer.

Em tempo, veja o vídeo:

Enfim, tudo que o PT faz se resume a partir para a baixaria, mentindo de forma psicopática, comportamento mimetizado por seus intelectuais orgânicos da mídia. Tudo é agravado pelo fato do partido ter recentemente lançado um decreto ditatorial e viver tentando censurar a mídia. Mas se alguém ainda acha que há algum traço de dignidade em qualquer comportamento petralha, basta ver a postura do MAV nas caixas de comentários de qualquer blog que participem. Perto do que eles falam, um VTNC seria considerado um elogio. Para os petistas, a coisa começa com assassinato de reputações, truques de violência psicológica e ameaças de morte, como vimos ocorrer recentemente contra Joaquim Barbosa.

Perto de como o PT executa sua política, de forma trotskista e sem nenhum parâmetro moral, um VTNC não é nada. É quase um carinho. Para finalizar, veja o ótimo vídeo com uma declaração indefectível de Paulo Eduardo Martins:

Anúncios

31 COMMENTS

  1. Segundo a lógica dos esquerdopatas, as vaias só teriam validade se tivesse algum negro presente, isso é mesmo que dizer que vaias só tem validade se tiver algum branco presente em um lugar só de negros….ISSO é RACISMO PURO.

  2. Em 1993, Lula chamou o então presidente Itamar Franco de “filho da puta”. Itamar respondeu declarando amor e respeito por sua falecida mãe, dona Itália. Muitos dos que hoje se solidarizam com Dilma ridicularizaram Itamar e defenderam Lula, que, alegaram, teria usado apenas uma expressão idiomática corriqueira e inofensiva.

  3. Em pleno século 21, existem apenas dois tipos de grupos que ainda se importam com a cor de quem está se manifestando politicamente: “Progressistas” e Neonazistas. A cada dia é mais difícil eu conseguir diferenciar os dois.

  4. Lula declara mais uma vez(bocejo) guerra às elites e admite tentar criar ódio entre classes.Trechos:

    “A elite brasileira está conseguindo fazer o que nós nunca conseguimos:despertar ódio entre as classes”

  5. Mentira deles! Eles passaram a odiar o Joaquim Barbosa por sua firmeza contra os mensaleiros. Essa historinha de que não tinha negro entre os torcedores não cola. Afinal, desafeto não tem cor.

  6. Ei você, politicamente correto, que reclamou dos xingamentos à “Gilma” com um falso moralismo atroz dizendo que foi falta de civismo!
    * Onde estava seu civismo quando o governo do pt assaltou os cofres públicos no maior escândalo de corrupção da nossa história: o mensalão?
    * Onde estava sua pena quando todos os estádios da copa foram superfaturados com o nosso dinheiro?
    * Onde estava seu moralismo no que concerne ao apoio total da sr. Gilma à ditadura cubana?
    * Onde estava você que não defendeu Joaquim Barbosa das ameaças de morte vindas de militantes do pt; no caso Celso Daniel; no discurso de José Dirceu defendendo agredir os oposicionistas; na militância virtual que censura e derruba páginas de todos que discordam do governo?
    * Onde está sua defesa da ordem e moralidade quando o MST invade propriedades produtivas? Ou quando aparelharam todo o Estado com seus companheiros, inclusive a Petrobrás.
    * Onde está seu repúdio quando o Brasil, na década petista, atingiu o nível absurdo de mais de 56 mil assassinatos por ano. Um fracasso abissal de segurança pública ficando entre os países mais inseguros do mundo?
    * Onde está seu incômodos quando xingam os juízes ou jogadores nos estádios? Xingar eles pode e a presidente não? Xingar é desrespeitoso sim, mas a presidente é muito mais desrespeitosa conosco por sua incompetência e inabilidade.
    Sua indignação é seletiva? Vaias e xingamentos são dirigidos à incompetência da presidente, que é uma servidora e nunca nossa dona.
    Qual o problema de mandar ela tomar no ….. uma vez que ela e o pt já nos faz tomar lá há muito tempo?

  7. Luciano, que tal a resultante que surge quando somamos Sakamoto e Juca Kfouri? Temos o cronista esportivo agora associar o termo “coxinha” a “brancos”, o que significa que agora a ressignificação marxista-humanista-neoateísta para o termo, originalmente era gíria para policial militar, agora também embute racismo. Observe-se que o Juca fala claramente que 80% do estádio gritou contra Dilma, o que obrigatoriamente embute pessoas que não são brancas nem são ricas. Já o Sakamoto fica com aquela conversa que conhecemos em dois tempos e ambos estão incitando uma luta de classes violenta, ainda que o brasileiro sempre se lembre que em todas as famílias daqui temos gente rica, remediada e pobre que se ajudam e não querem ódio. Eles também agora falam de gente feia, quase que complementando o coro do Lula dizendo que foi “gente bonita” que vaiou Dilma. E aqui também podemos considerar aqui uma continuação da busca por novos inocentes úteis pelo fato de os clássicos (mulheres, negros, índios e gays) já estarem se ligando que foram feitos de otários. E pegar gente feia como novos inocentes úteis do marxismo-humanismo-neoateísmo é tão problemático quanto a invenção da “gordofobia” pois não impede que uma pessoa feia seja alguém de sucesso (podendo por vezes até usar a própria feiura como trampolim para o sucesso, como o caso do comediante Batoré). Logo, podemos dizer que ricos, pobres, classe média, brancos e não-brancos, feios, remediados e bonitos mandaram o recado que tanto está fazendo com que MHNs queiram pôr os deles na reta para que a presidente não receba aquilo que o coro pede.
    Ainda no CCC (Comando de Caça aos Coxinhas, formado pelos MHNs cheios de ódio e sempre buscando um pretexto para mandar os contrários ao MHN para a espiral do silêncio ou coisa pior), observe-se também o quanto que eles desmerecem o “eu sou brasileiro, com muito orgulho, com muito amor”, dizendo que isso seria coisa da tal classe média que eles tanto odeiam e da qual fazem parte. E tome ódio classista atrás de ódio classista, insinuações de que deveriam ir para Miami e outras coisas. E aqui fica a nítida impressão de que essa avalanche noticiosa é uma ação orquestrada daquelas entre o jornalismo esportivo, o político e os MHNs graúdos.

    Em tempos, eu acho que o Alexandre Padilha vai engrossar o coro dos que mandam a presidente tomar naquele lugar, pois Dilma cancelou a ida à convenção paulista do PT e irritou a campanha do impopular ex-ministro da Saúde.
    E só para avisar que o coro já se deslocalizou e também pode ser ouvido em Cuiabá (onde com certeza não foi bradado por muita gente branca, uma vez que a maioria dos de lá é mestiço de branco e índio):

    http://www.youtube.com/watch?v=mE9HapDIBnE

    E também está bradado por colombianos (que com certeza sabem que as Farc fazem parte do Foro de São Paulo):

    http://www.youtube.com/watch?v=20VmnlMIzKc

    Bem como temos o comentário de Paulo Eduardo Martins que vai mais ou menos na onda que está sendo surfada neste blog:

    http://www.youtube.com/watch?v=lrpU8Qpqwl4

    E este cara concordando com o Lula em relação ao povo não ter educação:

    http://www.youtube.com/watch?v=daq1O_A3-Is

    E mais sobre o episódio de anteontem, seja no começo:

    http://www.youtube.com/watch?v=qFwXMS8aPcU

    Ou no fim da partida:

  8. Luciano, como o Olavo de Carvalho sempre diz, nunca deixe um esquerdista começar um debate, porque ele corrompe totalmente as premissas do debate pra (tentar) ganhar.

    Aqui a questão maior dos esquerdistas parece ser: “xingaram a Dilma, que absurdo, isso não se faz, quanta falta de educação”, etc.

    Ora, xingaram a Dilma porra nenhuma! Xingar é quando você lança um adjetivo ofensivo sobre outrem, o que não foi o que os torcedores fizeram! Daria pra dizer “Dilma foi xingada de vadia”, “Dilma foi xingada de filha da puta”, “Dilma foi xingada de boneca inflável do Lula”, mas nesse caso, não dá pra dizer “Dilma foi xingada de ir tomar no rabo”(?)

    O que fizeram foi dar uma ordem à Dilma. Um conselho, melhor dizendo. Mandaram ela fazer sexo anal. PORRA, QUAL O PROBLEMA EM FAZER SEXO ANAL? Não é o que os libertinos sexuais do naipe de Jean Wyllys e Lola Aronovich defendem? Que dar o cu não é feio, não é motivo de desonra, não é sinal de putanhagem? Ora, então eles deveriam levar numa boa uma ordem de fazer sexual. Deveriam até cumpri-la, pra ver se eles realmente praticam o que defendem.

    É como quando você se sente ofendido por ser chamado de homossexual. Dois segundos depois aparece um gayzista da vida dizendo: “você ficaria ofendido em ser chamado de canhoto ou ruivo? Não? Então não se sinta ofendido em ser chamado de homossexual, seu viado!” Se eles realmente acreditam nisso, não deveriam propagandear essa mentira de comportamento ofensivo.

    P.S.: seu blog fica cada dia melhor, continue sempre assim.

  9. ESPÍRITOS das TREVAS — ESPÍRITOS da ESCURIDÃO.

    “Por que estão xingando a Dilma:

    O governo petista habituou a população a desrespeitar tudo — a Ordem, a Família, a Moral, as Forças Armadas, a Polícia, as Leis, O Próprio DEUS. Se esperava sair ileso e ser aceito como a única coisa respeitável no meio do esculacho universal, então é até mais louco do que parece.”

    —- Olavo de Carvalho.

    ———-

    http://midiasemmascara.org

    http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/15262-2014-06-14-20-26-07.html

    ———-

    Espíritos da escuridão

    Escrito por Milton Simon Pires | 14 Junho 2014
    Artigos – Governo do PT

    [ Calem-se todos os que antes diziam que “a voz do povo é a voz de Deus” e que agora o peito inflam para falar em decoro, respeito ao cargo e educação ante as câmeras de tevê. ]

    Quando assumiu a Presidência da República em 2003, o Partido dos Trabalhadores (PT) deu início a uma revolução no país. Não interessa aqui detalhar, minuciosamente, quais os aspectos desse processo. Interessa apontar qual sua “causa motora”, qual o seu anima, seu “princípio vital”, ou se quiserem, seu espírito. Afirmo, pois, que aquilo que movia o PT em 2003 em nada difere dos princípios da esquerda do século XX e aponto em primeiro lugar a ideia de que “começar do zero”, de “passar o país a limpo”, fez com que o PT considerasse velho, corrupto e ultrapassado tudo aquilo que o antecedeu na história política da nação. Tomado o poder, tudo precisava ser derrubado e reconstruído. Tudo havia que ser pensando novamente ou simplesmente inventado para um novo Brasil, para um “novo mundo sem medo de ser feliz”. O resultado disso, todos sabemos: não sobrou “pedra sobre pedra” (a não ser de crack) da cultura e do pensamento brasileiros. Nossa razão adoeceu, nossa capacidade de crítica sumiu e iniciou-se uma verdadeira época da escuridão, um período de mau gosto estético e de relativismo moral que permitiram ao partido-religião acabar para sempre com a ideia de oposição. O PT nunca teve ou terá oposição; tem inimigos – o conceito é completamente diferente.

    Ainda que dentro da sociedade brasileira nunca tenha desaparecido por completo a percepção daquilo que o PT fez com a política, o mesmo não se pode afirmar com tanta segurança a respeito daquilo que ele fez com a cultura, daquilo que ele fez com a moral e com os mais simples conceitos de disciplina, hierarquia e decoro.

    O dia 12 de junho de 2014, data da abertura da Copa do Mundo no Brasil, permanecerá – como diria Roosevelt – na história da infâmia, segundo os petistas. “Nunca antes na história desse país” 63.000 pessoas, ao vivo e numa transmissão para o mundo inteiro, disseram a um presidente da república aquilo que Dilma Rousseff teve que ouvir no Estádio do Itaquerão em São Paulo. Antes daquilo que ela escutou, ir ao estádio era “coisa do povo”, era uma alegria de brasileiro pobre que, tomando sua cervejinha de domingo, poderia ir ao Maracanã na realização do sonho socialista. Depois do que aconteceu, Lula vem a público dizer que no Itaquerão só havia “burgueses” e que foi da diferença de classes e do preconceito que partiram as ofensas à presidente.

    Por uma questão de respeito ao leitor, não vou descrever o que o público disse à Dilma naquela tarde. Não me interessa saber a que classe pertenciam as pessoas que estavam no Estádio nem se havia ou não pobres entre elas. Interessa afirmar que a primeira mandatária do país e representante de uma organização criminosa que tentou comprar todo Congresso Nacional, que destruiu toda universidade brasileira, que recebe traficantes com honras de chefe de estado, que matou prefeitos e ameaçou juízes, que bateu em professores e importou médicos cubanos merecia e continua merecendo escutar aquilo que escutou.

    O dia 12 de junho, presidente Dilma-Lula, há de entrar para História do Brasil e deixa aos senhores a duríssima lição, a inquestionável prova de que os senhores podem nos obrigar a votar, os senhores podem ter o dinheiro dos nossos impostos, podem nos processar e até mesmo nos prender, tirando a nossa liberdade, mas vocês jamais terão nosso respeito! Não podem ter do povo brasileiro aquilo que vocês mesmo tiraram dele: a capacidade de respeitar qualquer coisa, a simples noção de mérito e o princípio básico de respeito a cargos e instituições. Calem-se, pois, e não venham à imprensa com declarações que recordam as falsas virgens e que remetem aos pudores desconhecidos daqueles que arrancam crucifixos das paredes e se masturbam em público com a estátua de Nossa Senhora.

    Mantenham-se, ordeno eu, todos os petistas, todos aqueles que aparelharam, roubaram, fraudaram e corromperam a sociedade brasileira, todos aqueles que atentaram contra a inocência da infância, que abusaram dos ideais da juventude e que exploraram a doença da velhice, em seu mais absoluto silêncio. Calem-se todos os que antes diziam que “a voz do povo é a voz de Deus” e que agora o peito inflam para falar em decoro, respeito ao cargo e educação ante as câmeras de tevê. Voltem todos vocês, seus malditos, ao lugar onde habitam os espíritos inferiores, os espíritos da escuridão.

    ———-

    Porto Alegre, 14 de junho de 2014.

    Milton Simon Pires é médico (cardiologista).

    ———-

    O Dr. Milton Simon Pires é colaborador do Mídia Sem Máscara.

    Edita o blog: Ataque Aberto ( http://ataqueaberto.blogspot.com.br/ )

    “ESPÍRITOS da ESCURIDÃO.”

    http://ataqueaberto.blogspot.com.br/2014/06/espiritos-da-escuridao.html

    ———-

  10. Esse é o duplo padrão da esquerda: ameaçar de morte e constranger em público um presidente de poder, no caso Joaquim Barbosa, pode. E o pior é até incentivado, pois um assessor de uma deputada do PT fez isso, tanto contra JB, contra o senador da República. Não vimos esses patetas escrevendo nada sobre isso. Não vimos Jean Willys, Leonardo Sakamoto e esses vigaristas da imprensa falando nada sobre isso. Mas vaiar a presidente da República não pode. Esse pessoal merece um vigoroso VTNC!

  11. A resposta clichê do PT com esse monte de baboseira de “burguesia branca de classe média, ricos fascistas reacionários, machistas homofóbicos, fundamentalistas religiosos” esses caras só sabem falar isso, falta neles argumentos lógicos que busquem a verdade, ficam mergulhados em uma dialética erística sofística mais repetitiva do que sei lá o que; sem dúvida eles são bem eficientes para escrachar os outros mas quando são colocados na parede com uso do mesmo tipo de discurso agressivo a exemplo desse maravilhoso VTNC aí eles ficam descontrolados e sem ação, estão acostumados a lidar com pessoas educadas que quando agredidas preferem sair de perto dessa gentalha agressiva; a minha sugestão é ser agressivo também com esses bandidos vagabundos; minha lida com essa canalhada já começa com com adjetivos bem legais ex: COMUNISTINHA IDIOTA, VERMELHO IMBECIL, IDIOTA ÚTIL MANIPULADO, MARXISTA DE ARAQUE COMEDOR DE MACDONALD’S, ESQUERDISTA CAVIAR VAGABUNDO,…….. Acredito que rosas não combatem espadas, precisamos combater espadas com canhões laser para pulverizar esses vagabundos do cenário político. Uma dica que dou é um livro que li e gostei por condensar técnicas de dialética de refutação: “38 estratégias para vencer qualquer debate – A arte de ter razão” de Arthur Schpenhauer, o livro é de 2014 e custa só 19 reais mas vale a pena ensina a lidar com essa canalhada vermelha.

  12. Luciano, a “elite branca” resolveu responder a uma postagem da página Sociedade Racionalista, que, pelo que vi, é do lado neoateísta do marxismo-humanismo-neoateísmo. A SR pegou uma foto do povão assistindo a um jogo na rua e um flagra de gente no estádio e pôs a seguinte frase: “A cor no estádio e a cor na rua. Copa pra quem?”. O senhor Sérgio Vieira, um dos integrantes da “cor no estádio” que aparecem na foto de baixo, disse o seguinte, que já é uma mitagem com mais de mil curtidas e mais de 60 respostas:

    Informações sobre essa foto (na qual eu estou):
    1) ela nao foi ontem, nem na copa;
    2) as pessoas (todos os 4) são nordestinos e eu sou descendente de negros e sertanejos
    3) ganhamos o ingresso desse jogo como prêmio de trabalho e nao compramos com nossas fortunas.

    Vê-se logo que vocês sao bastante preconceituosos, pois nem nos conhecem e nos julgaram logo!

    E claro que a mitagem já foi transformada em fotomontagem com os melhores momentos. É, quem diria que o futebol, tão chamado de “ópio do povo” pelos marxistas-humanistas-neoateístas do passado, está se tornando palco de importante virada contra os MHNs que trouxeram a Copa para cá? Estamos tendo uma mitagem anti-MHN atrás da outra.

  13. Luciano, olhe só as respostas que petistas deram a um rapaz negro que fez um comentário negativo sobre a Dilma no página dela no Facebook (esse primeiro é um print dos “melhores” postado pelo próprio rapaz que fez o tal comentário):
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10203183864149419&set=a.10200486940528014.1073741827.1592380838&type=1&theater

    Aqui é o link da postagem original:
    https://www.facebook.com/SiteDilmaRousseff/photos/a.351365628250368.87876.351338968253034/689278167792444/?type=1

    É muita canalhice! A esquerda, além de ser racista ao fomentar o ódio racial culpando “a elite branca”, faz ofensas racistas quando um negro não reza a cartilha deles.

  14. Luciano, tenho visto amigos meus (não-esquerdopatas) defendendo que não importa o que a bandilma tenha feito, “merece respeito por ser presidente” e bla bla bla.

    Mas é exatamente isso que os esquerdosos querem. Apelar para o senso de civilidade da direita, para que tenhamos dó deles, enquanto que para eles, vale tudo. E, nesse vale tudo, vão derrubando a gente.

    Já está na hora de nos livrarmos de nossos sentimentos de culpa do que nunca fizemos, e jogar o jogo na mesma moeda. Sem culpas.

  15. Luciano, gostei bastante deste texto saído na Folha de hoje, que também foi constantinado. Fala sobre a patrulha politicamente correta tornando a vida alheia um inferno. Pior ainda, é uma patrulha que não só é politicamente correta como também tem uma explosiva mistura de analfabetismo funcional e histeria, bastando a simples menção a uma palavra para que os marxistas-humanistas-neoateístas ajam como bichos contra os emissores das referidas palavras, mesmo que os emissores sejam MHNs.
    Se um cara disser algo como “fulano está dizendo que um MHN tal é (alguma palavra-gatilho)”, só ouvirão a palavra gatilho e irão partir para cima do cara que disse que fulano disse, sem se dar conta que o mesmo só estava reproduzindo o que um terceiro disse. Irão dizer que o tal cara é um monstro, um troglodita e outras coisas pelo simples fato de ele ter dito algo que não era a opinião dele, mas simplesmente uma reverberação. Vide o caso do professor que falava de algo que aconteceu com ele e um amigo gay, sendo que era importante na história que as pessoas soubessem que o tal amigo era gay e, por simplesmente ter dito a palavra-gatilho “gay”, foi chamado de “homofóbico”.

    Ao menos consigo ver uma coisa boa nessa história toda: muitos que hoje são anti-MHN eram MHNs e propagadores inconscientes de gramscismo e, tal qual um tubarão sangrando, foram atacados pelos de seu cardume sem saber por que o estavam sendo. E é muito capaz que o combate ao marxismo-humanismo-neoateísmo continue tendo suas fileiras engrossadas por causa dessas patrulhas que ficam monitorando cada palavra que alguém disser.

  16. O livro PONEROLOGIA: PSICOPATAS NO PODER, diz que a ideologia, que é usada por psicopatas para manobrar a massa de pessoas normais, é tingida dos valores dessas pessoas, dessa sociedade que vão tomar e parasitar.

    A ideologia funciona como um vírus que muda o interior do hospedeiro que para passa a trabalhar para eles, psicopatas. Mas nem todas as pessoas são suscetíveis a ela, só as mentes jovens, desinformadas, e as desiquilibradas; depois que ela ganha força, os outros podem aderir pelo medo.

    Psicopatas parecem ETs, não entendem nossa linguagem, pois são incapazes de ter determinados sentimentos, emoções e conceitos, e por isso fingem desde tenra idade e se tornam mestres no disfarce. Tudo isso pode ser detectado por exames em aparelhos que escaneiam a atividade cerebral. Há um canal aqui no youtube que fala um pouco sobre eles: https://www.youtube.com/user/anabeatrizbsilva/search?query=PSICOPATAS

Deixe uma resposta