Palhaçada: Ziraldo dá dicas de guerra política aos adversários de Dilma

15
201

ziraldo

Em 2008, Ziraldo ganhou 1 milhão de indenização por causa “dos sofrimentos que lhe foram impostos na época da ditadura mlitar”. Nossa, que sofrimento!

Já é o suficiente para entendermos por que sua análise a respeito de Dilma é sucinta assim: “Eu amo a Dilma”. Para ele, Dilma é “mulher esforçada”. Espero que seu critério de “esforço” não seja o mesmo que ele usa para si próprio. Quem recebe 1 milhão por tão pouco (e se vangloria por isso) não nos dá uma boa medida de mensuração de esforço.

Enfim, o que ele diz da Dilma não tem a menor credibilidade. Nada de novo em se tratando de discursos de Ziraldo.

Ainda assim, ele tem a cara de pau de dar uma dica de guerra política para Aécio, que, para ele, seria o único oponente da atual presidente: “jamais falar mal da Dilma”. Segundo Ziraldo, falando em ritmo de comédia, Aécio está “batendo demais na Dilma”. Para Ziraldo, dizer coisas como “a inflação está alta” ou “o PIB é vergonhoso” são ofensas abomináveis.

Eis a lógica (conveniente) de Ziraldo:

  • falar mal do governo é “bater” na Dilma
  • em mulher, não se bate nem com uma flor
  • logo, quem quiser ganhar não pode falar mal do governo da Dilma.

Não bastasse o machismo grotesco (já que uma mulher na política não pode ser tratada de forma diferenciada da que se trata um homem), ainda vemos um show de cinismo inacreditável.

Espero que Aécio não caia em um dos golpes mais famosos do folclore americano, no qual o coelho é pego pela raposa, quando implora: “Por favor, Dona Raposa, faça qualquer coisa, só não me jogue naqueles horríveis espinhos”. E é onde ele vai parar, são e salvo, depois da raposa fazer exatamente o que o coelho pediu.

Como eu falei, é pura palhaçada…

Anúncios

15 COMMENTS

  1. Vi agora pouco um hangout com conservadores e libertários-anarcocapitalistas:

    http://www.youtube.com/watch?v=oSTwcTtQjM0

    Achei que em alguns momentos acertaram no cravo, mas em outras, na ferradura. Tem coisas bem consequentes no conteúdo veiculado, mas também umas mostras de leite com pera das boas, daquelas de fazer marxista-humanista-neoateísta abrir um sorriso de um canto a outro da boca.

    • Anarcocapitalismo é doença, nada muda essa minha visão, quando você vê o Kogos chamando Mises e Hayek de socialistas você vislumbra um pedaço disso.

  2. Não sei como o Ziraldo e sua turma do Pasquim conseguem dormir em paz depois da perseguição e do assassinato que ele cometeu contra Wilson Simonal, que por um erro, foi perseguido a vida inteira sem direito a remissão de seu (do Simonal) pecado. O mais incrível é que nem os criminosos nazistas, que levaram a Alemanha ao desastre, foram tratados pelos alemães como o Simonal foi tratado aqui pelas esquerdas brasileiras, conforme prova Hannah Arendt em seu livro sobre o julgamento de Eichmann.

  3. Nesse momento, ela está tremendo no cantinho do quarto. Nunca pensei que ela fosse tão covarde, caráter duvidoso já sabíamos, mas covarde é a constatação. O Ziraldo fazer esse papel vergonhoso pedindo misericórdia hahaha. Só se compara com a cena final do filme: ”tropa de elite”, onde o traficante pede pro capitão não estragar o enterro.

  4. Ziraldo já pode se juntar ao criador da Dilma Bolada. Os 2 únicos fans da presidanta em todo o Brasil. E é muita coragem, posto que nem os petistas são fans da Dilma.

  5. Me impressiona uma pessoa com a cultura do Ziraldo ( aparenta ter ) defender o PT e a Dilma , pessoas com uma qualificacão Acadêmica melhor não apoiam o governo PT .

Deixe uma resposta