Guerra Política 2014 – 8 – Disparando a metralhadora

14
81

50cal2

Como um dos temas mais relevantes deste blog é a luta contra a censura de mídia e a ditadura a partir de sovietes (os coletivos não-eleitos de governos bolivarianos), nada melhor do que usar um vídeo de um tal de Dr. Rosinha (do PT-PR) defendendo o oposto do que proponho. Assista e falamos em seguida, pois quero apresentar uma nova técnica importante:

Os leitores já estão carecas de saber que todo esse discurso de “radicalização da democracia” é mais falso que menstruação de travesti. Mas não é disso que falo agora. Vou tratar do que ocorre logo no início do vídeo, durante 15 segundos, quando o Dr. Rosinha lança 7 elogios em seguida ao governo do PT. Segundo ele, o governo trouxe mais empregos, mais universidades, mais inclusão (através do ProUni), mais casas pelo Minha Casa Minha Vida, distribuição de renda e redução de pobreza. Em seguida, disse que o Brasil “é outro país” depois do governo do PT.

Claro que todos estes elogios são inconsistentes e não condizem com as realizações efetivas do partido. Mas o mais importante é avaliar tudo tecnicamente: por que ele faz isso dessa forma? É por que funciona. A técnica de lançar vários elogios em sequência para si (assim como críticas ao oponente), de forma a não dar tempo para o espectador sequer prestar atenção, é o que eu defino como disparar a metralhadora.

***

Uma metralhadora é uma arma de fogo automática desenhada para disparar tiros em sequência com muita rapidez usando para isso um cinto de munição (com vários cartuchos). A técnica de que falarei aqui é basicamente a mesma coisa, só que no lugar dos cartuchos você usará projéteis políticos.

Esta tática se baseia na propagação de elogios para você e seu grupo (e críticas ao oponente) de maneira rápida e sequencial, como se você disparasse uma metralhadora de asserções. O recurso funciona particularmente bem por que o ritmo rápido, junto com as asserções, cria uma espécie de “transe” em uma parte dos eleitores. A partir daí, o potencial de aceitação (para o usuário da técnica) e rejeição (para o oponente do usuário) aumenta.

***

Basicamente, é só fazer uma lista de elogios para você e o seu grupo, e de críticas ao oponente. Quando for oportuno, dispare a lista (de 5 a 10 itens) em menos de 20 segundos, preferencialmente. O que pode ser notado é que no início dos blocos de discurso a coisa funciona mais, pois um início grandiloquente faz a mente da platéia “se abrir” para você, facilitando a aceitação do restante de sua fala.

***

No caso do vídeo do Dr. Rosinha, ele fez um vídeo de 3 minutos para pedir censura de mídia e conselho soviético (ressignificados, respectivamente, para democratização de mídia e radicalização da democracia), mas gasta apenas 15 segundos do início para o descarregamento da metralhadora de elogios ao seu governo. Essencialmente, ele sub-comunica: “Olhe o tanto que fizemos por você, agora aceite o que vou propor!”. Como ele foi rápido (isto é, disparou a metralhadora), o cérebro de uma certa parte dos expectadores foi “desligado”. Enfim, o abre-alas para o resto do conteúdo.

***

Dona Dilma gosta de usar esta técnica incluindo números, o que aumenta a eficiência do recurso. Claro que, como de costume, os números são inconsistentes. Mas ela não deixa de disparar a metralhadora sempre que necessário. Como é muito fácil para um adversário ter números mais consistentes do que ela, é recomendável criar suas listas de asserções incluindo os números corretos. Diante de Dilma, por exemplo, é possível disparar uma metralhadora de acusações em relação aos falsos números, mas um cuidado especial deve ser tomado para não se confundir com tanta informação. Um exemplo é dizer: “Dilma disse que fez X, mas na verdade foi Y; ela afirmou ter criado X, mas o número é Y; ela garantiu ter aumentado em X, mas reduziu em Y, etc.”. Como neste caso temos exposição de contradições com bastante informação pode-se abrir uma exceção e disparar a metralhadora em, vá lá, 30 segundos no máximo.

***

Hoje em dia no Brasil, só o PT usa essa técnica (além de seus aliados, que emulam os discursos criados pelo partido), o que acaba sendo desigual na guerra politica, principalmente por que eles mais tempo de TV. Lembrando que como a economia anda um desastre, nem esse tipo de recurso (além do resto da coleção de técnicas) é suficiente para eles. Mas se a técnica é útil (e tem sido usada por eles há muito tempo) por que não usar?

Pela quantidade de informação despejada de forma rápida, tudo direcionado em uma única direção (e com alto impacto psicológico), podemos dizer que essa técnica é praticamente um arrasa-quarteirão.

Advertisements
Anúncios

14 COMMENTS

  1. Luciano,

    Com essas pesquisas com quem o Aécio deveria polarizar? Na minha opinião no momento seria com a Dilma.

    Faz um post nesse sentido de qual estratégia o Aécio deveria tomar devido as circunstâncias .

  2. Haverá uma mudança no tom da campanha do Aécio. Isso já está confirmado. Em qual direção, ainda não sei. E temo que esteja vindo tarde demais, soando a desespero. Alguma mensagem no sentido de GARANTIR a mudança, com um segundo turno entre ele e Marina, é algo que me passa pela cabeça.

    Obs.: Silas Malafaia está prestes a retirar o apoio que havia assegurado a Marina no 2º turno, em razão das posições gayzistas e abortistas do programa de governo do PSB lançado hoje. Não sei se o assunto rende uma análise mais detalhada, mas eu achei a informação relevante. Se os cristãos ficarem sabendo, talvez haja uma queda na intenção de votos da Marina já no primeiro turno.

    • Sua observação está correta bedot, o Aécio falou da sua posição quando foi questionado sobre o aborto e também, declarou sobre a família tradicional e isso é tudo que os cristãos (católicos e evangélicos) defendem. Vamos torcer para outro pronunciamento do Malafaia, que com certeza fará.

    • O cara é inegavelmente bom nisso. Ele em São Paulo e o Garotinho no Rio. Botam entrevistadores contrários a eles no bolso. Por isso que ainda têm tanta popularidade, mesmo com toda a ficha corrida que possuem.

  3. ATENÇÃO AOS IDIOTAS ÚTEIS(eleitores desinformados)
    Não vendam seus votos!É isso que causa o mensalão,onde os ladrões políticos só defendem seus interesses! Se algum safado candidato lhe oferecer dinheiro,pegue e vote contra.Escolha um pacote eleitoral que não tenha candidatos do PT,PSDB e PMDB.Estes partidos estão no governo há mais de 28 anos e levaram o Brasil ao título de pior pais do mundo.Os principais dirigentes destes partidos são agentes do comunismo internacional e são financiados pelos globalistas,que lhes dão dinheiro pra compra de votos nas eleições.Renove,com seu voto,o congresso e o sanado.Não mude só o presidente,mude o regime de eleitos viciados no crime organizado! Fiquem com Deus!

Deixe uma resposta