O negacionismo das pesquisas serve para alguma coisa?

16
133

aecio_neves_psdb

Depois da pesquisa do Datafolha, igualando Dilma e Marina (com 34% cada) e deixando Aécio na rabeira (com 15%), em um primeiro turno, os estrategistas do PT resolveram conversar entre eles e mudar a estratégia. Como sabem que o potencial de rejeição de Dilma é muito maior que de Marina, eles vão bater em Marina e forçar o PSDB a deixar de atacá-los, para somente atacar Marina. Alias, agora o lema do PT é “vamos juntos, Aécio”.

O PSDB sempre age como uma raposa. Mas não é a raposa esperta. É a raposa da fábula do folclore americano na qual o coelho é capturado e diz: “Não, raposa, por favor, não me jogue naquele arbusto cheio de espinhos!”. A raposa joga o coelho lá, de onde ele foge, são e salvo.

Disto poderia resultar a pergunta: se Marina está empatada com Dilma e o potencial de rejeição da primeira é maior, o “mercado” a ser explorado não deveria ser os votos dos que rejeitam Dilma? Sim, claro, mas não espere coerência lógica de um partido que sempre primou por fazer tudo que o PT deseja, mesmo que não intencionalmente. É por isso que eles são o adversário preferido do PT. No momento em que os bolivarianos estão mais vulneráveis, conseguiram a proeza de fazer o PSDB poupá-los de ataques. Depois o PSDB não entende por que não ganha uma eleição presidencial há tanto tempo.

Como boa parte da direita resolveu apoiar Aécio (assim como eu), pode ser que parte deste grupo esteja aumentando a influência negativa sobre o candidato do PSDB, o que pode levar o partido ao pior resultado nas eleições presidenciais desde a chegada do PT ao poder. Sim, é isso mesmo, pois uma parte da direita tem sido um verdadeiro prodígio em escolher estratégias erradas e definir a priorização de suas ações. Os resultados não tem sido positivos, nota-se.

Mas essa não é a cereja do bolo. É esta: uma parte da direita resolveu ignorar o fato das pesquisas apontarem que em um segundo turno Aécio estaria 8 pontos atrás de Dilma, enquanto Marina ganharia da atual presidente por 10 pontos. Aí a “estratégia” foi muito fácil: dizer que as pesquisas estão manipuladas. O problema nem é dizer que “as pesquisas não correspondem à opinião do eleitorado”, pois essa é uma estratégia política feita por muitos candidatos (incluindo o PT) enquanto falam ao povo. O problema que trato aqui é ver formadores de opinião influenciando os partidos para que torcem vendendo esse tipo de crença à eles.

Quer dizer, enquanto o PT trabalha com as pesquisas em mãos, o PSDB vai ignorá-las. Em termos de conforto psicológico, ignorar é a melhor opção. Alguns de seus eleitores parece que caíram na zona de conforto e passaram a dizer que Aécio poderia até ambicionar um segundo turno com Marina. Eu só não consigo entender como Aécio poderia ir para um segundo turno com Marina fazendo uma campanha para poupar a Dilma. Será que eles chegaram à essa conclusão usando uma tábua de Ouija?

Mas já que parece que esse discurso vai ser incluido na pauta dos PSDBistas (fiéis ou temporários), eu sugiro entregarem o pacote completo: dizerem que, se as pesquisas forem confirmadas (como geralmente são, dentro da margem de erro), as urnas estão fraudadas. Ora, se as urnas estarão fraudadas e as pesquisas estão erradas, isso significa que a campanha de Aécio deve estar uma beleza, não? Se o problema está nas pesquisas manipulada e nas urnas fraudadas, devemos crer que ele está fazendo uma campanha correta.

No mundo corporativo esse é um jogo político extremamente danoso que os subalternos fazem para a chefia algumas vezes. Chama-se “sem más notícias”. Com isso, os reais problemas são escondidos do chefe e a imagem de quem se reporta a ele fica melhorada por algum tempo. São feitas manipulações de gráficos e informações são omitidas, algumas até inventadas. Para negar a crise atual, Dilma tem feito isso. Só não sei se isso partiu de Mantega, o que configuraria o jogo “sem más notícias”. Porém, na hora de tratar a conquista do poder, os petistas levam a coisa a sério e parecem abandonar este jogo. Fazem bem.

Então, para que serve a propagação do negacionismo das pesquisas? Simples: para dizer ao candidato Aécio que a campanha está indo nos trilhos e que o problema se encontra nas pesquisas mal intencionadas. O lema é dizer que se as pesquisas não fossem manipuladas, o povo teria a confirmação de que a campanha está no caminho certo. Será que o PSDB precisa realmente acreditar neste tipo de desculpa furada neste momento?

Anúncios

16 COMMENTS

  1. Boa tarde!

    Se o Brasil esta a caminho de uma Venezuela da vida, a direita Brasileira esta assumindo, certinho, o papel da direita venezuelana: Alegar que todos conspiram contra eles.

    Hoje vejo que a Dilma e o PT estão numa Sinuca de Bico, e Aécio poderia muito bem se aproveitar disso. Enquanto o discurso da “nova politica” de Marina tem dado certo, e esta bombardeando a Dilma, Aécio poderia aproveitar seu turno para acertar o B-15 e afundar, logo de uma vez, a candidatura do PT, já que o mesmo, recebendo ataques dos dois lados, vai entrar no mesmo modo que o PSDB segue hoje: Atacar um pouquinho cada um dos lados.

  2. É claro que a campanha de Aécio nao vai bem, mas não acho que seja prudente descartar a hipótese de que as urnas e as pesquisas sejam fraudadas em algum grau, considerando que existem muitas evidências para ambos.(Resistência em relação a troca das urnas, muitas pesquisas em relação as urnas, casos recentes de deturpação em institutos de pesquisas etc) Isto quer dizer então que é inútil concorrer as eleições? Não, pois mesmo uma mentira precisa ser crível, ou seja, se a o PT é vaiado por todo lugar que passa, fica difícil crer que a popularidade dele continua em alta. Além disto, uma campanha política tem outros efeitos além eleger um presidente, como introduzir novos discursos e apresentar possíveis lideranças políticas(candidatos), mesmo sem serem eleitos. Então as urnas e pesquisas estão sendo fraudadas? Não sei, só sei que se for este o caso, então a fraude teria que ser pelo menos crível.

      • Exatamente por reconhecer que a questão é o problema da justificação da incompetência é que argumentei que rejeitar essa justificação não pode ser confundida com rejeitar a possibilidade de fraude das urnas e pesquisas.

        “Só por que voce é paranóico, isso não quer dizer que eles não estão atrás de voce”
        ― Joseph Heller

  3. Luciano, não há como entrar em contato com os marqueteiros e com os que montam os discursos do Aécio para tentar avisá-los da besteira que estão fazendo?

  4. Meu voto no primeiro turno é do Aécio. Se ele não atacar a Dilma e atacar a Marina, mudo o meu voto para a Marina. Temos a chance de derrotar o Pt de forma contundente eliminado-os já no primeiro turno.

  5. Luciano,

    Falou tudo, as pesquisas demonstram mais o voto contra a Dilma e o PT do que propriamente um apoio a Marina.
    A diferença é que esta demonstra essa intenção popular de forma mais direta a quem vê de forma distante sem analisar histórico e propostas.
    O PSDB e seus analistas parecem que tem medo de agir, sempre hesitantes, sem um rumo definido por não defender de forma direta as suas posições, sem gerar conflitos de fácil percepção de todos, assim a maioria é tomada de assalto por aquele que vem e gera o conflito de forma incisiva.

  6. Pode até haver fraudes e manipulações, porém uma coisa é certa:

    O cenário não é tão simples quanto alguns pensam, eu até imaginava isso até participar de uma comunidade do Orkut e perceber que o número de enganados pelo PT e empolgados com a Marina é real.

  7. Segundo a última pesquisa, o PT tem 34%, o que é próximo do seu patamar histórico de 30%. Isto significa que bater pesado no PT poderia reduzir em apenas 4 ou 5 pontos os votos da Dilma, e mesmo assim não significa que estes votos iriam para o Aécio. A situação do PSDB é crítica. Marina tirou a sorte grande, se não fizer nenhuma grande bobagem ou se nçao houver um dossiê, ela já ganhou. Acredito que a estratégia do Aécio agora deve ser a de redução de danos, tem que aproveitar a exposição para se consolidar como o nome de oposição ao esquerdismo, com um discurso consistente e propostas claras para o Brasil.

  8. O ideal é não votar nos candidatos(deputados estaduais e federais,senadores e presidente) dos partidos como:PSDB,PT e PMDB,mudar o vicio governista de mensalões,onde só os ladrões levam vantagens.Presidentes ocasionados desde as “Diretas Já” levaram o Brasil a ser o pior país do mundo,pior em: educação, empregos e saúde,durante trinta anos que roubam e nada constroem à beneficio da sociedade.O esquema está muito bem montado pelos três partidos originário do MDB,são cabeças de uma só serpente!!!Mude com seu pacote eleitoral,escolha seu candidato a deputado,a senador e presidente que não estajem nas esferas destes três partidos.Fiquem com Deus!!!

  9. Bom dia a todos!Não faço parte de partido,nem ‘movimentos’ ,mas gosto de ler seu blog.
    AS vezes concordo,em outras discordo….em outras aprendo/me informo.
    Minha opinião sobre o PSDB:

    Acho que a escolha do Aecio foi equivocada (a não ser que a intenção fosse de perder esta eleição,
    e focar em 2018).
    Certo ou errado o PSDB tem o rotulo (criticas) de banqueiros/almofadinhas/privatizações/elite
    O Aecio reafirma este rotulo.Deve-se primeiro mudar a imagem dele.
    O rotulo do PSDB (elogios) economistas/bons administradores/intelectual/ objetivo
    Ele não passa a imagem , como o FHC (por exemplo) ,de um economista competente.

    As lideranças do PSDB tambem devem ser revistas.Não é possível…não deveria de ser… passar dez anos
    e ainda não aprenderam a fazer oposição.Com ajuda de parte da imprensa, e com grande parte da
    população criticando o PT/PMDB e mesmo assim não consegue um candidato ‘forte’ para enfrentar
    o governo.Parece ate comodismo.Ou pior ainda poderia ser pura soberba.

    • Confirmando a vitoria da Marina,espero que o PSDB faça ‘um caminho’ parecido com
      Itamar/FHC. Ajudar a Marina , ainda mais porque ela não tentará a reeleição, a mudar/atualizar
      algumas leis .
      Assim ,talvez ,o ‘rotulo positivo’ volte a ser reafirmado para os ‘eleitores neutros’.
      Luciano,Parabéns pelo site!

Deixe uma resposta