Segundo Malafaia, ativismo LGBT está enfurecido com Marina. Como capitalizar com isso?

53
125

malafaia-marina-silva

Segundo Silas Malafaia, o ativismo LGBT está irado com Marina Silva, o que pode ser muito útil na campanha contra o PT.

De acordo com o site petista Pragmatismo Político, Malafaia disse: “O ativismo gay está irado com Marina! Começo a ficar satisfeito! Valeu a pressão de todos. Não estamos aqui pra engolir agenda gay”, celebrou Malafaia em sua conta na rede social. “Se não tivesse o twittaço sexta e sábado, o ativismo gay estaria rindo da nossa cara hoje. Mudaram parte do programa de Marina. Estão revoltados!”

Jean Wyllys (do PSOL/RJ e um dos líderes do ativismo LGBT) tinha de começar com a choradeira: “Bastaram quatro tuítes do pastor Malafaia para que, em apenas 24 horas, a candidata se esquecesse dos compromissos de ontem, anunciados em um ato público transmitido por televisão, e desmentisse seu próprio programa de governo, impresso em cores e divulgado pelas redes”.

Malafaia respondeu: “Avisa ao Jean Wyllys: Marina não recuou por só por causa dos meus tuítes, e sim devido à pressão dos cristãos, que são maioria no Brasil”.

O que pode ser feito com isso? Simples. Polarizar a questão e tirar a legitimidade do ativismo LGBT (aliás, eu prefiro usar este termo ao invés de “ativismo gay”, pois os ativistas LGBT não representam os gays). Em seguida, mostrar quem está de cada lado.

Uma dica é que Marina Silva não se envolva neste imbróglio, mas que, a partir das redes sociais (ou mesmo em cultos, igrejas, programas, etc.) a questão seja polarizada para mostrar que Dilma assumiu o lado do ativismo LGBT. O mesmo não pode ser dito de Marina, que optou por uma via mais inclusiva e tolerante.

Em seguida, é só mostrar a coleção de baixarias praticadas pelo movimento LGBT (o que não é muito difícil) e anexá-las na conta da Dona Dilma Rousseff.

Que tal um vídeo?

Há outro mostrando como esse pessoal se comporta:

Aliás, se é para apontar contradições de Dilma, veja por exemplo ela dizendo rejeitar o Kit Gay apenas para agradar evangélicos em alianças temporárias:

Dica: investiguem, busquem as contradições de Dilma, demonstrem quem ela apoia e cobrem o preço de apoio a grupos que fazem pressão de forma antissocial. Não deixe de usar os termos mais fortes possíveis. Use o shaming sempre que for cabível.

Em tempo: este site defende todos os direitos conquistados pelos gays, mas é contra o ativismo LGBT praticado de forma irracional, partidária, fascista e patrulheira. Coletivos não-eleitos deste tipo são inimigos da democracia.

Anúncios

53 COMMENTS

  1. O que falta para o pessoal entender o por que a Marina Silva se tornou uma opção melhor do que o Aécio Neves, é simplesmente analisar os fatos:

    Marina Silva tem um ego altíssimo. Ela foi do PT, é cobra criada do PT, mas deseja ser maior que o PT. Isso já o suficiente para entendermos que ela não poupará esforços para ganhar as eleições.

    Aí podem dizer: “Mas isso não é pior? Ela não se mostra autoritária por demais?”. É ruim até certo ponto. Vimos que ela cede a pressão popular. Não penso que ela o faz para agradar o “povo”, penso que ela faz por querer agradar gregos e troianos, se mostrar acolhedora de todos para inflar o próprio ego, e é aí que a direita deve entrar em ação. Poderemos pressionar para que ao menos o estrago não seja tão grande, ou até mesmo que muitas coisas saiam conforme queremos.

    Não adianta chorar pelo leite derramado. O Aécio já era e por culpa dele mesmo! Se nos julgamos realmente superiores intelectualmente à esquerda, é hora de colocar em prática a tal dita superioridade. Ainda que a Marina esteja se candidatando pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), como já vimos, ela se acha maior que qualquer coisa. É justamente aí o “Calcanhar de Aquiles” da senhora. Qualquer atitude “comunista” dela em um eventual governo, porta vozes como Pr. Marcos Feliciano e Pr. Silas Malafaia, representantes do mesmo grupo (Evangélico) que ela, cairão de porrete para cima da mesma, e ela não vai querer perder o prestígio com os evangélicos.

    Por último o blá blá blá do decreto 8243. Se no assunto do movimento LGBT, que tem um alcance muito maior na mídia ela mudou para agradar os evangélicos, imaginem uma pressãozinha básica frente ao congresso sobre essas políticas?

    Vou até parafrasear o Lula: “Nunca antes na história desse país a direita sonhou em ter uma chance tão grande de moldar um governo.”.

    • Esses Malafaia e Marco Feliciano são misturas latentes de um Islamismo/peudos cristãos/xiitas de uma movediça fé. E donos de um ego mãe do próprio ego. Malafaia um dos maiores latifundiários da pseudo fé. Anda com sua declaracão de imposto de renda, mais falsa que o humor do Faustão. Pois, todos os seu bens -incluise um avião – estão em nome da igreja. E igreja não declara imposto de renda. Pois nessa movediça e tendenciosa constituição, essa corja de Igreja Universal, Igreja Mundial, Renascer e a Igreja que Marina se diz pertencer, fazem também, muitas vitimas financeiras em nome de Deus. Enfim nossa cultura – desde o império – é sofrer de uma insônia social/cívica para que o menos pior sente no TRONO DO PUDER.

      • Cecél,

        Não existem vítimas financeiras na religião. São pessoas que agem conforme querem, sendo influenciadas ou não. É totalmente diferente de estatólatras que levam o dinheiro do povo POR COERÇÃO.

        Ademais, não há nada de jihadismo no discurso de Malafaia ou Feliciano. Ambos são bastante liberais.

        Abs,

        LH

      • Luciano… Malafaia tem uma prepotência, arrogância e hiper-ego que distorce o contexto de qualquer literatura para atingir suas megalomanias metas seculares e ditas criacionistas. Quando seu grande ministério é o de angariar, inocentes de compreensão e formadores de opinião. Para nutrir-se de uma vida abastada. Pois, um pastor que se diz de Deus, chamar seus desafetos e contrários aos seus versículos isolados de : bestas, idiotas e analfabetos. Não pode estar representando nenhuma convicção espiritual/evangélica. É só ler Lutero, Calvino ou Constantino e ver as contradições deste angariador de “money”.

      • Cecél,

        Desculpe-me, mas isso não é verdade. O uso de rótulos pejorativos para oponente já foi feito até pelo messias que os cristãos acreditam, Jesus Cristo. Então o shaming não serve neste caso. Ademais, fatores como prepotência, arrogância e hiper-ego são subjetivos demais para dar uma validação dos argumentos dele. O fato é que ele é uma liderança falando coisas que o PT não gosta.

        ABs,

        LH

      • Luciano, concordo com você em parte.

        NÃO NEGO QUE MUITOS FALAM EM DIMINUIÇÃO DO ESTADO. Mas isso pode ser uma tática de mudança de comportamento devido ao aumento das pessoas que não querem mais o estado se interferindo na vida das pessoas: como parece ser o caso do candidato Everaldo.

        Malafaia, Marco Feliciano e outros líderes protestantes tem adotado aquilo que eu chamo de gramscicismo protestante.

        A essência gramscicista é a mesma dos marxistas, só que usada para o lado do protestantismo.

        Assim como os gramscicista se infiltraram nas instituições (meios de comunicações, educação,…até mesmo em igrejas católicas) e ainda dizem que são perseguidos; protestantes como Malafaia adotaram a mesma tática só que usando tudo isso para o lado dos meios protestantes.

        Veja como Malafaia, e outros líderes protestantes no país, se dizem perseguidos (o que não nego em alguns casos) mais tem cada vez mais espaços em canais de televisão (comprando até alguns deles) e estações de rádio: Se eu não me engano o R.R. Soares tem até coluna em um jornal aqui no Rio de Janeiro. Eu acredito que muitos líderes protestantes tem também espaço em jornais e revistas pelo Brasil.

        Muitas das coisas que os gramscicistas pregam hoje, também foi e é bandeiras levantadas pelos protestantes: tirar crucifixos de repartições públicas, tirar ensino religioso das escolas públicas do país (isso a décadas atrás), retirar feriados cristãos do calendário, etc etc etc.

        Agora que o caldo entornou, os protestantes querem se portar como os “salvadores da nação”.

        Me desculpe Luciano, mais eu não caio nesse engodo.

      • Renato, de onde você tirou que os protestantes e pastores estão se infiltrando nos meios de comunicação como os esquerdistas?

        O pastores não se infiltram na TV, eles pagam o aluguel dos horários das Tvs e pagam muito caro para manterem programas onde só falam de Deus e de suas crenças, assim como qq outra pessoa ou organização poderia fazer o mesmo…

        Explica ai para nós como é essa infiltração se ele paga aluguel e a TV tem total controle sobre a renovação ou não do contrato? Explica ai…como isso pode ser comparado a doutrinação/infiltração Gramsciana lenta e gradual kkkkk

        Explique também para nós como que protestantes vão ser contra crucifixos em repartições publicas se toda igreja protestante possui crucifixo? O crucifixo é um símbolo da religião cristã seja ela protestante, católica romana ou católica ortodoxa.

        Vejam essa frase desse Renato: “Se eu não me engano o R.R. Soares tem até coluna em um jornal aqui no Rio de Janeiro”
        Como assim “tem até” ????

        Se Sakamoto, Jean Wyllis, Francisco Bosco entre outros esquerdistas que fazem muito mais mal ao país e a sociedade tem colunas em jornais…. Me diga qual o problema de um pastor ter uma coluna no jornal?

        Padres e bispos também escrevem colunas em jornais se você não sabe. Será que eles podem e um pastor protestante não pode? é isso que voce esta me dizendo?

        Luciano, é incrível que até no meio de pessoas que se consideram da “Direita” como os frequentadores de seu blog exista ranços de preconceito religioso e autoritarismo.
        Até aqui tem gente querendo cercear a liberdade de expressão de quem eles não gostam. Lamento ter que ler esse tipo de coisa aqui, comparar pastores protestantes com Gramsci é de doer os olhos.

      • O Malafaia é criticado até mesmo nos meios protestantes por se vender (muitos desses protestantes nem esquerdistas são).

        Sinal de que alguma coisa tem ai.

        Em relação a crucifixo, não são grupos protestantes que querem tirá-lo de repartições públicas?

        “Padres e bispos também escrevem colunas em jornais se você não sabe. Será que eles podem e um pastor protestante não pode? é isso que você esta me dizendo?”

        É claro que pode rapaz. Onde foi que eu disse que não podia, hein?

        O que eu disse foi que essa expulsão que eles tentam passar não é total.

        “Até aqui tem gente querendo cercear a liberdade de expressão de quem eles não gostam.”

        Não estou querendo cercear ninguém rapaz. Como disse mais acima é que essa expulsão que eles tentam passar não é total.

        Agora, por que eu vou apoiar lideres de um movimento religioso onde os membros destas invadem Igrejas católica (e não são poucos que fazem isso), chegando a agredir até os membros da mesma, e depois ainda querem se passar por perseguidos?

    • Ora Cecél Garcia, não seja tão vazio em suas “argumentações”. Percebe-se que você tem problemas “pessoais” com os pastores. Por acaso eles apontaram uma arma em sua cabeça e o obrigou a dar dinheiro para eles?

      Quem faz vítimas financeiras são os políticos, em sua esmagadora maioria, os de esquerda. Os fiéis das igrejas doam a quantia que querem e quando querem, enquanto o governo nos obriga por lei a dar dinheiro para eles.

      Sua visão está um tanto distorcida.

      • Marco, não me rotule, numa disfunção de opiniões, argumente apenas. Não sou contra Pastores sou contrário sim aos latifundiários da pseudo fé. Sou contra, pois esses alienadores, não pregam a verdade e sim versículos distorcidos e isolados. Ou você acredita que Deus, Gandhi, Tereza de Caucuta, Irmã Dulce. Deixaria de construir _ aproximadamente – 10 hospitais e 300 escolas. Para construir um Templo de Salomão. Procure ler a Bíblia – talvez – você possa compreender mais amiúde aquilo que você usa para tentar descaracterisar-me. Vamos continuar no campo das idéias… pois esse é o grande propósito.

      • Marco Rodrigues… Ao invés de rotular partícipes de um espaço como esse. Procure fazer uma compreensão de texto que fuja de versículos isolados. Se você acredita que Deus tem conforto e abriga aqueles chamados como “TEÓRICOS DA PROSPERIDADE”. É preciso que você – antes – tenha uma compreensão mais transparente da Bíblia. Ou você é daqueles que acreditam que passando uma toalhinha na porta do banco seus débitos para com o mesmo sumirão. Você acredita em campanhas de sal grosso e carnesinhos de patrocinadores. Ou é daqueles que acredita que dois instrumentos de Deus possam usar a Bíblia como porta dólares. O que é que o Templo de Salomão tem de verdade em ralação a bíblia. Marco, Pastor é aquele que agrega valores espirituais, sociais e de família e não aquele que arregimenta verdadeiras mega-fortunas em nome de Deus. E se você contesta meu texto, eu aceito suas críticas, porém atenha-se somente em criticar-me e não rotular-me. O fato de contrariá-lo em minhas posições como a de outros – neste blog – não lhe dá o direito de – subtextualmente – querer descaracterizar minhas posições. DEMOCRACIA inclui liberdade de expressão e não de agressão.

    • “Até aqui tem gente querendo cercear a liberdade de expressão de quem eles não gostam.”

      É claro que pode rapaz. Onde foi que eu disse que não podia, hein?

      Me mostre em que parte do meu comentário eu disse que não queria que esse pessoal não se manifestasse?

      Não estou querendo cercear ninguém rapaz. O que quero mostrar é que essa perseguição que muitos líderes protestantes alegam, não é verdade.

      Agora, por que eu vou apoiar lideres de um movimento religioso onde os membros destas invadem Igrejas católica (e não são poucos que fazem isso), chegando a agredir até os membros da mesma, e depois ainda querem se passar por perseguidos?

      Tática gramscicista protestante.

    • “Até aqui tem gente querendo cercear a liberdade de expressão de quem eles não gostam.”

      É claro que pode rapaz. Onde foi que eu disse que não podia, hein?

      Me mostre em que parte do meu comentário eu disse que não queria que esse pessoal não se manifestasse?

      Não estou querendo cercear ninguém rapaz. O que quero mostrar é que essa perseguição que muitos líderes protestantes alegam, não é verdade.

      Agora, por que eu vou apoiar lideres de um movimento religioso onde os membros destas invadem Igrejas católica (e não são poucos que fazem isso), chegando a agredir até os membros da mesma, e depois ainda querem se passar por perseguidos?

      Tática gramscicista protestante.

      O Malafaia é criticado até mesmo nos meios protestantes por se vender (muitos desses protestantes nem esquerdistas são). Sinal de que alguma coisa tem ai.

  2. A pérola do esquerdista no facebook:

    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10201669789665500&set=a.1591034074732.65386.1802281317&type=1&relevant_count=1

    Eu queria saber quando é que a Clarissa virou direitista.O próprio pai dela já assumiu ser esquerdista e vive defendendo o Brizola.
    O mais engraçado é que o cara fala que são sustentados com dinheiro público e no perfil do próprio está como profissão Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.
    Vai ver o salário dele nasce em árvores. 😀

    • É mais uma rótulo que querem colar a quem é de direita. Inventa um tal de “bolsa playboy” e diz que a direita apoia isso e sai propagando pelas redes. Mais um exemplo de como eles agem

      • Pois é Rodrigo, enquanto a extrema-esquerda vive rotulando a direita de tudo, muitos da direita acreditam que eles são pessoas que “apenas” pensam diferente.
        Eu defende a idéia da direita criar rótulos para partidos de extrema-esquerda.Por exemplo, o PSOL, que adora chamar os outros de “partidos dos banqueiros” ou do “capital”, poderia ser rotulado de partido dos “di menor”, já que é contra a redução da maioridade penal, assim como poderia chamar PC d B de viúvas da URSS e por aí vai.
        Outro dia reclamaram aqui que a extrema-esquerda usa gritos do tipo “filhote da ditadura” ou fascista e que a direita deveria criar algo semelhante.
        Ora, basta chamá-los de petralhas (um exemplo de rótulo anti-pt que teve sucesso) e quando eles vierem com papinho de “filhotes da ditadura” devolva com “cobra criada de Fidel”.

      • Sim, Maxwell suas ideias são ótimas, temos que aprender a criar e colar mais rótulos neles, eu já vejo que o numero de páginas de conteudo mais de direita vem crecendo no FB, porém isso precisa chegar as ruas com rótulos fáceis e engenhosos. E isso não seria algo baixo como eles fazem, pois eles precisam inventar factoides nós não precisaríamos inventar nada, apenas dizer o que eles realmente fazem e apoiam.

      • Rodrigo, veja que todos os rótulos que eu sugeri não fogem da realidade.O PSOL não pode dizer que é mentira que seu partido é o partido do “di menor”.Uma rápida pesquisa na internet com as palavras Psol e maioridade penal mostra que esse partido SEMPRE foi contra a redução da maioridade penal (e isso vale para praticamente toda extrema-esquerda).
        O melhor é que isso é um rótulo de fácil “compreensão”, pois qualquer cidadão sabe o que significa a expressão “di menor” (fazem uma ligação direta entre isso e impunidade).
        Devemos não só criar rótulos como mostrar para o público que alguns temas que a extrema-esquerda demoniza não são nocivos.Veja como a mentalidade nessas eleições mudou (mesmo que a passos lentos) sobre o tema privatização.Se antes isso era tratado como palavrão até mesmo por boa parte da direita e centro-esquerda (veja as duas últimas campanhas para presidente), hoje já não temos esse tabu.Isso se deve pela pressão da direita nas redes sociais.

    • Nas horas de aperto, o discurso anti-imposto dos liberais é muito bem vindo! É por isso que o esquerdismo tupiniquim não é uma ideologia, mas sim, um estado mental. Alias, eu gostaria que alguém me esclarecesse a ginástica mental necessária para associar o filho do Eike batista á essa malvada “direita”.

  3. ATENÇÃO! ATENÇÃO! NOTICIA BOMBA!

    Pesquisadores americanos descobriram recentemente que o maior mito do Alasca é verdadeiro e que está refugiado no Brasil já há algum tempo:

    O ABOMINÁVEL HOMEM DAS NEVES mudou-se para Minas Gerais.
    E mudou seu nome para: PICOLÉ de XUXU recheado com CREME de ALFACE LIGHT.

    Como consequência dessa descoberta científica antropológica o presidente americano Barack Hussein Jihad Obama fez uma declaração impressionante e estarrecedora, ele disse:

    “YES! — WE CAN! — YES! — WE CAN CHANGE!”

    Depois disso ele foi aclamado pelos democratas americanos, que estão exigindo do Brasil a imediata intimação do PSDB por crime de direitos autorais mitológicos.

    O pau vai comer, e as putas do PMDB no Congresso Brasileiro estão exitadas com a expectativa.

    Dizem por ai, Brasil afora que:

    NADA SERÁ COMO ANTES.


  4. Não existem vítimas financeiras na religião. São pessoas que agem conforme querem, sendo influenciadas ou não. É totalmente diferente de estatólatras que levam o dinheiro do povo POR COERÇÃO.

    Perfeito!

    As pessoas devem ser totalmente responsáveis pelas escolhas feitas em suas vidas …

    Parabéns pelo comentário!

    • Teria sido presidente do Brasil se não fosse pelos militares. Aliás, interessante ouví-lo denunciar a destruição da “confiança na democracia” e da capacidade do povo brasileiro de confiar em si mesmo. Com tantos direitistas e conservadores hoje clamando por um novo golpe militar, fica a impressão de que a lição não foi aprendida.

    • “A candidata foi indagada mais de uma vez sobre como poderia ser aplicado o modelo socialista que defende. À pergunta sobre onde a experiência socialista deu certo, ela respondeu dizendo que em nenhum lugar o capitalismo deu certo.”

      Como não consegue apontar apenas UM país onde o socialismo deu certo, ela vem com essa estória de que o capilatlismo não deu certo em lugar nenhum.
      Será que ela não conhece países como Coréia do Sul, Singapura ou Israel (esse último, segundo alguns setores do PSOL, deveria ser destruido)?

      “O mundo não foi sempre capitalista…”

      E quem aqui disse que foi?Talvez a turminha de extrema-esquerda dela.Esse pessoal já disse que até Cristo era socialista (apelando para mitologias).Curioso que eu não me lembro de JC pregando estatização ou economia planificada 😀

      “Não houve socialismo propriamente em nenhum lugar do mundo. ”

      Mentira!O que não houve foi comunismo e por um motivo simples.É algo utópico.
      Houve socialismo em vários cantos do mundo e qual o resultado?
      Miséria, fome, perseguição (principalmente a homossexuais que esse partido diz defender), mortes e refugiados.
      Parece que não é uma boa idéia ser cristão ou homossexual na Coréia do Norte.

      Gay North Korea News & Reports 2005

      May 20, 2005

      A GlobalGayz.com reader recently wrote :
      I’d like to know something about the gay situation in North Korea. Could you send me an e-mail if you know something?

      GlobalGayz response:
      There is such fear and secrecy about many aspects of North Korea that it is difficult to find anything reliable about everyday life there–and double so about homosexuality. The concept of same-sex attraction hardly exists in the minds of people. Even with people who feel this attraction, there is ignorance about what it means or how it can be expressed in behavior.

      [b]It is not discussed in public and it’s a likely assumption that almost all gay or lesbian people are conditioned or coerced into marriage and they live that way without ever understanding their conflicted feelings. Even for someone with a bit of knowledge about human behavior the official view is that homosexuality is an aberration that exists only in a capitalist society.[/b]

      I am sure there is homosexual activity in some places but these would be impossible to find and, as well, surrounded with fear and ignorance and guilt. Since sexual desire and longing are felt in people of all cultures I would also guess there are some very secret places where anonymous homo sex happens, but probably at night and very quickly. There would be no lingering ‘love-making’ but rather getting off and then running home.

      I searched the Internet and found almost nothing. There was one story excerpt from a newspaper in Pakistan about NK workers in Cuba. A second reference is a blog summary about an escaped NK man who had no idea how to understand his homosexual feelings until he got to South Korea and was exposed to information and the freedom to act on his feelings.

      Here is what I found on the Net:

      (1)
      From Daily Times, Pakistan (http://www.dailytimes.com.pk/default.asp?page=story_6-3-2003_pg4_12)
      6/3/03

      (Excerpt from a longer story about Cuba and North Korea, not about homosexuality):
      “… I’ve heard two anecdotes (from different sources) about worker exchanges. The Korean sugar cane brigades, before they set out, were firmly told where fraternization stopped. Fellow communists they might be; but Cuban women had deplorably lax morals and were strictly off limits. Anyone tempted was instructed to–how should I put this–practice ‘self-reliance’. Perhaps the order was misunderstood. A friend working in Cuba at the time told me that at least one batch of North Koreans were sent home for homosexuality, of which Castro is notoriously intolerant..”

      (2)
      From: Marmot Blog (http://blog.marmot.cc/archives/2004/10/29/no-gays-in-north-korea/) 29th October 2004
      Original publication in Far Eastern Review October 28, 2004

      No gays in North Korea?
      Forty-four-year-old Jang Yeong-jin worked in the fisheries industry up in North Hamgyeong Province, married to a pretty school teacher whom his mother fixed him up with. Problem is, he felt no sexual attraction to the woman, so he was continually stressed and uncomfortable in the sack. After 7 years of marriage, the couple still had no children, and despite several visits to the hospital, they couldn’t discover the reason. They eventually had a son, but after 9 years of marriage, Jang finally applied for divorce. The North Korean authorities rarely allow divorces, however, and permission was denied.

      In the end, believing his wife would be happier without him, he escaped to China in a bid to defect, but was apparently denied entry by the South Korean embassy. Returning to North Korea, he decided to skip the middle men of the S. Korean Foreign Ministry and defect the hard way through the DMZ in Gangwon Province. During the course of being investigated by the nice men of S. Korea’s National Intelligence Service, Jang said he defected because, well, he disliked having to share a bed with his wife.

      Two years into his residence in South Korea’s relatively open society, Jang happened upon a photograph in some newspaper of two men kissing. Apparently, this put some lead in his pencil, or to put it the Dong-A Ilbo way, “At that moment, he felt a thrill through his entire body.” It was then he realized he was gay. Afterwards, he began reading gay magazines, visiting gay bars and “sharing love” with other men. Jang finally felt “boundless happiness.”

      However, last year, a man with whom Jang had fallen in love after meeting him in a gay bar absconded with the W50 million the defector had managed to save up. Penniless and ill, Jang lost his house and has been living in a rent house in Ansan. He vented, “Adjusting to life in the South has been tougher than crossing the DMZ.”

      http://web.archive.org/web/20070311054006/http://www.globalgayz.com/northkorea-news.html

      ——

      A Coreia do Norte lidera, pela décima vez consecutiva, a lista de países que mais perseguem os cristãos, elaborada anualmente pela organização alemã Portas Abertas e apresentada nesta quarta-feira em Kelkheim, na Alemanha.

      O Afeganistão ocupa o segundo lugar, seguido da Arábia Saudita e da Somália, segundo a lista. Na Coreia do Norte, de acordo com a Portas Abertas, os cristãos são tratados como inimigos do Estado e se estima que entre 50 mil e 70 mil deles estão em campos de trabalho forçado no país.

      No Afeganistão, no entanto, houve uma melhora dez anos após o fim do regime talibã. A organização destacou que a situação dos cristãos piorou principalmente nas regiões onde o fundamentalismo islâmico ganhou influência, e que as transformações que estão ocorrendo no norte da África não representam uma esperança nesse sentido.

      No Egito, por exemplo, a perseguição aos cristãos, segundo a organização, piorou após a queda do presidente Hosni Mubarak, com ataques a várias igrejas e constante agitação anticristã por radicais islâmicos.

      Estimativas da Portas Abertas indicam que cerca de 100 milhões de pessoas no mundo sofrem perseguição por serem cristãs, além de viverem de forma clandestina em muitos países.

      http://noticias.terra.com.br/mundo/asia/coreia-do-norte-lidera-lista-de-perseguicao-aos-cristaos,3b086380c0ada310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html

      “Experiências de expropriação não vieram acompanhadas de experiências democráticas”

      Por que será?Será que é pelo fato de todas se referirem como DITADURAS do proletariado?

      Ela vem com desculpinhas esfarradas mas no final acaba admitindo, mesmo sem querer, que o socialismo não deu certo.

  5. O Estado “laico” socialista:

    http://veja.abril.com.br/noticia/mundo/venezuela-chavismo-cria-sua-propria-versao-do-pai-nosso

    https://www.youtube.com/watch?v=11KEj8AJsYw

    https://www.youtube.com/watch?v=CjP93HhAeZQ

    Quem apoia mesmo a Venezuela (que o Chavez chamava de “socialismo cristão”)?

    http://psol50.org.br/site/paginas/42/psol-com-chavez-e-maduro

    http://psol50.org.br/site/noticias/1908/psol-apoia-nicolas-maduro-e-vai-a-venezuela-acompanhar-eleicao-presidencial

    https://www.pt.org.br/nota-do-pt-acerca-da-venezuela/

    http://www.pcdob.org.br/noticia.php?id_noticia=215690&id_secao=154

    Sobre a Coréia do Norte:

    http://opiniaoenoticia.com.br/internacional/a-religiao-prega-a-adoracao-dos-lideres-norte-coreanos/

    “Na inauguração do primeiro e único campo de golfe norte-coreano, segundo a agência nacional de informação, o líder Kim Jong-Il acertou todos os buracos com uma só tacada em cada um deles sem nunca ter jogado golfe antes. No fim, disse que não voltaria a jogar porque era muito fácil. O feito se tornou indiscutível e foi testemunhado apenas por seguranças e generais.”

    http://oglobo.globo.com/sociedade/conte-algo-que-nao-sei/jose-luis-peixoto-escritor-na-coreia-os-radios-so-tem-botao-de-ligar-desligar-13731823

  6. “Quais foram as invasões de igreja feitas por Malafaia?”

    Membros da Assembléia de Deus ( e outras denominações protestantes) invadiram e invadem Igrejas católicas pelo Brasil a fora. Você querer induzir que a igreja do Malafaia não faz isso não está sendo sincero. Posso estar errado, mas nunca vi o malandro criticar isso: e se ele começar a fazer, provavelmente será medo de uma reação católica.

    Ou seja: tática gramscicista protestante.

    Então agora eu faço a pergunta para você:

    Existe ou não existe invasões a Igrejas Católicas no Brasil vindo de membros de igrejas protestantes?

    Quer que eu coloque noticias sobre isso?

    Em relação a Malafaia, ele é MUITO criticado até mesmo no meio protestante. Líderes proetstantes que nem esquerdistas são, caso você acha que eu iriei mencionar picaretas como o Caio Fábio, o criticam aos montes por esse comportamento de Judas.

    Você mesmo Luciano tinha parado de mencionar sobre o Malafaia, principalmente quando aconteceu a visita do anti-papa Francisco. Mas como eu sei que você é um estrategista de guerra politica, creio que agora voltou a mencionar sobre o malandro para saber como usá-lo contra a esquerda.

    Por que isso é tática gramscista?

    Simples. Quando homossexuais invadem igrejas católicas para ofender os presentes e ridicularizá-los, você mais do que ninguém sabe que ao iniciar uma reação dos católicos (e isso já acontece), os movimentos homossexuais irão alegar perseguição aos homossexuais.

    Em algum momento os católicos irão começar a reagir de formar mais severa contra invasões feitas por membros de igrejas protestantes a Igrejas católicas. Como o malandro Malafaia faz silêncio em relação a essas invasões, sei como esse silêncio vai sumir quando os católicos começarem a reagir. O malandro vai alegar “perseguição religiosa” contra os “evangélicos”.

    • Renato,
      Ok, você não mostrou que a igreja do Malafaia faz isso. Mas disse que outras fazem. Que outras?
      O fato dele não criticar algo não significa que ele apoia, pois essa informação de “evangélicos invadindo igreja dos outros” é um problema novo para mim. Nem eu me declarei contrário sobre isso até hoje pois eu nem sabia se existia. Mas já que me perguntou, eu digo: “sou contra”.
      Pronto, você acabou de me igualar ao Mafalaia por eu nunca TER CRITICADO isso…
      Existe ou não existe invasões a Igrejas Católicas no Brasil vindo de membros de igrejas protestantes? Quer que eu coloque noticias sobre isso?
      Gostaria.
      Em relação a Malafaia, ele é MUITO criticado até mesmo no meio protestante. Líderes proetstantes que nem esquerdistas são
      Sim, o Olavo é criticado na direita, o Reinaldo é. Este humilde blogueiro também. Invalida o que eu escrevo?
      Por que isso é tática gramscista?
      Simples. Quando homossexuais invadem igrejas católicas para ofender os presentes e ridicularizá-los, você mais do que ninguém sabe que ao iniciar uma reação dos católicos (e isso já acontece), os movimentos homossexuais irão alegar perseguição aos homossexuais.
      Em algum momento os católicos irão começar a reagir de formar mais severa contra invasões feitas por membros de igrejas protestantes a Igrejas católicas. Como o malandro Malafaia faz silêncio em relação a essas invasões, sei como esse silêncio vai sumir quando os católicos começarem a reagir. O malandro vai alegar “perseguição religiosa” contra os “evangélicos”.

      Desculpe-me, mas suas premissas são falsas.
      Para validar isso você tem que provar
      1 – Que as invasões de evangélicos a igrejas católicas são um fenômeno recorrente
      2 – Que Malafaia teve ciência deste fenômeno
      3 – Que Malafaia, quando questionado, se recusou a comentar o fenômeno
      Sem isso, todas as teses suas quanto ao comportamento de Malafaia não valem.
      É sua opinião e você tem o direito de não gostar dele, mas não provou uma culpa, uma estratégia e nem as intenções dele.

Deixe uma resposta