Dilma dispara um violentíssimo ataque contra a liberdade de imprensa: corte de verbas da Veja. Muitos ainda não entenderam a gravidade do caso.

68
163

Presidente-Dilma-Rousseff-02-size-598

Para começar, leiam a matéria apavorante do Conversa Afiada com o título Dilma cancela publicidade na Veja É pouco!:

O Conversa Afiada pode informar que a Presidenta Dilma suspendeu a publicidade governamental no detrito sólido de maré baixa, que elegeu o Juiz Moro Barbosa como o vaso-de-guerra do Golpe.

Dizia-se que ela tinha feito o mesmo com a Época, do Globo: não é verdade.

Ficou na Veja.

É pouco.

Se o motivo da decisão sobre a Veja é o Golpe que surrupiou oito pontos dela, em São Paulo, tinha que levar a decisão aos “órgãos de imprensa” que fizeram o mesmo: o Globo, a Globo, o Estado comatoso e a Fel-lha (noABC)

Todos esses jogaram a cartada do Golpe com a fraude da Veja.

Transformar a Veja em bode expiatório só reforça a ânsia golpista dos outros.

Não há nenhuma razão ética, política ou sequer de marketing que justifique dinheiro público e de empresas estatais bancar o Gilberto Freire com “i” (no ABC também) e a Urubulóga, cuja atividade dita profissional é detonar Governos trabalhistas.

Notaram bem, certo?

Enquanto isso, vi reações descompromissadas dos republicanos, como:

  • “Ah, a Veja não precisa desse dinheiro”
  • “Isso já era previsível. A Veja seguirá sem a verba estatal”
  • “Que bom que não há mais dependência do dinheiro estatal”

Agora veja como os bolivarianos estão reagindo, de maneira diametralmente oposta:

  • Gilmar : “Corta a verba de Globo, SBT e afiliadas: Paraná, S. Catarina e Rio G. do Sul. Se peitarem o governo com reportagens e notícias mentirosas, corte-lhes o sinal. Mostre quem manda Presidente e coloque os homofóbicos e mal intencionados na cadeia. Claro cassando-lhes a concessão. E o DARF da Globo, onde está?”
  • Roberto: “Se faz necessário que o novo governo Dilma faça a regulamentação econômica da mídia. Se não fizer isso não teremos mais governos progressistas no país”.
  • Arimatéa: “Isso é um começo mas é preciso também processar a Veja e Globo por crime eleitoral tem de cortar verbas de toda mídia golpista JÁ.”
  • Luiz Fernando: “Por que os Nordestinos e os brasileiros de todas as regiões não começam um grande boicote aos produtos produzidos em São Paulo? Não comprem nada que seja produzido em São Paulo. Só prá ver o que acontece…”
  • Carlos Cardoso da Silva Filho: “Bingo, havia feito um comentário neste sentido, era a necessidade de asfixia econômica ao PIG, cortar os gastos com propaganda estatal nestes meios de” desinformação “,muito bem feito esta primeira medida, a coisa não vai parar por aí. Somente desta maneira estes golpistas entenderão quem realmente governa este país.”.
  • Nonato Pinheiro: “Hugo Chavez neles”.
  • Paulo Gonçalvez: “Está na hora de começar um abaixo assinado para entregar a presidenta DILMA, que suspenda em todos os veículos de comunicações (PIG) as propagandas institucionais. Chega de entregar recursos públicos para enriquecer mais ainda as 06 famílias que fazem a ditadura midiática.”
  • Augusto: “Próximo passo: cancelar o BV da Globo. Depois: a Lei de Meios. Por fim: a Reforma Política”.
  • Oziel: “A noticia é muito boa cortou as verbas da veja. Mesmo porque, espero que corte de toda mídia bandida aquelas que estão pregando o golpe.”.
  • Marizete Ribeiro: “Para início de conversa já é bom começo, prosseguir comendo pelas beiradas.”
  • Sonia B. : “Que delícia!! E ainda nem começamos! vem aí o segundo mandato…”
  • Ivonei: “A propósito: Roberto Requião para Ministro das Comunicações!”
  • Cicero de Lima e Souza: “Devagarinho chegaremos lá. Vamos devagar com o santo que ele é de barro.”
  • Duda: “Tão importante quanto zerar a publicidade em veículos golpistas é dar todo apoio aos blogs
    progressistas.”
  • Vicente Torres Mourão: “São com medidas aparentemente simpres que se vai criando uma imprensa livre e democrata .”

Não é uma diferença assustadora?

Enquanto do lado dos republicanos parece não haver percepção da gravidade da coisa, os bolivarianos comemoram com uma empolgação inacreditável.

Basicamente, mesmo sem censura sutil oficial, o governo já está selecionando em quem anuncia favorecendo quem os elogia e prejudicando quem os critica.

Está na hora de falarmos da guerra simbólica, que Stálin dominava. É algo além da tradicional guerra de frame.

Essencialmente, a guerra simbólica é baseada em ações e reações, não avaliadas principalmente pelos significados automáticos, mas pelo que podem representar em prol de projetos de poder.

Imagine uma cidadela medieval. Lá existe uma mulher, Jezebel, uma masoquista que, como é de se esperar, adora sofrer. Nessa cidade existe uma gangue que quer convencer os donos do poder que estuprar é legítimo, pois eles cultuam um deus animista que lhes daria autoridade moral para currar todas as mulheres que vissem pela frente. E isso iria contra os interesses dos demais habitantes, que, obviamente, não querem ver suas mulheres sendo estupradas impunemente.

Mas daí essa gangue estupra Jezebel. Dentre a população, mesmo chocada, um diz: “Não há problema, pois Jezebel gosta de sofrer”. Outro fala: “Jezebel está feliz, veja a expressão dela. Então não há problema!”.

O problema é que ao estuprar Jezebel a gangue sabia o que estava fazendo. Os outros é que não entendiam o que estava acontecendo e os símbolos que essa gangue queria implantar no senso comum. O objetivo deles era esse: legitimar o estupro de mulheres. O estupro de Jezebel seria apenas uma ação simbólica.

É isso que Dilma fez brilhantemente ao marcar espaço mandando cortar verbas da Veja. As reações de leitores do Paulo Henrique Amorim confirmam isso.  Eles entenderam que uma nova era decisiva para eles começou: a era em que priorizarão censurar a mídia. Com isso, terão o estado todo em suas mãos de uma vez por todas.

Enquanto isso, o outro lado não entendeu o que está acontecendo. Quase ninguém fala do assunto. E, ao falar, demonstrar não ter sequer percebido a importância simbólica disso para o governo. 

Um leitor disse: “É melhor que a Veja não receba um centavo desse governo criminoso. Nós assinantes deveríamos ser capazes de sustentar a revista”.

Mas assim como a questão não era Jezebel, também não é a Veja. E neste caso, o dinheiro que deixa de ir para a Veja tende a ir para organizações da BLOSTA, que servem a um único objetivo: dar poder ao seu inimigo, de forma totalitária.

Seria preciso entrar na guerra simbólica e transformar o caso de corte de verbas para a Veja como uma instância de guerra, pois o dinheiro público é nosso. Ele não pode ser utilizado para priorizar órgãos de imprensa que falem bem do governo.

Mas a guerra política é assim. Marcar posição requer atenção, estratégia e pensar politicamente. Se não reagirmos duramente ao caso de corte de verbas para a Veja, Dilma obterá uma de suas grandes vitórias em 2014. E com uma facilidade assustadora…

E repetindo, só para deixar bem claro o que está acontecendo, pois alguns ainda não estão entendendo.

A questão não é a Veja. A questão não é se a Veja vai sobreviver ou não sem anúncios (vai sobreviver). A questão não é se é um “alívio” para a Veja ficar com ou sem verba estatal. Nada disso faz parte da questão.

O que ocorre aqui é um marco: antes e depois. Igual o 11 de setembro. A partir do momento em que a Veja tem as verbas cortadas por falar mal governo, e os adeptos da liberdade silenciam, inicia-se oficialmente uma era onde passa a ser legítimo censurar oponentes do governo.

Pela guerra simbólica, Dilma consegue estabelecer a censura apenas por marcar um espaço no senso comum da patuleia, com a ajuda da ausência de protestos do nosso lado.

Será que alguém ainda vai continuar dizendo que a questão é “será que a Veja precisa destes anúncios mesmo?”.

Aí a coisa é como diz Olavo: parece que tem gente que está sendo estuprada e só vai sentir dor quando a piroca chegar no cérebro.

Ou será que precisamos apelar ao exagero da retórica estilo Cyrus para explicar os fatos?

Anúncios

68 COMMENTS

    • “Não comprem nada que seja produzido em São Paulo. Só prá ver o que acontece…”

      Morrem de fome é isso que acontece, sem carros, sem caminhão, sem materia prima, sem materia beneficiada, sem produto pronto, tudo é produgidos nos grandes centro, até o gaz que carrega o botizão do fogão e feito nos grandes centros, sem os grandes centro economicos voltariamos a cozinhar a lenha, já cozinhamos a lenha, então cozinhe em panelas de barro, já cozinhamos em panelas de barro, você e todos mais, prontos temos uma nação socialista, todos redugidos pro baixo, nunca vi uma nação socialista que seu povo fosse rico, o povo rico e não estado vide china, o socialismo só empobrece, o corpo e o espirito, um espirito fraco, sucumbido, vive atras dos escudo, um espirito forte se agarra a espada.

      Levar conhecimento as areas mais pobres da nação isto mudará o jogo, como é que pode em pleno seculo 21, os nordestinos não saber o que é silagem, ainda, não ter desenvolvido um sistema de inrigação, israel desenvolveu um em menos de 50 anos, tivemos quinhentos anos, o norte vive na idade média, ainda mais atrasado que isso, vivem em casas de barro, sem iluminação a não se um lapião, isto é pre-historico, li e já assistir muitos filmes antigos que mostra sociedades da idade media muito mais desenvolvidos doque o nosso norte, isso é um absurdo.
      muda esse vies esquerdista, dependente e das regiões pobres do brazil, só assim se mudarar o jeito das coisas, sem mudar isso nada muda, antes os coroneis, hoje os estado salvador, o velho panis et circenses.

      • Sua visão é extremamente errônea, falar que o o norte vive na idade média é a mais pura ignorância, eu sou do Norte, vivo em SP, mas não para melhoria de vida, porque se fosse este meu objetivo não viria para cá, se você fala em conhecimento procure se informar, Israel é um País que possui regiões metropolitanas e periferias assim como em qualquer lugar, inclusive no Brasil. Conhecimento há, mais acessível para uns e pouco para outros, espero que a acessibilidade ao conhecimento aonde você mora chegue logo. abçs

      • Desculpe Marcos, se eu lhe ofendir, mais desconhecimento, ai é demais, meus pais são baianos, meus avos nascerão e morrerão na bahia ……………………………………………………………………………
        Nasci em São Paulo de que tenho orgulho tanto quanto se tivesse nascido em Boa Esperança, terra de minha mãe, e o norte a quem falo, não é a capital, as cidades litoraneas, falo das regiões secas do “nordeste”, talves tenha ai sido o erro, por considerar norte qualquer região acima de Mato Grosso do Sul, que e centro, sucessivamente, Norte, Centro e Sul, falo das regiões aridas, falo das regiões a quem muitos aqui já assistirão, das casa de barro apique, das cass de palha do chão batido, e por ai vai, e ai me esponho, ao ver essa situação e me indignar, da “pobresa cultural” dessa gente, que vive como indio, subdesenvolvido, que realmente são, ou vai dizer que indio e desenvolvido.
        E quando falo dos grandes centros, ai tambem se inclui, Salvador, Vitoria da Conquista, Manaus, e etc. Quando falo morrem de fome, tai a pura realidade, explico, onde são beneficiada toda materia prima do pais, as maiores industrias, os grandes polos agriculas e de beneficiamento….
        Pois bem é só em gesto de consideração a que venho aqui se possivel, me fazer entender.
        E que não queria ofende-lo, e nem ao povo de quem descendo e tenho orgulho.

    • “caro, a Dilma não quer só, o marco regulatório, não com a essência inicial, ou anunciada; eles querem censurar; não fizeram até HJ, por tolerância da dela, mas a gota d água foi a Veja; agora eles vão endurecer…a cara de Pau, sem mascaras”…

    • Corte de despesas publicas… poderia cortar de todos…. eu vivo do meu trabalho e sustento minha fámilia e pago meus impostos. Eu não quero meu dinheiro indo para Grandes Oligopólios, quero meu dinheiro indo para serviços sociais.

    • Se e somente se for verdade essa conversa de palhaço, a campanha é pelo corte de verba absoluto à toda imprensa, tv, rádio, inclusive blogs. Não tem prá mim, então também não tem prá ninguém, afinal é DINHEIRO PÚBLICO, mesmo que seja, na verdade, dinheiro-dívida.

  1. E além da campanha “Assine Veja”, apoio frontal para algum PL que acabe com TODA e QUALQUER publicidade oficial. Dinheiro do povo, que deveria ser usado para construir hospitais, creches e escolas, não pode ser usado para fazer propaganda da corrupta Petrobrás, Quem apoia publicidade oficial é um criminoso moral que está indo contra os interesses do povo, principalmente os mais pobres.

  2. Luciano. Não estou com permissão de comentar seus posts no facebook? É algum problema ou vc me bloqueou por engano? (como não sou nem de perto simpatizante do petismo e sempre comentei aqui no seu blog incluindo na época que seu foco era contra os neo-ateus, acredito que se foi bloquei, seja por engano)

  3. Pior que a atitude de dilma (previsível para uma amante de ditaduras como ela e 99,9% dos petistas) são as respostas dos leitores. É como ver as portas do inferno se abrirem. Acho que vou fazer uma assinatura de Veja!

  4. Luciano, depois dê uma olhada nessa resolução advinda do próprio PT (maio desse ano):

    http://www.pt.org.br/wp-content/uploads/2014/05/14-ENPT-RESOLUCAO-TATICA-ELEITOAL-FINAL-1.pdf

    Nele é possível encontrar vários acintes contra a Democracia, entre eles contra a mídia. No entanto, as questões que eles mais entregam a paçoca são o Decreto 8243 e o Mensalão. Olhe os exemplos:

    “Faz parte deste contexto difícil o processo de crescente judicialização da
    política, no qual se destaca o Supremo Tribunal Federal, que vem
    extrapolando suas atribuições em várias questões da vida nacional, no que
    é seguido por outras instâncias do Judiciário, em detrimento da soberania
    popular expressa no voto.

    O principal exemplo desta conduta é o julgamento de exceção em que se
    transformou a Ação Penal 470. Além de tudo que já foi dito em resoluções
    anteriores do Partido a respeito, agora vemos a perseguição e a negação de
    direitos a condenados, com o objetivo de acuar o próprio PT. Enfrentar esta
    situação exige, para além de medidas imediatas, um persistente trabalho
    de desconstrução da opinião pública acerca deste julgamento, que foi “80%
    político” e injusto. A campanha eleitoral dos adversários deverá abordar
    este assunto, o que o tornará ainda mais incontornável.”

    “As eleições de 2014 são, também, um momento decisivo para travar o
    debate de idéias e conquistar hegemonia em torno do nosso projeto de
    sociedade. Nesse sentido, a proposta feita pela presidenta Dilma ao
    Congresso Nacional, de um plebiscito para convocar uma Constituinte
    Exclusiva pela Reforma Política, proposta encampada pelo PT, movimentos
    sociais, centrais sindicais, partidos políticos, organizações da sociedade,
    deve fazer parte destacada da ação eleitoral da militância e de nossas
    candidaturas. A luta pela reforma política deve estar no centro de nossa
    tática eleitoral e dos programas de governo nacional e estaduais.”

  5. Luciano, pelo oque eu entendo toda a tentativa de censura está baseado no fato das televisões serem concessões publicas, talvez um conhecedor de tecnologia pode explicar melhor, mas as concessões, a meu ver, estão com os dias contados. Porque só faz sentido concessão quando existem faixas de transmissão limitadas. Assim o Estado distribui essas faixas. Só que agora com a tecnologia virtual, milhares de canais de informações e videos podem ser transmitidos ao mesmo tempo em pacotes de dados em uma mesma faixa. Ou seja, sem briga pelas faixas de transmissão, como em breve ocorrerá, não há mais sentido em se ter concessões. Sem concessão como a esquerda vai justificar a intervenção nas mídias? Eles se baseiam em um sistema que vai acabar em breve.

    • Você não acha que um governo como o do PT não ousaria apesar da Constituição garantir a liberdade de expressão, não ousaria barrar o acesso à Internet impedindo que o cidadão tenha acesso livre aos jornais e revistas que acessa pela Internet, ao mesmo tempo que barrasse também a transmissão de algumas emissoras de TV e rádio tudo isso porque quer roubar como já o faz, sem ser denunciado?
      Acho que este governo deveria trabalhar ao invés de passar o seu tempo indo a ONU falar mediocridade como apoio a degoladores, internamente gastar o tempo caçando inimigos como a imprensa independente, e reduzir este ministério que todos sabem que são moedas de negócio para aliciar partidos sem nenhuma ideologia ou proposta relevante, meros prostitutos.
      Ora, trabalhe, e não roube como o delator do Petrolão já revelou ao Juiz Federal no Paraná que uma parcela dos contratos assinados com o empresariado em certas diretorias da Petrobrás vai para o PT, e a imprensa não dirá que roubou. E o STF não condenará os seus heróis-bandidos Delúbio, Jenoíno e Dirceu. Simples!
      O PT quer matar o mensageiro por causa da notícia dos malfeitos que ele traz ao Brasil.
      Será que estes 51 milhões de votos para Dilma e o PT significam que estes eleitores querem continuar deixando a imprensa livre na mordaça para o PT continuar roubando mais 4 anos?

  6. Enquanto disso o Marcelo Tas deu um ótimo exemplo de como bostejar:

    No programa “humorísticos” CQC, depois de passar uma matéria sobre a Manifestação contra a Dilma (que eles colocaram, erroneamente, como uma passeata a favor do Golpe Militar), o sr. Tas soltou a pérola (foi mais ou menos assim):

    “Eu estou ouvindo há décadas que vai ocorrer um golpe comunista.Se isso fosse verdade,. esse golpe já teria ocorrido há muito tempo”

    O primeiro erro que ele cometeu foi dizer que pode ocorrer um golpe comunista.Isso nunca ocorreu porque o comunismo, teoricamente, é um sistema onde não há Estado e só poderia chegar a esse sistema, teoricamente, passando pelo socialismo.O que pode ocorrer é um golpe socialista.

    O segundo erro é ele afirmar que não vai ocorrer golpe porque ele esta escutando isso há décadas.Ora, isso não prova nada.É pura falácia!

    Infelizmente eu sou obrigado a concordar com muitos quando esses dizem que esse programa faz propaganda a favor do PT.

    • O programa é pró-PT por completo.

      Mas eu tenho avisado há algum tempo. E antes de ontem já reforcei.

      “6 – Lutem as batalhas atuais, não batalhas antigas ou imaginárias

      Um exemplo é não usar o termo comunismo. Eles facilmente irão ridicularizar. Geralmente, usam as âncoras de “tanques tomando às ruas”, associam isso a Stalin, dizem que isso não existe e te posicionam como neurótico. Tudo por que historicamente o termo “comunismo” está associado a esse tipo de implementação. Vocês querem gastar tempo de explicando ou obtendo resultados? Usem termos como socialismo. Melhor ainda: bolivarianismo. É um fato e eles não podem negar que são ambas as coisas, até por que bolivarianismo é o socialismo da “Pátria Grande”.”

      Abs,

      LH

    • Os falsos profetas do antigo Israel também pregavam que o país jamais seria atingido por uma desgraça, apesar dos profetas verdadeiros estarem sempre alertando, de que pela desobediência do povo, isso iria acontecer. Como Deus esperou quatro séculos para aplicar o castigo, o povo pensou que estava seguro. Tava nada. A Assíria acabou com o reino do norte ( o de Israel) e a Babilônia acabou com o reino do sul (Judá). Portanto, a demora de evento para acontecer não significa que ele nunca ocorrerá. Mas vindo de um um petralha mal disfarçado e ignorante, isso é natural. Mais uma avestruz no reino de Banânia.

    • CQC é chupa rola de PT, além de ser um programa de “humor” TERRÍVEL. Um dia quando cheguei em casa tarde e estava a TV ligada na reprise vi que tinham um quadro que se baseava em andar com os caras do Restart pela cidade e desafiar a fazer umas coisas do tipo “abraçar alguém”, coisa boba nesse naipe.
      E a Band é do filhinho do Lula, filhinho de papai, cara besta e ditador esse filho dele, aprendeu direitinho vendo o jeito ditador do pai.
      Rafinha Bastos lambe as bolas do PT e o CQC chupa a rola. Pro inferno, Band.

    • Eu não assisto a esse lixo e sugiro fazerem o mesmo, a menos que seja para constatar os truques e falácias usados por vigaristas morais/intelectuais a soldo chapa-branca.

      Dois pontos:

      1 – o termo correto, rigorosamente atendo-se à doutrina marxista, é “socialismo”. Marx e Engels preconizavam uma ditadura do proletário, oriunda de uma revolução sangrenta e gerida por um aparelho estatal fortemente repressor, a que chamou SOCIALISMO. Nessa fase, seriam resolvidos pouco a pouco os conflitos de classe e se estabelecendo a divisão equipartite dos meios de produção. No final desse estágio, surgiria uma sociedade sem classes e com toda a riqueza dividida por igual, sem a necessidade de um estado repressor, chegando-se, então, ao COMUNISMO;

      2 – no tocante a não ter ocorrido o golpe SOCIALISTA no Brasil, isso não se deve a este ser uma teoria da conspiração difundida pela direita, mas deve-se justamente ao contragolpe dos militares e a subsequente repressão que se fez aos violentos agressores da extrema-esquerda, doutrinados na base do golpe de Sierra Maestra, alguns até treinados em guerrilha por cubanos, e que de jeito algum pretendiam restabelecer um estado democrático de direito. Infelizmente, os militares a) generalizaram (sem trocadilho) a repressão e instauraram um regime truculento para todos os brasileiros, esquerdistas ou não ; e b) ocuparam-se, apenas, com as manifestações extremistas, negligenciando (ou subestimando) a guerra cultural que frutificava nas universidades e foi tomando paulatinamente setores ligados à formação de opinião. O resultado estamos, agora, sentindo na pele.

  7. Vc sabe que eles vão acabar com a Veja né? Com um estado gigante, com empresas dependentes do estado, com uma legislação fiscal complexa, esse é só primeiro passo, os próximos serão perseguir empresas que anunciem na Veja e mandar fiscais da receita baterem na porta da Abril. É questão de tempo.

    Se quiser não precisa publicar.

  8. Acabei de assinar a Veja, só de raiva, sugiro à todos os que se beneficiam da mesma e tiverem condições de fazerem, à partir de agora, a única que não tem rabo preso com o Governo.

  9. Meu comentário naquela bagaça:

    Excelente, agora o Governo ditatorial bolivariano vai poder escolher os que melhor puxam seu saco, como o dono deste site, para gastar a verba de publicidade, mas eu nem me incomodo, pois aqueles que perceberam o Golpismo da Dilma em boicotar quem fala a verdade do seu governo, vai passar a ler as notícias dos sites que menos recebem verba estatal, logo, com conteúdo mais confiável, com menos rabo preso, pois como dizia o Lula, quem tem medo de alguma coisa é porque tem rabo preso.

  10. O abaixo-assinado pedindo o impeachment de Dilma que segundo não a imprensa que faz o papel de divulgar notícia, mas segundo o doleiro preso que negocia com a Justiça Federal, Ministério Público, e outra instância do Judiciário a delação premiada pois este está muito convencido de que se não cooperar pegará várias décadas de xilindró, assim terá que revelar quem são aqueles que por dever do cargo, seja diretor ou presidente de mega-empreiteira que na ação da Polícia Federal espirituosamente batizada de Lava Jato pagou durante o governo de Marx-Lênin-Stalin-Mao Tse-Pol Pot conhecido aqui como PT, uma grana de até 3% do total dos contratos assinados com algumas diretorias da Peroba, a de Serviços, a de Abastecimento, etc, para irrigar a tesouraria de Partidos principalmente o partido alinhado com aquele finado que hoje se comunica com Maduro por meio de um passarinho chamado também de PT por aqui, e um outro partido o PP, ambos os quais já tiveram altos quadros seus condenados no STF e pagando pena na Papuda por uma cesta de crimes na ação conhecida popularmente como Mensalão. Além de apontar e mostrar provas de que estes megaempresários pagaram uma bufufa para o PT e o PP da ordem de 3% dos contratos com as diretorias da Peroba desde 2004, o doleiro terá que apontar quem na outra ponta recebia o pagamento, aliás ilícito, criminoso. Já se sabendo que a Lava Jato fechou um acordo de delação com um ex-diretor da Peroba, o de Abastecimento, ou de Engenharia, não me recordo, onde o mesmo, confirmou nomes de quem pagava os 3% para poderem ganhar os contratos da ordem de 9 zeros pra cima. Se mega-empreiteiros não pagassem os 3% não levavam. Levavam porque pagavam. Tem os que pagam, e os que recebem. E a transa é um apocalipse para os envolvidos. Não de revelação. Mas de fim de mundo, ou de consequências para eles mesmos entre as quais cadeia e devolução do dinheiro envolvido, os 3%. Só que o doleiro acabou de dizer e nem é motivo de surpresa que os dois presidentes, atual e anterior, sabiam desta transa entre as diretorias da Peroba, e os mega-empreiteiros.
    =
    Num outro país como os Estados Unidos da América isso sairia muito caro para os autores. Seria o fim da carreira dos dois presidentes, e a cadeia, à provar o doleiro que os dois sabiam da malandragem, da corrupção, da fraude, e mentissem. Naquele país democrático e capitalista, onde a justa é dura e o crime não passa impune, isso aconteceria porque o povo, o contribuinte, o patrão do presidente, não deixaria com uma imprensa poderosa e realmente vigilante a focar o ilícito com os olhos bem abertos, além de investigativa, um quarto poder realmente, que o seu país fosse dirigido por um elemento presidente que sabe do crime e se favorece dele e deixa ele correr, como aqui e como se vê desde o Mensalão.
    =
    No Mensalão, Roberto Jefferson apontou e provou-se que era tudo verdade na CPI. Que o partido bolivariano do ABC paulista estava distribuindo dinheiro público entre a base que ele chama de aliada. Quase 40 pessoas entre parlamentares, banqueiros, publicitários e membros do governo petralha e de outros partidos chamados fisiológicos estão pagando por seus crimes hoje. Sentenças tramitaram em julgado. Fim de apelação.

    Assim, se provar-se que os dois presidentes, esta e o anterior, estavam cientes desta prática e beneficiando-se, e ao partido petralha, de extrair 3% sobre cada mega-contrato entre megaempreiteiras e a Peroba para irrigar seus bolsos e partido político, como o dos petralhas, deverão sair do cenário público e esperar julgamento. Ou renúncia, ou impeachment. Por mim, bem feito !

    =

    Nos Estados Unidos da América o contribuinte agradece ter uma imprensa com jornalistas independentes. Uma imprensa baba-ovo, que deixa de publicar desmandos com o dinheiro público não prospera lá. Assim, como não prospera alí juízes amordaçados e sem noção básica de valores morais que falam idiotices não diferenciando a mentira da verdade e impatriotas.

  11. Pode se questionar isso judicialmente, a verba pública e para ser distribuída para todos, não só para amigos da corte.
    Partido não é Estado,
    não acessem os sites deles, não comprem jornais, não dêem ibope para os golpistas petistas.
    Hoje o RA postou uma matéria sobre as reais intenções do PT que achando que foi eleito, recebeu carta branca pra fazer o que lhe der na telha, depois reclamam que querem os milicos de volta, não se emendam.
    nunca acessei os sites deles, não vejo tv , quando muito a globo
    não assino tv a cabo, já foi no tempo em que tínhamos canais estrangeiros via satélite em tempo real, agora só reprises de lixos.
    Uso Internet, para me informar.
    uso bibliotecas para ler.
    compro a Veja, agora vou assinar e fazer campanha voluntária gratuitamente para que assinem a Veja!

  12. Eu nunca li tanta asneira… tanta sandice num lugar só… Nunca vi tanto orgulho na defesa de bandidos, sem percepção de honorários advocatícios. Nunca vi tanta inversão de valores como estou vendo neste espaço. Golpistas bolcheviques tidos como democratas… Democratas sendo chamados de golpistas… O feio vira lindo… O bonito é abominável… Paulo Henrique, você que viveu em Nova Iorque, convivendo com Paulo Francis, dele nada aprendeu ou, se aprendeu, se vende mais que prostituta e se faz de outro, para agradar seu chefinho. Seja autêntico, cara! Enquanto faz esses comentários esquerdóides como se tivesse 20 anos (e nada da vida soubesse), conserta pauta de colega a quem chama de coxinha; Fecha os olhos para a história; ignora convenientemente que o último suspiro marxista reside no Foro de São Paulo, em que Fidel conseguiu enganar o ignóbil (mas eleitoralmente competente) Luiz Inácio. Dele conseguiu a teta então recém perdida com a queda do muro. Suspiro o qual é interessante somente à ditadura cubana e aos marxistas “de ouvido” (como Lula, Maduro e 98% dos comunistas que conheço); Ignoram a fome da Ucrânia em 1937; ignoram o flagelo da Polônia libertada da foice e do martelo por Walessa… E, Deus nos acuda, li aqui a asneira de que o PT faz oarte do Trabalhismo!!! Sugiro que leiam, antes de parecerem jumentos, pelo menos, o estatuto daquele partido socialista! Olhem… nesta causa, acho que nem Jesus daria jeito…

  13. É a censura de mídia vindo aí… com um monte de jornalista pró-PT apoiando pra continuar de boca bem aberta prestes a tomar o leite estatal vindo da teta do governo.
    Como os esquerdões de fb dizem: NÃO PASSARÃO. Censura de mídia não passará. Viralizaremos o conteúdo da denúncia, viralizaremos o que ocorre, jogaremos a máscara no chão e pisaremos.

    SEM ACORDO.

  14. Só lamento que existam tantos pseudo-democratas, que acham que governar um país, censurando os meios de comunicação, tentando calar a oposição com meios excusos e sem diálogos, os levarão a algum lugar. Democratas ?

    • Já estamos vivendo uma Ditadura. Pois, governo que não respeita o seu povo, como devemos classifica-lo? Pais que só julga pobres, negros e àqueles que não coadunam com suas ideias. Será que ler um livro é trabalho ou lazer? Quantos livros deve ter sidos lidos pelo Fernandinho-Beira -Mar, Marcola e outros traficantes? Fica a pergunta para as autoridades do Supremo que deram a liberdade para os mensaleiros.

  15. Tinha um post no site G1, de 2009, falando sobre uma condenação de Dias Toffoli, ultimamente andei divulgando bastante a matéria nos grupos do facebook e em comentários, sabe o que aconteceu?, apagaram a matéria. O link é esse:
    http://g1.globo.com/Noticias/Politica/0,,MUL1310685-5601,00-TOFFOLI+TEM+CONDENACAO+EM+INSTANCIA+NO+AMAPA.html

  16. Enquanto isso Xico Graziano declara: “Militantes da direita exigem que nós, os sociais democratas, encampemos sua ideologia, o que seria um absurdo” rechaçando os influxos de apoio da direita, especialmente das redes sociais. Disse para saírem do PSDB. Vê-se que o PSDB e seus marqueteiros continuam sendo uma pedra no sapato e Aécio continua caminhando pelas próprias pernas.

  17. Na minha simples opinião, Não consigo entender como pode a nossa democracia permitir tal coisa, onde esta a nossa democracia, onde esta a liberdade de imprensa ? Que governo é esse que não respeita o nosso regime político que é a democracia ? Que presidente é a nossa? que justiça é a nossa?

  18. Se eh guerra q a PETRALHADA quer, então se preparem, pq vão ter o q merecem em doses gigantescas! Vamos pressionar o Congresso, e ir pras ruas tb, pra q façam uma AUDITORIA profunda nas verbas q a SECOM destina a publicidade do governo Federal, incluindo todas as ESTATAIS.
    E principalmente, ao dinheiro sujo jogado nos BLOGS CHAPA-BRANCA, q nasceram pra isso: ganhar dinheiro facil, sem produzir conteudo!

    Isso vai ser so o primeiro passo, pq o segundo eh: CORTAR VERBAS de todas as propagandas estatais em todos os veiculos, ficando somente o q eh essencial pra informar a população. Chega d jogar dinheiro no lixo pra endeusar uma QUADRILHA DE ASSALTANTES!

  19. Não pode cortar o bolsa-imprensa ? Por mim, o governo não deveria gastar um centavo, com nenhuma empresa de TV, Jornal, Rádio, etc. Se precisar(só em casos de necessidade) fazer comunicados à sociedade, que requisite a Rede Nacional de Rádio e TV, e faça seus comunicados. Dez minutos por dia no máximo são suficientes. Quem tem empresa, que trate de se sustentar pelos próprios meios. Que caminhe com as próprias pernas. Não é possível que depois de décadas, ainda não tenham aprendido a pescar.

  20. Leio as colunas da Veja diariamente: Reinaldo Azevedo, Constantino, Ricardo Setti, Augusto Nunes e FMB. Não lembro de ter visto um único comentário deles sobre essa questão. Acredito que não iriam ignorar o assunto. Imagino que, como o Luciano colocou, eles sabem das implicações dessa decisão da Presidência para a democracia. Vou enviar umas mensagens pra eles.

  21. Enquanto isso:

    Prezado Luciano, não vai ser com esse que iremos mudar alguma coisa.
    Já começou o dialogo com a governanta. Ao mentir hoje no senado Aécio disse:
    “…que a oposição não vai compactuar com práticas de “esconder ou camuflar” as investigações sobre o caso Petrobras.”. Hoje nem bem o defunto esfriou e já se iguala a Dilma e Lulla, ao dar uma de Joaquim Silvério dos Reis, ao fazer um acordo para livrar a convocação dos dois pela CPI da Petrobrás, em troca de sua não convocação e de Alvaro Dias. Oque ele está escondendo. Impeachment nele.
    Leiam:

    05/11/2014 17h15 – Atualizado em 05/11/2014 18h29
    CPI mista faz acordo e evita chamar ministros, Palocci, Dilma, Lula e Aécio
    http://g1.globo.com/politica/operacao-lava-jato/noticia/2014/11/cpi-mista-faz-acordo-e-evita-chamar-ministros-palocci-dilma-lula-e-aecio.html

    E não venham dizer que ele não sabia.

  22. Além de assinar a veja, quero agora ler tudo que falar a verdade como essa revista. Com um detalhe, desligarei a TV a cada vez que aparecer nela as figuras indesejáveis de LULA E DILMA. Chega de ouvir mentiras e demagogia.

  23. Se esquece de algo muito importante. Isso vai gerar a deslegitimação total da revista que ao denunciar algo vai ser taxada de tentar fazer represália ao governo por ter perdido verba. Ou seja a denuncia não será vista como um fato, será uma calunia que visa prejudicar o governo que lhe tirou verba.

  24. Nada é descarado como se pensa ou é. A mídia no geral não vive das assinaturas, mas principalmente da verba publicitária. A Petrobrás é um grande anunciante, corta-se a verba dos anúncios da Petrobrás, os institucionais etc da revista e aí sim, vc tem o verdadeiro corte. Imagina para uma revista, em que a média de uma página simples custa algo em torno de 300 mil, página dupla 700 mil e multiplique isso pelos tantos anúncios, por tantas semanas e vê quanto isso dá em verba a menos ao mês. É dessa forma que o PT age, não é pela violência, mas pela falta de caráter, pelos modos mais podres e vis que a gente nem sequer poderia imaginar que um governo agiria. Essa presidente mente descaradamente quando diz que vai defender a liberdade de expressão. Liberdade desde que fale bem, porque senão, corte, censura, etc… triste, muito triste no que está se tornando esse País.

  25. O que tenho feito é bombardear e-mail de Deputados e Senadores que, teoricamente não estão a serviço do PT, pedindo que se oponham a essa atitude antidemocrática do Governo. Minha sugetão é que também façam o mesmo

  26. Descobri este canal(Lucianoayan) à uma semana; Postei esse comentário 3 vezes na veja, porem eles não publicam, segue: Descobri porque o LULA(sempre usar lula) nos chamam de “coxinhas”; Porque é assim que os infratores da lei chamam os agentes que os perseguem. OBS: Aqui em SP os foras da lei chamam os Policiais de coxinha.

  27. Meu amigo, reconheço sua habilidade ao escrever este texto, porem peço que, para burros como eu, você deveria simplificar mais aquilo que escreve , como disse não tenho a capacidade do entendimento para acompanhar seu raciocínio.

Deixe uma resposta