Dilma se reúne com porcos da Unasul para transformar o Brasil em um chiqueiro

18
93

dilma

A frase que melhor resume o relacionamento do governo petista com a escória dos governos latino-americanos é: “quem se mistura com porcos, farelo come”. Claro que sabemos que todo o projeto do PT não tem nenhum apreço por nossa sustentabilidade, somente pela manutenção do poder na mão de bolivarianos.

Conforme matéria do Último Segundo, a presença de Dilma na Cúpula Extraordinária da União das Nações Sul-Americanas (Unasul), em Quito, no Equador, foi recheado de momentos ridículos. Veremos alguns deles:

É preciso transformar esses recursos [naturais] em ferramentas efetivas de diversificação produtiva e desenvolvimento social, sob pena de ficarmos presos ao círculo vicioso da mera exportação de matérias-primas.

E eles são muito bons nisso! Na Venezuela, mesmo sendo privilegiados em recursos naturais como Petróleo, eles estão definhando. Na verdade, as informações que esse pessoal do Foro de São Paulo troca é sobre como explorar estatais que monopolizam o comércio de recursos naturais. É puro negócio. Que só beneficia os donos do poder, evidentemente.

[A América do Sul deve ser consolidada como um] exemplo de paz, de união, em um mundo cada vez mais conturbado pelas incertezas de ordem política e econômica.

Deve ser uma maravilha esse projeto de “paz e união”. Opositores assassinados (e violentados com fuzil) na Venezuela. Eleitores chicoteados na Bolívia. E o Brasil com 60.000 homicídios por ano. É um belo exemplo pro resto do mundo, não? E o pior é que ela fala tudo isso sem ficar corada.

[Na época das manifestações da Venezuela em fevereiro de 2014, a Unasul comprovou a “eficácia” da entidade para “auxiliar os Estados-membros na busca de soluções democráticas, pacíficas e negociadas em cenários de crise”.

Ha ha ha…

O senso de humor dessa aí é mórbido demais.

Nós, países da Unasul, provamos que somos capazes de enfrentar muitos dos desafios. Nos últimos anos, nossos países aumentaram a renda per capita, diminuíram o desemprego e reduziram os níveis de pobreza de suas populações.

Ué, não era essa aí que não pára de dizer que Aécio deve “descer do palanque”? Isso aí é discurso de campanha. E como sempre, mais falso que menstruação de travesti. Argentina, Venezuela e Brasil estão liquidando suas economias.

Somos 12 países com 12 visões de mundo que representam as experiências e aspirações de cada uma de nossas sociedades.

Uma hora falam em “Pátria Grande”, depois em “12 países com 12 visões de mundo”.

Mas sabemos que todas as aspirações de porcos como os líderes da Argentina, Venezuela, Brasil, Equador e Bolívia é uma só: a aniquilação econômica dos países controlados por eles, seguido pelo enriquecimento de seus partidos. É a isso que se chama de “projeto de poder” no léxico bolivariano.

É claro que os líderes de republiquetas com as quais Dilma e Lula se aliam não definem seus povos. Esses “líderes” que se unem para discutir projetos totalitários são os porcos, não as populações de seus países.

Até por que duvido que as populações da Argentina, Venezuela, Equador e Bolívia sejam compostas de bárbaros psicopatas. Esses povos são vítimas dos porcos que os governam.

E, pelo que se nota, Dilma está cada vez mais focada em nos transformar em um grande chiqueiro. Vocês vão engolir isso?

Em tempo: existem alguns líderes de países civilizados aí no meio (exemplo: Colômbia). Mas os porcos estão doidos para levá-los para o chiqueiro também.

Anúncios

18 COMMENTS

    • Quando existe descuido na redação de um texto o argumento se enfraquece. Os “porcos” citados são representantes de todos os países da América do Sul, incluídos aqueles que não se alinham com o bolivarianismo (como Chile, Colômbia, Paraguai e podemos acrescentar o Peru). A integração regional tem sido explorada pela esquerda e os movimentos liberais devem se fazer presentes no processo e não desqualificá-lo. A Colômbia tem a presidência neste momento (o Chile foi o primeiro) e não vai “encher a bola” do Chavismo de Maduro. A esquerda ligada ao Foro de São Paulo possui a maioria, porém não possui a hegemonia (muito pelo contrário). A iniciativa de criação de uma escola de Defesa vai ser um tiro no pé dos bolivarianos. Somente as Forças Armadas da Venezuela sofreram um programa ideológico-político ostensivo. Todas as demais Forças Armadas da América do Sul (incluindo a Bolívia e Equador) são conservadoras e resistentes ao socialismo (do século XXI ou de qualquer outro século). Os poderes executivos dos países do Foro não conseguirão explorar a desconfiança para com os norte-americanos ao ponto do uso das armas de seus soldados em apoio ao processo revolucionário socialista. Não é apenas na Argentina dos Kirchners, ou no Brasil do PT, que os militares tem alta aversão ao vermelho.

  1. – “O populismo ama tanto os pobres… que os multiplica”.

    Mariano Grondona.

    O verdadeiro inimigo da América Latina não é o esquerdismo. Nem comunismo. Tampouco o direitismo.

    O verdadeiro inimigo da América Latina é o populismo, que mata a lógica e as instituições e se utiliza do esquerdismo e do direitismo, como álibi e divisor da platéia, para dizer:

    – “Você está mal porquê outro está bem…”

  2. Porta vozes de causa perdida.
    Seres rastejantes do submundo da corrupção.
    Seita maldita a quem interessa disseminar a pobreza e a dependência de um Estado abjeto.

  3. Talvez, em nenhuma outra época, os países da América do Sul tenham sido, ao mesmo tempo, governados por líderes tão grotescos como é o caso do Brasil com dilma (em minúsculas), Bolívia (evo), Argentina (Cristina K), Venezuela (Maduro), etc. Parece um museu de horrores. Os globalistas que mandam no mundo escolheram a dedo os piores entre os piores como governos, de modo a humilhar e envergonhar ao máximo os povos da América do Sul. No ritmo em que estão as coisas aqui no Brasil, por exemplo, daqui a pouco o Marcola, o Elias Maluco ou o Fernandinho Beira Mar vão ser escolhidos pelo Foro de São Paulo para disputar a presidência no Brasil.

  4. Eu nao sou petista infiltrada, apesar de voce afirmar que quem tem opiniao de que só os militares darao conta disso (se é possivel devido ao nível de corrupcao em todas as instituicoes), mas quando voce pergunta no texto acima: “voces vao engolir isso”? A resposta é NAO, nós nao estamos afim de engolir isso, ja fizemos 3 manifestacoes demonstrando qeu nao estamos satisfeitos com o totalitarismo do pt e o que eles fizeram? Nos ignoraram solenemente e continuam a fazer seus projetos a todo vapor. É por isso que os pessoal que fala em intervencao ja está desesperado, por ver que o PT nao respeita lei, e que a oposicao ( se existe de fato) só age no tranco. E mesmo assim nao está funcionando. Agora o pessoal recebeu a porta na cara na “Casa do povo”. O que mais precisa acontecer? Nao vejo outra solucao a nao ser a intervencao, para encaminhar a justica quem está envolvido na Petrobras, eles nao tem condicoes de continuar governando o Brasil. Daqui ha 15 dias comeca o recesso parlamentar e o pt vai ganhando tempo. E digo mais, que tipo de oposicao é o psdb que aprovou semana passada no estado de Sao Paulo os “conselhos populares”, ou seja, uma espécie decreto 8243 porém a nível Estadual. Por favor, nao trate os que desejam intervencao militar como inimigos, é um equivoco de sua parte. Sao apenas pessoas que nao acreditam que o pt respeita as leis do país e que a democracia está falída. Segue o link sobre a aprovacao dos conselhos populares aprovados pelo psdb.http://www.aasp.org.br/aasp/imprensa/clipping/cli_noticia.asp?idnot=18169

    • Erika,

      A questão não é de ser petista ou não, mas que todo o discurso intervencionistas é PROPAGANDA para o PT. O fato de você fazer propaganda NÃO-INTENCIONAL é esse detalhe. Você não precisa estar ciente do que faz, o que importa é o resultado que você gera.

      Abs,

      LH

    • concordo total, erika. esse pessoal tá querendo matar mosquito da dengue com água mineral.
      entre renan calheiros e o temer, não dá pra saber o que é mais vendido e oportunista. iria precisar de 15 impeachment para aparecer alguém razoável. intervenção já, antes que a comissão da verdilma consiga jogar mais 1 caminhão de merda em cima dos militares.

  5. E esses idiotas ainda estão tentando emplacar a União das Repúblicas Socialistas Soviete Latino-Americanas… inveja do Paraguai que teve mais força e coragem para chutar o traseiro de seu ex-presidente…

  6. Luciano, tu acha que o PT pode querer usar exércitos de outros países para fazer valer sua visão totalitária? Quais as chances deles adotarem uma postura nessa limha?

    • É uma possibilidade, porém não passarão, o Brasil é a maior potência bélica da América Latina, se tentarem ficarão com a cara no chão, aqui tem BOPE’s, GAM’s, BAC’s, CHOQUE’s, COMANDOS, PARA-SAR, COMANF, PQDTs, FUZILEIROS, GUERRA NA SELVA, FORÇAS ESPECIAIS, etc.

      Se eles tentarem vão passar mal (pra usar uma terminologia daqui do RJ), enfim, nossas FFAA não tolerarão interferência militar externa, isso sim é digno de intervenção militar, não no Governo, mas contra essas forças.

      • Considero ALTAMENTE PROVÁVEL, que o PT tente fazer uso de TROPAS ESTRANGEIRAS, PARA DAR UM GOLPE de Esquerda em nosso País.

        Minha visão é a seguinte: O PT QUER DAR O GOLPE! Sem o golpe, para o PT, toda esta Macro Estratégia de atingir o poder por via democrática, não terá valido a pena! O golpe, será para eles como que a “cereja do bolo”, o PT precisa do golpe para satisfazer seus delírios psicóticos.

        Eu não quero, de forma alguma, um golpe, seja este com ou sem orientação política mas, considero muitissimo provável que este venha a ocorrer, muito mais pelos anseios de poder da Esquerda, do que por uns poucos saudosistas de direita que todos sabemos que existem.

      • Você está enganado. O Brasil pode ter um contingente maior de infantaria, mas a tecnologia bélica brasileira está defasada se comparada a de nossos vizinhos venezuelanos, que foram armados pelos russos. Tem a questão do exército não ter munição para horas de combate, o PT conseguiu solapar as Forças Armadas. Em relação a caças, por exemplo os caças novos suecos Gripen só chegarão em 2019, por enquanto temos os F-5, verdadeiras relíquias voadoras, enquanto a Venezuela tem Su-30, caças russos bem mais avançados, e também possuem o F-16, ambos dão um banho no caça principal utilizado no Brasil. Cuba por exemplo, tem alguns MiG-29, que são comparáveis aos F-15. A superioridade bélica das forças aéreas bolivarianas é inegável.

Deixe uma resposta