Totalitarismo bolivariano: BLOSTA e PCdoB se unem para atacar a organização Vem Pra Rua

10
201

fabiotran

A luta pela democracia não comporta ilusões. Por isso, quanto mais cedo ataques torpes do governo petista (e de suas linhas auxiliares) sejam usados como conscientização do nível baixo dessa gente contra quem estamos lutando, melhor.

Uma excelente oportunidade de aprendizado é ver o truque do Brasil247, em aliança com o PCdoB, para coagir o movimento Vem Pra Rua, apenas por este ter dado apoio às manifestações do Movimento Brasil Livre, que está ocorrendo hoje em diversas capitais do Brasil.

A primeira matéria já foi publicada hoje pela manhã, intitulado Ao 247, Lemann nega apoio ao impeachment de Dilma:

O homem mais rico do Brasil, dono de uma fortuna de US$ 21 bilhões, estaria por trás de uma nova onda de protestos no País? A acusação contra Jorge Paulo Lemann, assim como a seus sócios Beto Sicupira e Marcel Telles, donos da Ambev e do Burger King, foi publicada neste fim de semana na internet e se alastrou pelas redes sociais.

O motivo é o registro oficial do site vemprarua.org.br, que convoca as manifestações deste sábado, com apoio de políticos da oposição como o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-governador tucano José Serra, eleito para o Senado.

No site Registro.br, pode-se constatar que o registro do vemprarua.org.br foi feito pela Fundação Estudar, que pertence ao trio de bilionários. O responsável pelo cadastro do domínio é Fábio Tran, que vem a ser diretor-executivo da Fundação Estudar (confira aqui).

Ao 247, Lemann fez questão de negar o envolvimento dele, de seus sócios e da própria fundação com qualquer iniciativa de caráter político. “Novidade total para mim”, disse ele. “Eu não me meto em politica e a Fundação Estudar também tem que ser totalmente apolítica”, afirmou o empresário.

Lemann prometeu ainda apuração rigorosa sobre o caso. “Estou perguntando ao comitê executivo e ao Presidente do Conselho da Fundação, Marcelo Barbosa, o que se passa. Suspeito que eles não saibam de nada.” O dono da Ambev, no entanto, afirmou que “o Fabio Tran realmente existe na Fundação.”

Criada por Lemann, Sicupira e Telles, a fundação destina-se a atividades educacionais, como a promoção de bolsas de estudo. “Fundada em 1991 por 3 dos mais importantes empreendedores do mundo, Jorge Paulo Lemann, Beto Sicupira e Marcel Telles, a Fundação Estudar é uma organização sem fins lucrativos que tem como objetivo potencializar jovens talentos para que possam agir grande e transformar o Brasil”, diz o texto do site.

Atento aos danos de imagem que a associação a um movimento de caráter golpista poderia causar a seus negócios, Lemann reagiu com rapidez e transparência. Retornou aos questionamentos do 247 em menos de duas horas. Até porque o silêncio poderia torná-lo cúmplice de um movimento criado para desestabilizar um governo legitimamente eleito – ou melhor, reeleito, há pouco mais de um mês.

Neste sábado, a página de um dos partidos da base aliada, o PC do B, acusou Lemann, Telles e Sicupira de estarem fomentando um movimento golpista (leia mais aqui).

O mais provável, no entanto, é que Fábio Tran, que convocou as ruas neste sábado, seja sumariamente afastado da Fundação Estudar. Em vez de conseguir o impeachment de Dilma, será ele o primeiro a cair.

Como sempre ocorre com a BLOSTA, a mitomania psicopática dá o tom, com um caudal absurdo de mentiras e truques.

Para começar, dizem que o protesto é por impeachment, o que, como todos já sabem, é mentira. O protesto deste fim de semana é por agilidade nas investigações do Petrolão e pela rejeição à Lei do Calote, além de outras demandas, todas elas em prol da democracia.

Em seguida, eles usam um truque de falsa associação dizendo que o Vem Pra Rua, por ser um domínio registrado pela Fundação Estudar, seria “endossado” por Lemann. A tática é típica: mesmo sem existir uma associação direta com Lemann, eles simulam associação direta para forçá-lo a tomar uma ação contra os “associados”. É puro truque de pressão governamental para atacar a opinião discordante.

Repare também que o texto usa a expressão “golpista” várias vezes, o que tem sido um frame usado de forma combinada por todos os governistas para repelir qualquer manifestação de oposição ao governo. Alias, me surpreende que do nosso lado ainda não estejamos chamando o PT de golpista a todo momento. Será que o PT “patenteou” o termo?

Por fim, o texto pede que Fábio Tran seja afastado da Fundação Estudar. Ou seja, é exatamente a mesma pressão que o PT fez contra a executiva do Santander Synara Policarpo em junho de 2014.

Mais doses de cinismo psicopático vem em outra matéria, publicada há alguns minutos, com o título Bilionário manda tirar do ar página do golpe:

O site vemprarua.org.br, que estava registrado em nome da Fundação Estudar, criada pelos bilionários Jorge Paulo Lemann, Beto Sicupira e Marcel Telles, foi retirado do ar na tarde deste sábado – no entanto, o domínio vemprarua.org, registrado fora do País, continua ativo.

Em entrevista ao 247, Lemann, homem mais rico do País, com uma fortuna estimada em US$ 21 bilhões, reagiu, indignado, à informação de que sua fundação estava sendo usada com finalidade política.  “Eu não me meto em politica e a Fundação Estudar também tem que ser totalmente apolitica”, disse ele (leia mais aqui).

O domínio vemprarua.org.br foi registrado em nome da Fundação Estudar por Fábio Tras, diretor-executivo da entidade. Ainda não se sabe se ele será definitivamente afastado, mas o presidente do conselho da fundação, Marcelo Barbosa, informou ao 247 que estão sendo avaliadas as “providências cabíveis”.

Ontem à noite, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) convocou protestos em diversas capitais, para a tarde deste sábado, em sintonia com o movimento “vemprarua” (confira aqui o vídeo e leia reportagem do 247 a respeito). Outro vídeo foi postado também pelo senador eleito José Serra, também do PSDB.

Ainda não se sabe o alcance que terão os protestos deste sábado, mas o propósito é claro: ajudar a criar condições para um eventual impeachment da presidente Dilma Rousseff, reeleita há menos de dois meses.

Com a retirada do site, o movimento pelo golpe sofreu uma baixa relevante antes mesmo de iniciar sua marcha. Vitória da democracia. [Grifo meu]

Observem com atenção esse conteúdo acima.

Uma das técnicas mais importantes de propaganda é a repetição. Eles repetem o termo “golpe” e “golpista” de novo, em quantidade incessante e mentirosa (o que já poderia resultar em dois processos contra o Brasil247, um por cada texto, mas como ninguém se digna a atacá-los na rotulagem, eles vão capitalizando).

Mas o pior é que o texto continua exercendo a pressão para que Fábio Tran seja afastado, exatamente como ocorreria hoje na devastada Venezuela.

Sejamos francos, como é padrão para este blog: se Fábio Tran for afastado, e isso não gerar uma pressão contra esses monstros que estão fazendo pressão sobre Lemann e seus sócios, o governo terá obtido mais uma vitória simbólica devastadora, ao dizer que “oponentes devem ser demitidos por pressão governamental sobre as empresas”. Ponto. Ainda se Tran for efetivamente demitido e não for transformado em um mártir, teremos a perda de uma oportunidade incrível para esfregar mais uma vítima bolivariana nas fuças dessa escória.

Veja também como o texto é concluido: “Vitória da democracia”. Isso é coisa de psicopatas! Ninguém mais tem o direito moral de ignorar esse fato! No exato momento em que eles conseguem censurar alguém por opinião divergente (a partir da pressão econômica usando o aparato estatal contra as empresas, exatamente como na Venezuela), dizem que isso é “vitória da democracia”. Não, é um exemplo de postura ditatorial, como sempre, do PT.

É aquilo que Nando Moura explicou muito bem em um vídeo, conforme vemos abaixo:

Pode parecer uma explicação simplificada, mas podemos desconstruí-la: democracia, para o PT, é a capacidade que eles adquirem para destruir a oposição de maneira totalitária.

E, como já disse mais de uma vez, o preparo para desmascarar psicopatas será essencial para a luta neste momento, pois os bolivarianos colocarão uma elite destes psicopatas para cinicamente atacar de forma moral todos os opositores.

Eu tenho discordado de algumas demandas recentes de Olavo de Carvalho (que influenciaram muito o movimento Revoltados On Line), mas na análise do comportamento dessa gente petista ele é exemplar. Veja o trecho de um texto intitulado Maquiavel e os Bobos, de 2007:

Se querem um exemplo imediato de como a coisa funciona, observem o “Movimento dos Sem-Mídia”.

Notem bem. Durante quase duas décadas os jornais e canais de TV deste país não apenas glorificaram os ídolos da revolução comunista, demonizando seus adversários, e não apenas estenderam sobre o Foro de São Paulo o manto de silêncio protetor que lhe permitiu crescer sem ser notado, mas também se abstiveram sistematicamente de noticiar as atrocidades genocidas praticadas pelos regimes comunistas e seus aliados nesse período e forneceram integral apoio a todas as iniciativas da “revolução cultural” politicamente correta: abortismo, gayzismo, cotas raciais, liberação das drogas, etc. etc. Mais esquerdismo que isso, nem noPravda.

Durante anos tentei convencer os liberais e conservadores de que deviam organizar um movimento de protesto contra essa dominação hegemônica que os marginalizava ao ponto de só permitir sua sobrevivência como súcubos ideológicos da corrente dominante. Como não o fizeram em tempo, a própria esquerda o faz agora em lugar deles, fingindo-se de vítima oprimida quando é na verdade a única autora e beneficiária do crime. É um blefe tão monstruoso, tão cínico, que ilude os observadores mais espertos e acaba passando por empreendimento de boa-fé.

É um exemplo corriqueiro. A técnica da contradição estupefaciente está em tudo o que a esquerda faz. Enquanto seus adversários não atinarem com isso, continuarão sendo feitos de bobos a cada semana.

Entendo que a regra é clara: Fábio Tran deverá ser protegido (e se não for possível, transformado em um mártir) de uma manada de psicopatas governistas. Mas se não estivermos preparados para desmascarar discursos vindos dos abismos mais profundos da depravação humana, vamos perder tempo. Por isso, no momento é preciso de sangue frio, boas estratégias e táticas, além de muita determinação.

Anúncios

10 COMMENTS

  1. FASCISTAS do 247 bostejam mentiras para REPRIMIREM O POVO 6.12.2014 às 17:35
    Matéria MENTIROSA e GOLPISTA!!! Obviamente esta MÍDIA GOLPISTA CHAPA BRANCA do Brasil 247 ataca com seu FASCISMO a liberdade e democracia garantida pela constituição e REPRIME o povo brasileiro de se manifestar CONTRA A CORRUPÇÃO E MENTIRAS DESTE (DES)GOVERNO BOLIVARIANO. Esta MIDIA GOLPISTA que bosteja MENTIRAS sobre uma UTÓPICA intervenção militar. E NÃO EXISTE GOLPE em solicitar o IMPEACHMENT caso sejam comprovadas as denúncias de crimes envolvendo a presidente.

  2. Fiquei com náuseas, me embrulhou o estômago… sério.
    Até onde pode chegar a ralé comunista, não parecem seres humanos.
    Que horror, e pensar que ainda estamos nas mãos dessa gente.
    Está na hora de lutar por LIBERDADE.
    Pobres coitados que vivem presos nesse tipo de ideologia, corrompendo os mais simples e desavisados.
    Mil vezes malditos!!!
    Mil vezes corruptos!!!
    Mil vezes entes do submundo!!!
    Rastejem na lama da imoralidade!!!

  3. Mas esse 247 nao e do tal Fabio Atuch que recebeu propina de 6 x 40mil do Petrolao?
    e dai que o site do vem pra rua seja do empresario,?
    se fosse do lixeiro, do joao da silva, da maria fulana?

    o cara nao quer o registro do site porque tem algum rolo com o governo?
    Registra noutro dominio, registra fora do pais.
    Caramba, como dao importancia a coisas que nao tem a menor importancia
    Note que quem disse as manifestacoes de “carater golpista”, nao foi o tal Lemann , mas o cretino que redigiu a materia. Ou seja ,much a do about nothing!

  4. Aqui não têm golpistas, até porque pedi fora PT, fora DILMA ou derrubar o governo democraticamente eleito não é golpismo. Vão ser sem noção lá em MIAME. E quanto a LEMANN, sem comentários. O empresário vai querer ver seu nome envolvido em um assunto de sem noção?
    Quer ser reacionário na internet? Que banque por contra própria ou então utiliza a REVISTA REACIONÁRIA VEJA.

  5. Muitos grupos na rua , de diferentes linhas politicas , é bom para a democracia.
    Se é bom para a democracia , é péssimo para o PT.
    Deu para entender agora ?

  6. Luciano,

    Vou aproveitar esse post para fazer um comentário sobre a manifestação que aconteceu na Avenida Paulista hoje:
    O pessoal do Movimento Brasil Livre em um momento disse as seguintes frases:
    – “um vaia aos sem teto”
    – “porque invadem o Centro e não vão invadir Guaianazes”
    – “um bando de vagabundos”
    Diante do que tenho lido no seu blog considero essas frases muito ruins, pois distanciam o movimento do povo.

    Não lembro ao certo se foi no carro do MBLivre ou do VemPraRua, mas subiu uma professora bahiana que disse uma frase que achei muito boa, algo como: queremos um Brasil que tenha ações sociais mas que dê dignidade ao povo e não esmola. > não foram essas exatas palavras.

    Não sei se vc participou das manifestações, ou se acompanhou de alguma maneira, mas aguardo ansiosamente um post seu a respeito.

    Deixo aqui algumas impressões:
    – fui nas manifestações de junho do ano passado, e tem uma diferença muito grande de públicos: a idade. Na manifestação de hoje 80% das pessoas eram acima de 35 anos, e tinha uma grande parte de manifestantes idosos. Nas de junho/2013, 90% de jovens até 25 anos.
    – fiquei 1h30 na manifestação, do MASP até a Bela Cintra, não vi negros nem pardos – espero não ser mal interpretada com tal descrição.
    – a cara da manifestação não era “popular”.
    – acho esquisito, o Lobão, por exemplo, em um vídeo postado na net ficar nervoso pq o Aecio e sei lá mais quem não compareceu a manifestação. Particularmente, acho que o Serra discursando no carro do VemPraRua só enfraquece. Essas denúncias de corrupção, que era uma das demandas da manifestação, se bem investigadas chegarão ao PSDB. Não é ruim esses movimentos parecerem associados a esses políticos?

  7. Em minha avaliação, a melhor caracterização para refutar as acusações infundadas de golpismo por parte da BLOSTA é chamá-los de “colloristas”. Associando-os a Fernando Collor, fica mais do que evidente que aquilo que eles consideram golpe é, na verdade, defesa de roubalheira. O tempo que eles perderão tentando explicar diferenças mentirosas os deixará na defensiva. Por isso, fica aqui a sugestão: qualquer grupo que tente deslegitimar oposição que brigue por assepsia na administração pública é collorista, isto é, apreciador assumido do linguajar e das atitudes de Collor. Quero ver a BLOSTA se librar dessa.

  8. a quase vitória do Aécio assustou pra valer esses bando de porcaria, a ponto destes começarem um ataque massivo contra a democracia e os opositores do PT. É sinal que estamos no caminho certo e devemos apertar o cerco.

Deixe uma resposta