Sakamoto e a ONG Repórter Brasil: o bolivarianismo dissimulado como um grande negócio

55
489

sakamoto

Muitos da direita morrem de rir de Leonardo Sakamoto, achando que seus posts configuram exemplos de “delírio esquerdista” e “falta de conexão com a realidade”. Vai ser um tanto quanto duro para essas pessoas reconhecerem que quem ri por último é Sakamoto, não eles.

Recebi uma ótima dica de Pedro Henrique Ferreira, leitor deste blog e participante da comunidade de FB Conservadores da Zueira, mostrando a prestação de contas da ONG Repórter Brasil do ano de 2013. Clique aqui para baixar o PDF dessa prestação de contas. (O link não está funcinando, mas segue a prestação de contas do ano de 2014).

Conforme diz Pedro Henrique, a ONG Reporter Brasil, de Leonardo Sakamoto, recebe dinheiro do Ministério dos Direitos Humanos. A ONG torra mais de um milhão de reais por ano em Recursos Humanos. Note que não há nenhuma atividade “física”, e a organização se limita a 10 funcionários, incluindo nessa lista um estagiário. Evidentemente, eles não divulgaram quanto cada um recebe, mas é de se esperar que o presidente da organização receba a maior parte da bolada.

Agora vamos rever o que está no texto Eu acredito na causa. Desde que não atrasem o pagamento, que ele publicou essa semana após a violência do governo contra os manifestantes no Congresso no dia 02/12. Avaliaremos partes desse texto:

Não consigo esconder minha azia diante do que chamo de “Mercenários do Ativismo”. Um pessoal que ocupa galerias do Congresso Nacional e participa de manifestações e protestos que, apesar de não acreditarem em uma única palavra do que propagam, defendem a posição até o último suspiro – desde que o pagamento seja feito nos conformes.

Dificil arrumar um exemplo maior do lema leninista “acuse-os do que fazemos” do que este.

Eu sei que todos nós temos que comer no final do dia. E que não tá fácil pra ninguém… Mas é importante manter a dignidade para poder continuar andando de cabeça erguida.

Sim, muito digno reclamar de gente supostamente “recebendo” grana para se manifestar. Só que esta é precisamente a ocupação de Sakamoto.

Isso é diferente de membros de partidos políticos, sindicatos e associações empresariais e organizações sociais – à esquerda ou à direita – que são assalariados para exercer uma função em uma estrutura como qualquer outro emprego. Ou seja, uma relação normal de compra e venda da força de trabalho.

De jeito algum. Se for dono de ONG recebendo verba estatal para falar bem do governo, a coisa é ainda mais indigna. A não ser que a avaliação esteja sendo feita por uma pessoa sem o menor traço de ética.

Ou quando alguém decide dedicar sua vida a uma causa e é remunerado por isso – tenho preguiça do pensamento limítrofe que acredita piamente que o trabalho no terceiro setor deva ser voluntário e passar longe do profissionalismo como se isso o tornasse mais “puro” quando, na verdade, a experiência mostra o contrário. Como aquela história brega da pessoa que ia à praia, sozinha, salvar as estrelinhas-do-mar e achava que, com isso, estava revolucionando a existência humana…

E qual a diferença ética? Nenhuma. A argumentação dele aqui é vazia, provavelmente já prevendo que alguém descobriria as contas da Repórter Brasil.

O problema, a meu ver, é você afirmar que está em um protesto porque acredita na ideia nele defendida e não por conta do quanto recebeu para balançar a bandeira. Em outras palavras, o erro é a falta de transparência.

Mas quando Sakamoto confessou em seu blog receber verbas estatais? Enfim, até agora ele fala unicamente de si próprio.

Antigamente, os militantes do PT ocupavam a rua durante as eleições. Com o tempo, vieram os “moranguinhos remunerados”. No segundo semestre do ano passado, conversei com “sindicalistas” que estavam em marcha na avenida Paulista, em São Paulo, sem saber exatamente o porquê – mas com a promessa de ganharem um no final da tarde.

O que, no fim das contas, é uma forma mais modesta de fazer o que Leonardo Sakamoto faz.

Inclusive, o pessoal que ganha um sanduba de queijo com presunto, uma lata de refri e 50 mangos para serem ativistas por um dia são os mais inofensivos.

Sim, piores são aqueles que transformam isso em um empreendimento, como Sakamoto.

O drama de verdade reside em quem vende apoio durante as eleições, independente do posicionamento político do comprador – no jornalismo tem muito disso. Ou quem, pago por governos, faz guerrilha selvagem no dia a dia via redes sociais.

Por enquanto, não há melhor exemplo desse perfil descrito acima do que Sakamoto. Aliás, quem assina a prestação de contas da Repórter Brasil é ninguém menos que… ele próprio.

Este é o sujeito que tentou sugerir que os manifestantes contra a Lei do Calote recebiam grana para estarem lá. Ele não apresentou nenhuma prova disso.

Enquanto isso, a organização dele recebe mais de um milhão de reais por ano. E o que vemos por parte dele é essencialmente puxação de saco de Dilma de uma forma vergonhosa.

Notaram por que esse tipo de gente se empenha tanto em construir uma ditadura bolivariana por aqui? É por que gente cínica assim entende tudo isso como um grande negócio.

(Atualizado em 08/04/2016)

Anúncios

55 COMMENTS

  1. Basta colocar o CPF dele, 257.463.018-17, e vocês só vão achar convênios firmados pela ONG dele, Reporter Brasil, com a União. Ele morreu de medo do Aécio ganhar com medo de perder seu ganha-pão. Oportunista desgraçado.

    • Vamos exigir que ele cometa seppuku! (Pra quem não sabe, é o suicídio ritual que os samurais praticavam para “preservar sua honra”, mais conhecido no Brasil por “hara kiri” – literalmente “cortar a barriga”, que era o método empregado) Se bem que no caso dele não vai adiantar… como alguém sem honra preservaria a sua?

  2. Luciano, mudando um pouco de assunto, gostaria de comentar sobre a estratégia usada na guerra política da esquerda, que é a MITIFICAÇÃO. (Mitificar: v.t.d. Fazer com que (alguma coisa) seja transformado em mito: mitificar uma situação histórica. Conferir (algo ou alguém) qualidades fascinantes e/ou atraentes de maneira a ocultar a verdade: mitificar a esquerda.) Pois bem, percebi que fazem isso usando três estratégias concomitantes ou sequenciais: 1) pinçam um assunto-chave e o isolam parcialmente do contexto histórico, atribuindo-lhe qualidades novas e partidárias (algumas seitas fazem isso ao isolar seus fiéis do convívio social normal para doutriná-los sem o contraditório); 2) convocam profissionais da área acadêmica (que se autodenominam cientistas, mas que são meros militantes) para grudar essas qualidades novas e significados tendenciosos nas palavras originais, pois tem que haver um ar de solidez e verdade científica no assunto (ou seja, criam-se dezenas de pseudo-estudos, semi-pesquisas e meio-artigos, normalmente pagos com dinheiro público, com viés ideológico e que conduzem a conclusões falsas, pois as premissas, oriundas da leitura prévia da realidade, já estavam distorcidas e falsas desde o início), criando a famosa “comprovação científica” que serve de reserva técnica (paiol) para argumentação política (não viram o pessoal do blosta vomitando dados e mais dados estatísticos e “científicos”?) e justificativa parlamentar para novas leis (como a capacidade crítica e técnica de nossos parlamentares não é a das melhores, entram facilmente no jogo, e ponto para eles). Enfim, a esquerda planta esses dados falsos pelo caminho o tempo todo para depois usá-los como justificativa inevitável – viram, fascistas, o “fato” sempre esteve aí! – e considerações deterministas – não tem jeito, a única solução é essa! – para se criar novas leis favoráveis à idéia e ao grupo original. 3) convocam a militância política, cultural e midiática para divulgar isso ao público em geral diuturnamente (e noturnamente, rsrsrsr) como se já fosse um fato histórico antediluviano e, o que é pior, como se essa “verdade” fosse um princípio universal e com valor ético inerente, o que serve de justificativa ideológica e de escudo moral para os impropérios e ofensas de toda ordem por parte dos fanáticos. Vou dar um exemplo. Após as manifestações no congresso contra a reforma da LDO, a presidente disse que as mesmas eram antidemocráticas, o que ecoou nos quatro cantos do país. Da mesma maneira, em relação às manifestações recorrentes da oposição. Enfim, se a oposição é antidemocrática, o oposto, o governo, é democrático. Para comprovar cientificamente esse “fato”, o IBOPE divulga uma pesquisa sobre a democracia no Brasil (fonte G1)
    “Pesquisa Ibope divulgada neste domingo (8) pelo jornal “O Estado de S. Paulo” mostra que, neste ano, 39% dos entrevistados – 13 pontos percentuais a mais que no ano passado – se dizem “satisfeitos” ou “muito satisfeitos” com a democracia brasileira.”
    -Lembre-se: democracia = governo!!
    “A pesquisa é feita anualmente. De acordo com o jornal, o índice era de 26% em 2013. O nível é o maior desde 2010, quando 48% se diziam “satisfeitos” ou “muito satisfeitos” com o regime democrático.”
    -2014 = ano da democracia = eleição da Dilma = vitória do governo!!
    “O Ibope ouviu 2.002 eleitores entre 13 e 17 de novembro em todas as regiões do país, informou a publicação. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos”.
    -Viram como são científicos e sérios, divulgando a metodologia científica? Viram como dá credibilidade?
    “A taxa dos “pouco satisfeitos” com a democracia caiu de 40% no ano passado para 30% neste ano e dos “nada satisfeitos”, de 29% para 22%.”
    -Ou seja, a democracia, ops, o governo satisfaz cada vez mais gente!!
    “Dentre os entrevistados, 46% disseram que, apesar dos escândalos de corrupção, preferem a democracia a qualquer outra forma de governo. Para 20%, “em algumas circunstâncias”, um governo autoritário pode ser preferível em relação a um democrático, e 18% se disseram indiferentes em relação ao tipo de regime.”
    -Ah! Que circunstâncias, cara-pálida? Isso é preparação de terreno (justificativa científica e estatística) para o totalitarismo. Ainda vão dizer que, se houver governo autoritário (pode-se ler intervenção militar, golpe civil, pátria grande, etc.), foi fruto de “algumas circunstâncias” (luta contra o imperialismo e o fascismo, segurança nacional, etc.), mas que foi no fundo democrático, pois teve apoio da população, como mostra a pesquisa. Em outras palavras, estará em curso a criação de um governo autoritário democrático!?!?
    “A pesquisa também perguntou aos eleitores se uma democracia pode funcionar sem partidos políticos e sem Congresso.”
    -É o governo autoritário democrático!?!?
    “Segundo informou o jornal, para 43%, não ’”há democracia sem partidos políticos – 36% dizem que isso é possível e 21% não responderam. Em relação ao Congresso, 47% dizem que é necessário e 30% afirmam que não é.”
    -Logo aparecerão dezenas de artigos, colunas, opiniões, teses, etc. a analisar e comprovar o novo fato, ou melhor, o novo MITO: bom para o povo = democracia = governo (= autoritarismo!). De fato, a impressão é que alguns totalitários não querem somente reescrever a história ou a Constituição, mas querem recriar a realidade e refazer a natureza, bem ao gosto dos satanistas.

  3. “Eu desconfio de todo idealista que lucra com o seu ideal” – Millôr Fernandes.

    Obrigado por dar divulgação aos fatos que levantei hoje, Luciano.

    Agora é divulgar a informação para que quando alguém for debater com o Leonardo Sakamoto, esteja ciente de que debate com um “MAV”, com um militante pago (e muito bem pago) para defender o Governo.

    Será que ele irá se manifestar agora? rs

    Aguardemos.

    • Os esquerdopatas piram na parte de comentários (ignorando que a lei proibe QUEALQUER tipo de doutrinação política -do professor marxista ao professor conservador-).

    • A piada do dia (parte de comentários do blog):

      ” Faremos como os americanos que se dizem democratas mas só permitem 2 partidos”

      De onde essa anta tirou a idéia de que os EUA só permitem dois partidos?
      Só para tirar dúvidas:

      http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_political_parties_in_the_United_States

      É tanta liberdade que você encontra partidos socialistas e separatistas.Lá também pode concorrer como independente (candidato sem partido), algo impossível no “plural” Brasil.
      Se ele está reclamando das dificulades desses candidatos ou das leis (que variam de Estado para Estado -outra coisa que não existe no Brasil-) aí já são outros 500.

  4. Este é um tema importante para entender como funciona o método dos bolivarianos. Quem disse que ele falhou? Ele está feliz da vida com sua missão realizada, seu dinheiro no bolso e mais 4 anos de serviços bem remunerados pela frente.

    Aos que acusam de falta de princípios e honestidade imagino que ele responda como todos os outros petralhas e linhas auxiliares: “conservadores”, “direitistas”, “reacionários”, “elite branca paulista” e outras bobagens como essas, que o povo considera insultos e que contam como ataque. Convenham, tem funcionado sempre que eles usam essas técnicas. E o mais importante, eles não estão falando para a oposição, nem se importam com isso, eles sempre falam para o público que vota. Se uma parte concordar com eles, o serviço já foi entregue, como acaba de acontecer na última eleição.

    Enquanto esses jagunços dos petralhas bolivarianos não forem levados a prestar contas continuaram ganhando uma após outra. Tem que atacar, encontrar erros nas contas, irregularidades, processar e manter o mentiroso na defensiva.

    Chamar um ignorante como o Sakamoto de mentiroso ou vendido não ajuda em nada, ele até se acha importante com isso. Processar (e ganhar) um processo por injuria, calunia e difamação poe o infeliz no seu devido lugar, esclarece os temas tratados perante o público e cala a boca do ignorante alugado.

    Lembro um tema que só tenho encontrado neste blog: a oposição necessita focar em resultados políticos reais e não em discursos inflamados ou em discussões para ver quem é mais honesto ou tem razão. Os petralhas bolivarianos não estão nem aí para essas conversas e aparentemente mais da metade do eleitorado também não (dos votos válidos, que são os que contam, como bem sabem na cúpula do pt). O negócio deles é obter os resultados importantes parta manter o poder e a caneta que autoriza o dinheiro público, com isso eles ganham todas as batalhas.

    Então, quando a oposição vai começar a ganhar batalhas? porque se não ganhar algumas logo, tecnicamente já perdeu e estamos na Venezuela.

    • Gostei do seu comentário, precisamos de mais pessoas com esse grau de conhecimento para fazer parte do nosso partido ou seja o da Ética, um Partido do BEM!

  5. Se nota nesse texto uma simulação de imparcialidade. Ele diz que critica também os militantes petistas pagos, mas só se deu ao trabalho de escrever um texto agora, após mobilização da oposição (e sem nenhuma prova de que esta esteja recebendo para se mobilizar).
    Pergunto, Luciano: você já traçou essa estratégia da esquerda? Pergunto porque já noto que é um estratagema bem disseminado dos lados de lá.
    O Reinaldo Azevedo, inclusive, já escreveu isso sobre um dos mestres em fazer uso dessa técnica, Paulo Nogueira: “Nos dois posts que me enviaram, esse senhor se refere a mim, pedindo, de maneira oblíqua e covarde, a minha cabeça. Num deles, afirma que meu blog é “movido a ódio, não a ideias”. No outro, repetindo palavras de Leonardo Attuch — a quem devota grande admiração e enche de elogios em seu blog —, escreve: ‘Há uma métrica boa para aferir o progresso do Brasil no campo do debate educado. Quando expressões gastas e chulas como ‘pig’, ‘besta’ e ‘petralhas’ sumirem, é porque avançamos.’
    Ele tenta me colocar como o outro extremo de um Paulo Henrique Amorim, por exemplo, apresentando-se, não por acaso, como o centro, o bom senso, o equilíbrio. Truque barato!”

    Enfim, caso essa rotina ainda não tenha sido dissecada aqui, acho que seria um bom tópico.

  6. Luciano, só para constar, já estão falando na página do assunto desta postagem sobre as tais verbas:

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966958216666069

    http://www.facebook.com/joycemariae/posts/769814516399814

    http://www.facebook.com/vitor.travain/posts/740163296049086

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/886685454705023

    http://www.facebook.com/rodrigoguimaraes84/posts/886679641372271

    http://www.facebook.com/photo.php?fbid=886610991379136&set=a.402650893108484.91570.100000907291313&type=1

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966844393344118&offset=0&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966887983339759&offset=0&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966846910010533&offset=0&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966834050011819&offset=50&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966879296673961&offset=50&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=967017656660125&offset=50&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966915136670377&offset=50&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966956616666229&offset=50&total_comments=92

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/posts/966741226687768?comment_id=966836630011561&offset=50&total_comments=92

    Só peguei uma amostra, pois com certeza deve haver mais. Depois dessa postagem também ficou mais evidente o porquê de termos visto aquele massacre internético contra o Feliciano quando ele foi presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara dos Deputados. Outra coisa importante aqui é ver o tamanho do efeito multiplicador que esta postagem teve em território ideologicamente oposto. Muita gente vai acabar vendo este texto aqui baseado no que estiver por lá.
    Por ora, o blogueiro nada respondeu, mas valerá a pena ver qual vai ser o desdobramento.

  7. Ayan, já leu a última?
    Um dos leitores do sakarolha está dizendo para ele te processar pois, segundo ele, o CPF é pessoal.
    Noooooossa!Que crime que cometeram ao colocar o cpf dele para procurar em sites de informações públicas.
    Hahahahaha!!!

      • O CPF não é “pessoal”, no sentido de íntimo, mas sim público, no sentido mais puro da palavra. CPF não é sigiloso, mas sim deve ser divulgado por qualquer pessoa que estabeleça contrato com o Poder Público, seja na figura de cedente, seja na condição de “convenente” (quem recebe o dinheiro do convênio).

        E ninguém aqui divulgou o CPF do Sakamoto. O CPF dele está disponível no próprio site da ONG dele, logo abaixo sua própria assinatura, bem como no Diário Oficial da União, onde contratos dele com o Governo são divulgados. Ou o Sakamoto agora defende o sigilo dos seus contratos? 🙂

  8. Os totalitários ou fanáticos do poder não querem somente reescrever a Constituição ou a História, mas querem refazer a natureza e recriar a realidade, como os satanistas, pois negam a Essência e odeiam a Existência, incluindo os que assim não pensam, o que os faz flertar com o caos. Como são movidos pela negação e ódio estão fadados, após agredir meio mundo, a se destruir por si mesmos, atacando-os entre si (feministas x lgbt, mst x mtst, etc.), haja visto que o caos é sua origem e seu destino. Se não perecerem, acabarão por negar a própria negação, levando-os finalmente à afirmação, momento em que entenderão, aceitarão e tolerarão a vida como ela é, fazendo apenas as correções necessárias e sensatas.

  9. E o sacanalha ainda se diz “journalist”! Esses caras têm ORGULHO de serem escrotos e mentirosos. Só mesmo dando uma surra de vara de marmelo.

  10. Luciano, eis que o Sakamoto manifestou-se via Face a respeito da postagem:

    http://www.facebook.com/leonardo.sakamoto/photos/a.350497828312114.99939.335237883171442/967150063313551/?type=1

    Sobre a história do Porsche que ele menciona, ela surgiu em mais uma não-resposta dele, desta vez à postagem que Carlos Roberto Chahini fez na página do blogueiro. Observe-se que ele quis induzir que alguém que tem uma ONG que recebe verba de R$ 1 milhão seria alguém rico e com Porsche na garagem, o que não é verdade, uma vez que hoje em dia R$ 1 milhão não valem o que valiam naquele distante 1994 em que surgiu o real. Porém, nem de longe é uma quantia anual que, descontando-se os salários e outras despesas, faça alguém ter uma vida de fome ao retirar uma pequena quantia mensal para o próprio sustento. Se somarmos esse “pro labore” (aqui entre aspas mesmo por falta de termo melhor para definir como seria a parcela que um dono de ONG pegaria para uso pessoal) aos ganhos dele como blogueiro e professor universitário, com certeza que estamos falando de alguém que ganha mais do que a média do brasileiro comum.
    Também tenho de lembrá-lo de que sempre que ele fala de “cabeça de panetone”, ao mesmo tempo acusa o golpe recebido mas também tenta desviar o assunto. Aliás, a galera boa de meme acaba tendo uma brecha aberta. Imagine se alguém pega uma foto dele e, em vez de mostrar a “cabeça de panetone”, faz uma edição mostrando apenas uma parte do corpo, mas de maneira que dê para identificar de quem se fala.

    Se você olhar nas respostas dadas a essa postagem, notará a incrível quantidade de sakamotetes prestando culto, assim como verá mais “coxinha” sendo mencionada enquanto vocábulo do que veria em um cardápio da lanchonete Ragazzo. Eu acho que está sendo dada uma margem para retrucar ainda mais, ainda mais pelo tipo de resposta (ou não-resposta) que foi dado.

  11. Esse esperto e sem caráter esquerdista que vive de empenhos ($$$) governamentais tem que ser desmascarado. Esse ongueiro do dinheiro alheio – só no Brasil Ong é governamental.. AFF – tem certa influência na molecada. Tem que espalhar essa informação, o link desse excelente post do blog aqui para desmascarar a figurunha escrota, esquerdinha caviar bolivariana do dinheiro dos impostos. Queria ver a cara desse infeliz sem o dindin, o capilé, a bufunfona que recebe do governo Dilma. Precisa ver nas contas dessa ONG de fachada se não tem convênio$ com outras esferas administradas pelo PT (governos de estado, prefeituras, estatais). O sujeitinho acha que o povo tem que pagar o salário dele para ele defender o governo. É o fim da picada. Em país sério, já daria cancelamento de contratos e auditoria até as entranhas das contas dessa porcaria. Aqui, é um milhão de formigas saúvas como ele sugando o dinheiro dos impostos. Por isso e por outras tantas que Dilma quebrou o país.

  12. Ei, pessoal, importante:
    Você conhece alguém que “adore” o Sakabobo?
    Eu sim.
    Esfregue isso aí na cara da pessoa. Esfregue o quanto de grana (1 milhão de reais por ano) ele recebe do PT, que ele adora defender, pra… não fazer nada. Ficar defendendo o partido e defendendo bandidos que podem te assaltar.
    Esfreguem na cara.
    Não dêem trégua: mostrem, cobrem da pessoa uma palavra, desenhe se necessário.

    Desenhando:
    SAKAMOTO DEFENDE BANDIDOS
    SAKAMOTO ACHA QUE SÓ EXISTE BANDIDOS POIS EXISTE GENTE COM GRANA
    SAKAMOTO RECEBE 1 MILHÃO DO GOVERNO PRA ISSO

    Sabe o bandido que te assaltou no farol certo dia?
    Então.
    Para o Sakamoto, VOCÊ é o culpado. O assaltante é vítima.
    E Sakamoto recebe 1 MILHÃO, sendo que parte desse 1 milhão é você quem paga, para dizer isso.
    Para te acusar e endeusar o bandido.
    Para te colocar como vilão e o bandido como mocinho.
    Para justificar você quase morrer e querer vida longa ao bandido.

    Esse japonês-falso-vira-lata do caralho recebe 1 milhão pra isso, junto com Marilena Chauí-Chuí-sei lá o nome daquela velha vagabunda puta.
    São eles que recebem grana que em partes é SUA pra ficar dizendo que os odeia e que quer lamber bolas de bandido.

    Vcs vão deixar?

    ESFREGUEM NA CARA DOS AMIGUINHOS QUE AMAM SAKABOBO, esse verdadeiro LADRÃO.

    Até antes de saber disso, Sakabobo pra mim era um feio, gordo, com voz ranhenta, que falava um monte de besteira pra defender um partido cujo qual ele se masturbava (tem mó cara de punhetero, quem daria pra um feioso desses?).
    Agora, não mais. Agora é sentença e certeza: SAKAMOTO É LADRÃO.

    Defende bandidos pois é igual a eles. É ladrão igual eles. Filho da puta. A mãe dele o cagou. Maldito seja. O inferno o aguarda, filho duma puta…

  13. esse cara é um dos maiores embustes que já vi..recebe dinheiro pra fazer trabalho que é obrigação do governo (se é que realmente gasta tudo com isso) e é um baita cara de pau…deveriam perguntar pra ele: e se você soubesse que seu dinheiro veio da Petrobrás? ele não estaria nem aí….empadinha, coxinha, risoli…não…é um angu mesmo…

  14. “O programa de jornalismo da Repórter Brasil NÃO ACEITA FINANCIAMENTO DE GOVERNOS FEDERAL, ESTADUAIS E MUNICIPAIS. E o FINANCIAMENTO, via EDITAIS PÚBLICOS, para os programas de EDUCAÇÃO da Repórter Brasil NÃO PODE ULTRAPASSAR 30% DO TOTAL do orçamento da organização.”

Deixe uma resposta