A Lei de Lavoisier e as receitas de croquete de Jacques Wagner

21
122

wagner

Em 1777, Lavoisier nos disse que  “na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”. Um exemplo é o croquete. E também na forma como o PT encara os fatos desagradáveis da política.

Vamos “dialogar” com partes do texto Wagner: Graça Foster não tem culpa de nada, do Brasil247.

Em entrevista coletiva na diplomação dos candidatos eleitos na Bahia neste ano, nesta segunda-feira, o petista disse que Graça Foster está livre de “qualquer acusação de desvio de dinheiro”. “Ela não tem nada a ver com os problemas da Petrobras”.

Espertinho o Wagner, não? Mas vamos supor, a título de caridade épica, que Graça Foster esteja livre de “qualquer acusação de desvio de dinheiro”. E ela não tem nada a ver com o fato das ações da Petrobrás atingirem o menor valor em 10 anos? Se ela é a presidente da Petrobrás e não assume as culpas pelos maus resultados da empresa, como ainda pode estar naquele cargo? Para que serve um presidente de empresa, Sr. Jacques Wagner?

Os problemas da estatal, na avaliação do governador baiano, deixaram o “ambiente político ruim”, mas também tem um lado bom. “Pelo menos a imprensa começa a cobrar a reforma política”.

E lá vai ele fazer croquete. Quer dizer que se o governo petista é pego destruindo a Petrobrás, ele acha que pode transformar isso em “algo bom”. Mas o que significa esse “algo bom”? Eis a resposta: fazer a “reforma política” (do jeito que o PT quer) na qual se implementa o financiamento público de campanha, feito unicamente para ajudar o partidão. Esse é o verdadeiro croquete de estrume que ele quer servir ao povo brasileiro.

O petista mais uma vez criticou o que ele considera “exageros” da mídia, que, segundo ele, “não pode viver só de escândalos”. “O Brasil precisa de um salto. Se não mudar a reforma política, daqui há meses vocês vão ter páginas e páginas de escândalos para divulgar. Eu prefiro que sejam páginas e páginas de mudanças boas. Seria um belo presente para a democracia brasileira”.

Aqui ele tenta dar um jeito de pautar a mídia. Aliás, ele é um dos nomes cotados para o Ministério das Comunicações, exatamente com a meta de censurar a mídia. Podemos dizer que ele já está treinando ao definir o que a mídia pode ou não propagar. É claro que ele não quer que a mídia publique escândalos. Em qualquer país livre, a mídia é sempre especializada em publicar escândalos. Mas como o governo petista redefiniu a expressão “escândalo”, é claro que ele tem que dar um jeito de esconder os fatos desagradáveis.

Daí ele vem com aquela conversa mole de “salto”, onde de novo um petista caradura pede a “reforma política”. O truque é o de sempre. O mantra é assim:

  1. A culpa é das empresas que financiam campanhas (ele só não vai te contar que as empresas financiam campanhas em todas as maiores nações do mundo)
  2. Logo, por favor, criem o financiamento público de campanhas

Como já vimos, essa é a principal receita de croquete de Wagner. Não passa da transformação de crimes históricos de corrupção do PT em desculpa engana-trouxas para implementar aparelhamento estatal de campanha.

E observe o subtexto: “se não mudar [conforme o PT quer], vão aparecer escândalos nos jornais, mas se mudar [ainda conforme o PT quer] só vão ter páginas e páginas de mudanças boas”. Qualquer pessoa honesta e que não tenha um QI de ameba sabe o que ele está nos propondo: “censura de mídia”.

 E sobre a expectativa pelo anúncio de seu ministério, o governador confirmou informação que 247 antecipou de que ele será nomeado até o final desta semana. Ele afirmou que vai à Brasília nos próximos dias se encontrar com a presidente Dilma Rousseff. Apesar de ainda não admitir que assumirá o Ministério das Comunicações, Jaques Wagner confirma que terá dupla função no governo. Além de ministro, será também coordenador político do governo.

“Sei que vou estar na Esplanada dos Ministérios, só não sei em qual prédio. Devo estar na coordenação política que é uma coisa a mais, além do ministério. Imagino que entre terça-feira (16) e quarta (17) ela (Dilma) afunile as coisas e acredito que quando estiver com ela, ela deva decidir meu destino no governo”

Pelo menos talento para a função de Ministro da Censura de Dilma ele já demonstrou ter. Ele sabe as rotinas decor e salteado.

O que Dilma mais precisa ele sabe fazer: croquetes políticos, conforme pede a Lei de Lavoisier. Haja fígado para aturar as rotinas desse sujeito tentando nos fazer acreditar que a corrupção do PT justifica dar ao partido o monopólio do uso do estado para financiamento de campanha, e que a melhor forma de acabar com a corrupção é “fazer regulação econômica de meios” para que todos “só vejam notícias boas”, mesmo com o país afundando.

Pelo menos há algo de positivo: ele entrega mais o ouro do que uns outros que vimos por aí. Sendo assim, vamos deixar ele ir falando e nos confessando suas intenções totalitárias. Daí é só desmascará-lo. Mas fiquem de olho em qualquer menor ação desse sujeito.

A regra é clara: mantenha distância dos croquetes de Jacques Wagner. Mas conscientize os outros do perigo também.

Anúncios

21 COMMENTS

  1. Luciano, vale lembrar que Jacques Wagner juntamente com Sergio Gabrielli são responsáveis pelo projeto de construção de uma “ponte” em Salvador orçada em “vários BILHÕES DE REIAS”. Outro ABSURDO FARAÔNICO destes NAZIpetistas SOCIALISTAS TERRORISTAS ASSASSINOS E ESCRAVOCRATAS.

  2. Muito boa a piada do croquete!

    Sobre o QI dos que acreditam na demo da mídia… lamento te informar, mas tem muita gente inteligente que apóia isto… quando ligam o interruptor ideológico… desligam o do cérebro.

    • Verdade. Meus parentes ficaram ofendidos porque chamei eles de trouxas no zap. Eu pedi desculpas, mas perguntei: “Quem foi que começou o deboche chamando os outros de manipulados?” Qual a grande diferença de manipulado pra trouxa? Pelo menos fiquei sabendo que na minha família tá cheio de gente desinformada e papagaio de comuna.

  3. A Direita não é unida por isso sempre perde a guerra politica , nesse quesito o coletivo sempre ganha do individualismo. Reinaldo caiu na armadilha e não sabe. O Pt tá querendo desviar a mídia do Petrolão usando a piada politicamente incorreta de Bolsonaro que foi xingado de estuprador e ainda tirar o único politico que bate de frente com o pelotão de psicopatas da esquerda .
    O volante do time da direita tá ameaçado de cartão vermelho por uma jogada grosseira sem intenção e o próprio time da direita apoia o cartão vermelho , enquanto os volantes do time da esquerda dão porrada o tempo todo e não ganham nem cartão amarelo . desse jeito a direita que ganhar a guerra politica? vai sempre faltar 3 milhões de voto.
    Temos que perturbar o Reinaldo, ele tem hora que parece que não sabe que estamos numa guerra politica , ele é o Ricardo Boechat da direita que ser politicamente correto e esquece da guerra politica.

  4. Sobre o “SLOGAN”, Eu achei o blog do Joselito Muller, porem ele é em um ritmo menor, será que vocês podem me dar uma dica de blog; Para eu não ficar perturbando aqui( Publicando comentário que não é coerente com o blog )

  5. É o mesmo caso daquela entrevista da Luciana Genro ao Danilo Gentili, quando afirmou que nenhuma das experiências até hoje realizadas foram o verdadeiro socialismo (hahaha). Depois de tudo o que nós já sabemos, eles querem, na maior cara de pau, que lhes passemos um cheque em branco, porque agora a coisa vai?…

  6. Pelas coisas que o PT anda escrevendo, dá a impressão que estão desesperados. O problema é que são tantos furadas para cobrir simultaneamente, que a coisa toda é como tentar tapar o sol com a peneira.

  7. Já reparam que o PT tenta diminuir o demônio do corrupto dizendo que o mesmo é quase um anjo que foi corrompido pelo Corruptor opressor com o seu maldito capital?

    Outra lógica que me faz ser contra o financiamento publico de campanha, é que se o congresso tem corrupto não é a verba publica de campanha que vai impedir uma LUCIFERana Genro da vida (congressista) a roubar menos, se o politico é corrupto ele vai sempre transformar o congresso em balcão de negócios, com ou sem dinheiro publico. Afinal qualquer lei pode envolver muito dinheiro.

    Mas na cabeça de quem sofre de esquerdose aguda, o congressista era puro até o dia que foi corrompido pelo capital das empresas financiadoras de campanha e não pq o congressista não tem caráter.

Deixe uma resposta