Rachel Sheherazade fala sobre os inimigos da imprensa livre, sejam fundamentalistas islâmicos ou militantes petistas

15
85

0-Charlie-07

O atentado ao jornal satírico Charlie Hebdo é uma grande tragédia para a liberdade de expressão no Ocidente. Também é um grande motivador por uma luta mundial em favor tanto da liberdade de imprensa quanto de qualquer liberdade de expressão em escala individual. Essa comoção está se transformando em conscientização, o que torna tudo trágico para o PT, que pensa dia e noite em censura.

Como Rachel Sheherazade apontou muito bem (na Jovem Pan, e compartilhado em seu blog), há muitas relações entre a tragédia francesa e o comportamento petista contra a imprensa livre no Brasil:

O ataque de ontem à sede do Charlie Hebdo não foi o primeiro. Em 2011, após publicar caricaturas do profeta Maomé e de líderes muçulmanos, o jornal francês foi alvo de um incêndio criminoso.

Antes de sua última edição, os jornalistas do Hebdo pressentiam o pior. O cartunista Stéphane Charbonnier, um dos 12 mortos no atentado de ontem, tinha acabado de publicar seu último desenho, com a seguinte frase:

“Ainda não houve atentados na França”.

Na charge, a afirmação é respondida por um extremista armado:

“Espere! Temos até o final de janeiro para fazer nossos votos”.

A premonição, infelizmente, se cumpriu.

O mundo civilizado condenou o ataque terrorista ao jornal francês. Líderes mundiais o classificaram como um atentado à livre expressão e à liberdade de imprensa.

Até mesmo a presidente Dilma, que costuma ter mais tolerância com terroristas, sugerindo até o diálogo com grupos extremistas, desta vez não teve saída senão concordar com a lucidez dos demais líderes.

Nossa presidente foi até sensata e afirmou em nota: “Esse ato de barbárie é um inaceitável ataque a um valor fundamental das sociedades democráticas – a liberdade de imprensa.”

Apesar de prudente em suas palavras, Dilma não foi coerente.

A mesma mandatária que defendeu a liberdade de expressão na França, apóia um projeto de regulação da mídia no Brasil, que pode restringir a liberdade de expressão e até evoluir para uma futura censura dos meios de comunicação.

Não é fácil ser jornalista no Brasil. Ameaças, chantagens, assassinatos… Pesquisa de uma ONG ligada às nações Unidas classificou o país como o nono mais perigoso para a atividade jornalística em todo mundo.

Aqui, quem fala ou escreve o que não está no script corre sérios riscos de ser neutralizado. Para se preservar, muitos jornalistas aderem à auto-censura, preferindo calar a denunciar, rezar a cartilha dos poderosos a se voltar contra eles.

Há poucos veículos resistentes e independentes. É o caso da revista Veja, que, às vésperas da eleição  publicou uma corajosa matéria denunciando a suposta ligação da então candidata Dilma Rousseff e do ex-presidente Lula com o escândalo do Petrolão. Pela ousadia de informar seus leitores, a editora Abril pagou um alto preço. Teve a sede atacada por vândalos, num sinal claríssimo de intimidação à liberdade de expressão.

No Brasil, o maior temor da imprensa livre não são os radicais islâmicos, mas os radicais da esquerda. Bom dia, São Paulo.

Ouça:

Anúncios

15 COMMENTS

  1. A sensatez de Dilma Rússcifer. Qual a diferença de ataque a Eduardo Campos e os atentado em Paris?
    O PT é uma alcateia de “Lobos”que ataca rebanhos de “Ovelhas”. Currais…

    Tanto a resistência quanto a contestação são considerados formas de oposição extralegal e deslegitimadoras,porém,em síntese,a resistência compreende todo comportamento de rupturas contra a ordem constituída,que ponha em risco,crises,ou a conduta do estado democrático de direito.Nunca foi ensinado ao povo como resistir a situações come essa.Mas,os comunistas se agrupam e buscam o melhor para aperfeiçoar seus ataques contro os indefesos.Dilma a mulher que praticou assaltos,aterrorizou o estado,assaltou e assassinou,hoje,querendo dar lições de moral ao mundo? è preciso que esse mundo de Dilma,PTistas,tenha nascido ontem,hoje ou quando?!?!

  2. Obama disse que o ataque não é “um problema islâmico”. Claro que não! Os mestres deles são os mesmos da DIlma. “Os fins justificam os meios. ” Disse Trotsky. Mais tarde, quase no fim da vida, Trotsky disse “A moral é um padrão burugês. O proletariado deve se libertar de tal moral”.

  3. Luciano, logo mais volto para comentar decentemente o post, mas veja só com o que me deparei agora pela manhã… Levy Fidélix está dizendo que ele e Olavo de Carvalho estão ~~juntos~~ pela Direita Brasileira:

    http://www.facebook.com/levyfidelix/posts/347695792081624

    Esse FILHO DA PUTA, gordo, cretino, está tentando capitalizar em cima do Olavo, que JÁ DECLAROU PUBLICAMENTE o quanto repudia este PALHAÇO GORDO E FEIO que, segundo Olavo, não serve nem pra ser vereador em Borá (o menor distrito de SP, com 800 habitantes).

    Aproveitador!

    Sei que isso tá longe de ser um assunto a se preocupar enquanto tem censura de mídia rolando e muitas outras coisas, mas permita-me dar um recado ao Fidélix:

    Pra nós, ele deve ser visto igual os fanáticos que querem intervenção militar. FORA, LEVY! VOLTA PRO BURACO SUJO DE ONDE VC SAIU, LIXO DE GENTE! Esse cara é tudo de ruim, aqui onde faço estágio me contaram umas histórias tensas a respeito do modo como vive, e como disse um amigo meu, Levy Fidélix é praticamente um ESQUERDISTA visto que quer se meter na vida dos outros e quer SEGREGAÇÃO.

    Levy Fidélix NÃO É BEM VINDO NA OPOSIÇÃO. Você que o apóia e que diz que ele é o “candidato da família brasileira” envergonha a oposição séria.

    E pra quem vier choramingar, ou como já ocorreu aqui um cara me chamar de “bichona enrustida”, lembro que Levy Fidélix já apoiou a senhora Dilma, e não foi há milianos atrás, e sim há 5 anos atrás. Levy é um senhor com certa idade e JÁ ERA UM SENHOR COM CERTA IDADE quando apoiou Dilma.

    É esse filho da puta que vcs aceitarão na oposição? Eu JAMAIS. Fora, Fidélix. Vai procurar sua turma. Suma da política. ATRASO DE VIDA!

    Pela milésima vez antes que apareça algum trouxa, como já vi aqui, dizendo que esse imbecil é candidato da família brasileira:
    LEVY.
    FIDÉLIX.
    APOIOU.
    A.
    DILMA.
    E.
    O.
    PT.
    EM.
    2010.

    5 ANOS ATRÁS.

    Quando já tinha escandalo de mensalão e o cacete a 4!

    Duvida? Vê aqui, IDIOTA: http://www.youtube.com/watch?v=4A3lhcHkHQo

    Viu, seus cegos?

    Esse inseto não é bem vindo aqui. FORA, LEVY FIDÉLIX! Olavo de Carvalho te despreza, e tem pena de você, como eu (gordo, feio, mal amado, nunca é votado pra nada, só uma meia dúzia de imbecil que cai na dele. é um COITADO. e ridículo)

    Em tempo: ok, tem outros assuntos bem mais prioritários no momento, mas acho importante não deixar esse nojento afirmar que está junto com Olavo de Carvalho, pois isso suja o nome do Olavo e o nome da oposição. Oposição sem discriminação, sem segregação, coerente e limpa, é essa a oposição que faço parte. E vocês?

    • Bom, o Olavo não é uma de minhas principais referências, e inclusive discordo de muito do que ele fala (sou liberal).
      Por um lado, imagino que ao conhecer esse lado da moeda, mudou de opinião. Por outro, isso acaba sendo algo negativo, pois ele é um babaca, e isso pode ter o efeito reverso, já que ele é um aliado inexpressivo . Porém ele poderia ser reeducado, é uma possibilidade.

  4. olha esse comentário nojento de um petista achando justificável o massacre, no texto do nassif no GGN :

    “Paulo P Ribeiro
    Sem dúvida, trata-se de um

    qua, 07/01/2015 – 19:00

    Sem dúvida, trata-se de um triste episódio, mas que nos leva a algumas relexões sobre a legitimidade da ação contra um inimigo declarado da fé. Não era de hoje que a revista ridicularizava a fé muçulmana, tratando-a de forma debochada e desrespeitosa. Tal postura, ainda mais vindo de uma publicação com fins lucrativos, deixou claro aos muçulmanos que não se tratava de simples peças de humor, e sim de um discurso de ódio contra milhões de seguidores de Maomé, uma vez que a revista assumia claramente a função de um agente do capitalismo ocidental. A reação, embora extrema, é eticamente justificável pelas ofensas proferidas pela publicação e, neste caso, o grupo agressou transferiu para si o papel do Estado representante de toda a comunidade religiosa, ação esta corroborada inclusive pelo pensamento marxista. Que tal triste episódio seja considerado um exemplo para o Brasil, princpalemente no caso de publicações como Veja e Folha de São Paulo, que sistematicamente usam da mentira para atacar pessoas e o partidos (em especial o PT), que contam com o apoio de toda a sociedade.”

    o link do texto do nassif:

    http://jornalggn.com.br/noticia/a-franca-esta-em-choque-porque-se-trata-de-ataque-terrorista-diz-presidente-frances

    (nota: os erros de português são do petista autor do comentário, somente copiei e colei)

    em tempo: essa comoção dos esquerdopatas é devido ao fato de o editor Charbonnier ser millitonto do Partido Comunista Francês.

  5. Aqui, nós não estamos tão longe assim dessa censura terrorista. Aliás, o Brasil tem tradição no comportamento jagunço, intolerante e intimidador. Isso é difícil de reverter, mas devemos resistir.

  6. Ótimo texto o dela, e espero que chegue aos olhos de bastante gente. Ali, ao menos, não podem censurá-la, não tem Jandira Fegalinha ameaçando cortar verbas. Bom que alguém de nome esteja falando exatamente o que é: Dilma Rússcifer está criticando algo que ela mesma defende.

    E Luciano, não vi os demais posts ainda então não sei se abordou esse assunto já, mas tem uns esquerdocas fanáticos que já estão criticando a Sheherazade, a Veja e quem mais for por conta desse caso do atentado ao jornal. Estão criticando dizendo que a oposição está sendo muito filha da puta em comparar-se com o jornal francês.

    Veja esse link que está circulando pelo facebook:
    http://www.ladobi.com/2015/01/charlie-hebdo/

    É muita canalhice, afinal, quem são os Reis do Oportunismo é o PT, que pegam qualquer fatozinho de merda e capitalizam em cima dizendo que precisam de censura de mídia, de coletivo não eleito ou o que for (exemplo bobo recente, o do filme Tim Maia na Globo: ATÉ EM CIMA DISSO O PT CAPITALIZOU!)

    Vão se fuder, hipócritas do caralho.

  7. Turminha ai que diz que os cartunistas franceses foram longe demais nas suas sátiras certamente deve concordar que uma mulher vestida de maneira sensual está procurando ser estuprada certo? Apenas uma questão de coerência.

Deixe uma resposta