Em discurso aos ministros, Dilma enrola e revela suas intenções macabras

23
126

dilma

Dilma voltou das trevas e finalmente deu as caras. Seu discurso ao ministério mostrou alguns momentos patéticos e outros bastante sinistros. Vamos a alguns deles:

Os ajustes que estamos fazendo são necessários para manter o rumo, ampliar oportunidades, preservando as prioridades sociais e econômicas do nosso governo.

Claro, claro…

E só vieram depois das eleições, mesmo com ela dizendo antes que não haveria “ajuste” nenhum. Segundo a campanha de Dilma, quem faria “ajustes” seria a oposição.

A economia brasileira vem sofrendo os efeitos de dois choques. No plano externo, a economia mundial sofreu uma redução expressiva nas suas taxas de crescimento, com a China apresentando as menores taxas de crescimento em 25 anos, o Japão e a Europa em estagnação, e os EUA só agora começando a se recuperar da crise. Além disso, há uma queda nos preços das commodities – uma queda de 58,8% do petróleo (de jun/14 a 20 de jan/15) e de 53% do minério de ferro (de dez/13 ajan/15) – e uma apreciação do dólar.

A única coerência dela está aqui: é a mesma mentira usada na campanha, que não explica os indicadores econômicos brasileiros melhores apenas que da Venezuela e Argentina. E estar melhor que essas duas republiquetas não significa absolutamente nada.

No plano interno, enfrentamos, em anos sucessivos, um choque no preço dos alimentos, devido ao pior regime de chuvas de que se tem registro.

Mudou de ideia, Dilma?

Na campanha a culpa não era apenas de Alckmin? Agora que a crise é vista no Brasil inteiro a culpa voltou a ser “das chuvas”? Dilma realmente é uma pessoa cuja moral possui atributos às vezes indizíveis.

Tomamos algumas medidas que têm caráter corretivo, ou seja, são medidas estruturais que se mostram necessárias em quaisquer circunstâncias. Vamos adequar o seguro-desemprego, o abono-salarial, a pensão por morte e o auxílio-doença às novas condições socioeconômicas do País. Essas novas condições mostram que, nos últimos 12 anos, foram gerados 20,6 milhões de empregos formais. A base de contribuintes da previdência Social foi ampliada em 30 milhões de beneficiários. O valor real do salário mínimo, que é a base de todo o sistema de proteção social, cresceu mais de 70%.

Ué, se a arrecadação está aumentando (pois como ela mesmo disse a informalidade foi reduzida), ela não conseguiu justificar a necessidade de “ajuste”…

Nestes casos, não se trata de medidas fiscais, trata-se de aperfeiçoamento de políticas sociais para aumentar sua eficácia, eficiência e justiça.

Ha, ha, ha…

Vamos promover o reequilíbrio fiscal de forma gradual. Nossa primeira ação foi estabelecer a meta de resultado primário em 1,2% do PIB.

O engraçado é que ela nem tem vergonha de falar isso. Melhor seria se ela escondesse e se fingisse de morta ao tratar este assunto.

Caras ministras e caros ministros, Devemos enfrentar o desconhecimento, a desinformação sempre e permanentemente. Sem tréguas. Não permitam que a falsa versão se crie. Reajam aos boatos, travem a batalha da comunicação, levem a posição do governo à opinião pública. Sejam claros, precisos, se façam entender. Não deixem dúvidas.

A regra é clara: todos ministros devem sair mentindo feito malucos pela mídia. E “falsa versão” no dialeto do PT significa “fatos”. Como os fatos são desagradáveis, o negócio é mentir como ela já fez em quantidades titânicas durante a campanha. E segue fazendo.

Por exemplo, quando for dito que vamos acabar com as conquistas históricas dos trabalhadores, respondam em alto e bom som: Não é verdade! Os direitos trabalhistas são intocáveis, e não será o nosso governo, um governo dos trabalhadores, que irá revogá-los.

Mas não é isso que vários petistas tem dito, inclusive alguns que tem debandado. Isso inclui a cantora Adriana Calcanhoto e a ex-ministra Marta Suplicy.

Quando for mencionada a crise da água, lembrem-se que desde o início da maior estiagem das últimas décadas, o Governo Federal apoiou e está apoiando,de todas as formas, inclusive com investimentos elevados, as demandas dos Governos estaduais, responsáveis constitucionais pelo abastecimento de água.

Se for para falar de lembranças, melhor também ninguém esquecer que Dilma dizia que não havia problema de estiagem durante a campanha, apenas para tentar prejudicar a campanha de Alckmin.

O curioso é que podemos compreender que Dilma já entregou os pontos e entrou na fase de priorizar a propagação de mentiras (por parte de seus ministros) do que realmente trabalhar efetivamente. Para ela, a guerra a ser vencida é a da “comunicação”. Então devemos supor que as coisas vão bem. Só precisam ser “bem comunicadas”, certo?

Vamos, a partir da abertura do Congresso, propor uma alteração na legislação para tratar como atividade comum dos entes da federação as ações de segurança pública, permitindo a União estabelecer diretrizes e normas gerais válidas para todo o território nacional para induzir políticas uniformes no País e disseminar a adoção de boas práticas na área policial.

Agora é a fase sinistra do discurso.

Quem está de olho em unificação de polícias pensa em usá-las como forma de silenciar críticos, não de melhorar a segurança pública. A Venezuela que o diga.

Neste segundo mandato, manterei, sem transigir um só momento, meu compromisso com a lisura no uso do dinheiro público, com o combate aos mal feitos, com a atuação livre dos órgãos de controle interno, com a autonomia da Polícia Federal, e com a independência do Ministério Público.

Durante a campanha, ela dizia que “mandava investigar”. Agora, diz que tem “autonomia”. Ela realmente não fala por coerência lógica. Apenas busca o efeito que as palavras podem gerar em algum momento.

Vou chegar ao final deste mandato podendo dizer o mesmo que disse do primeiro: nunca um governo combateu com tamanha firmeza e obstinação a corrupção e a impunidade.

Poder dizer ela pode mesmo. Até por que trotskistas são avaliados entre os seus pela quantidade de mentiras que lançam. Então ela pode dizer qualquer coisa. Aliás, o governo petista combateu tanto a corrupção que quando pedia para assistir as gravações das delações tomava com a cara na porta. O fato é que o governo petista sempre foi o investigado na questão, jamais o investigador…

O saudável empenho de justiça deve também nos permitir reconhecer que a Petrobrás é a empresa mais estratégica para o Brasil e a que mais contrata e investe no país. Temos que saber apurar e saber punir, sem enfraquecer a Petrobrás, nem diminuir a sua importância para o presente e para o futuro […] Ministros e ministras, toda vez que se tentou, no Brasil, condenar e desprestigiar o capital nacional estavam tentando, na verdade, dilapidar o nosso maior patrimônio – nossa independência e nossa soberania. Temos que punir as pessoas, não destruir as empresas. Temos que saber punir o crime, não prejudicar a economia do país. Temos que fechar as portas para a corrupção, não para o crescimento, o progresso e o emprego.

Essa parte é muito importante. Isolarei alguns pontos:

  1. Petrobrás é estratégica
  2. Portanto deve-se “saber” investigar
  3. Assim como deve-se “saber” punir
  4. Tem que tomar cuidado para não enfraquecer a Petrobrás
  5. Já que tem gente querendo “desprestigiar” o capital nacional

A inserção destes cinco itens já mostra as péssimas intenções dessa senhora.

Ora, se existe autonomia para investigação, então o fato da Petrobrás ser estratégica, podendo ser enfraquecida, não significa absolutamente nada. Ninguém deve pisar em ovos para investigar seja a quitanda da esquina, seja a Petrobrás, mas a mensagem passada por Dilma é o contrário: no caso da empresa aparelhada, “tomem cuidado”. O tom é cada vez mais kirchnerista.

Ela não poderia deixar de incluir a tradicional baixaria bolivariana atribuindo aos outros as culpas pela corrupção na Petrobrás. Ou seja, se há provas contra a Petrobrás (por que teve gente que “apurou demais”), isso ocorre por culpa de um pessoal querendo “desprestigiar” o capital nacional.

Nesse momento, ela assumiu o compromisso com a pressão contra as investigações e com a fuga da responsabilidade pela demolição da Petrobrás.

Enfim, um discurso nojento para iniciar um mandato irresponsável e depravado.

Não podia faltar o momento ridículo abaixo:

Anúncios

23 COMMENTS

      • É uma possibilidade, e não é de todo ruim. O ruim é que vai exigir MUITO esforço de nossa parte pra conseguir derrubar cada um dos projetos bolivarianos deles. Se esses esforços forem bem direcionados e derem resultados, no final terá sido até melhor que o PT tenha ganho, pois vai estar com a imagem política muito ruim. Vai ser mais fácil para nós os destruirmos nos 8 anos seguintes, abrindo espaço para termos uma eleição, talvez já em 2.026 sendo disputada por PSDB versus algum partido ou candidato de direita que apareça.

    • Faça isso. É importante fazer com aqueles que aqueles que fizeram campanha para ela saibam que a culpa é deles.

      Eles devem sofrer as consequências por cada escândalo do governo durante quatro anos. Assim talvez aprendam a no mínimo ficarem calados

  1. Acho que Dilma deveria realizar outra plástica,mudar da cara de bandida, para cara de impostora terrorista, ao quadrado.a França veio um grande elogio ao Brasil: “o Brasil não é um país sério”.Degaulle.Como fica o relacionamento de um país que sabe da fraude nas eleições que elegeram Dilma a mulher mais vaiada do planeta? Uma mulher sem crédito social,que o povo mandou-a tomar Cú,mesmo assim ela sorrir, disfarçando sua dor,assim segue o Brasil dos arapongas…

    • “Eu vou preferir ler”.
      Foi isso que eu entendi. Acho que ela preferiu ler direto do papel na mão, em vez de fingir que estava falando de improviso, “colando” do teleprompter (um tanto lerdo até para o padrão dílmico).
      O filme devia mostrar o que ela fez a seguir, mas o que mostrou é patético.

  2. Obrigado por ajudar a nossa presidenta em um dos pontos que ela destaca, Luciano. Combate à desinformação, a começar pelo discurso dela… kkkk

  3. Você acreditaria numa empresa infestada de ladrões? Você compraria produtos e serviços de uma empresa com um escândalo desses nas costas? Eu não.

  4. E o mais impressionante é constatar como muitos engolem essa porcaria de discurso patético e mentiroso. Só pode ser coisa de fanatismo patológico de undécimo grau.

  5. Prezado Ayan,
    Recomendo ver minha análise.
    ITCMD, ICMS, IR, COFINS, ISS, IPVA,
    IPTU, IOF, ITBI, COSIP, e todos os outros…

    Dão uma arrecadação de :

    R$ 4.500.000.000.000,00 (4 trilhões e meio) / ano (Brasil)
    (arredondando, pois seria 4 trilhões 556 bilhões 280 milhões de reais)
    O valor real é de aproximadamente 7 trilhões, mas…
    consigo comprovar facilmente 4.556.280.000.000,00 (na metade do e-mail você verá)

    Ou seja,
    Se você dividir estes 4 trilhões e meio,
    por 200.000.000 habitantes (população brasileira),
    pois o imposto é para a nação!
    Dará um média de R$ 22.500,00 / por pessoa / ano!

    Então…

    Uma cidade como Florianópolis (500.000 habitantes)
    Pode e deve ter renda anual de 500.000 x R$ 22.500,00
    Totalizando: R$ 11 bilhões e 250 milhões / ano.
    ou
    R$ 937 milhões e 500 mil reais / mês

    Para você entender bem,
    como é fácil administrar uma cidade
    como Florianópolis,
    exagerei nos valores (infelizmente, pois são os valores
    que realmente deveriam ser pagos de salário) e mostro
    que é fácil, e simples termos
    saúde, educação, segurança e estradas!

    Então, vamos simular

    População – 500.000 habitantes

    18.000 professores pagos pela cidade,
    para Universidades públicas, colégios públicos e berçários (creches)
    R$ 8.500,00 para todo professor (utopia?)
    Totaliza-se: R$ 153.000.000,00 (cento e cinquenta e três milhões de reais) /mês
    + 12 milhões, 750 mil reais (reserva mensal para pagamento do décimo terceiro)

    14.000 policiais (civil e militar e bombeiros)
    com salário médio mensal
    de R$ 12.000,00 (é possível sim)
    Totaliza-se: R$ 168.000.000,00 (168 milhões)/mês.
    + 14 milhões (reserva décimo terceiro)

    Hospitais e pronto socorros:

    5.000 enfermeiros recebendo salário mensal
    de R$ 6.000,00
    Totaliza-se: R$ 30.000.000,00 (trinta milhões)/mês.
    + 2.500 mil (reserva mensal para pagar o décimo terceiro)

    3.000 funcionários recebendo salário mensal
    de R$ 3.500,00
    Totaliza-se: R$ 10.500.000,00 / mês
    + 875.000,00 (décimo terceiro)

    2.000 médicos recebendo salário digno mensal
    de R$ 45.000,00.
    Totaliza-se: 90.000.000,00 (90 milhões de reias) / mês
    + 7.500.000,00 (décimo terceiro)

    Medicamentos distribuídos gratuitamente pelo SUS
    R$ 9.000.000,00 mensais
    preço justo e sério, sem negociatas dos políticos

    Gastos com ultrason / Tomografias / Raios x etc… (mensalmente)
    R$ 14.000.000,00 mensais
    preço justo e sério, sem negociatas dos políticos.

    7 carros novos para polícia/Mês : R$ 650.000,00

    3 ambulâncias + 02 carros bombeiros/ mês: R$ 850.000,00

    Pagamento de empréstimos,
    feito por governo anterior, ou atual… R$ 15.000.000,00/mês
    (quinze milhões de reais/ mês)

    10 km asfaltados todo mês (asfalto de primeira) R$ 22.000.000,00
    (em 5 meses- 50Km, ou seja, em 5 meses asfalta-se toda a SC401)

    3.000 funcionários da prefeitura com salário médio de 3.500,00/mês
    Totaliza-se R$ 10.500.000,00 (10 milhões e 500 mil reais)
    + 875.000,00 (décimo terceiro)

    Investindo 2 milhões reais em reforma de uma escola
    todo mês.

    50 vereadores ganhando R$ 170.000,00/ cada,
    ou seja, dinheiro com todas as besteiras que eles tem direito,
    salário, despesa gabinete, assessoria,
    e todas as outras idiotices que babacas tem direito!
    R$ 8.500.000,00 (oito milhões e quinhentos mil reais/mês)

    Investindo 5 milhões de reais mensais
    em reformas e construção de postos de saúde.

    Pagando 10 milhões de reais / mês
    com merenda escolar.

    Gastando 2 milhões / mês
    com material didático, carteiras,
    mesas, cadeiras, canetas, e tudo necessário
    para manter as escolas e postos de saúde.

    Aluguéis em prédio públicos,
    pagando 12 imóveis alugados,
    cada um no valor de R$ 150.000,00
    por mês de aluguel (isto é o preço de
    aluguel de um prédio de 06 andares
    em área nobre)
    Total: R$ 1.800.000,00 (um milhão e
    oitocentos mil reais).

    Gastos acima (prédios alugados)
    com energia elétrica, água e outras,
    R$ 3.000.000,00 (três milhões de reais).

    2.500 garis, margaridas e coletores de lixo,
    recebendo salário de R$ 4.000,00 / mês (espetacular).
    Totalizando: R$ 10.000.000,00 / mês.
    + 834.000,00 (décimo terceiro)

    Pagamento de precatórios realmente atrasados
    5 milhões de reais por mês (dinheiro exclusivo
    para pagar indenizações).

    Reserva de capital para despesas
    futuras (5% da arrecadação)
    R$ 47.000.000,00/mês
    (quarenta e sete milhões de reais/mês)

    Total de despesas acima (sem décimo terceiro)
    R$ 617 milhões e 800 mil reais / mês
    Mais economia mensal para pagamento do décimo terceiro
    R$ 39 milhões 334 mil reais
    Sendo assim,
    despesas principais de Florianópolis/ mês
    R$ 657 milhões e 134 mil reais

    Considerando que o principal e mais caro está descrito acima,
    e sabendo que arrecadação de impostos totais (municipal/estadual/federal)
    mensal corresponde a R$ 935 milhões e 500 mil reais/ mês

    Sobra ainda R$ 278.366.000,00 reais
    (um quarto de BILHÃO!!!!)
    para pagar outras coisas que não foram inseridas acima.

    Demonstrei facilmente a situação,
    deixo claro que o valor real, é bem superior ao que anuncio,
    pois deixei muitos como se não pagassem,
    ou seja exagerei propositalmente,
    para você se surpreender, e não acreditar,
    que o valor anual arrecadado é realmente este
    (o valor com certeza é superior, ao que apresento)

    Lembre-se sempre,
    você comprou algo… pagou imposto!!!!

    Comprou remédio? Pagou imposto
    Comprou gasolina? Pagou imposto
    Pagou a conta de luz? Pagou imposto

    Vamos lá….

    População do Brasil: 202 milhões de pessoas (IBGE)

    Começamos fingindo que 82 milhões de pessoas, sejam menores
    de 17 anos, não trabalhem, não sejam traficantes, e não sejam assaltantes,
    portanto nunca viram dinheiro,
    então esqueçamos estes.

    Sendo assim,
    a população nacional,
    com situação de trabalho seria de 120 milhões de habitantes.

    Fase 01:
    20% destes possuem renda média mensal de R$ 300,00.
    E, vamos fingir que todos não compram absolutamente nada,
    nem roupas, nem comida, e nem bebida,
    assim… estes não geram arrecadação,
    ou seja, pagam de impostos… NADA !!!!!

    Fase 02:
    20% destes (120 milhões de hab.) possuem renda média de R$ 650,00.
    Estes, você pode dizer que consomem, compram remédios,
    comida, vestuário, pagam luz, água, etc…
    Ou seja, estes pagam IMPOSTOS indiretos, ou seja, EMBUTIDOS
    em tudo que compram.
    O que na realidade significa que pagam 15% de seus rendimentos
    em impostos!!!!
    Então:
    24 milhões de pessoas (20% da população) pagando 15% de impostos
    sobre seu ganho mensal de 650,00 (R$ 97,50).

    24.000.000 x 97,50 = 2 bilhões 340 milhões / mês
    Anualmente: R$ 28 bilhões e 080 milhões de reais

    Fase 03:
    14% da população (16.800.000 pessoas) possuem renda média mensal
    de R$ 1.000,00.
    Estes consomem mais, e gastam mais, ou seja acabam pagando
    uma média de 20% em impostos diretos e indiretos, o que totaliza
    R$200,00 de impostos por pessoa.
    Então:
    16.800.000 pessoas x 200,00 = 3 Bilhões 360 milhões / mês
    Anualmente: R$ 40 bilhões 320 milhões de reais.

    Fase 04:
    10% da população (12 milhões de pessoas) possuem renda média mensal
    de R$ 2.000,00.
    Aqui, as pessoas já pagam IPTU, e outros tributos, além dos impostos
    embutidos que a pessoa não vê, e não sabe que pagou, ou seja,
    nesta fase os impostos juntos levam 35% do salário da pessoa
    (R$ 2.000,00 x 35% = 700,00).
    Então:
    12.000.000 pessoas x R$ 700,00 = 8 bilhões 400 milhões / mês
    Anualmente: R$ 100 bilhões 800 milhões

    Fase 05:
    18% dos brasileiros (21 milhões e 600 mil pessoas)
    possuem renda mensal de R$ 3.000,00.
    Estes pagam todo e qualquer tipo de imposto,
    sabendo ou não, pagam 35% de seu salário só
    em impostos!!!!!
    Então:

    21.600.000 pessoas x R$ 1.050,00 = 22 bilhões 680 milhões / mês
    Anualmente: R$ 272 bilhões 160 milhões de reais.

    Paro aqui para lembrar que,
    está sendo feito uma mostra do que é arrecadado,
    ou seja TODOS,
    todos os impostos juntos,
    municipais, estaduais e federal.
    O que está sendo divulgado é simplesmente,
    a arrecadação anual de IOF, IR, IPTU, ITCMD,
    ICMS, IPVA, ISS, Laudenio, ITBI, etc… (todos os impostos,
    existentes no país).

    Fase 06:
    09% destes (10.800.000 pessoas)
    possuem renda mensal de R$ 6.000,00.
    Seus gastos mensais geram arrecadação
    relacionada a 45% de impostos.
    Então:
    10.800.000 pessoas x R$ 2.700,00 = 29 bilhões 160 mi. / mês
    Anualmente: R$ 349 bilhões 920 milhões de reais.

    Fase 07:
    08% da população (9.700.000 pessoas) possuem renda mensal
    de R$ 35.000,00. Estes pagam 50% de seus salários em impostos
    (R$ 21.000,00).
    Então:
    9.700.000 pessoas x R$ 17.500,00 = 169 bilhões 750 milhões / mês
    Anualmente: R$ 2 trilhões 037 bilhões de reais.

    Ricos (fase 08)
    01% da população (1.200.000 pessoas) possuem renda média mensal
    de R$ 200.000,00, e estes são o que mais pagam impostos no país
    (60% de seu salário é gasto em impostos).
    Estes são os que mais pagam IOF, ITBI, Laudênio, ICMs, IPI, COFINS,
    pois estes são os que mais consomem (apartamentos, carros caríssimos, viagens, etc…)
    Então:
    1.200.000 pessoas x R$ 120.000,00 ( 60% de 200.000,00) = 144 bilhões / mês
    Anualmente: R$ 1 trilhão e 728 bilhões de reais.

    Mostrei acima, que a arrecadação em impostos anuais
    são de (no mínimo) R$ 4 trilhões 556 bilhões 280 milhões de reais.
    Ah….
    e a sonegação????
    Este número é bem inferior a realidade,
    pois em momento algum entrei em valores
    de pessoa jurídica, ou seja, falei unicamente de pessoa física.
    Então, pode-se deduzir que os valores de arrecadação muito maiores,
    mas, aproveite e esqueça isto,
    finja que este lado não computado é tudo
    sonegado e roubado, ou seja
    pode considerar a sonegação embutida!

    Palhaço não é o Tiririca em quem você votou!

    Palhaço,
    é você mesmo, que não faz nada para mudar!

Deixe uma resposta