Milícia bolivariana agride manifestantes anti-PT

22
106

pet

Sempre que uma escória de covardes bolivarianos se junta para agredir uma pessoa sozinha, a mídia esquerdista diz que é “confronto”. Não podemos esperar outra coisa do UOL, não é mesmo?

No Rio de Janeiro, Dilma resolveu dar as caras na sede do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de 2016, no centro da cidade. Quando o grupo anti-PT gritou “Eu vim de graça!”, a mílicia enlouqueceu. Aí você pode ver na foto o que o UOL chama de “confronto”.

Alias, certo momento a milícia, antes de tentar agredir o sujeito, ainda bradou: “Ê, ê, ê, tem um veado querendo aparecer!”. Como se vê, o discurso petista anti-homofobia é só da boca pra fora. Quando eles falam o que pensam, são homofóbicos.

Por fim o manifestante usou seu megafone para chamar a PM e a Guarda Municipal não deixou os fascistas derramarem sangue.

Anúncios

22 COMMENTS

  1. Ah, mas tinha que ser essa porra desse UOL mesmo!

    Povão: vamos ridicularizar ao máximo, ao extremo, esse portal do caralho.
    Esse site cheio de cífilis, de gonorréia, devido a aquele bate papo nacionalmente conhecido como o bate papo da putaria.

    Esse portal dos infernos, de araque, do caralho do beuzebu, que é um defensor ferrenho do PT. Que publica textos valorizando a censura de mídia (burros, dando tiro neles próprios).
    Esse UOL merece nosso nojo e nossa ridicularização PÚBLICA.

    Pra todo mundo que vocês conhecem, espalhem o quanto o UOL é nojento. O quanto ele está chupando as bolas do PT. Como boa PUTA que é (fica o mistério: puta gratuita vadia, ou puta paga? de qualquer forma, PUTA), fica ali, lamendo as bolas do PT e da militância.

    E num caso em que uma pessoa é agredida pelo exército do MST, o que acontece? O UOL vai e diz que a culpa é toda da vítima. UOL é benevolente com agressores, com criminosos.

    BOICOTE E RIDICULARIZAÇÃO AO UOL, JÁ!!

  2. “Alias, certo momento a milícia, antes de tentar agredir o sujeito, ainda bradou: “Ê, ê, ê, tem um veado querendo aparecer!”. Como se vê, o discurso petista anti-homofobia é só da boca pra fora. Quando eles falam o que pensam, são homofóbicos.”

    Perfeito!
    Uma vez, numa discussão com uma petista que estava com os olhos cheios de lágrima e emocionada com o pagamento da fiança dos mensaleiros, ao me confrontar ela me chamou de “viado, bichona”.
    E em seguida falou “aliás, nada contra os gays, a favor de todas as formas de felicidade”, o que retruquei: “Ah é, nada contra? Então porque me chamou de viado querendo me difamar, querendo me ofender? Se não tem nada contra, por que achou que eu me ofenderia? HOMOFÓBICA”. A vagabunda se calou.

    Ah, petistas, que delícia que é vê-los dando tiro no próprio pé…

  3. E enquanto isso na CCJ durante a sabatina do Fachin a senadora Vanessa Grazziotin, do PCdoB, chamou o senador Ronaldo Caiado de autista como se fosse um xingamento. Essa esquerda….

    • Sério? Porra! Que prato cheio! Vamo aproveitar e divulgar isso feito loucos! Temo que agir insamente na difamação moral dessa esquerda. Denunciá-la, pedir 1 milhão, fazer o CAPETA CHUPANDO MANGA. Comentário infeliz pra porra esse dela, mas também, o que esperar de alguém que é do mesmo partido que um cantor de pagode feio pra caralho, que agride repórteres, agride a esposa, critica o “padrão de beleza europeu” do Brasil mas socou sua esposa negra e a trocou por uma loira? É, senhor Netinho de Paula, fã do PT e membro do PCdoB, partideco que ridiculariza autistas.

  4. ‘Sempre que uma escória de covardes bolivarianos se junta para agredir uma pessoa sozinha, a mídia esquerdista diz que é “confronto”.’

    Não me diga!!! Agora me diz uma coisa, quando o estado de Israel pega um dos exércitos mais ricos e fortes do mundo, que conta inclusive com dinheiro dos taxpayers americanos e mata uns dois mil palestinos de uma vez, destrói a infra estrutura de água, energia, destrói as casas de quem não tem nada a ver com terrorismo nenhum, joga bomba em hospitais, em escolas…a mídia ‘direitista’ (direitista desse ‘direitismo’ de vocês, mas não libertária, tem que deixar claro) também não fala que é ‘confronto’?
    Hipócrita.

    Aliás, qualquer um que divide o mundo entre ‘direita’ e ‘esquerda’ já começa com a honestidade de um inseto.

    • ER…

      Sua análise ética é bisonha.

      Primeiro que a relação entre pessoas de um mesmo país é gerida por uma constituição. E há um contrato social.

      Não existe essa relação entre países.

      Nas guerras entre países (ou povos, por território), não são aplicáveis as mesmas regras. Até porque se fosse, o hipócrita seria você por estar escondendo que a Rússia massacrou mais islâmicos em guerras do que os Estados Unidos. Ou você quer nos esconder a guerra russa contra o Afeganistão?

      Abs,

      LH

      • Foda-se a Rússia, foda-se países, foda-se constituição.Só o que existe são INDIVÍDUOS e você sabe disso.
        E foda-se também esse seu ‘contrato social’ que nenhum libertário assinou mas é obrigado a cumprir mesmo assim.

      • Slaine,

        Só o que DEVERIAM existir são indivíduos, pela ética LIBERTÁRIA.

        Mas temos que ver o mundo como ele é.

        E o indivíduo, infelizmente, hoje é uma parte menor do processo.

        Abs,

        LH

      • E mesmo seguindo esse argumento de que ‘não valem as mesmas regras’, ainda é hipocrisia.Falar que se uma pessoa faz X, isso é imoral, mas se um governo faz X isso NÃO é imoral = dois pesos, duas medidas.
        E pior, dois pesos duas medidas pra defender a instituição mas podre de todas.

      • Claro que não, ô figurinha.

        Um estado é mantido com nossos impostos. Então, existe uma entidade contra a qual podemos fazer a comparação do que é justo ou não no tratamento de seus cidadãos.

        Essas regras seriam diferentes se vivêssemos em um mundo a la Mad Max.

        Mas esse “estado”, mantido com nossos impostos, não existe para gerenciar todos os países, na medida em que existe um estado sobre seus indivíduos.

        Então, não podemos comparar a interação entre indivíduos com a interação entre estados, até por que os estados devem satisfações aos indivíduos de seus estados. Os estados não devem satisfação a ninguém.

        No máximo o que pode existir é a ONU, que nem de longe é um “estado de estados”.

        Não alucine, Slaine.

        Abs,

        LH

      • Seu raciocínio é bizarro.
        ‘O estado não tem que prestar conta a ninguém’. Então tá, uma instituição que não presta conta a ninguém e tem o ‘direito’ de enfiar a mão no meu bolso e arrancar o quanto quiser.Não sei se vc notou mas seu argumento é ANTI estatista até o osso.
        ‘O estado presta conta aos seus cidadãos’…blábláblá…
        Vamos lá… ‘os estados devem satisfação aos seus indivíduos’…então a conclusão lógica é que se a maioria de vagabundos em um estado acha certo que o estado arranque de quem produz pra sustentar os vagabundos, é perfeitamente correto o estado fazer isso.
        Eu acho muito engraçado vocês que se acham pró capitalismo defendendo tanto a democracia e suando tanto pra combater as coisas que são consequência DIRETA da democracia. Boa sorte aí nessa sua guerra, Sísifo.

      • Slaine,

        Você está confundindo a ética do estatismo com a possibilidade prática.

        Infelizmente, pelo contrato social, é o que temos. Se é o que temos, precisamos exigir o máximo do estado. A relação do estado é com os cidadãos (indivíduos) que o sustentam. Nada é mais óbvio que isso.

        O fato é que diante do que temos (e das possibilidades que temos), podemos lutar para que as coisas piorem ou melhorem para nós.

        O que você faz? Idealiza um mundo. Mas nem mesmo testa sua praticidade, e nem mesmo tem uma estratégia de implementação (isso em 2015, quando a estratégia gramsciana é de 1930). Daí você viaja mentalmente para este mundo que está na sua mente, e JULGA o mundo atual como CULPADO por não estar de acordo com sua projeção mental.

        Na boa, essa visão de política é ingenua até dizer chega.

        Abs,

        LH

        Idealiza um mundo.

      • Slaine, o que você sugere no lugar da democracia? Monarquia? Intervenção militar?

        Não to perguntando como tiração de sarro ou provocação não, é curiosidade mesmo.

      • Essa molecada libertária radical é de dar sono. São os primeiros que vão fuçar o chorume que sobrar da destruição do PT em busca de apoio.

    • A honestidade de um inseto é maior que a sua. Você fala como se Israel tivesse iniciado a agressão contra os palestinos, quando sabe muito bem que os ataques sempre se iniciaram do outro lado. Você também sabe que não há como os israelenses invadirem e localizarem cada um dos atacantes e fazerem justiça exatamente com eles. O que fazer então, deixar seu próprio povo continuar sendo bombardeado? Pelo tom de seu discurso, isso é exatamente o que você gostaria que acontecesse. Quem é o hipócrita? A sua lógica nem libertária é, é uma lógica de um idiota superimbecilizado pela esquerda.

      • Não é verdade que são sempre os palestinos que começam os ataques. Muitas das vezes os ataques são iniciados por Israel, que ainda por cima gostam de comer pedaços de terra da Palestina de vez em quando. Eu pelo menos sou contra qualquer tipo de imperialismo, seja ele praticado por Israel, pelos EUA, ou por quem quer que seja. Nem acho que é necessário ser libertário para isso. Nada diz que para você ser capitalista, você precisa ser imperialista ao mesmo tempo. Pelo contrário, até.

        Liberais são contra o agigantamento do estado, e contra a intervenção excessiva do estado na vida dos outros. E não existe intervenção maior do que invadir países alheios, matar centenas de milhares de inocentes e implementar governos-fantoche. A direita defendendo os EUA de um jeito tão ferrenho só mostra que o liberalismo da maioria deles é apenas de fachada.

    • Tá bom !!! os terroristas do hamas jogam 3000 bombas em Israel todos os anos e israel não reage. Os palestinos só não matam e extermina os judeus e Israel porque não conseguem. Se pudessem farima sem pestanejar

  5. Nao gaste sua massa encefalica com quem ja esta condicionado LH Alguem que nao sabe que nao ha confronto entre Israel e Palestinos devido a intransigencia de palestinos e no minimo parcialidade. Ora, Israel ataca com armas estrategicas de ultima geracao que possui devido a sua alta tecnologia e avanco em todos os setores. Se os terroristas palestinos colocam sua populacao, incluindo criancas pequeninas onde sabidamente Israel ira atacar e um ato terrorista deles mesmos. Antes de mandar bombas porem Israel e bombardeado mais de uma vez e so revida mas sabendo onde esta o armamento e onde atacar. Se eles fazem muralha humana para evitar o bambardeio e problema deles nao de Israel. Ora por que eles mesmos nao ficam na frente dos armamentos para protege-las com seu proprio corpo e colocam a maioria criancas,? Para mexer com o emocional de garotinhs como essa que esta ai choramingando.

    • Os terroristas israelenses atacam os palestinos sempre que estão com vontade, é mentira essa história de que eles só estão revidando.

      É como naquela história de quando os terroristas americanos atacaram o Iraque, onde o governo dos EUA inventou uma história falsa de que eles tinham armas de destruição em massa, e lançaram uma campanha massiva de propaganda para justificar o massacre. Foi uma propaganda que usou o dinheiro dos impostos do povo americano, para enganar a opinião pública (se bem que a maioria apoia o massacre, mesmo sabendo que tudo foi apenas uma desculpa esfarrapada).

Deixe uma resposta