Padilha diz que falar a verdade sobre o Mais Médicos é “ódio”

7
119

padilha

O ex-ministro da saúde e candidato derrotado ao governo de São Paulo Alexandre Padilha deu outro show de cinismo aterrador ao reclamar que foi vitima de “inaceitáveis instantes de intolerância”. Na ótica de Padilha, dizer a verdade sobre o Mais Médicos significa criar “clima de agressão, desrespeito, ódio e intolerância”.

Ocorre que Padilha almoçava em um restaurante chique de São Paulo quando um dos clientes se levantou e bateu com o talher em uma taça, pedindo “um minuto de atenção”.

Disse o cliente: “Eu queria dizer que temos aqui a ilustre presença do ex-ministro Alexandre Padilha, que nos brindou com o programa Mais Médicos, da presidente Dilma Rousseff, responsável pelo gasto de R$ 1 bilhão que nós todos otários aqui pagamos”.

O que há de mentira na frase acima? Absolutamente nada. Então para o petista a regra é essa: sempre que você disser uma verdade incontestável sobre ele é “ódio”. Talvez por que no fundo Padilha saiba que a verdade mostra que o tráfico de escravos com finalidade de enviar dinheiro a uma ditadura de sádicos é vergonhoso mesmo.

O problema não é a intolerância de quem relembra o passado de Padilha. O passado de Padilha é que é intolerante.

Anúncios

7 COMMENTS

  1. A IDEOLOGIA DE GÊNERO (Movimento LGBT, feminismo, etc…) TOTALMENTE REFUTADA.
    https://www.youtube.com/watch?v=oUR2Wkf2k5I

    Resumo:
    Aristóteles afirmou que havia duas grandes estruturas sociais: A primária, que é a família, e a secundária, que é o Estado.
    A família é uma estrutura primária, onde o indivíduo vale pelo que ele é – Por exemplo, se sua mãe morrer, não há como substituí-la.
    Nas estruturas secundárias, como na sociedade em geral, nas empresas ou no estado, o indivíduo ele vale pela sua função. Se você morrer hoje, daqui um mês, a sua empresa pode arrumar um outro funcionário para desempenhar a mesma função. O mesmo ocorre no Estado, onde há a autoridade, o cidadão, o aluno, o professor, enfim, cada um tem A SUA FUNÇÃO.

    Nas filosofia moderna, principalmente em Hegel, o Estado será exaltado como a ápice da racionalidade humana, e a família será apresentada como uma reunião primitiva.

    Se Aristóteles explicava o Estado como consequência da família, Hegel dirá que ambas as estruturas são rivais e opostas.

    O objetivo de Hegel era eliminar as estruturas primárias, a família, para exaltar as estruturas secundárias, o grande “Deus Estado”, e isso implicava em reinterpretar a identidade pessoal do indivíduo como apenas mais uma simples FUNÇÃO SOCIAL do indivíduo dentro do Estado.
    Por isso a necessidade da criação de “um homem novo” para uma “nova ordem mundial”.

    Posteriormente, baseado em Hegel, Karl Marx dirá que o homem buscou tomar posse dos meios de produção de outros seres humanos, se apossando das mulheres, e obviamente, tomando posse dos filhos, e a família era a origem e causa do conceito de propriedade privada, que ele combatia.

    O Movimento comunista primeiro buscou atuar na esfera política e econômica, e somente no governo de Stalin, que medidas anti-família começaram a ser adotadas, culminando na criação do movimento feminista e no movimento gay

    Segundo a ideologia de gênero, a sexualidade da pessoa é apenas UM PAPEL SOCIAL, é apenas a função que o indivíduo desempenha na sociedade.

    Essa mudança para função, e a completa implementação das idéias, terminará em um Estado Super Totalitário, aonde os indivíduos não terão nem mesmo personalidade ou individualidade, já que estas são apenas funções sociais a serem desempenhadas dentro do Estado, em uma situação muito similar a descrita pelo livro “Admirável Mundo Novo”

  2. Peraí, Padilha virou notícia?

    Aquele que nem teve graça ver o Alckmin vencê-lo na eleição visto que foi a vitória mais fácil do PSDB sob o PT?
    Cara, perdeu pro ALCKMIN! Alckmin, mano! Que tem um número expressivo de haters aqui em São Paulo. Não fez nem coceguinha, nem relou, nada. Uma piada de candidatura.

    Padilha é aquele que fez a propaganda mais bisonha que já vi que mostrava o Alckmin e um deserto atrás, e depois o Padilha e uma represa cheia atrás?
    Do tipo: se o Padilha ganhar, um milagre acontecerá e vai chover tudo de novo!

    A moral dele com o Lula era tamanha que, vejam aí, ele discursando e o Lula mais interessado no goró (aparentemente ele também):

    http://s2.glbimg.com/_KtytaT7mWlcIlWMLH455WhZrAU=/1200×630/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2014/10/01/padilha4.jpg

    Padilha é aquele que faz parte de um partido que odeia a elite mas estava em um restaurante de bairro nobre?
    Que fácil! É bem fácil odiar elite enquanto você pode ir almoçar em um restaurante dela. Por que não vai almoçar em um prato feito na periferia já que lá você não vai encontrar certamente ninguém da elite?

    Padilha, você devia é agradecer ao sujeito que fez isso aí no restaurante, pois ele nos fez lembrar que você existe. Só assim pra você aparece, pra ser lembrado, pra fazer ressuscitar essas lembranças que citei.

    Padilha é uma piada, e não daquelas engraçadíssimas e nem daquelas sem graça: aquelas de um risinho de nada de “nossa, que tentativa forçada”.

  3. QUERO DEIXAR OS PARABENS , a esta pessoa que teve a coragem de fazer isso, se passarmos a lembrar de todas as coisas erradas que eles fazem em todos os lugares , não deixamos eles acharem que podem fazer o que quiser com nosso dinheiro e tudo acaba em pizza , PARABENS TEMOS QUE ODIAR , E REPUDIAR PESSOAS COMO O PADILHA EM PUBLICO , ELES NÃO PODEM FREQUENTAR OS MESMOS LUGARES QUE AS PESSOAS QUE FORAM LESADAS POR ELES , TEM QUE DISCRIMINAR MESMO. LINDA A ATITUDE DELE.

  4. Não só ele, Padilha, como todos os corruptos. vamos encurralarmos todos eles, fazendo que já não possam mais sair ás ruas, pois serão hostilizados. Isso é o mínimo que podemos fazer, com essa corja.!!!!!!!!

  5. E o bandido do Padilha , sócio do Youssef ( doleiro preso ) , sócio do André Vargas ( petista preso ) no esquema do Labogen disse , no vídeo , que 63 milhões de pessoas foram atendidas pelo Mais Médicos. No Brasil tem 200 milhões de habitantes. Portanto 1/3 da população foi atendida pelos 4.000 médicos do programa . E o Brasil tem 400.000 médicos . Assim todos os médicos do país vão atender 6 bilhões e 300 milhões de pessoas . O MUNDO INTEIRO !!!!!. Só na cabeça desses PeTralhas mesmo. Piada.A.M

Deixe uma resposta