O PSDB faz o programa que deveria ter feito durante as eleições

46
102

aecio

O início do segundo turno lançava a seguinte expectativa: será que com tempos igualados na TV, o PSDB finalmente vai atacar o PT? Ledo engano. Durante pouco mais de duas semanas vimos o PT dar uma aula de guerra política e desconstrução, enquanto o PSDB ficava prostrado. Podemos dizer que a campanha de TV do PSDB para as eleições foi um verdadeiro crime moral. Como resultado, uma derrota merecida nas urnas, mesmo que por pouco. (Não estou entrando no mérito da questão das urnas, mas avaliando o merecimento de vitória ou não com base em uma campanha)

Se a direita não confiava no PSDB, agora confia ainda menos. Boa parte entender que o PSDB hoje não passa de oposição de fachada ao PT. Seja lá como for, o programa do PSDB a ser visto hoje em horário nobre faz aquilo que o marqueteiro tucano deveria ter feito nas eleições.

O ponto negativo fica para a aparição de FHC, que, mesmo tentando ser assertivo, não consegue usar bons frames, chegando até a dizer que o PT é um partido “com causa”. Mas não dá para se ter tudo.

Se você quiser perfeição na tela, vá ver Mad Max: Fury Road nos cinemas. Por outro lado, enquanto o programa do PSDB não merece nota 10, ao menos vale os dez minutos gastos para assisti-lo e é o suficiente para deixar os petralhas muito irritados.

Anúncios

46 COMMENTS

  1. Deixar petralha irritado, perdendo o controle, as estribeiras, com comportamento digno de hospício, é um divertimento que só.
    Então os marketeiros tucanos estão acordando. Legal, PROS MARKETEIROS. Já os políticos, uma bela surra de pau mole mereciam. Eu que sempre fui (e continuarei sendo) apoiador do Aécio e sempre tento levantar a bola dele entre meus conhecidos estou bem decepcionado com ele, Serra e outros PSDBistas (FHC nem papo quero, tranquem num asilo e o esqueçam).
    A falta de atuação deles no caso Fachinsta mostrou a oposiçãozinha de merda que tão fazendo.

    Ser ridicularizado por alguém que apostou em você é bem pior do que ser xingado por quem sempre te odiou.
    E nesse momento, o PSDB merece ser bem ridicularizado por nós que os apoiamos.

    • PS: Mas o programa aí tá bacana, mesmo, tirando a parte do FHC sendo idiota inútil.

      E Mad Max então é bom? Já me falaram tanto que é bom como que é um saco. Devo ir assistir essa semana.

    • também não gosto da forma que o PSDB fez sua propaganda e oposição. Penso que são duas as razões o fato do tucanos não baterem pesado no PT. A primeira é a de que tem o rabo preso, ou seja, fazem parte das mesmas falcatruas e assim perdem a autoridade de serem diferentes. A segunda esta ligada mais a ideologia. Por natureza o PSDB é mais democrático e aceita o embate natural da politica, diferente do PT que usa o mesmo tom daquilo que jaz na sua essência: o autoritarismo e uma espécie de imposição forçada, por meio daquilo que o PSDB tem e o PT não, a hombridade de vencer jogando limpo.

  2. É, Luciano. Os rumores de que você é um social democrata estão começando a fazer sentido. De qualquer forma, se trabalho de desconstrução petista ainda é extremamente bem-vindo.

    • Eerr… não, fio. Não. Aqui ninguém é PSDBista.
      O Luciano já explicou antes sequer das eleições começarem o porque esse blog ia apoiar o PSDB e porque era útil apoiarmos, deixando bem claro que o apoio era apenas para ganhar tempo.

      Vou usar a metáfora do Danilo Gentili: tem dois monstros, um chamado PT e outro PSDB. O monstro PT está sendo alimentado há anos, portanto, está bem forte, amedrontador. Você obrigatoriamente precisa continuar alimentando esses monstros, escolhendo apenas um dele.
      Você prefere continuar alimentando o monstro PT e xingando o monstro PSDB, ou prefere começar a alimentar o monstro PSDB, que está bem mais fracote que o monstro PT, para ganhar TEMPO?

      Em uma postagem mais antiga ainda o Luciano deixa claro que a ~~grande~~ diferença entre PT e PSDB é que o PSDB fez algumas privatizações. Só. De resto, a ideologia é a mesma. Isso não entra na cabeça de esquerdopata de jeito nenhum, vide minha chefe esquerda caviar que insiste que o PSDB é a “extrema direita” (o esforço que faço pra não rir toda vez que ela fala isso é imenso…).

      Então, não: PSDBista aqui não tem. Mas desesperados por enfraquecer o monstro PT, tem. Menos ingenuidade e mais compreensão e ação, pfv.

      • Olá Cauê,

        Elogiei o trabalho do Luciano focado na desconstrução do PT. A exposição de frames também é muito boa(posso recomendar livros, em particular, que falam do mesmo assunto, se quiser). E também acho o PSDB o menos pior entre os dois. Mas para por aí. Os tucanos não merecem mais nossa atenção, nem nosso respeito. Pelo contrário, devem ser igualmente açoitados. Estamos num momento em que eles já podem ser descartados como alternativa. Outras forças surgiram, e estão crescendo. Elas sim, oposição de verdade, com ideais e propostas diferentes.

        Aliás, O PSDB foi montado para ser uma oposição de mentira. Informo também que não faz privatizações; o que eles fazem é concessão fortemente regulada. E quando “privatizam”, os acionistas majoritários são bancos estatais, fundos de pensão ligados a estatais e empresas intimamente ligadas ao Governo. Pra piorar, adoram aumentar imposto e dívida pública. Isso tudo está na cartilha do socialismo fabiano, e bem documentado nos anais dos governos psdebistas. Por fim, eles defendem uma forma de coletivização extremamente perversa, chamada “democracia” (cuja discussão é longa, e não entrarei em detalhes aqui).

        Respondendo à sua pergunta: sim, prefiro eles ao PT. Mas o timing deles já foi.

        E esquerdopatas sabem sim que tucanos não são de direita. Mas, como bom psicopatas que são, e bons leitores de Stalin, sabem aplicar bem a estratégia das tesouras.

        Abraço.

      • Oi Felipe R. Entendo seu ponto de vista e acho ótimo que estejam surgindo oposições novas – na real, a única oposição nova que ponho fé é o Novo, as outras oposições são nebulosas, vide DEM, ou tosquinhas, vide PP & Cia. Só acho difícil que alguma delas tenha culhão pra vencer em 2018. Creio que o que tem pra 2018, presidência, é PSDB mesmo. Mas só acho. Posso estar enganado, e espero que esteja.

        Abraço.

      • “Outras forças surgiram, e estão crescendo. Elas sim, oposição de verdade, com ideais e propostas diferentes.”

        Que outras forças?

        O partido Novo não conseguiu o registro ainda e ainda está engatinhando(já fui numa palestra deles no RJ e eles listaram os grupos–saúde,educação,transporte,…— e incrivelmente, não tem o grupo comunicação!!!).

        Se você fala dos movimentos de rua, eles também não querem virar partidos(precisamos ter em quem votar).

  3. Javnao era sem tempo acorda pra cuspir essa oposição dos sonhos( para o pt), tinha que fazer algo pra gente que votou Aécio secsentir representado, agora eh ver se não ficar SP no discurso e vão partir para ação, ou a Dilma arruma a casa ou vasa…

  4. O ruim é ter que aguentar esse coitadismo (típico de petista) contido na propaganda onde a mão do Estado chega e toma o guarda-chuva de uma família que, indefesa, não tem outra alternativa senão gritar “Me salve Aécio”.
    Apesar de não discordar de uma vírgula, acho importante ressaltar que mesmo a oposição condiciona o cidadão a agir como uma ovelha diante de um lobo.

  5. PSDB não é oposição, mas é o que temos. Eles TEM O DEVER de trabalhar para o povo e ouvir a voz de 51 milhões de eleitores. Não interessa se o Alvaro Dias é namorado da Dilma Rousseff ou se o José Sera faz campeonato de esquerdismo com Lula. Chega de ficar ligando para vaidades alheias.
    ********O PSDB TEM O DEVER MORAL E INSTITUCIONAL DE SER A VOZ DAS RUAS.************

  6. Os soviets do PT/PCdoB/PSOL estão entragando o Brasil para China e para Russia. Bando de marxistas covardes. Precisamos usar o PMDB e PSDB para frear essa medida, mesmo sabendo que há gente marxista no PMDB e PSDB.

  7. Agora que os ataques são inofensivos a linha auxiliar posa de oposição pra manter a fachada – e mesmo assim não se controla e tenta dar uma aliviada via FHC. Patético.

  8. Muito fraquinho, fala de dinheiro e umas mentirinhas que a Dilma falou. Isso é picuinha. E a questão dos homicídios, maioridade penal e desarmamento? O governo está incentivando um verdadeiro genocídio e os tucanos preocupados dinheiro. O Brasil está apoiando regimes ditaroriais sanguinários mundo afora e a reclamação do PSDB nos debates foi que isso é má gestão? Já foi identificado um militar cubano no programa mais médicos, e o problema é que o PT roubou um dinheirinho? O PT está completando o aparelhamento do STF e os caras ficam falando que “tem corrupção”. O Aécio vê um estupro e reclama que poderia ter usado camisinha. Ele está tentando diminuir os podres do PT a todo custo.

    O Aécio estava dando beijinhos nos ditadores chineses que vieram aqui comprar o país, esse canalha não engana mais ninguém. Não deveria ser novidade, até porque Aécio mostra em uma página dele com orgulho uma foto que ele tirou com Fidel Castro.

    https://scontent-gru1-1.xx.fbcdn.net/hphotos-xft1/t31.0-8/s720x720/11167694_1022943497750531_3643653477120718557_o.jpg

    • AAAAAAAFF! Traíra. Ridicularização pra cima dele também. É preciso mostrar e muito ao PSDB o quanto estamos enojados, pra que se eles vão continuar fazendo oposição velada, que o façam o melhor, com vontade real de ganhar em 2018 – o que eu sinceramente creio que acontecerá. Acho que Lula ou volta pro inferno de onde veio (enfia o politicamente correto no cu) ou perde. E vocês?

  9. Luciano, gostaria de saber o que vc acha desse vídeo do Danilo Gentilli:
    https://www.youtube.com/watch?v=X9FteEDSMqM
    Pois eu não sei dizer qual o propósito dele, do Roger e dos outros, nisso.

    Recomendo a todos o ótimo site: http://thefederalist.com/
    Ele tem um cunho mais conservador, e as suas críticas são muito boas.
    Lá tem até um ateu, que lembra o Luciano, nas críticas aos esquerdistas e defesa dos religiosos, os posts dele: http://thefederalist.com/author/rtracinski/

  10. – Finalmente começaram a convocar o povo a se opor ao PT com um tom realmente firme. Gostei da ênfase dada à situação do povo em comparação com a situação tranquila dos políticos (apesar de que obviamente o PSDB é conivente com isto). Pena que esperaram pra depois das eleições.
    – Ainda insistem em chamar as medidas do governo atual de “erros”. Não é possível que eles não entendam que os últimos 12 anos, especialmente nos últimos, foram marcados por medidas que visam apenas a manutenção do poder em detrimento da estabilidade econômica do país, e que uma hora alguém teria que pagar a conta.
    – Depois da conivência total com a eleição de Fachin pro STF, que moral tem o PSDB pra se chamar de “oposição”?

  11. Me incomoda a recorrente mania tucana de chamar os crimes petistas de “erros”. Também não gostei do Aécio ter dito que “as pessoas escolheram uma candidatura”. Isso referenda e legitima a vitória da Dilma. Nesse momento, o papel do PSDB é lançar suspeitas e desconfianças sobre aquele processo, nem que seja de maneira sutil. Sei que estou exigindo dos tucanos muito mais do que eles costumam entregar, mas se não for assim, com muita cobrança, eles continuarão fazendo suas besteiras habituais.

    PS: Luciano, tenho uma sugestão de assunto, que é o post do Reinaldo Azevedo literalmente celebrando o fato da aprovação do Fachin ter vido por margem mais estreita do que de costume. Eu e muitos leitores dele achamos que ele viajou bonito (como tem sido costumo ultimamente), não só por enxergar na questão um fortalecimento institucional que me parece nonsense, como também por tentar emplacar teses como a de um certo ‘compromisso vinculante’ por parte do agora ministro em função do que ele disse na sabatina. Vi tanta coisa errada nos campos da teoria e da guerra política dentro desse post que acabei julgando-o como prejudicial ao antipetismo. Será que vale desenvolver o assunto?

    • Poxa, Reinaldo Azevedo dá cada bola fora… ele realmente acha que o Fachin vai ficar envergonhado de não seguir os príncipios que disse possuir na sabatina?
      Poxa, a presidanta já tá fazendo tudo ao contrário do que prometeu fazer. Imagina esse Fachinsta amigo de MST, pau mandado de Stédille e advogado ilegal, que tamanho será seu nível de comprometimento com as palavrinhas soltas que falou na sabatina!

      Tio Rei, você já foi melhor.

  12. QUE TAL UMA DESCONSTRUÇÃO PRA ANIMAR A QUINTA-FEIRA?

    ‘FHC não tinha o direito de falar bobagem na TV’, critica Lula:

    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2015/05/1631721-fhc-nao-tinha-o-direito-de-falar-bobagem-na-tv-critica-lula.shtml?cmpid=facefolha

    1- Lula como sempre autoritário, DITADOR, determinando ELE quem tem o direito de falar ou não;

    2- Lula mesmo reconhece que as merdas que FHC falou são bobagens, de tão ridículas que foram. Coisa tá feia, hein FHC?

    3- Há um trecho na reportagem que diz:
    “Em discurso a uma plateia de trabalhadores e sindicalistas, o petista afirmou que ficou “triste” com as declarações de seu adversário político, mas ressaltou que sabe “apanhar”.”
    Como assim, ele diz que sabe apanhar mas ao mesmo tempo tá dizendo que o FHC não tinha o DIREITO de FALAR?
    Claro, falando pra sua plateia de baba ovos sem cerébro ou então baba ovos safados feito ele, é claro que não notaram ou fingiram não notar a contradição.

    4- “Eu vi o programa do nosso adversário na terça-feira. Fico triste, porque um homem que foi presidente da República, letrado como ele é, não tinha o direito de falar a bobagem que ele falou”, afirmou Lula.
    Ué! Lula também foi presidente e já falou cada atrocidade que se for numerar fico aqui até amanhã.

    Ex-presidente não pode criticar o PT (criticar feito um babaca, inclusive) mas pode ameaçar a população do país com o exército do MST do Stédille?

    Ex-presidente não pode criticar o PT mas pode exigir que o presidente do Santander demita uma funcionária dizendo que ela “não entendia PORRA nenhuma de Brasil”?

    VÁ A MERDA!
    O único acerto dele é dizer que o que FHC falou foi uma “bobagem”, porque foi mesmo, o correto teria sido fazer uma crítica ácida e feroz ao partido que adora sangue vermelho causado pelo exército do Stédille.

    4- “Eu estou assustado. Agora, eles já não querem mais atacar a presidente Dilma Rousseff. Eles já estão pensando que tem de balear o Lula, pensando que o Lula vai voltar em 2018. Eu nem sei se vou estar vivo”, afirmou Lula.
    Não sei vocês, mas eu particularmente tenho medo de gente que fala de si próprio em 3a pessoa…

    5- Em uma referência às manifestações contra a presidente Dilma Rousseff, Lula afirmou que as pessoas que promovem panelaços deveriam saber que a democracia tem de ser respeitada.
    E NÃO É DEMOCRÁTICO PROTESTAR?
    Só porque tá protestando contra a Dilmanta aí não pode, aí não é democrático?
    Enfia esse seu conceito falso de democracia no CU.

    6- “A presidente foi eleita pelo voto direto. Quem não gostar dela, e quiser eleger o seu, espera as próximas eleições”, afirmou Lula.
    Errr… não, fio. Errado. Bem errado. Você mesmo no Programa Livre nos anos 90 afirmou que seu grande desejo era que o brasileiro nunca esquecesse que pode expulsar um presidente se esse estiver só fazendo merda.

    Pois é: não esquecemos, CUmpanhero.

  13. Aécio se auto-intitulou líder da oposição logo após perder a eleições mas acho que isso foi só no calor do momento. Ele nunca teve tal pretensão e pelo visto até agora nem competência ou posição ideológica para isso. Por outro lado o PT nunca fugiu da luta; pediu o impeachment do FHC 19 vezes; criticava até conjugação verbal. O PT está solicitando a remoção dessa propaganda e processando o PSDB. Ou seja, nesse caos todo; o PT ainda consegue tempo na agenda para fazer oposição a “oposição”. São inúmeras oportunidades de críticas que passaram sem nenhuma manifestação do PSDB. O Lula já montou seu comitê de campanha. Tem alguém que acredita de fato que Lula não vai se candidatar em 2018? Estamos mal.

  14. Gostem ou não, tem que ser realista e ver que o PSDB é o que tem pro momento. Tem uns partidos novos que estão sendo montados, tipo o Líber, o Partido Novo, Partido Militar, Partido Nova Arena… Mas eu acho que desses, nenhum ainda conseguiu sair do papel. E mesmo quando sair, nada garante que algum deles vá conseguir ser popular e conseguir votos. E é muito fácil ficar empolgado com partidos que nem existem ainda, mas se eles virarem realidade, todos vão enxergar o óbvio, ou seja, que eles vão ser compostos por políticos de carne e osso, e, como todos os políticos, vão ser uma porcaria.

    Mas não é só na direita que tem novos partidos sendo cozinhados, na esquerda também tem. (Um deles, curiosamente, se chama PUTO – Partido das Utopias).

    E antigamente eu achava isso impensável, mas ainda tem outra possibilidade: essa crise econômica pode passar, o povo esquecer ou ficar indiferente aos escândalos do petrolão, o PT ganhar moral novamente e o próximo candidato deles ser eleito (chutaria o Aloísio Mercadante ou o Lula como próximo candidato).

  15. Falando em campanha política, vocês viram a sensacional resposta dada por Ted Cruz a um repórter gayzista?

    Repórter: Você tem um animosidade pessoal contra americanos gays?
    Cruz: Deixa eu perguntar… Há algo na esquerda, incluindo a mídia, que a torna obcecada por sexo? Por que a única pergunta que você quer fazer é sobre homossexuais? (…) Você não fala sobre política externa (…) O Estado Islâmico está executando homossexuais. Você quer falar sobre direitos dos gays? Esta semana foi muito ruim para os direitos dos gays, por causa da expansão do EI, dos fanáticos e violentos islamistas, que crucificam cristãos, decapitam crianças e assassinam homossexuais.(…)
    Repórter: Você tem um animosidade pessoal contra americanos gays?
    Cruz: Você tem uma animosidade pessoal contra cristãos? (…) Eu sou cristão, e as escrituras mandam amar a todos. (…)

      • Desconheço a informação de que a consultoria da feminista foi apenas para não degradar as mulheres, mas pelas entrevistas dela em veículos americanos, a história parece ser outra.

        Eve Ensler:

        “I think George Miller is a feminist, and he made a feminist action film. It was really amazing of him to know that he needed a woman to come in who had experience with this.”

        Em todo caso, mesmo que você esteja certo, nada degrada mais a mulher do que o feminismo, já é uma concessão acima do aceitável em um filme de ação para o público masculino.

      • Luciano, você não notou que
        1 ‘O filme não é feminista’
        e
        2 ‘O filme contratou uma feminista para evitar que uma trama onde existem mulheres escravas sendo libertas fosse tratado de maneira que as desagradasse’

        Não combinam muito bem juntos?
        Também gostei do filme mas cara, veja bem certas coisas…num mundo pós apocalíptico onde todo mundo tem que se esforçar o máximo pra sobreviver, a dona lá fica chamando o Mad Max (ou o cara fantasiado de mad max) de fool e ele aguenta a humilhação calado, tá nem aí, exatamente como essa geração estúpida de hoje, babacas sem testosterona produto do marxismo cultural.
        Como o artigo diz, as escravas que fogem escrevem num muro ‘quem destruiu o mundo?’ Numa alusão aos homens
        A dona lá careca maneta briga de igual pra igual com o max
        Inclusive parece que é ela a protagonista do filme, o max fica o tempo todo sendo só um coadjuvante pra ela
        E quando todo mundo chega na gangue das velhas, uma hora uma delas fala, se referindo ao filho de uma grávida lá ‘mas pode ser que seja uma menina’, como se ser homem fosse defeito.
        Essa última é uma merda tão grande que nem a aronovith diria.
        É IMPOSSÍVEL um filme de hoje NÃO ter nada de feminismo. E se for pra comparar com o Mad Max antigo, do começo dos anos oitenta, aí que a tralha de hoje fica mais bosta ainda.

      • Slaine,

        Entendi. Mas eu usei uma visão desconstrucionista e mais estratégica para avaliar as coisas.

        Por exemplo, o filme mostra homens e mulheres lutando juntos em um ação COOPERATIVA, sem interferência estatal. O que é o oposto do feminismo.

        Além do mais, como as mulheres lutam mal, não? Ali só se salva a Charlize Theron, pois o resto dá um tiro e cai abatida.

        E pra piorar… nas bilheterias, as mulheres foram ver Pitch Perfect 2.

        Eis a grande ironia.

        Abs,

        LH

  16. Não gosto do Malafaia, mas gostei da resposta dele ao Lula. Só acho que ele deveria ter falado sobre o Foro de São Paulo e os comunistas para a resposta ficar mais completa.

Deixe uma resposta