Grécia dá golpe em seus credores e a extrema esquerda brasileira comemora. Por que isso não me surpreende?

19
114

TSAKA

Que não há mais a menor possibilidade de diálogo com a extrema esquerda não é novidade para ninguém. Mas a cada dia eles conseguem alcançar novos limites de falta de ética, duplo padrão, cinismo e moralidade deformada enquanto defendem suas depravações.

Por exemplo, se alguém, no Brasil, dentro da lei e seguindo todos os parâmetros constitucionais, estuda a hipótese de impeachment (que o próprio PT apoiou em 1990 contra Collor), ou até mesmo sugere a renúncia da presidente, é tachado de “golpista”. Isto, repito, enquanto alguém propõe ações de oposições estritamente democráticas.

Porém, foi só a Grécia apoiar um golpe em seus credores no referendo deste fim de semana que a mesma extrema esquerda brasileira se encheu de júbilo. Segundo, eles, a Grécia “escolheu o seu destino” ao decidir não cumprir seus acordos com os credores, isto é, darem um golpe efetivo.

Evidentemente, estamos diante de mais uma demonstração do quão invertida é a moral dessa gente. Do lado dos tiranos do estado inchado, todo golpe é santificado. Mas qualquer ação dos adversários da tirania, que for executada dentro dos padrões da lei e da democracia, será chamada de golpe. E ainda toleramos tudo isso sem expô-los como o golpismo esculpido e encarnado.

Em tempo: o novo ministro das finanças da Grécia, Euclid Tsakalotos, parece ter sido escolhido por seu nome. Ideal para um governo que santifica o calote e finge que isso não é motivo de vergonha eterna. Que vergonha para o berço da democracia, hoje transformado em um símbolo da tirania demagógica e golpista.

Anúncios

19 COMMENTS

  1. OFF:

    Nunca vi tanto desespero.Vai ver ele está vendo o “patrocínio” ir embora:

    https://www.facebook.com/paulo.nogueira.7509/posts/1139692756057861

    “Espinha ereta, espinha ereta!”

    Hahahahahaha!!!

    Olha aí a resposta que ele deu quando outro doido pediu para ele ajudar no Brasil:

    “Ora, eu VIVO em SP, batalho em SP — e estou passando FÉRIAS em Londres por conta do trabalho extenuante do DCM . Que patrulha patética.”

    Agora montar um sitezinho de merda, que recebe dinheiro público e só publica (des)informação (como a que afirma que a mulher da Globo foi vítima de racismo graças ao Danilo Gentilli) e espantalhos virou trabalho extenuante.

    Nunca vi tanto medo de perder dinheiro público.

    • Então se quiser descansar por ‘trabalho’ extenuante, só pode ser em Londres?
      Decerto que para matar a fome do ‘trabalho exaustivo’ dos ‘jornalistas’ comunas só pode ser com caviar…

    • Mas Londres? Não é essa gente aí que odeia ~~elite~~? Elite viaja pra Londres.

      Como aquela BOSTA daquele Padilha reclamando que foi vaiado em um restaurante no Itaim. Porra, Itaim é bairro classe alta de São Paulo, ele diz odiar elites e que isso de vaiar petista é coisa de elite.
      O QUE ELE FAZIA POR LÁ ENTÃO?
      Por que não foi comer uma marmita num buteco de periferia já que tem NOJO de elites?

      Paulo Caganeira, vá pra merda junto com o Padilha, lixo.

  2. Não tenho a menor dúvida de que a Rússia logo entrará nessa história, considerando que tanto o partido governante (Syrirza) quanto os comunistas (KKE) e os neonazistas (Aurora Dourada) são naturalmente pró-Rússia.
    O “Não” no referendo, bem como a maioria pró-Kremlin no parlamento, permitirá que a Grécia chantageie o Ocidente, ameaçando sair da OTAN e estreitando os laços com a Rússia.

  3. Na boa, o ideal é a grecia explodir mesmo. Isso tá queimando a esquerda pra caramba na Europa. (mais do que ela já está queimada)
    O ideal seria os outros países cairem na real de chutarem logo a Grécia. Nada melhor que uma crise de 10 anos para dar uma mata leão de realidade em um povo. Pergunta para os poloneses se eles votam em sociais-democratas (tucanos) hoje?

  4. Luciano, cuida o que essa senhora “especialista em dívida pública” falou. Tem bolivariano compartilhando isso no FB como se fosse a revelação de que os banqueiros são maus e que a Grécia é a vítima (os mais exaltados são os do PSOL, mesmo, já que essa “especialista em dívida pública” é militante do PSOL e até já foi candidata a cargos eletivos pelo partido. Chamam o Olavo de Carvalho de teórico da conspiração ao mesmo tempo que espalham essa história estapafúrdia.
    https://www.facebook.com/psol50oficial/videos/466677440160562/

      • Se me permita opinar Luciano, a direita brasileira é uma criança que mal aprendeu a se lavar sozinha. Quem tem que pedir somos nós. Cadê o Think Tank da direita? Cadê os advogados? Quem vai organizar isso? A matéria é uma afronta ao estado de direito.

  5. Mas acontece, Luciano Ayan que ninguem se pergunta, nem esses petralhas, por que os tres paises que se enredaram para os lados do Socialismo estao quebrados, endividados e estao vendendo empresas para a China a preco de banana? Sabemos que eles tambem estao fazendo isso com o Brasil porque ja destruiram muitas empresas brasileiras para que os chineses comprem e tragam seus escravos para o pais que segundo eles servira como base do Exercito da KGB e para alimentar suas forcas militares enquanto eles avancam contra o mundo ocidental. Ora a Espanha, Portugal e a Grecia preferiram o caminho do Socialismo e esses palermas nao enxergam que o mesmo acontecera aqui? Por isso e que eles festejam quando a Grecia “escolheu o seu destino” ao decidir não cumprir seus acordos com os credores. ELES FARAO O MESMO NO BRASIL, E LOGICO!

  6. Salve.
    Bom, a democracia a la Greca sempre foi um troço meio disfuncional mesmo… sem o “Império da Lei” a enquadra-la, o seu natural é ser mesmo a demagógica e golpista opressão da minoria pela maioria, tal como já a definira Aristóteles…

  7. Luciano, olha só que beleza a iniciativa do Implicante, ajudando lutar contra o racismo, ainda não sei Maju sofreu preconceito racial, eu havia visto crítica por ter aderido ao apelido para apresentar jornal e uso de roupa vermelha numa data X… de qualquer forma, acho que vale aderir a campanha para combater preconceito, tanto da esquerda como de outros haters, com o uso das hashtag juntas:
    #SomosTodosMaju e #SomosTodosJoaquimBarbosa
    Me parece que ele foi ou não muito produtivo

    • Ele só está enxergando a ponta final do sistema, que são os bancos. A visão não é de todo errada, mas o problema maior está no provedor de liquidez que permitiu isso: o BCE. A partir do momento que os bancos, fundos de pensão e fundos de investimento, possuem metas de rentabilidade a cumprir, e nenhum título soberano chega perto, é preciso se arriscar pra conseguir alcançar no mínimo o esperado. Esse dinheiro vai parar em destinos de retorno menos confiável, compensados por expectativa de rentabilidade maior. Tivesse o BCE – controlado principalmente pelos governos francês e alemão – mantido uma postura austera, a Grécia não teria sido uma receptora tão grande dessa liquidez, e sua situação fiscal não estaria tão ruim.

      Não se pode culpar os bancos, a culpa é dos governos francês e alemão, que colocaram nas mãos dos bancos esse dinheiro, e certamente os PIIGS eram o destino favorito, pois – em princípio – eles não precisariam se preocupar com risco cambial. Se hoje toda a Zona do Euro corre o risco de sofrer um baque, a culpa é justamente dos governos que fizeram essa cagada lá atrás, por não contarem com a presença de um “Hugo Chavez” grego, e por não tomarem as ações necessárias tão logo perceberam que havia um governo demagogo lá. Pelo contrário, me lembro de Nicolaas Sarcozy pressionando os demais governos da Zona do Euro para que aumentassem os “pacotes de socorro” quando o calote – que então seria bem menor e mais brando que hoje – se tornou iminente.

      • Jeferson, veja que eu não escrevi em nenhum lugar que os bancos são os culpados pela situação grega. Meu ponto de vista é semelhante ao seu. Eu também acho que a maior culpada é a própria UE, tanto é que o título do texto é ” como a Europa quebrou a Grécia”.

        Só citei os bancos pra demonstrar a burrice que foi tentar lucrar num país de histórico perdulário. De certa forma, acho até que o calote foi merecido.

  8. E é o que Luciana Genro queria por aqui. Vamos acompanhar os próximos capítulos da novela e ter a ideia do que aconteceria aqui, pra poder esfregar na cara de PSOLista – não que precise esfregar algo na cara deles, aquilo é bicho burro do tipo que entristece.

    Desabafo: é terrível ter 24 anos e morar em São Paulo e ter visto grande parte dos seus amigos se tornando PSOListas. Gente que eu considerava inteligente, caíram em massa ano passado no conto do vigário e apoiaram loucamente a Genro.

    Solitária essa vida.

  9. Grécia de hoje é um país de Analfabetos Comunistas! E a “União Europeia” é um lugubre amontoado de putos marxistas, comunistas, socialistas, leninistas-stalinistas, degenerados da geração de 1968, ex-Hippies, parasitas, pederastas e fracassados na vida sexual, todo esse lixo multicultural é a tal de “União Europeia” uma merda esquerdopata podre e que vã pra o inferno!

Deixe uma resposta