Cardozo manda investigar sujeitinho que ameaçou decapitar Dilma. Excelente. Agora falta mandar prender petistas que ameaçam esfaquear opositores.

13
77

Brasília - O futuro ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, durante anuuncio do novo diretor Geral da PF, Leandro Daiello Coimbra

Se o sujeito que atende pelo nome de Matheus Sathler não for infiltrado por petistas para fazer ataque de falsa bandeira (com essa gente, tudo é possível), ele definitivamente é um péssimo exemplo de oposição à Dilma. Embora ele nem de longe represente os opositores à Dilma Rousseff, que em geral primam pela civilidade, é um fato que Sathler serve ao mesmo fim que todo adepto da intervenção militar: fazer propaganda inadvertida para o PT.

Relembremos o vídeo com a figurinha:

Obviamente, é uma figura cuja atitude envergonha a civilização. Qualquer pessoa que ameace o outro de violência física por oposição política não é mais que um discípulo de jacobinos (que, alias, geraram a extrema esquerda).

E o ministro da justiça, José Cardozo, determinou que a PF investigue Sathler. Como diz a Folha, de acordo com o Ministério da Justiça, o pedido de abertura de inquérito para investigar o episódio foi encaminhado pelo ministro ao diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello.

Se Cardozo está correto em denunciá-lo à justiça, não podemos dizer o mesmo de sua perpétua atitude complacente diante dos crimes cometidos por um outro energúmeno, este ligado ao PT:

E aqui vemos a extrema diferença entre um bolivariano e um republicano. Republicanos como nós, que protestam contra Dilma, não dão a mínima se Sathler for punido por seu crime de incitação ao crime. Ao contrário, torcemos por isso. De nossa parte, não existirá nenhuma ação de solidariedade a ele. Por outro lado, os petistas se recusarão à mesma atitude, e podemos comprovar este fato observando o silêncio  ensurdecedor de José Cardozo diante de um petista que cometeu os mesmos crimes de Sathler.

Assim sendo, a mensagem dada por Cardoso é clara: não há problema em ameaças de morte praticadas contra opositores de Dilma. No exato oposto, republicanos acham que pessoas atentando contra a vida dos outros (ou mesmo que o fazem a partir de ameaças) devem ser punidas, independentemente do fato de estarem contra ou a favor de nossa posição política.

Anúncios

13 COMMENTS

  1. Só uma correção: é falsa bandeira e não branca… É o que o mossad costuma fazer constantemente pra angariar simpatia para Israel e a causa sionista… Enfim, os sionistas são os mestres dos comunas, seus lacaios instrumentais…

    • Como ele é macho diante de uma mulher! Não preciso nem saber o conteúdo desta reunião para saber que o lado injusto, errado, criminoso, etc, será agraciado com regalias governamentais. Bandido protege bandido.

  2. Espero que o cidadão que falou que ia enfiar a faca de ponta a ponta, com todos os detalhes, seja denunciado e julgado, senão..o que é justiça? só a sua, sr “ministro”

  3. Eles não só se recusam a investigar os esquerdopatas como pagam advogado para a mulher que cometeu o atentado contra o pixuleco. Como podemos fazer para que nova direita não seja intimidada pela violência?

  4. Usando uma frase que Dilma (aliás é aniversário dela hoje, não é?) adora usar: NÓS E ELES. Essa é a diferença entre nós e eles. Nós queremos que qualquer um que saia ameaçando os outros de morte seja punido. Já eles, selecionam os sanguinários que querem punir e os que querem elevar, como Vagner Freitas e como esse sujeito medonho filhote de Cruz Credo do segundo vídeo.

  5. O que aconteceu com Matheus Sathler foi que ele se exaltou muito e acabou falando demais em um vídeo em publico. Disse um palavreado furioso que as pessoas dizem normalmente contra Dilma nas ruas. Mas ! Matheus Sathler exaltado , foi dizer isto logo num vídeo no youtube. È lógico que ele errou e errou feio,.mas não é nenhum monstro. Até agora o seu único ‘crime’ foi falar demais e soltar a raiva contra Dilma. Mostre um crime real que este cidadão tenha sido condenado. O certo é que 7 de Setembro passou e Dilma não sofreu nenhum arranhado. Aliás ! Nando Moura vive falando exaltado contra Dilma e noutros casos e o povo até se diverte com esse roqueiro doidão e intelectual. https://www.youtube.com/user/MrNandomoura101

    Para falar a verdade ! Na medida que a crise econômica se tornar cada vez mais grave e mais e mais gente for se lascando por isto. Gente perdendo feio com a crise,,ficaram exaltados demais os comentários contra Dilma. Este é também um termômetro da crise que passamos. As palavras duras de Matheus Sathler , vai ser fichinha com o barulhão que vai haver quando os brasileiros verem o quando o governo de Dilma os pois numa enrascada.

    Aí ! È que veremos a coisa pegar fogo num youtube..

  6. http://veja.abril.com.br/noticia/brasil/pf-vai-investigar-mensagens-de-odio-no-facebook-contra-presidenta-dilma

    PF vai investigar empresa de buffet por causa de mensagens de ódio contra Dilma no FacebookFuncionária colocou nas redes sociais que iria trabalhar para a presidente e perguntou se alguém teria “algum pedido especial, afinal é uma oportunidade única”

    Tudo começou quando uma funcionária do buffet La Trufel, contratado pela Presidência da República em Teresina, no Piauí, publicou no Facebook a seguinte mensagem: “Hoje, a nossa presidente Dilma está em Teresina, e vou ter o ‘prazer’ de fazer o evento para ela e toda equipe. Queria saber dos meus colegas se alguém tem algum pedido especial, afinal é uma oportunidade única”.
    Em seguida, muitas pessoas começaram a postar mensagens agressivas, muitas delas exageradas, a maioria absurda. Alguém sugeriu o envenenamento da presidente.
    Dilma esteve em Teresina no dia 11. No dia seguinte, a Secretaria-Geral da Presidência da República informou ter pedido à Polícia Federal para investigar a empresa que prestaria serviços de buffet, como se fosse dela a responsabilidade pelas mensagens estapafúrdias.
    Segundo a Secretaria, informações publicadas horas antes do evento, em rede social, poderiam colocar em risco a segurança da presidente, com possível caracterização de “incitação a crime contra a sua pessoa”. O buffet foi suspenso antes da hora, depois que a equipe de monitoramento das redes sociais da Presidência identificou os textos. A Advocacia-Geral da União ficou de avaliar as medidas cabíveis para eventual responsabilização penal e civil dos envolvidos.
    Não é possível saber com antecedência que tipo de informação a PF poderia obter com a empresa do buffet. Em outra ação que também tem tomado o tempo dos delegados da PF, a instituição abriu inquérito a pedido do Ministério Público Federal para interrogar o escritor paulista Ricardo Lisias, autor de uma série publicada coo e-book (editor e-galáxia), Delegado Tobias. O autor da obra é suspeito de falsificar um documento público e reproduzi-lo no Facebook. O livro, contudo, é de ficção.
    LEIA MAIS
    Parece ficção: folhetim virtual vira alvo da Polícia Federal

    XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
    È o que eu disse quando mais os brasileiros se ferrarem,mais a xingação contra Dilma vai aumentar.
    Vocês ainda vão ver coias inacreditáveis ! O circo pegar fogo ! No Youtube,agora Facebook !
    O povo se ferra duramente e a xingação contra Dilma fica uma coisa de outro mundo !
    E só tem um jeito de acabar o impeachamem, a renuncia de Dilma ou ela pede para ir cagar e foge no caminho.

Deixe uma resposta