Tirano Ciro Gomes coloca culpa da crise venezuelana na oposição

11
415

Ciro-Gomes-Roosewelt-Pinheiro-ABr

O blog de Rodrigo Constantino citou uma entrevista aterradora de Ciro Gomes à Folha de S. Paulo, onde o sujeito demonstra toda perversidade socialista que o descuido pode permitir. Caso seus adversários prestem atenção, basta o controle de frame para aniquilar sua carreira política. O trecho em questão é este:

A democracia está ameaçada pelo golpismo. Está acontecendo uma escalada do golpe com apoio da oposição, que não aceitou o resultado das eleições.

Não gostar do governo não é causa para impeachment. Isso é um mecanismo raro, a ser usado em caso de crime de responsabilidade imputável direta e dolosamente ao presidente. Ninguém tem nada disso contra a Dilma.

Seria muito caro o preço de uma interrupção do mandato. É só olhar a Venezuela. Quem produziu aquele quadro lá foi esse tipo de antagonismo odiento. O país vai viver momentos tensos e graves, vizinhos à violência, por causa desses loucos.

O que ele está dizendo é o seguinte ao mencionar o “antagonismo odiento”: fazer oposição contra um governo que destruiu intencionalmente a economia de um país é “odiento”. Mas o desatento perguntará: a existência de uma oposição não é uma precondição da democracia? Sim, é óbvio, mas fica claro que Ciro Gomes não gosta de democracia.

Isto fica demonstrado quando ele cita o exemplo venezuelano, cuja economia vem sendo demolida há mais de uma década. Mas a culpa pelo racionamento de alimentos e a queda do preço do Petróleo (que afetaria os países petrolíferos socialistas, que mais deste recurso do que os demais) vão para a conta da oposição. O cinismo alcança a estratosfera.

Todo o truquezinho é utilizado para dizer que a oposição tem que ficar calada, ainda mais ajoelhada ao PT, só para que o sinhozinho Gomes não possa tachá-los de “culpados pela crise”. Assim fica fácil a vida de governos socialistas, não? Dá para enfiar dinheiro estatal ilimitado no rabo na cumpanheirada. Dá para criar uma verdadeira cleptocracia. Dá para mandar dinheiro para tiranetes parceiros da América. Dá para afugentar investidores e controlar ainda mais a economia, no fito de obter benefícios para o partido. Enfim, dá para fazer a verdadeira festa da uva. Na hora em que a conta chegar, e abrir espaço para uma oposição reclamar, é só culpar a oposição. Estamos diante de um monstro.

Estas poucas linhas da resposta de Gomes ainda revelam outro detalhe: para ele, pedir impeachment é “golpe”, mas ele ignora que todos os governos que sucederam Collor (além do próprio) foram vítimas de pedidos de impeachment lançados por políticos petistas. Até mesmo o governo de Itamar, contra o qual Jacques Wagner lançou um pedido de impeachment. Mas quando o pedido de impeachment vem do PT aí não é mais “golpe”, para Ciro. Ou seja, “golpe” é aquilo que desagrada ao PT.

Eis outro motivo para tirar o PT do poder. Um partido endossado por discursos tão cínicos e perversos só pode mesmo lançar sobre a nação um vendaval de podridão. Nos tempos petistas, a causa raiz para nossa destruição econômica e ética é basicamente esta: uma moral psicopática, originada nos tempos de Trotsky. O resto é só consequência deste tipo de moral podre aplicada ao estado.

Anúncios

11 COMMENTS

  1. Não há muita novidade no horizonte. Se considerarmos que Ciro Gomes filiou-se recentemente ao PDT e anteriormente (leia-se antes do PROS, que é partido fisiológico) foi parte do PSB e do PPS, isso significa que há muito ele transita bem dentro das bandas do Foro de São Paulo. Antes do PPS, ele era do PSDB, significando aí Pacto de Princeton, com as mudanças de partido significando uma aceleração de ritmo fabiano para gramscista.

    • Isso me lembra dos conservadores buscando relações “no passado”. Algo como: “(x) já pertenceu ao PCdoB, portanto nunca mais deixará de sê-lo”. O engraçado é que elas citam o fato de Olavo de Carvalho ter sido esquerdista no passado e não ser mais um atualmente. Parece que só algumas pessoa tem o direito de mudar de opinião, não é?

      • Quem? Ciro Gomes ou FHC? como eu mostrei no documento assinado junto com FHC e Lula, Ciro Gomes não mudou de opinião. Olavo de Carvalho mudou e denunciou os comunistas. FHC até agora não mudou, não denunciou ninguem e ainda recebe o mesmo George Soros em seu apartamento em São Paulo.

      • Luciano, uma coisa é mudar e confessar que cometeu um erro, outra é “mudar” apenas renunciando à violência escancarada da extrema-esquerda, mas continuar defendendo a ideologia do mesmo jeito.

  2. Este Ciro Gomes, é parte do que há de mais podre na política brasileira. O sujeito é capaz de atacar fortemente um político e em ato contínuo se aliar a ele pela conveniência “da hora”. Não tem um pingo de coerência. Infelizmente ainda tem seu eleitorado, já que muitos eleitores não tem o menor censo crítico e nem capacidades mínimas de analise.

  3. Como o irmão, esse camarada não passa de um mané, coronerzinho de interior tirado a machão (quando está com os jagunços dele, claro!), um nada…

    Mesmo assim é destemperado, truculento, autoritário e sem educação.

    Eu fico imaginando o estrago que um palhaço desses faria se tivesse poder…

    É tão viciado em mandar que aceitou ser continuamente feito de otário por Lula na esperança de sucedê-lo na indicação à presidência pelo PT. Teve que se contentar com ministério de segundo escalão.

    Não passa de um parasita tirado a intelectual. Acostumado a viver de dinheiro público, como está sem cargo eletivo, conseguiu um bico desde janeiro como secretário estadual de saúde no Ceará. Trabalhar que é bom…

    Já se candidatou milhares de vezes à presidência e tentou ser governador de São Paulo, sem sucesso.

    Socialista típico: adora mandar, odeia trabalhar, é violento e ainda acha que tem o direito divino de reinar sobre os outros.

    Ciro Gomes encarna o que há de pior na política brasileira: socialismo, coronelismo, populismo e autoritarismo.

    Se a situação já está péssima com Dilma, um mequetrefe da estirpe desse daí ia nos fazer sentir saudade dela.

    Agora quer concorrer ao planalto em 2018 pelo PDT e ainda sobe em palanque pra bajular Leonel Brizola…

    Esse daí não engana ninguém.

  4. Ciro Gomes até pouco tempo atrás recebia uma mesada mensal em torno de 200.000 reais do governo federal como articulador do consórcio responsável pela transposição do S Francisco. Cid Gomes seu irmão e ex-governador fizeram seu sucessor, mas deixaram o Ceará com um rombo nas contas públicas absurdo, devendo bilhões de dólares ao BIRD. A família Gomes por outro lado desfruta das benesses do poder, inclusive como proprietária de uma universidade privada em Sobral, onde há inclusive um curso de medicina. Cereja do bolo: Ciro Gomes leciona no ciclo básico deste curso médico. A família dele dispõe de dezenas de empresas de fachada e até mesmo ONG’s abastecidas com dinheiro federal. Motivo para defender o PT: dezenas, centenas..ou melhor milhões.

  5. Resumão… tudo faria do mesmo saco, porem foram empacotados com rótulos diferentes. com um povo burro na hora de votar não poderia ser diferente, troca um voto por 3 sacos de cimento, uma telha eternit, 1kg de prego e ainda sai da loja sorrindo agradece e ate a próxima…

Deixe uma resposta