Lola precisa buscar uma rola

24
172

lola_rola

A blogueira ultrafeminista e de extrema-esquerda Lola Aronovich deu um chilique patético e enlouquecido, indo além de seu típico discurso de ódio, sem o qual parece um parece um barítono afônico. Não sei o que ela andou tomando, mas, respondendo a um usuário que a refutou, a coisa vomitou o seguinte:

Luciano, e tantos outros reaças, é simplesmente uma piada de mau gosto. Um reaça, mascu, misógino, homofóbico, racista, mentiroso, e que se mistura com outros iguais a ele.

Ou ela está louca ou se fingindo de maluca para comover os outros.

Veja a imagem:

lola_doida

Vamos à seis mentiras de Lola:

  1. Desafio ela a provar que sou “reaça”. Na verdade, sou um… liberal. Chupa essa manga, assombração! Pensando bem, é melhor deixar pra lá.
  2. Desafio ela a provar que sou “masculinista”. Ao contrário, o masculinismo é um lixo tanto quanto o feminismo. Na mesma lata de lixo onde se encontra Lola (ou seja, o feminismo) está o masculinismo.
  3. Desafio ela a provar que sou “misógino”. Aliás, é o partido que ela apoia que tem um estuprador, Eduardo Gaievski, hoje preso. Na linha auxiliar do PT, o PCdoB, está (ou estava?) Netinho, ex-senador agressor de mulheres. O governo de Nicolas Maduro quebrou o nariz de Maria Corina Machado. Não espere encontrar qualquer defesa da deputada venezuelana nas páginas do blog da coisa. A doutrina de extrema-esquerda de Lola apoiou a invasão islâmica na Europa, causando o estupro de quase 1.000 mulheres no fim do ano. Nota-se que a misoginia se encontra totalmente em Lola, mas em nenhum traço de qualquer coisa defendida por mim.
  4. Desafio ela a provar que sou homofóbico. Na verdade, ela não encontrará nenhum post meu incentivando qualquer ação de “homofobia”. Aliás, quase sempre que a extrema-esquerda grita “homofobia”, está mentindo ou aplicando a transferência. Mas Nicolas Maduro, regime endossado pela extrema-esquerda, faz campanha com base em homofobia ao atacar Henrique Capriles por não ter uma esposa. A homofobia, como em todos os rótulos criados por Lola, se encontra muito mais no grupo dela do que em qualquer post que eu tenha escrito. Obviamente, ela não sairá ilesa de nenhum dos desafios até agora. Vai peidar neste também.
  5. Desafio ela a provar que sou racista. De onde ela tirou isso? De qual delírio? De qual alucinação? O que provocou essa alucinação? Evidentemente, essa coisa bizarra que atende por Lola não conseguirá provar qualquer declaração racista que eu tenha feito. Aliás, avisem a Lola que o ministério de Dilma – partido que ela adora – praticamente não tem negros. E agora, Lola, como fica? É duro agir feito maluca, não?
  6. Acho que depois de cinco desafios onde ela não conseguirá sair do zero, pois foi pega mentindo cinco vezes em poucas linhas, creio que não ser Lola a pessoa com mais credibilidade para rotular um oponente de “mentiroso”. Aliás, ela não consegue falar verdades.

O que fazer com uma máquina de vomitar sandices como esta sujeita? Devemos mandá-la procurar ajuda psiquiátrica? Ou mandar tomar naquele lugar? Ou, melhor, expor como um exemplo de como a extrema-esquerda não consegue discursar senão sob tom fascista? Ou expor como eles estão cada vez mais perigosos com medo do PT ver seu projeto totalitário (e machista) ruir? Pergunta: para que escolher entre as opções quando podemos ter todas à mão?

Mas há algo que não podemos deixar de fazer, lembrando quando Boechat reagiu contra Malafaia (que havia até debatido lucidamente, ao inverso da blogueira de extrema-esquerda): “Lola, vá buscar uma rola”.

rola

Quem sabe se resolver se exercitar correndo atrás de rola no parque, ela não relaxa…

Anúncios

24 COMMENTS

  1. Pessoa das mais despreziveis. Cita estatisticas falsas direto, pra vender sua agenda feminista e vitimista. Nao consegue se encaixar entre 90% das mulheres, afinal, ja viu a imagem que projeta por gosto e vontade? Vive de usar espantalhos para julgar os outros. Enfim.

  2. Ela diz que não mente, mas sai chamando alguém de preconceituoso como se o conhecesse. Como nunca vi e duvido que ela tenha visto Luciano praticar ato racista, homofóbico ou mentiroso, acredito que ela é que é uma mentirosa das maiores, só não digo sobre a acusação de ‘reaça e misógino’ por nunca ter prestado atenção. Talvez ela considere misógino quem trata mulher mentirosa de forma igual ao homem mentiroso.
    Se ela está negando insultos ao Papa, por qual motivo ela diz que “Com o papa não acontece exatamente nada por causa de um erro meu”. Se ela não insultou, o mais natural seria nem usar o argumento ou, ter usado a palavra “não aconteceria”.
    Alguém acredita em feminazi melhorar o mundo com mentiras, desinformações danosas e, apoiando políticos corruptos e partidos que apoiam ditaduras.

  3. É isso, dê-lhes corda, aceitando e participando do joguinho ridículo e sujo da rotulagem politicamente correta, e os esquerdopatas calarão sua boca!… E você se presta a jogar esse jogo com regras estabelecidas para ganharem sempre, tentando negar as acusações feitas por essa Aronovich típica, se explicando e se desculpando? Tudo inutilmente em vão!… Essa escória não quer dialogar, muito menos disputar idéias! Essa escória rastejante não sabe e nem pode dialogar, pois deixariam evidente que não possuem idéia nenhuma digna de consideração… O que defendem é estrume ideológico, lixo cultural fraudado e sustentado por artificialismos, apenas para destruir os valores estabelecidos e eternos do Ocidente cristão, que sempre odiaram sem deixar de o parasitarem! Se se sente ofendido por minha tentativa de acordá-lo; talvez com brutalidade demais para sua sensibilidade racional-liberal, fique a vontade… Faça o jogo dessa escória digna de esgoto, e me censure!… Não será a primeira vez, e nem a última pelo que vejo…

  4. Quando li isso pensei: “Não, não acredito que ela escreveu isso!”

    Leio o blog da Lola há alguns anos. É a primeira vez que a vi perder as estribeiras dessa forma.

    Lembrando que quando teve aquele episódio do tuìte falso sobre o Alckmin, Lola escreveu:

    “eu jamais escreveria algo assim, ainda mais num momento trágico em que alguém perde um filho”

    Fui na área de comentários do blog dela e escrevi:

    “Não só escreveria como escreveu.

    Apesar daquela imagem sobre o Alckmin ser fake, Lola disse algo muito parecido sobre a morte do Clodovil por ele ser contra o kit gay, o casamento homossexual e o Pl122, que criminaliza o pensamento sobre o homossexualismo.

    http://escrevalolaescreva.blogspot.com.br/2009/03/ja-vai-tarde-clodovil.html

    E também nos comentários do post sobre o Clodovil, Lola escreveu:

    “Fátima, não dá pra fingir que estamos muito tristes com a morte dele…

    Marj, imagino que ele era insuportável. O maridão odeia quando fico feliz pela morte de alguém, mas sinto muito. É bom pra balancear com o clima de velório e a canonização da mídia.”

    E esse também:

    “Eu particularmente fico feliz quando gente assim morre. É menos um no mundo”

    E esse sobre o ACM, também nos comentários do post sobre o Clodovil:

    “Tânia, sei que é um pouco pesado. Geralmente não desejo a morte de ninguém. Mas vc não vai me ver derramando lágrimas quando o Maluf morrer. Eu festejo a morte de alguns podres, como o ACM.”

    Ninguém é obrigado a ficar triste pela morte de ninguém, e qualquer um tem o direito de ficar feliz pela morte de alguém, mas quando alguém diz a mesma coisa sobre feministas ou esquerdistas, ou até coisa menos grave, Lola chama isso de discurso de ódio, ou de bullying na internet.

    A imagem pode ser fake, mas havia bons motivos para acreditar que era verdade.”

    O comentário foi deletado logo depois.

  5. Racismo é crime hediondo. Assim, acusar uma pessoa de ser racista, sem provas e nem mesmo evidências, corresponde, grosso modo, a grave calúnia e difamação.

  6. Cabeça de esquerdista “raciocina” à base de associações forçadas. Se você não defende as mesmas ideias que eles, é reaça. Se é reaça, é homofóbico. Se é homofóbico, é racista. Se é racista, é nazista. E assim por diante. Mandar essa vagabunda caçar uma rola é a melhor coisa que podemos fazer, mandou bem.

  7. Não cabe processo por injúria ou calúnia? Procure um advogado. Como você mesmo diz, é bom colocar um preço nas ações políticas dos adversários, e quanto maior o preço, melhor.

  8. Das feminazis que se dizem defensoras das mulheres (são apenas defensoras da extrema esquerda), essa é uma das mais misândricas. Eu não deixaria meu filho sozinho com ela.

  9. Luciano, você é um racista, misógino, MASCU, homofóbico, MASCU, reaça, MASCU, direitista, MASCU, neo-liberal, MASCU, chato… E MASCU, ouviu? Hahahahaha!

    Ah, claro, sim, processe essa aberração por calúnia, difamação e danos morais.

    Abraço!

  10. Quer confirmar que um comunista é estúpido? Deixe ela falar!! Nem preciso dizer mais nada. Corre no judiciário 27 processos criminais e civeis que eu abri contra ela. Agora é aguardar o desfecho Luciano.

  11. Ela é completamente louca. Criou em sua mente um mundo em que existe uma suposta conspiração de “mascus” (seja lá o que for isso), racistas e misóginos que ameaçam a sua integridade física, quando a realidade é que qualquer pessoa com o mínimo de racionalidade está a rir de sua completa idiotice e histeria. É caso de tratamento psiquiátrico.

    • Mas existe sim grupos de masculinistas radicais como o Emerson Setim que perseguem ela, e alguns chegam a ameaçá-la de morte e outras coisas.

  12. Tah loko!

    Nem o Frank do Mel Brooks ia conseguir encarar aquilo (rsrsrsrsrs)!

    PS: Comunista, Feminista, Gayzista, Islamista, é tudo farinha do mesmo saco imundo! São vagabundos, psicopatas e com tendência a seriais-killers. Pregam o ódio ao mesmo tempo em que se fazem de vítimas. Não consigo entender que ainda existem desavisados que caem em seus truques baratos!

Deixe uma resposta