Trump passa como rolo compressor por cima de jornalista esquerdista desonesto

30
175

trump

Não digo que Donald Trump seja meu candidato favorito para representar os republicanos nos Estados Unidos, mas às vezes dá gosto de vê-lo tratar com assertividade jornalistas cuja moral tem o mesmo valor daquela substância que fica no canto da boca das pessoas que estão com sede há horas.

Em cortesia do Juntos pelo Brasil, temos um vídeo do Trumpressor.

Aconteceu o seguinte, como lembra Leandro Mohallem:

Durante uma viagem de campanha à cidade de Laredo, o candidato à presidência Donald J. Trump foi questionado pelo repórter esquerdista Jose Diaz-Balart, que tentou jogá-lo contra os latinos. Vejam a brilhante e OPRESSORA resposta do magnata!

Enfim, vejam:

Anúncios

30 COMMENTS

  1. Aécio com 1/3 dessa agilidade faria um estrago retumbante. Mas ele tem a inércia de uma bigorna então bom ele se preparar para 2018 a partir de hoje.

  2. legal.. bill whittle fez uma análise sobre o Trump que acho a mais acertada até então.. mas que as vezes dá gosto dá! kkkkk um que vi fazendo o mesmo mas num palanque menor foi o Bolsonaro em João Pessoa, quando um “jornalista” perguntou se ele odiava pobre.. ele mandou um “não faz pergunta estúpida! eu quero que todos sejam ricos, minhas operações de aritmética são multiplicar e somar e não dividir e subtrair como o PT faz”.

    Luciano, o que você acha dessa resposta? Achei bem completa para uma pergunta que o jornalista quis pegar o Bolsonaro desatento. Desqualificou e tirou a ação do repórter, se postou como guardião da moral e sabedoria e ainda aproveitou pra rotular e atacar o PT como governo que só divide as classes e em outros aspectos também e no que tange em contribuição só subtrai para o Brasil.

    o que pensa sobre isso?

  3. Luciano, mudando de assunto, você poderia avaliar o desempenho do Bolsonaro nas entrevistas que ele deu às rádios do Sul do país? Eu também gostaria de saber em que estágio da guerra política você acha que ele está e se há evolução nas performances públicas dele.

    Abs

  4. É o que falo!… Não dê chance a esses vigaristas se passando por jornalistas… Não entre no joguinho sujo deles, que é distorcer, manipular e mentir divulgando metade e somente meias verdades de declarações e informações, somados os rótulos desqualificadores dos oponentes e adversários ditados pelo politicamente correto… DÁ-LHE, TRUMP! SE PUDESSE, VOTARIA EM VOCÊ!

  5. Muito bom!

    Luciano, estou estudando (conforme possível) os seus artigos sobre jogos políticos, controle de frame, etc. Meu objetivo é assimilar a forma de pensar, a estratégia mental que você explica, para uso pessoal e para poder ensiná-la a terceiros.

    Sugiro que você faça um resumo ou tabela com as principais manobras esquerdistas em debates, os melhores contra-ataques e respectivos exemplos, tudo muito conciso.

    A tabela poderia ter quatro colunas: (1) manobra esquerdista brevemente explicada; (2) exemplo em uma frase curta; (3) réplica liberal/conservadora [idem]; (4) exemplo [idem].

    Será muito interessante!

  6. Luciano, tira uma dúvida sobre esse trecho de outra postagem sua:

    “Imagine quando algum esquerdista diz que está a favor dos “Direitos Humanos”, mas automaticamente fica só defendendo criminosos. O problema é que o uso da expressão “Direitos Humanos” ativa no sistema límbico profundo da maioria da OPINIÃO PÚBLICA a ideia de que “ele nos defende, a todos os humanos”.

    Neste caso, até alguns conservadores caem no truque e dizem “esse pessoal dos Direitos Humanos só defende bandido”. Aí não só o esquerdista controlou o frame como o conservador, vestindo a camisa de força imposta pelo oponente, FORTALECEU o frame do oponente.”

    Como se pode responder a isso sem cair no truque e ainda virar o jogo?

  7. Trump é o melhor de todos: fez a imprensa reportar as verdadeiras estatísticas de crimes de negros contra brancos (92%), mostrou a verdadeira face falsa oposição (PSDB-like) da Fox News e ainda por cima fala a verdade sobre os ultimos 8 anos de destruição que o Obama e sua gangue marxista revolucionária vem causando

    OFF TOPIC olha a cara dessa psicopata. Não é implicância, olha e veja por você mesmo

    http://s28.postimg.org/64c40kpp9/1454073105991.jpg

  8. Luciano é do tipo “Sou de direita mas é bem pouquinho viu? Eu nem sou tão conservador assim, veja eu tenho até vários amigos na esquerda.”

    CUCK CONSERVATIVE

  9. Enquanto Trump dá porrada lá, o Renaldo Azevedo, em sua última entrevista na Rede TV, mais uma vez colocou-se como vítima do regime militar, por ter tomado algumas bordoadas de um agente da repressão, “quando estava defendendo a democracia”.

    Ora, segundo ele mesmo em outra ocasião, a perseguição teria ocorrido quando ele era marxista-trotskista, ainda adolescente. Agora fica afirmando que então lutava pela democracia, como fazem os comunistas.

    Já o confrontei sobre isso apelando para a lógica formal, à qual ele se proclama rigorosamente fiel. Questionei-o assim: “Reinaldo, não faz sentido você até hoje guardar rancor do regime militar que, no período, combatia a luta armada dos marxistas, pois você, apesar de não pegado em armas, era um revolucionário de esquerda. A não ser que você continue sendo. Em outros termos, se você hoje não mais é o marxista de quando fora perseguido, deveria entender e perdoar o regime militar; se não consegue fazê-lo, LOGICAMENTE é porque não se arrepende do seu passado (e ele afirma não se arrepender mesmo). Das duas, uma: ou você estava errado no passado e está certo agora, ou você estava certo antes e está errado agora”. A partir de então ele deixou de publicar comentários meus.

    Já eu, que tenho praticamente a mesma idade dele, também era marxista no passado, mas não tenho mágoa alguma do governo militar.

    • Todo true Liberal luta ferrenhamente contra o regime militar porque são a favor de liberação de drogas dentre outras ideologias da agenda esquerdista. Fora isso, durante o regime militar, o estado foi grande e forte na economia, e os true liberais primam especialmente pelo estado mínimo, encarregado apenas de segurança e justiça. Usam as mesmas armas da esquerda que deturpam a verdade sobre ios tempos do regime no Brasil, tentando pintar a fase como uma grande ditadura sangrenta, quando na verdade, o “golpe” foi dado sem derramamento de uma gota de sangue sequer e menos de 450 mortos na soma pelos dois lados na guerra contra a implantação do comunismo em mais de 30 anos de regime.

    • Também já fui censurado pelo RA, mas nem sempre. Para mim já ficou claro que ele faz “oposição consentida” e já não mete a mão em qualquer cumbuca para não ter o mesmo fim do Rodrigo Constantino: despachado da (tucana) Veja tão logo juntou forças ao Partido Novo.

      Para ficar na mídia e ser oposição consentida, é preciso cumprir alguns requisitos ideológicos e silenciar sobre outros assuntos de discussão já vetada pelo politicamente correto, como cotas raciais. Mal começou, o Kim já pagou o imposto se mostrando liberal e sem restrições às uniões civis homossexuais, pois sem pagar esse “imposto ideológico” ele nunca teria espaço na Folha.

  10. Bom, sei lá o que eu venho a ser e, não me importo nem um pouco com isso:
    – Sou a favor de um ESTADO MÍNIMO (mesmo), ao menos enquanto não acharem um substitutivo adequado para este;
    – Sou a favor da moralidade Judaico-Cristã-Ocidental, como marco civilizatório, embora eu me considere Agnóstico;

    – Sou absolutamente Contra o Comunismo, o Estado como Controlador de Tudo, e o Islamismo.

    – Finalmente, acho que um Estado que tem por dever controlar as Forças Armadas, JAMAIS (repito: Jamais), deveria também ter o monopólio de fazer Leis e de aplicá-las também, pois sempre fará isso em proveito próprio.

    Isso não é Libertarianismo nem Anarquismo pois ainda defendo o Estado Mínimo. Também não é Conservadorismo pois quero um Estado o mais fraco possível.
    Sei lá o que isso venha a ser mas, é nisso que eu acredito.

Deixe uma resposta