Mara Gabrilli joga o jogo do PT

6
114

maragabrilli

Tucanos, como sempre, adoram arregar para o PT. Mara Gabrilli é conhecida por adotar a tática do apaziguamento. Porém, se adequadamente pressionada ela pode parar com este tipo de palhaçada. Lembremos que durante as votações pelo fim da impunidade de criminosos violentos de 16 anos ela inicialmente votou a favor dos bandidos e, depois, puramente por pressão, mudou o voto. Como não está pressionada, vemos mais um comportamento ridículo da deputada tucana:

Num gesto de aproximação com a oposição, a presidente Dilma convidou a deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP) para uma conversa na próxima quarta-feira, no Palácio do Planalto. O pretexto para o encontro será as ações de combate ao zika vírus.

A iniciativa da presidente ocorre um mês após ela ser vaiada no Congresso, durante a abertura do Ano Legislativo, ao defender a volta da CPMF e a reforma da Previdência. Na ocasião, a deputada tucana conseguiu desconcentrar Dilma ao interromper seu discurso por três vezes. “O Brasil não consegue cuidar do seu povo”, gritou a tucana quando Dilma pregava a adaptação do sistema de saúde para atender crianças com microcefalia. Incomodada com as interrupções, a petista respondeu que sabia do engajamento da deputada com a causa e disse esperar que ela contribuísse na busca de soluções com “boas ideias”.

Mara foi orientada pelo PSDB a se limitar a levar propostas e não avançar em outros assuntos, como o impeachment. A deputada disse que levará as demandas da população com deficiência e a preocupação com a geração de crianças vítimas do zika vírus. “Não quero que ela me use por uma questão política. Meu foco é específico na saúde e quero contribuir. E me parece que ela está preocupada com a mesma coisa que eu”. (AE)

Isso, Mara. Dilma é responsável pela atual epidemia de zika e chegou a contratar médicos cubanos. Se a tucana diz que “ela está preocupada com a mesma coisa que eu”, então é sinal de que Mara deve ser vista com desconfiança. Essa mania tucana de apaziguar deve começar a custar caro para sua reputação. Enquanto o PT lidera uma campanha midiática de destruição da imagem de seu líder – FHC, que também sempre age servilmente ao PT – ela resolve acariar o agressor. Aí já é problema de caráter.

Anúncios

6 COMMENTS

  1. Lembremos que o Pai da Mara Gabrili era empresário de ônibus em Sto André, não menos corrupto e ou inocente que o Celso Ladrão Daniel, ninguém nessa Quizumba é inocente, todos agiram e agem como quadrilheiros. Do meu ponto de vista, nada do psdb, pmdb e demais socialistas servem para melhorar a liberdade da populacão brasileira, sem exceções são socialistas estatistas keynesianos, tudo safado.

  2. Que merda, além de ir trocar ideia com a Dilma, ainda faz elogios.

    Quando um dos petistas nojentos no nível de nojentice do Lula, Paulo Henrique Amorim, chamou Mara Gabrili de nazista, ela ao invés de processá-lo, disse que não ia fazer nada pra “não dar ibope pra ele”. A sujeita é chamada de nazista e deixa pra lá. Era causa ganha fácil! Como perde oportunidade.

    Sobre o que elas vão conversar? Sobre o Mais Médicos? Trazer mais cubanos pra cá? Ah, tenha dó…

Deixe uma resposta