Tropa de Choque ataca manifestantes pela liberdade na Paulista. O que fazer?

4
73

E, no fim, parece que o universo “conspirou” a favor dos manifestantes democráticos. Ao invés de eles entrarem em briga contra as milícias bolivarianas, foi a Tropa de Choque da PM de SP que os confrontou. Ou seja, foi usada força estatal para atacar manifestantes pacíficos.

Leia mais:

A Tropa de Choque da Polícia Militar do Estado de São Paulo entrou em confronto com manifestantes contrários ao governo da presidente Dilma Rousseff na manhã desta sexta-feira (18), na avenida Paulista.

A ordem é desobstruir a via para que o ato marcado para as 16h, em defesa da presidente, ocorra sem conflito. Foram usados bombas de gás lacrimogêneo e jatos de água.

Por volta das 8h30, um coronel da PM avisou aos manifestantes pró-impeachment que a Tropa entraria em ação em 15 minutos. O movimento policial ocorreu pouco depois das 9h. Não houve prisões no processo.

Segundo a Globonews, representantes do grupo de protesto estão reunidos para definir novo local para levar o ato. Os manifestantes estavam acampados na avenida Paulista desde a noite de quarta-feira.

E agora, o que fazer?

É simples: utilizem as imagens da Tropa de Choque lançando jatos de água sobre os manifestantes para instar ainda mais revolta. A violência policial, neste momento, é um capital político a favor de quem foi agredido.

Hoje o ideal é ir se manifestar em outro lugar e amanhã retornar para a Paulista. Enquanto isso, de novo é bom lembrar: é preciso utilizar as imagens da agressão policial para levantar ainda mais os ânimos.

Fonte: PM usa jatos de água para tirar manifestantes anti-Dilma da Paulista – Notícias – Política

Anúncios

4 COMMENTS

  1. Eu fui a dez manifestações desde 01/11/14, sendo que nesses três dias eu não fui, por estar sem condições.
    Acho que estava havendo um pouco de abuso da nossa parte e os movimentos de esquerda abusam muito e sempre. Explico.
    Existem pessoas contra a favor e outras que não querem nem saber de nada com nada. Muito movimentos e não só os nossos, acabam obstruindo as vias, impedindo ou dificultando o livre transito das pessoas, e isso, na minha opinião acaba voltando negativamente a quem pratica.
    Durante o dia, os manifestantes poderiam ocupar só um via e assim permitir a vazão de veículos e seria visto de uma maneira positiva por quem usasse essas vias, e da maneira que estamos fazendo estamos nos equiparando ao PT, acho isso muito ruim.
    O movimento Avança Brasil sugeriu que fôssemos para o Largo da Batata que terá o mesmo efeito da Paulista, não precisamos de um lugar especifico, precisamos que tenha pessoas engajadas.
    Além disso a PM negociou a saída do pessoal, outros movimentos deram outras soluções e alguns integrantes resolveram radicalizar, acho isso errado e acaba de uma maneira ou outra afetando ao nosso próprio movimento.
    Além disso veja, agora o movimento do PT esta lá e veja que delícia, tem um número ínfimo de pessoas isso com todo tipo de chantagem que os organizadores financiados com nosso dinheiro através dos impostos fizeram.
    Isso é ótimo, porque podemos medir as nossas manifestações de pessoas conscientes com as manifestações fajutas do PT.

Deixe uma resposta