PT diz que impeachment é golpe mas pede impeachment de Gilmar Mendes

1
35

O site Sensacionalista escreve (o site é de zoeira mas a notícia é séria e foi vista em vários outros lugares, como o Último Segundo):

Se no amor e na guerra vale tudo, pode-se dizer que o PT ou está apaixonado pela irracionalidade ou declarou guerra à razão. Enquanto o partido bate na tecla de que impeachment é golpe diariamente, o vice-líder Wadih Damous quer encurtar abruptamente a carreira do ministro Gilmar Mendes sem provas e na base de uma canetada.

Sim, é verdade, tudo verdade.

Wadih disse que Gilmar “desonra a toga” e “fala besteira todos os dias”. O engraçado é que só agora, depois de na última sexta-feira ter anulado a posse de Lula na Casa Civil, Gilmar tornou-se “impeachável” para o deputado petista. Antes, estava de boas.

Na verdade não há nada de irracional na atitude cínica do PT. Política é um jogo onde a rotulagem dá o tom. Evidentemente, a falta de coerência petista deveria custar caro a eles, mas a oposição tem cobrado pouco o preço de atitudes ridículas como a de Wadih Damous. Ou seja, capital político com o uso do frame “impeachment é golpe” parece ser algo só acessível nos dias atuais aos petistas.

Como já disse anteriormente, nós, brasileiros, somos favoritos nessa guerra. A tendência é que o PT seja derrubado. Mas na guerra verbal, os petistas são de fato invencíveis neste momento. Devemos trabalhar para criar uma conscientização política para que em 2018 – pois em 2016 já estamos – tenhamos pessoas do nosso lado em boa quantidade treinadas para a guerra de narrrativas.

Fonte: PT diz que impeachment é golpe mas pede impeachment de Gilmar Mendes. Pode rir, a piada é essa

Anúncios

1 COMMENT

  1. Besteira? Senho, quem fala merda a rodo em rede nacional é a sra. presidenta. Esse povo perdeu totalmente o pingo de razão, se é que já tiveram um dia.

Deixe uma resposta