Presidente da OAB vê cerceamento em ato selvagem contra o direito de peticionar

3
47

O que a Constituição diz? Qualquer pessoa pode pedir um impeachment de um presidente. O mesmo vale para qualquer organização da sociedade civil. Se uma organização chegou à decisão de votar conforme suas regras e estatutos, não há problema algum. Se membros desta organização não gostam, podem tomar a decisão de abandonar a organização, criar uma nova, entrar na justiça contra a ação da organização e daí por diante. Mas nada justifica uma atitude selvagem para impedir uma pessoa/organização de exercer seu direito de requerer um impeachment. Mas alguns “adevogados” petistas resolveram agir como foras da lei ontem quando o presidente da OAB foi protocolar mais um pedido de impeachment, neste 28/3:

O presidente da OAB, Claudio Lamachia, até esperava alguma manifestação na Câmara para a entrega do pedido de impeachment, mas não do tamanho da que aconteceu.Ele e a diretoria da Ordem quase foram agredidos e disseram que a tentativa de barrar, à força, a entrega do pedido de impeachment é uma forma de cerceamento do direito constitucional de peticionar.

É isto! O PT, junto com seus aliados, é um partido inimigo da lei. A atitude dos petistas é uma afronta à Constituição, e pessoas que não querem viver sob as regras do Estado de Direito são perigosas para o convívio social. A mera forma anticonstitucional adotada pelos “adevogados” petistas ontem é apenas mais uma prova disto.

Fonte: Presidente da OAB vê cerceamento em ato pró-Dilma | Radar on-line | VEJA.com

Anúncios

3 COMMENTS

  1. O que presenciamos ontem foram cenas de puro vandalismo, em mais um sórdido atentado ao Estado Democrático de Direito praticado pela Sofisticada Organização Criminosa, que recrutou algumas dezenas dos seus bate-paus para tumultuar a entrega da petição da OAB. São foras da lei assumidos, a serviço de um projeto criminoso de poder. Se não conseguem viver segundo as normas democráticas, deveriam estar enjauladas.

Deixe uma resposta