O futuro do Brasil se não houver impeachment: na Venezuela, 81% do país está na pobreza e 87% se alimenta mal

0
148

Quem resolver acreditar na possibilidade de o governo petista “recuperar a economia” o fará por desonestidade contumaz ou ingenuidade hipócrita, não por uma análise racional dos fatos. A evidência mais clara para a má intenção do PT com a economia está nas inúmeras tentativas de censura de mídia, especialmente após a eleição de Dilma para o segundo mandato. Quem tenta censurar a mídia o faz pela certeza de que a economia entra em estágio de devastação irreversível, como na Venezuela. Não é possível que o PT mude o curso da situação, pois isto seria abandonar seu projeto de poder, ao qual dedicaram todas suas vidas. Assim, se você quiser saber quais os planos petistas para o Brasil, basta olhar a Venezuela:

Dados da Pesquisa sobre as Condições de Vida na Venezuela (Encovi) 2015, realizada pela UCV,  Universidad Católica Andrés Bello, Universidad Simón Bolívar e Fundación Bengoa e divulgados recentemente, mostram os resultados alarmantes que o socialismo trouxe ao país. Mesmo sendo o país com a maior produção de petróleo do mundo, o socialismo bolivariano de Hugo Chavez e Nicolás Maduro igualou 81% da população na pobreza, um aumento de cinco pontos percentuais sobre o número de pobres em 2014 (76%).

De acordo com a diretora do estudo, Marianela Herrera, a classe média está “em franco processo de extinção” na Venezuela, o que fez o estudo deixar de ser divido em pessoas com poder aquisitivo “baixo, médio ou alto” e passar a ser dividido em “pobreza extrema, pobreza não-extrema, novos pobres e não-pobres”: 28% dos venezuelanos (8,4 milhões de pessoas) estão em pobreza extrema, 19% (5,7 milhões) estão em pobreza não-extrema, 34% (10,2 milhões de pessoas) são novos pobres e apenas 19% da população (5,7 milhões de pessoas) podem ser considerados como não-pobres.

Outro dado alarmante é que 87% da população (incluindo, portanto, parte dos não-pobres) não consegue comprar a alimentação necessária para se alimentar adequadamente, um aumento de sete pontos percentuais em apenas um ano. “As pessoas não comem mais o que devem, mas o que conseguem comer”, afirmou a diretora do estudo.

É assim que você quer viver? Creio que não. Logo, sua única solução é apoiar o impeachment. Hoje em dia qualquer deputado que resolver faltar na votação do impeachment ou votar pela tirania de Dilma estará escolhendo esse destino trágico para nós. Eles devem ser expostos por tanta crueldade.

Fonte: Socialismo na Venezuela iguala a todos: 81% do país está na pobreza e 87% se alimenta mal – ILISP

Anúncios

Deixe uma resposta