Fora de si, Dilma diz que culpa da crise é do “olho gordo”

2
112

dilma-louca

Governos bolivarianos tentam censurar a mídia para que – entre outros serviços sujos – esta divulgue suas teses malucas para explicar como chegamos a um colapso econômico. Se a mídia já estivesse censurada por uma Ley de Medios, veríamos muitos jornais grandes endossando a sério este absurdo dito por Dilma durante um comício no Rio de Janeiro:

É importante… qui as pessoas… algumas pessoas têm de pará de torcê pro quanto pior, melhor. Que qui é torcê pro quanto pior, melhor? É aquele vizinho da gente que sempre bota olho gordo e qué qui as coisas não dêem certo. (Aplausos). Vocês conhecem gente assim. (Aplausos mais intensos) . São pessoas qui querem… qui querem… querem pescar em águas turvas. Que qui é pescar em águas turvas? Se piorá, as pessoas acham que pode facilitá a vida delas, e chegá ao poder não através do voto, mas através de um golpe.

Augusto Nunes comenta este absurdo:

Quer dizer: o desemprego em expansão, a inflação, a recessão que já dura três anos, o desmonte da Petrobras, a irresponsabilidade fiscal, as pedaladas criminosas, o virus zika, o triunfo da mosquita, a debandada da base governista, as maiores manifestações de protesto da história do Brasil, o recorde mundial de corrupção, as bandalheiras imobiliárias de Lula, a compra de parlamentares, o impeachment iminente, aquele 7 a 1 contra a Alemanha, fora o resto — nada disso teria acontecido se não existisse gente que torce pelo fracasso de quem vive na casa ao lado.A tese do olho gordo talvez merecesse dois segundos de reflexão se Dilma não morasse no Palácio da Alvorada. Faz mais de cinco anos que não tem vizinho. E faz mais de cinco anos que chefia o pior governo de todos os tempos.

E exatamente por isso eles priorizam censurar a mídia. Para forçar jornalistas dos grandes meios a aplaudirem absurdos como este dito por Dilma. Jornalistas sérios como Augusto Nunes viveriam dias difíceis em um governo que tivesse censurado os meios.

Fonte: Dilma descobre o culpado pela crise que devasta o Brasil: é o vizinho de olho gordo | Augusto Nunes – VEJA.com

Anúncios

2 COMMENTS

Deixe uma resposta