Jornalista petista reclama que estão “rasgando” votos eletrônicos de Dilma

7
151

______________mario_magalhaes

Os petistas já não estão conseguindo nem emplacar um frame que já enganou incautos no passado: o famoso truque de dizer que “Dilma tem 54 milhões de votos”. Mas esse argumento sempre foi uma fraude pura, uma vez que todos as pessoas que sofreram impeachment tiveram votos suficientes para serem eleitos. Qualquer pessoa intelectualmente honesta sabe que o impeachment só pode ser aplicado em alguém que tenha sido eleito. Logo, não faz sentido mencionar os votos que a pessoa teve para dizer que o alvo da acusação “não pode sofrer impeachment”.

Seja lá como for, o jornalista petista Mario Magalhães (do UOL, e por que eu não estou surpreso?) hoje se saiu com o truque de dizer que o Brasil “rasga 54.501.118 votos”.

Na verdade não estamos rasgando voto algum. Os votos foram todos eletrônicos, ô mané…

Anúncios

7 COMMENTS

  1. Uma forma interessante seria reverter esta lógica.
    Não é a oposição, Brasil, bananânia que rasgou 54 milhões de votos.
    Foi a Dilma que rasgou os 54 milhões de votos, de eleitores que confiaram nela enganando-os. Cometeu um estelionato eleitoral, ao mentiu, retirou direitos, tentou acabar com o pronatec…

  2. esse é mais um otario petista frustrado tambem teria que ser espulso do pais pro apoiar ladrões bandidos grilheiros de terra quem apoia criminosos tambem é criminoso fora pt fora dilma fora lula e toda cambada que apoia esses pilantras !!!

  3. Quando você vê um boçal como o Chico Buarque dizendo que no primeiro mandato de Dilma votou nela porque o Lula mandou; você sabe que apesar de Dilma ter recebido 54 milhões de votos, certamente conquistou muito menos. Continuo reafirmando que Dilma é só um fantoche. Lula é o alvo principal. Ele é o criminoso mor; o mandante e o executor.

Deixe uma resposta