Como desmoralizar petistas cínicos que venham com o truque “dos ministros investigados de Temer”?

5
89

sergio-moro-2

A primeira coisa a se compreender sobre os petistas é que eles não possuem o mesmo senso moral da população normal. Esta geralmente compreende as coisas sobre o prisma do certo e o errado. Claro que o ser humano não é santo, mas ao menos se verifica – com exceção dos psicopatas – a consciência de que existe uma diferença moral entre a virtude e a barbárie, por exemplo.

Enquanto isso, esse tipo de consciência não se manifesta nos petistas. Sabendo disso, eles jamais reconhecerão a corrupção no governo petista. Mas como eles entendem a discussão moral como um jogo (e dos mais sujos), cinicamente atuarão para constranger seus opositores com perguntas como “por que você não luta contra a corrupção agora?” ou “por que você não fica contra os ministros investigados de Temer?”. Alguns indivíduos de direita, centro ou esquerda moderada são engabelados feito patinhos, não percebem que estão sendo vítimas de um golpe retórico e quedam diante do ardil. Enquanto isso, o petista morre de rir ao saber que acabou de manipular mais um incauto.

Mas como lidar com esse jogo psicológico?

Simples. Basta saber que sua moral é extremamente superior. São os petistas que tem histórico de defender bandidos. São eles que rotularam Dirceu, Genoíno e Lula de “heróis do povo brasileiro”. São eles que defenderam um governo com 21 ministros investigados (enquanto o número se reduziu a 3 investigados, juntos a mais 6 citados, no governo Michel Temer, e isto no mínimo é uma evolução, mas ainda não é o suficiente para nós). São eles que, vergonhosamente, lutaram no passado contra Joaquim Barbosa. São eles que atacam continuamente Sérgio Moro, um dos brasileiros mais dignos e corajosos dos últimos tempos.

Ou seja, eles não tem moral alguma para falar de corrupção. O governo petista que eles defendem sempre será a representação da mais podre corrupção que existe.

Enquanto isso, nós defendemos a sequência das investigações da Lava Jato. Nós exigimos que o governo Michel Temer não interfira nas investigações. Nós defendemos um juiz como Sérgio Moro, que pode complicar a vida de todos os envolvidos na Lava Jato, independente de a qual partido pertença. Nós não rotularemos nenhum bandido condenado de “herói do povo brasileiro”.

Desta feita, o petista não tem moral nenhuma para vir fazer nenhum tipo de jogo psicológico.

Em adendo, nós também defendemos o fim do uso da verba estatal para comprar apoio de artistas desonestos e órgãos de mídia sem moral, pois qualquer um sabe que esse tipo de censura sutil só serve para elogiar governos corruptos e esconder desastres econômicos. Qual grupo está lutando pela manutenção das mamatas do MinC? Não é preciso ser adivinho para descobrir: são os petistas. Hoje em dia o ministério só andou servindo para dar verbas estatais para artistas desumanos, que, em troca, elogiam um governo corrupto.

E quanto aos “ministros investigados de Temer”? Se um deles virar réu, não choraremos por eles. Ao contrário do que farão os petistas se o mesmo acontecer com seus políticos. O motivo já está claro: eles não tem nenhum senso moral. Uma prova cabal disto é que vários destes “ministros investigados” pertenciam ao governo Dilma. E os petistas ficaram de bico caladinho.

Mas já que os petistas estão querendo jogar o jogo do “shaming”, a melhor coisa é desafiá-los e expô-los perante o público: se eles realmente querem lutar contra a corrupção, devem estar dispostos a apoiar Sérgio Moro e a Lava Jato integralmente, assim como aceitar que Lula e Dilma devem estar sujeitos a ir para a cadeia como também deveria ocorrer com qualquer ministro do governo Temer (ou do governo Dilma) que tenha se envolvido com corrupção. É muito simples e prático: ou o petista se junta a nós em apoio a Sergio Moro, Deltan Dallagnol e toda a equipe da PF e da Lava Jato ou volta para sua toca.

Se o petista não topar esse desafio, então é só expô-lo como em toda sua vergonha, cinismo, mau caratismo, hipocrisia e falta de compromisso com a luta contra a corrupção.

Eis um imperativo ético: jamais aceite lições de moral de quem não tem moral alguma.

Anúncios

5 COMMENTS

  1. É bem mais fácil calar a boca deles. Basta lembrar que Dilma tentou empossar Lula (investigado e com prisão preventiva à vista) para ele escapar do foro comum.

  2. Assistindo ontem a TV Senado, presenciei o discurso do Senador Jorge Viana,do PT a respeito da falta de medidas anunciadas pelo novo governo de Temer. Ora, se passaram apenas 72 horas em que Temer assumiu o Governo e eles,por falta do que falar e ja dentro do espirito de neo oposicionistas,vem reclamar disso. Foi apartado pelo Senador Garibaldi ,que tentou,sem resultados mostrar que aquele discurso estava fora de hora,que era preciso dar mais um tempo. A falsa indignação de Viana mostra como eles são espertos e sabem fazer oposição.Nao lhes interessa se houve ou não tempo para alguma atitude de Temer, o negocio e reclamar bem alto, para criar o clima de que Temer é incapaz. Foi vergonhoso

  3. Ótimo texto! É muito fácil pulverizar o discurso desses porcos vermelhos. A maioria dos meus amigos são covardes ou patinhos que caem nessas narrativas do PT, ficam com medinho de entrar em conflito só por contestar uma mentira. Mas é tão fácil e divertido hehe

Deixe uma resposta