Haddad é “moleque sem-vergonha, cafajeste, vagabundo mimado”, diz Villa

5
94

villa

Não sobrou muita coisa de Fernando Haddad, prefeito petista de São Paulo, depois deste merecido esculacho dado por Marco Villa em razão da palhaçada do primeiro ao fazer um trote cometendo crime e usando a comunicação pública para fins partidários, baixos e vergonhosos:

Anúncios

5 COMMENTS

Deixe uma resposta