520 mil militares estão prontos para matar venezuelanos

23
209

Como lemos no ILISP, o tirano psicopata da Venezuela, Nicolas Maduro, convocou  520 mil membros das Forças Armadas e milícias civis criadas por Hugo Chávez. Após a decretação do estado de exceção, o objetivo é utilizar essas forças para praticar violência contra manifestantes. Vale lembrar que a maioria da população foi desarmada pelo governo em 2014.

Leia mais:

Neste sábado (21), as Forças Armadas venezuelanas concluíram dois dias de treinamentos militares junto com as milícias civis nos sete principais estados do país, incluindo o treinamento das milícias com lança-foguetes e de estudantes com fuzis. Segundo Maduro, as forças militares estão prontas para “processos internos de comoção e de desestabilização” e que não hesitará em decretar “comoção interior” – o que implica em restrição às liberdades civis – caso episódios “golpistas violentos” ocorram.

Como eu havia escrito por aqui dias atrás, os venezuelanos ainda vão sofrer muito mais.

Fonte: Após decretar estado de exceção, Maduro convoca 520 mil militares para lutar contra o povo – ILISP

Anúncios

23 COMMENTS

  1. Meu Deus, e todas essas 520.000 pessoas são irrevogavelmente obedientes? A obediência atroz a uma única pessoa continuará sendo um dos maiores mistérios da ciência política…

      • É igual aos de Cuba. Cerca de 5 milhões de policiais são altamente remunerados. Quase a metade da população p/defender o Ditador carrasco.

  2. E depois qndo flo q o golpe do PT comecou com o estatuto do desarmamento nimguem acredita…estavam em vias de fazer o mesmo aqui no brasil.. afinal a populacao de bem ja esta desarmada.. como disseram ni manifesto do partido. So faltou o aparelhamento das forcas armadas..

  3. idai ! maduro foi eleito com mais de 54 milhoes de votos kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, ainda bem que vamos enterrar de vez esse partido maldito chamado pt ! povo venezuelano lutem e mandem esse ditadorzinho pra cuba junto com dilma

    • Apesar de ser voto impresso na Venezuela, a Guarda Bolivariana sumiu com urnas e até na internet na época apareceu eles tacando fogo nas cedulas, quem ganhou as eleições foi Leopoldo que era oposição, e quando foi pedir a recontagem dos votos, este Maduro mandou o Leopoldo para cadeia.

  4. Maduro é o novo Hitler, os gestos como esse são os mesmos que o Hitler fazia, parecido até no bigode, rss. Maduro, o Hitler da américa latrina. Da até pra fazer uma montagem.

    Era isso que o PT, PC do B queriam no Brasil, ainda bem que a maioria do exército são anti esquerda.

    Os esquerdopatas dizem que odeiam os militares, mas os mesmos usam eles contra o povo quando conseguem manipular. Pq a maioria dos ditadores comunistas são e foram militares???.

    • Tem outro caminho sim. É o boicote; fechamento do espaço aéreo por todos os países do entorno, fechamento de entrada e saída por mar e terra e a exigência da renuncia pela OEA e convocação de novas eleições. A ONU pode intervir também. E os EUA tem grande participação aí com a compra do petróleo da Venezuela. O Brasil tem que se posicionar com urgência. Uma guerra civil não é uma guerra de mamonas.

  5. Só é necessário o voto de 3 senadores para Dilma voltar…E será que seremos muito diferentes da Venezuela!? psicopatas que comungam da mesma ideologia eles são, portanto…
    Enquanto isso estamos de braços cruzados…
    Quando já passou há muito da hora de agitar as ruas!

  6. Urgente—–A República tem que cair inteira e arrastar lula, Dilma, Temer e a corta-se aliados!!! Quero Dom Bertram Orleans de Bragança Rei da transição até o Brasil ser passado a limpo os sanguessugas presos e com seu patrimônio confiscado e com Forças Armadas e Forças Auxiliares botando ordem e trazendo de volta o progresso é nossa dignidade brasileira! Estou falando bobagem? Estou sonhando demais? Estou porque não suportamos mais!”(Marta Serrat”)

    http://youtu.be/dnCj6EuXpUg

Deixe uma resposta