Dilma mentiu sobre encontros com Odebrecht

1
102

Josias de Souza revelou em detalhes mais uma mentira de Dilma Rousseff, agora para esconder o escândalo de seus combinados com Marcelo Odebrecht.

Lembre-se de que Sarney, no autogrampo de Machado, disse: “Odebrecht vem com uma metralhadora ponto 100.” Nos mesmos grampos, Renan asseverou que Dilma mais rodar pois a Odebrecht “vai mostrar as contas” em sua delação. Rumores mostram que o empreiteiro acusará Dilma de pedir dinheiro para pagar o marketing da campanha de 2014.

Em entrevista à Folha, Dilma Dilma alegou: “Eu não recebi nunca o Marcelo no [Palácio da] Alvorada […] No Planalto, eu não me lembro.”

Arquivos eletrônicos do Planalto mostram que ela recepcionou o mandachuva da Odebrecht pelo menos quatro vezes desde que se tornou presidente. Dois desses encontros ocorreram no Palácio da Alvorada. Não se esqueça: Dilma afirmou que esses encontros “nunca” ocorreram no palácio residencial.

Mas veja o que lemos na matéria:

O empreiteiro chegou em tempo para servir-se do almoço, às 11h30 do dia 26 de março de 2014 (clique sobre a imagem abaixo para ampliá-la). Noutro encontro, Odebrecht foi recebido pela inquilina do Alvorada às 9h30 do dia 25 de julho de 2014 (veja na imagem reproduzida no rodapé do post).Dilma recebeu Odebrecht no Alvorada em 26 de março de 2014 (clique para ampliar a imagem)As duas audiências concedidas por Dilma no Palácio do Planalto, seu local de trabalho, ocorreram em 2013. Uma no início do ano, em 10 de janeiro. Outra no segundo semestre, em 10 de outubro.

Os espertinhos do PT dirão que “Dilma se esqueceu”, provavelmente, mas essa desculpa não cola, pois a petista é sempre lembrada por sua memória diferenciada.

Mentiu, Dilma! (Nada de novo no front, claro)

Agora, a verdadeira diversão começa ao averiguarmos os motivos para ela ter mentido.

Fonte: Dilma mentiu sobre encontros com Odebrecht – Política – Política

Anúncios

1 COMMENT

Deixe uma resposta