Medina informa a Temer o altíssimo grau de aparelhamento da AGU

3
106

fabio-medina-osorio

Como diz o Radar on-line, o advogado-geral da União, Fabio Medina, já explicou a Temer o nível gravíssimo de aparelhamento da AGU pelo PT:

Em conversa recente com Michel Temer, o advogado-geral da União, Fábio Medina, disse que, durante a gestão do PT, a AGU foi aparelhada por servidores ligados ao sindicato da categoria.

O advogado não sabe dizer o tamanho do problema que isso gerou, mas estima que uma cifra bilionária deixou de ser recuperada aos cofres públicos devido a greves e operações-padrão feitas pelos servidores que queriam aumento salarial.

Essas cifras bilionárias que escoaram pelo ralo são aquilo que se define como “custo brasil”.

O PT é praticamente um cupim do estado.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

3 COMMENTS

  1. Uma quadrilha que emporcalha a imagem do nosso país. O povo tem que permanecer unido, a fim de que todo esse pessoal seja levado para a cadeia, independente do partido, coligação, facção, bando ou espúria que estejam vinculados.

  2. É isso que dá poder se nomear como Advogado Geral da União alguém de fora da carreira, que cai de paraquedas sem o menor conhecimento de causa.

    Ainda não houve greve.

    O que houve em 2015 foi entrega de cargos de chefia ante a inviabilidade de gerenciamento.

    Não é possivel administrar sem os meios mínimos.

    As entregas foram por melhores condições de trabalho, carreira de apoio, melhor remuneração sim, pois a AGU virou carreira de passagem perdendo talentos.

    Ocorrerm algumas paralisações exporádicas de um dia para mobilização e reuniões entre os membros das quatro carreiras interessadas ou visitas de pequenos grupos a parlamentares para expor a situação periclitante da AGU.

    Houve apoio para as PEC 82 (conhecida como PEC da probidade ) e 443 que tramitam desde 2010 e que foram engavetadas por articulação do governo PT, que elaborou um PL muito aquém das necessidades do órgão e contra o qual o governo luta a cada passo.

    Ocorreram negociações mas sem nenhuma radicalização.

    Os prejuízos aludidos na matéria não foram em razão de greve mas sim por falta de recursos, em especial recursos humanos e de tecnologia de informação.

    O PT não aprarelhou a AGU.

    O PT sucateou e desmantelou a AGU para reduzir sua eficácia e efetividade, facilitando a corrupção e o saque aos cofres públicos.

    A quem interessa a derrocada da Advocacia Geral da União?

    Certamente não ao verdadeiro interesse público.

    Pode aguardar que o próximo passo será a terceirização da Divida Ativa da União.

Deixe uma resposta