Golpe do falso plebiscito pode não servir para trazer Dilma de volta, reconhecem petistas

4
96

Conforme vimos no site de Ricardo Noblat, a narrativa do PT – de prometer “novas eleições, mas só se Dilma voltar”, o que faria até crianças rirem – não está sendo útil para enganar gente em escala suficiente:

Informa Mônica Bergamo, colunista da Folha de S. Paulo: “Em reunião com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, na segunda-feira, os senadores petistas Lindbergh Farias, Fátima Bezerra e Regina Sousa disseram que a proposta do plebiscito não tem mais condições de mudar o cenário a favor de Dilma”.

Sem a crença de tolos em volume suficiente na narrativa falsa de que Dilma “traria novas eleições, mas só se dessem o cargo de volta”, faltaria, enfim, motivação para devolverem seu cargo. Evidentemente, se ela tivesse o cargo de volta, riria na cara de todos que caíram no embuste e enterraria qualquer proposta de “novas eleições”. Mas o truque parece estar falhando. Felizmente.

Mas nada de relaxar, pois novos truques petistas virão nos próximos dias…

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

4 COMMENTS

  1. PT tem certeza que o Brasil é deles. Eles são justos, são de esquerda… (manipulação & patrulhamento). Dilma não admite nenhum erro cometido por ela: soberba. Eis:
    O PT não aceita MUDANÇAS. São tacanhos. Veja aí o caso de Marta Suplicy… Ela não é Petista. Não deve nada ao PT… Mas eles a atacam direto, e com grosseria. Picham o escritório da Senadora… E Haddad eles o tem com o futuro do PT (o “intelectual” da USP — que é o que vale e é moda hoje). Não aceitam outro para governar Sampa…
    Veja aqui o PT:
    Mia, bebe leite, tudo indica que é um gato; mas o PT afirma: é um cão.

  2. O problema é todas as falcatruas petistas não chegam à percepção da grande massa,que ainda pode decidir em prol do PT uma eleição presidencial. O que se precisa nessa guerra de informações é ter um veículo de mídia, que alcance essa fatia do eleitorado.Muitos ainda defendem Lula, afirmando mesmo que não há provas contra. Magno Malta tem um vídeo não a favor de Bolsonaro, mas contra a censura sofrida por ele.

Deixe uma resposta