Jornalista petista convoca violência contra Temer após resistência de Erdogan

9
137

solnik3

Mais uma vez o mais absoluto barbarismo se exibe para todos nós em uma declaração de um jornalista petista. No caso, é Alex Solnik (que escreve para o blog Brasil 24/7), citando a retomada de poder pelo presidente Erdogan – que agiu contra um golpe de estado de verdade – como “inspiração” para que Dilma pudesse retomar o cargo. Mesmo que o chamado bárbaro de Solnik não dê em nada, as palavras abaixo são aterrorizantes para quem preza a vida em civilizações modernas:

Não há como não estabelecer um paralelo com o caso brasileiro. O golpe do PMDB, com Temer à frente, que não tem apoio militar, não usa tanques, nem helicópteros, prossegue dentro do Congresso Nacional sem que um movimento popular o abafe. Ao contrário do povo turco, que não se intimidou com o estado de guerra, tanques nas ruas e helicópteros no céu, o povo brasileiro resume suas ações em “escrachos” que não produzem os efeitos desejados.   Talvez falte um Erdogan para convocar uma verdadeira resistência civil ao avanço do PMDB sobre a democracia brasileira.

A resistência a um golpe militar requer altas doses de violência. Somente assim foi possível retomar o poder na Turquia. A proposta de Solnik requer, então, que a mesma violência utilizada na Turquia seja praticada por petistas por aqui. Acontece que a narrativa do “golpe”, propagada pelos petistas, é tanto uma farsa que eles próprios votaram em Rodrigo Maia, que votou pelo impeachment, para presidente da Câmara. Fizeram isso pois sabem que quando estão denunciando o “golpe”, falam de um golpe de mentirinha.

O golpe que aconteceu na Turquia, por outro lado, foi um golpe de verdade. A violência para que Erdogan retomasse o poder também foi de verdade. Ao contrário, não há nada de verdade em todas as narrativas petistas. Mas a violência proposta por Solnik, caso ocorresse, seria de verdade. Mais uma vez, os petistas demonstram inigualável dose de monstruosidade moral.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

9 COMMENTS

  1. O Brasil pode dar um exemplo de Democracia e de legalidade Constitucional para o MUNDO !

    Na Cerimônia de Encerramento das Olím Piadas do Cocô :

    Apoteose = Honras extraordinárias concedidas a alguém. Glorificação, exaltação.

    Uma jaula real com Lulla & Dilma presos !
    E o juiz Sérgio Moro & Equipe presentes no Camarote Presidencial e sendo aplaudidos efusivamente pelo POVO !

  2. Acho que Rui Falcão (PT) também mencionou que que seu partido deveria ter trabalhado mais pelo apoio dos militares. Quando Lula ficou por pouquíssimo tempo como ministro, diversos PETISTAS abordaram os militares para conseguir mais apoio ao facismo esquerdista e esse agora. Se Dilma voltar, vai ter golpe PETISTA um atrás do outro. Não há mais como o PT se sustentar no Brasil senão pela violência.

  3. A militância só vai para as ruas defender a Dilma devido as verbas estatais. Sem isso esse pessoal vai ficar em casa no colinho da mamãe.

    Duvido que sairão para às ruas como a população turca fez no caso do Erdogan.

  4. Seria bom se o MP apresentasse uma denúncia contra esse jornalista Solnik, por incitação ao ódio e a violência. Isso é crime, não é?

  5. Esse facínora ridículo, com cara de monge fanático medieval, foi o que teve a cara de pau de afirmar no Roda Viva com o Lobão, que os black blocs eram de direita porque usavam máscaras.

  6. Acho que estamos navegando para rumos perigosos que, podem nos levar ao radical mundo dos radicais como esse demente Solnik. Ele não defende o Brasil e sim o partido, não medindo consequências para a sociedade. Quer que sigamos seu raciocínio doentio, achando que a solução da turquia cabe aqui. A intervenção na turquia tem apoio de grande parte da união européia, e somente caiu em desgraça por que o próprio exército se dividiu. E o povo que saiu as ruas, deixou seus soldados abandonados na luta. Erdogan é um maldito comunista autoritário, que tem feito transformações na sociedade turca de forma autoritária, entre elas a islamização do país. Esse jornalista comunista deveria ser preso por incitar a violência.

Deixe uma resposta