Magno Malta ridiculariza Dilma com canção de ninar

5
75

senador-magno-malta-denuncia-cortes-de-falas-suas-nsenado-foto-moreira-maris-ae

O senador Magno Malta está se tornando especialista em ridicularizar a presidente afastada Dilma Rousseff.

Convenhamos, não é uma tarefa difícil, pois dia após dia ela lança discursos contraditórios e apela para a manha em forma de discurso. Em termos de guerra política, a tática petista é apenas contextualmente boa, mas depende de uma oposição frouxa. (Eles são bons na guerra política, mas andam relaxados, mais por moleza de muitos de seus adversários)

Só que Malta tem saído da espiral de frouxidão e aproveitado toda oportunidade que aparece à sua frente para tirar uma na cara dos petistas, como nesta canção de ninar que ele fez para sua neta:

É preciso fazer a Cuca sumir de vez do poder mesmo. Para nos livrar de um pesadelo.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Advertisements
Anúncios

5 COMMENTS

  1. Quando saiu o resultado da vitória da Dilma em 2010, ela subiu num palanque especialmente preparado para a ocasião e veio escorada por dois papagaios, um de cada lado, que não desgrudavam dela de jeito nenhum. Um eu conhecia, era o José Eduardo Cardozo. O outro não sabia bem quem era. Pois bem, era o atual senador Magno Malta. Ok, o cara é uma figura, teve presença marcante na comissão do impeachment, hoje deita e rola em cima de cachorro morto, mas seu caso serve para lembrar o que boa parte dos políticos essencialmente é: malandros oportunistas.

    • Meu prezado, esta é a matéria prima que temos para trabalhar. Até mudar esse pessoal todo ainda temos uma longa estrada a ser percorrida. Vamos ter agora eleições para prefeito e quem são os candidatos nos grandes centros? Mais da mesma coisa!

      Isso sem citar o que está acontecendo naquele palco político que ninguém presta muita atenção, as Câmaras municipais dos vereadores. Quanto à eleição de prefeitinhos nos municípios pequenos, então, nem desconfio da bagunça que está sendo.

      Imagine dezenas de milhares de vereadores e prefeitos recebendo verbas para realização de obras que o Estado não tem como fiscalizar. Será que os 80 bilhões do Petrolão ainda são páreo para os desvios desses “não-investigáveis”?

      Enquanto o cenário político nacional for este, nada pode ser feito além de eterna vigilância e pressão sobre os políticos. Uma nova geração de povo e de político tem que surgir (está timidamente surgindo, mas é muito incipiente, ainda) e os novos políticos são muito inexperientes para lidar com esse bando de raposas velhas que mandam e desmandam no Congresso.

  2. Sensacional!!!! Parabéns ao senador Magno Malta por defender os interesses mais altos do povo brasileiro no Senado Federal.

  3. Apoiou Lula, viajava com ele, para fazer campanha, apoiou Dilma. Porém quando o barco está afundando os ratos abandonam o navio.Magno Malta com a conversinha mansa dele engana os incautos. Magno Malta (PR/ES) é o novo relator do PLS 176/2011, de autoria do Senador Cristovam Buarque (PPS/DF). O projeto, considerado um atentado ao voto democrático, propõe passar por cima da decisão proferida pelo povo brasileiro, por meio do Referendo de 2005, e proibir totalmente a comercialização e aquisição de armas de fogo no Brasil.

Deixe uma resposta