Censura de páginas pode se tornar ação política

0
34
Handcuffed to her computer: very demanding job or censorship

O blog Modo Espartano escreve:

Que se tenha registro, pelo menos vinte páginas que fazem oposição às ideias de esquerda foram simplesmente deletadas do Facebook entre ontem e hoje, sendo uma delas já conhecida neste site, a Moça, não sou obrigada a ser feminista, entre as quais minha colega também já mencionada por aqui, Thaís Azevedo, é uma das administradoras. Algumas páginas, como essa, foram refeitas, mas perderam quase todo o conteúdo anterior e os seguidores. Muitas delas tinham milhões de seguidores ou centenas de milhares.
Não é a primeira vez que isso acontece, mas é provavelmente novidade que tenham deletado tantas páginas de uma só vez. A razão para isso é provavelmente oriunda de denúncias em massa, feitas ao próprio Facebook, cujo sistema de análise não parece ser exatamente algo imparcial.
Funciona basicamente assim:
– Um grupo de pessoas se organiza, geralmente em grupos secretos do Facebook, e passa uma lista de páginas a serem denunciadas. Todos os membros do grupo – sejam dez ou mil – passam a acessar estas páginas e denunciá-las massivamente, postagem por postagem. O alto número de denúncias faz com que o Facebook, de alguma forma, derrube as páginas tirando-as do ar. Às vezes é temporário, mas na maior parte dos casos é permanente.
O maior problema, no entanto, é que grupos de oposição à esquerda, como retaliação a esse tipo de ato, já se organizaram para derrubar páginas de esquerda também. O caso é que normalmente isso não dá certo. Eu, inclusive, já denunciei postagens que de fato violavam os termos do site, como posts mostrando gente mutilada ou morta, e o Facebook identificou estas denúncias como improcedentes. Relatos de conhecidos meus que já denunciaram páginas de esquerda em massa sugerem que para derrubar alguma página deles, normalmente, seja necessário um trabalho sobre humano, o que não se observa quando ocorre o inverso.
Veja o que Thais tem a dizer:

Liberdade de expressão! LISTA ATUALIZADA!!!

O significado de LIBERDADE
1.Nível de total e legítima autonomia que representa o ideal maior de um cidadão, de um povo ou de um país.
2 Poder de agir livremente, dentro de uma sociedade organizada.
3 Faculdade que tem o indivíduo de decidir pelo que mais lhe convém.
4 Extinção de todo elemento opressor que seja ilegítimo.
5 Condição do indivíduo livre.
6 Autonomia para expressar-se conforme sua vontade.
7 Condição de um ser que não vive em cativeiro.

O significado de EXPRESSÃO
1 Ato ou efeito de expressar.
2 Exteriorização das ideias ou do pensamento por meio de gestos ou palavras.

Como a esquerda entende esses 2 termos juntos:
“Não gostei/Não concordo/É ofensivo/Apaga/Close Errado/Pára que tá feio/Me magoou/Seu Homofóbico/Seu racista/Seu xenofóbico/Seu fascista/Vou contar tudo para a minha mãe!/Vou contar tudo pro titio Mark!/Essa página deveria ser deletada para sempre!/Você deveria ir pro tronco!/Quero te dar chibatadas!/O mundo seria um lugar melhor sem você!/Derrubei a página!/Morra!”

E com isso eu informo que não foi só a página Moça, não sou obrigada a ser Feminista que sofreu um ataque em massa.
Pelo menos 19 outras páginas grandes também sofreram e também foram desativadas! As páginas são:
Loira Opressora,
Ter Opinião Não é Crime,
Bolsonaro Opressor 2.0,
Faca na Caveira,
Desquebrando o Tabu,
Sargento Fahur,
Memes de Direita,
Orgulho em ser de Direita,
South America Memes,
Bolsonaro Viril,
Incorretos,
Teoria do Pai Ausente,
Memeguy,
Editora Humanas,
Conservadorismo do Brasil,
Go Tropa,
Jessicão, a Feminista,
Machistas,
Papo de Polícia.
Juntas, tínhamos mais de 12.000.000,00 de curtidas!

Coincidência? Tenho certeza que não!

Um ser pensante incomoda muito esquerdista, 12.000.000,00 de seres pensantes incomodam, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam, incomodam……….. muito mais.

Beijos opressores! 😉 :*

‪#‎thaisazevedo‬

E aqui então uma sugestão:

Uma dica: por que não abrir uma demanda pela CPI da Mordaça no Facebook? Ora, o Facebook recebe verbas estatais. E as páginas que estão sendo censuradas (de direita) estão sendo derrubadas para atender aos interesses da extrema-esquerda. Qual a relação entre essa verba e a censura? É justo que se financie censura e preconceito político a partir de organizações que recebem verba estatal? Aí sim começaríamos uma discussão política a respeito da censura de páginas de Facebook. Ficar apenas no “ai, minha página foi censurada” não é ação política. É chororô. Se ficar só no chororô, o oponente perde o respeito e avança mais.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

Deixe uma resposta