Miguel Nagib, do Escola Sem Partido, participou de debate na Folha: terá vencido ou perdido?

2
113

No Facebook acabei descobrindo que Miguel Nagib, do Escola Sem Partido, participou de um debate na Folha, que deverá ser disponibilizado em breve. O debate, evidentemente, foi feito tendo oposição da extrema-esquerda do outro lado.

Não assisti o debate ainda, mas esse já deveria ser nosso questionamento antecipado antes de assistirmos o confronto: Miguel Nagib perdeu ou ganhou?

Se Nagib rotulou seus adversários em maior quantidade, provavelmente deve ter vencido, pois seus argumentos são melhores. Se permitiu que seus adversários o rotulassem em maior quantidade, deve ter perdido, pois quem perde a batalha de frames e de rótulos nesse tipo de confronto geralmente sai por baixo.

Creio que assistir esse tipo de debate pode nos trazer um “divisor de águas” no caso da iniciativa atual do Escola sem Partido. A decisão de Nagib no debate – de jogar a guerra política ou não – pode definir muita coisa, inclusive quanto à possibilidade dele angariar mais apoio ou não.

O debate deverá ser acompanhado da forma que se acompanha um jogo futebol. Cada rotulagem é um gol. E creio que neste momento Nagib já deve ter plenas condições de escolher se vai encarar esse tipo de “debate” como uma instância da guerra política.

Aguardo assisti-lo em breve para saber que resultado Nagib escolheu.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

2 COMMENTS

  1. Luciano, a propósito, alguém deve aconselhar o Escola Sem Partido a não escalar para debates um jovem sociólogo que tem participado de vários deles. O rapaz não tem uma boa oratória, gagueja às vezes, é hesitante, um tanto passivo e, por tudo isso, permite que seus adversários não o deixem explanar as propostas do movimento.

    O ESP tem de pôr para debater alguém de melhor oratória e retórica, e que seja mais firme e mais assertivo.

Deixe uma resposta