15/08: O dia em que Joel Pinheiro deve tomar uma tunda de Carina Vitral

2
180

Não tenho nada contra o Joel Pinheiro da Fonseca, um adepto de ideias liberais (e já discordei dele uma vez, em uma interação amigável). É bom que eu avise antes pois a direita anda muito chiliquenta nos últimos tempos – acho que aprenderam com o Olavo de Carvalho, um menino mimado de quase 70 anos de idade, que ainda não aprendeu a ouvir críticas. Daí você faz uma crítica tática a alguém de direita e já te perguntam: “mano, você tretou com (x)?”. Triste país onde uma discordância tática entre direitistas é tratada como “treta”.

Então, de novo, nada tenho contra o Joel. Acho que ele é boa gente. Torço por ele, apesar de discordar de várias de suas premissas. De resto, também tenho um amontoado de péssimos presságios para o “debate” que ele fará com Carina Vitral, presidente da UNE, no próximo dia 15/08. Leia mais:

Carina Vitral – presidente da UNE – e Joel Pinheiro da Fonseca – responsável pela gestão das mídias sociais do Partido Novo – vão discutir a participação do jovem na política do País. A entrada é livre, mas é preciso se inscrever

Na próxima segunda-feira (15/08), às 19 horas, ocorre a oitava edição do Debates & Provocações ÉPOCA/FAAP no campus da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), em São Paulo, sob o título Como os jovens podem participar da política? O objetivo é analisar as formas pelas quais os jovens brasileiros podem participar da política e os perfis das novas lideranças.

Os debatedores serão Joel Pinheiro da Fonseca, economista, mestre em filosofia e responsável pela gestão das mídias sociais do Partido Novo, e Carina Vitral, presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE). O mediador será o jornalista João Gabriel de Lima, professor da Faculdade de Comunicação da FAAP e diretor de redação da revista Época.

A participação do jovem brasileiro na política
As jornadas de junho de 2013 e as mobilizações de rua em torno do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff mostraram que a juventude brasileira está ávida por discutir e participar da política, mas quer encontrar novas formas de representação.

Com o atual sistema político em xeque por causa das investigações sobre corrupção, renová-lo é uma demanda crescente entre os jovens. Há resistência e desconfiança dos jovens em relação aos partidos políticos, mas, ao mesmo tempo, candidaturas avulsas e independentes não são permitidas pela legislação brasileira.

Para driblar essas restrições, começam a surgir iniciativas como o movimento suprapartidário Bancada Ativista. Ele pretende lançar nove candidatos a vereador nas eleições municipais deste ano em São Paulo por diferentes partidos. Os candidatos são ativistas com diferentes causas, como sustentabilidade e defesa dos direitos das mulheres. São bandeiras que atraem uma parcela crescente da juventude que se sente alienada das discussões dos partidos tradicionais brasileiros.

Os debatedores
Joel Pinheiro da Fonseca
Economista e mestre em filosofia, responsável pela gestão das mídias sociais do Partido Novo.
Carina Vitral
Estudante de Economia na PUC em São Paulo e atual presidente da União Nacional dos Estudantes.
O evento é aberto ao público e as inscrições poderão ser realizadas por meio do link. Também será possível acompanhar e enviar comentários e perguntas pelo site da revista. A TV FAAP transmitirá o Debates & Provocações ao vivo. […]

Data: 15/08 (segunda-feira)
Horário: 19h00
Local: auditório 1
Endereço: Rua Alagoas, 903 – Higienópolis
Inscrições: https://central.faap.br/inscricaoonline/eventos/EventoIdentificacao.aspx?curso=PDPE/”_2SP_15.08.16
Atenção – Vagas limitadas
É importante destacar que o evento é sujeito à lotação e caso isso ocorra, haverá outro espaço disponível para transmissão simultânea.

INFORMAÇÕES À IMPRENSA:
FAAP / WN&P COMUNICAÇÃO
Sala de Imprensa: www.faap.br/imprensa
Tel: (11) 3662-7270/ 7271 / 9-5329-1654
Jornalistas: Fabiana Dourado (fabiana.dourado@wnp.com.br)
Iracema Carvalho (iracema.carvalho@wnp.com.br)
SP 08/2016

Enfim, o que eu prevejo para este “debate”?

Para início de conversa, não será “debate” coisíssima alguma. Será uma guerra de frames. Bem, isto na perspectiva unicamente de Carina Vitral, que aproveitará o seu espaço para descarregar sobre a cabeça de Joel uma chuva de rótulos, suficientes para “desligar” o cérebro da plateia neutra da contenda, que é o que realmente interessa.

Quem já é adepto de Carina, ficará do lado dela. Aqueles que estão do lado de Joel, ficarão do lado dele. Mas a chuva de rotulagens disparada por Carina irá capturar a audiência dos neutros. Em consequência, ela deve vencer o debate.

O título da interação é ótimo: “Debates & Provocações”. Exato: ele vai “debater” e ela vai “provocar”.

Acredito que Joel irá, com muita elegância, expor as ideias liberais. Em contrapartida, vai ser rotulado de desumano e inimigo dos pobres. Nada que já não tenhamos visto em outros debates.

No fundo torço para que eu esteja errado quanto à minha previsão. Por isso, eu diria: “Joel, me surpreenda!”.

Como diria o ceguinho esperançoso, veremos.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

2 COMMENTS

  1. Andei seguindo seus conselhos de aplicação de frames e rótulos em cima de esquerdistas nas discussões pela internet. Tem funcionado e raramente sofro uma réplica em cima do que escrevo. Obrigado por compartilhar o assunto de guerra política conosco.

  2. Ele deve levar um baile sim. É lamentável pois essa Carina é relativamente fraca mas como todo soldadinho de esquerda faz o dever de casa na arte da guerra.

Deixe uma resposta