Procuradores se excederam na denúncia contra Lula

23
127

Uma narrativa corrente divulgada pela extrema-esquerda – e até por algumas pessoas de direita, que em alguns casos caíram no blefe adversário – é dizer que os procuradores da Lava Jato se excederam.

Lá vamos nós de novo tratar de mais uma encenação de teatro dessa gente…

Será que os procuradores xingaram Lula de “filho da puta”? Não. Será que Deltan e sua equipe chamaram seus acusados de “golpistas” ou “fascistas”? Não. Será que decidiram lançar jogar coquetéis molotov nos outros? Também não.

Ora, onde estarão “os excessos” dos procuradores?

A grande verdade é que a extrema-esquerda define como “excessivo” ou extremista tudo que os desagrada. Para eles, tudo não passa de um jogo. Aliás, uma boa pista de que “excessos” não ocorreram na belíssima apresentação dos procuradores da Lava Jato é que eles foram acusados de “excessivos” exatamente por Lula, ou seja, o denunciado. Mas este denunciado trabalha unicamente com manipulações da realidade. O mais provável é que os procuradores tenham sido até muito moderados nos termos lançados contra o “Maestro do Esquema”.

Mas, no fundo, os procuradores se excederam. Como nos quesitos abaixo:

  • Seriedade
  • Postura profissional
  • Compromisso com o pagador de impostos (ao divulgar informações que queríamos ver organizadas há tempos)
  • Apresentação clara das evidências
  • Quantidade de evidências apresentadas
  • Clareza de raciocínio
  • Objetividade da linguagem

Pensando bem, se “exceder” nesses aspectos nunca é demais. No fundo, os procuradores saíram melhor do que a encomenda. Os “excessos” da equipe de Deltan Dallagnol, se é que existiram, são todos dignos de elogios.

E quando aos “excessos” negativos?

Na verdade, todos os que alegam a existência de “excessos” dificilmente possuem coragem de dizer quais são os tais “excessos”. Ora, se alguém possui até vergonha de dizer quais são os “excessos” é por que essa pessoa está fazendo um teatrinho na busca de manipular a percepção da audiência.

No fundo, os reclamantes dos “excessos” dos procuradores não reclamam de qualquer “excesso” que tenha acontecido. Buscam pura e simplesmente manipular a percepção da platéia no sentido de constranger pessoas que não possuem motivo algum para se sentirem constrangidas.

Como sempre, a linguagem, para a extrema-esquerda, não passa de uma arma a ser usada de modo desonesto. Não caia no truque de quem fala em “excessos” inexistentes dos procuradores.

Aliás, estamos precisando ser “excessivos” no escracho contra quem vier com esse tipo de embuste…

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

23 COMMENTS

  1. Entre as ”pessoas da direita” que criticaram, só vi o Reinaldo Azevedo falando mal; definitivamente este senhor precisa tomar umas doses de viagra em supositório, pois anda sofrendo de um terrível caso de bunda molismo…

    • O Reinaldo Azevedo foi contra os protestos de rua, contra o Moro, contra o impeachment, contra a prisão dos envolvidos. Escreveu que o PT deveria ser extinto pelas urnas… em 2018. Errou em todas. Quando o impeachment cobrou força desceu do muro. Quando o Moro divulgou os grampos, criticou. Errou feio. Implicou contra o Dallagnol. O chamou de moleque que precisava de 10 anos de leitura. Para justificar sua crítica à “patuscada” do Dallagnol usou uma suposta declaração do Moro que “achou um desastre” a apresentação. Deu munição para os petistas. Foi desmentido pelo Antagonista. O Moro nunca falou fora dos autos. Uma amiga, que entende dessas coisas, o descreveu perfeitamente: “parece bi… agredida”.
      O Azevedo simplesmente virou um oportunista.

      • Carlos, há algumas mentiras em seu discurso. Acompanho o Reinaldo Azevedo em todas as mídias e ele sempre foi um dos maiores apoiadores dos movimentos de rua, ele fala de impeachment desde que a Dilma foi eleita em 2014. Ele faz críticas à operação lava-jato por questões legais e ele tá certo. A gente se sente vingado quando o Lula vira réu e quando os grandes empreiteiros são presos, mas se não ficarmos atentos às quesstões legais, a Lava-jato pode virar uma Satiagraha – leia a colunado isentão Boechat essa semana na Istoé.

  2. O repúdio maciço dos leitores de Reinaldo Azevedo as suas (ridículas) postagens contra os procuradores, mostrou de que lado os brasileiros estão. Uma coisa é ter opinião independente, outra é falar besteiras e oportunizar para o inimigo. Foi uma boa lição para RA e outros jornalistas que ainda não entenderam a gravidade do momento e o sentimento do povo. Vão acabar falando sozinhos.

    • Obrigado pelo resumo. Pois já nem perco mais meu tempo, lendo as postagens desse tal de RA; embora reconhecendo que devesse fazer um sacrifício para saber as besteiras que ele anda dizendo.

      • Foi interessante perceber, principalmente nesse episódio da denúncia, que a grande maioria (de nós) tem suas próprias convicções e não depende de ‘formadores de opinião’ que se acham maiores que o assunto. Eu mesmo chamei o RA de agente duplo e um babaca que municia os desonestos e compactua com os criminosos que quase destruíram o país.

  3. Concordo com tudo que escreveu. Acrescento, apenas, que acho um ABSURDO o espaço enorme que os veículos de comunicação deram àquele que, além de tudo que os procuradores disseram, é um tremendo FARSANTE !!!!!

    • Sem dúvida! O Lula peida e a FSP bota em destaque. 20 pessoas se reúnem na Paulista e o UOL já fala em Grande Manifestação contra o golpe.

  4. Luciano, bom que tenha esta visão. Com Reinaldo Azevedo pautando MBL, é gratificante saber que há gente sensata ao lado deles também.
    Reinaldo não está nem aí para a situação política, como alguns gurus por aí, qier mesmo os holofotes.
    Plagiando ele próprio, cabe dezer que o que vem escrevendo nem errado é.
    Seria algo como se um corno negasse as evidências por não ter sido convidado pra entrar na sacanagem da mulher com o amante.

      • Ah, então o “Olavo age como desinformante pró-PT há muito tempo”? Deixe de ser desinformante e ridículo, cara! Reinaldo, o seu guru, sim, é um desinfomante pró-esquerda fabiana, e você é um dos que caíram no conto-do-vigário dele, como já denunciei tantas vezes aqui. Deixe o Olavo pra lá, que ele não tem nada a ver com isso, e dê o braço a torcer no que diz respeito ao Reinaldo, o “Muso do PT”, tá?

  5. Procure a seguinte frase do Olavo de Carvalho: “O Arruinaldo Azevedo mentiu tanto que agora ninguém acredita nele quando ele diz alguma verdade. Parece que a denúncia contra o Lula tem mesmo defeitos técnicos que podem invalidá-la.”

  6. é uma gozação mesmo, me pergunto o porque de nao fazerem o mesmo circo com o aécio, com o fhc, com o serra, com o sarney, e outros politicos corruptos (a maioria, quase totalidade) mas não só o lula é o culpádo por tudo de ruim que se passa no brasil, desde o seu descobrimento, ele é o único ladrão que existe, chefe do trafico, chefe dos roubadores de carga, chefe dos mais de 300.000 presidiarios existentes no pais, vão se fuder site de bosta, tenho vergonha de ser brasileiro, povo sem cultura, povo adepto da lei de gerson (vantagem em tudo), aqui tudo é feito e empurrado para debaixo do tapete, desde que o interesse seja da elite porca, dai ninguém é corrupto, ninguém é ladrão, todos santinhos, honestos e probos.

  7. Ayan, dê uma olhada no vídeo dos Pingos nos Is de hoje, no blog do RA, dos 35 aos 40 minutos. Talvez ele esteja se referindo a você e à Joice Hasselmann. Dê uma olhada.

  8. Perfeito, Ayan. Na cabeça de petista, “excessivo” é tudo aquilo que vá causar prejuízo eleitoral para o partido – embora o prejuízo tenha origem nas próprias ações do PT, e não na dos procuradores. Essa é a mesma falácia usada para culpar a Lava-Jato pelo desemprego no setor do petróleo, segundo a qual o faxineiro é a causa da sujeira.

Deixe uma resposta