O racismo dos blogs petistas contra Fernando Holiday superou todos os limites

20
198

Marcos Sacramento, escrevendo para o Diário do Centro do Mundo – no vomitivo texto Quantos mandatos Fernando Holiday do MBL cumprirá até tornar-se negro? – radicalizou no lançamento de conteúdo racista contra oponentes.

No texto mais racista do ano, ele escreve: “Embora na aparência e na conta bancária Holiday seja o oposto dos caciques do DEM, no campo da ideias é cheio de afinidades. Tem obsessão contra o PT e espezinha as políticas de cotas e de promoção da diversidade. Grita contra a corrupção ao mesmo tempo que ignora o extermínio anual de 23 mil jovens negros.”

Segundo o conteúdo abjeto, o discurso de Holiday “parece mais o discurso de algum milionário branco de 60 anos, bisneto de latifundiários e com residência de inverno em Campos do Jordão.”

No fim, Sacramento cita a obra de uma psiquiatra e psicanalista de extrema-esquerda, Neusa Santos Souza, que defende a seguinte tese, vergonhosamente racista: “Ser negro não é uma condição dada, a priori. É um vir a ser. Ser negro é tornar-se negro”.

Com esse mote, Sacramento conclui: “Ainda há tempo para Fernando Holiday tornar-se negro”.

Não há maior racismo do que negar as características inerentes de um indivíduo. Com essas passagens, Marcos Sacramento demonstrou que não há mais limites para a prática do racismo por parte dos bolivarianos.

Tudo bem que já estamos acostumados à gente que “faz o diabo” para vencer politicamente. Mas desta vez, Sacramento se excedeu, até mesmo para os padrões anticivilizatórios da extrema-esquerda.

Se impõe para todos nós uma polarização moral: os que se posicionarem a favor de Fernando Holiday, neste caso inaceitável de agressão, e os que ficarem do lado do racismo, praticado por Sacramento.

A atitude do blogueiro petista faz jus à Ku Klux Klan. Infelizmente (para os racistas), e felizmente (para os adeptos da liberdade), a agressão gratuita e imperdoável de Sacramento não sairá barata.

E vale lembrar que o blog Diário do Centro do Mundo, que publicou tal agressão – um blog gerido por um branco, Paulo Nogueira, diga-se de passagem – recebeu cerca de R$ 1 milhão do governo petista só no início de 2016.

Holiday bem que poderia processá-los. Seria uma atitude pedagógica.

É preciso lançar uma mensagem clara: a escravidão já acabou. Ninguém tem mais o direito moral de dizer “este é um bom negro” ou “este não é um bom negro”.

Em suma, não perdoem a agressão inaceitável de Sacramento.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

20 COMMENTS

  1. Não só o Holiday deve processá-lo civilmente por danos morais como diversas pessoas deveriam assinar e enviar uma “notícia de crime” contra o Sr. “Sacramento” (?!) para que o MInistério Público o processe pelo crime de racismo. Qualquer do povo pode levar uma notícia de crime ao Ministério Público ou à polícia (embora eu recomende que se noticie ao Ministério Público).

  2. Não alimentem a fogueira de um desesperado. Dar atenção a um blogueiro covarde é reconhece-lo. Somos seres humanos coloridos de todos os tamanhos e formas. Avante guerreiro Holiday!!! Foque sempre em suas convicções pois a grande batalha apenas começou!! Estamos juntos por um Brasil real e justo!!!

  3. e interessante como querem que os negros odeiem os brancos ,e se dizem contra racismo e preconceito ,bando de vermes hipocritas a unica coisa que querem e jogar cidadao contra cidadao, pra que nos esqueçamos o quanto sao vis e corruptos!!

  4. Isso é um caso para o Ministério Público!!! Holiday precisa levar urgentemente essa agressão racista ao conhecimento do MP!!! ISSO NÃO PODE FICAR IMPUNE!!!

  5. Esse tipo de pensamento – de que “deve se agir como um negro” – é típico da esquerda americana, que só considera “negro” o sujeito que defende todo um pacote de ideias pré-fabricadas (muito provavelmente por um intelectual branco). Caso a pessoa não se enquadre nesse padrão será considerada vendida, traidora, ou como se dizia antes, um “Pai Tomás”. Ou seja, (em tese) lutam tanto pela dignidade dos negros, mas na prática, não respeitam nem a liberdade do indivíduo escolher seu caminho.

  6. Processa este canalha…para servir de exemplo para estes comunistas canalhas !!!! Mata de desespero estes militontos, não abra a guarda, para que entendam que o tempo deles, acabou. Agora quem manda no Brasil, incluindo o governo federal e municipal é a direita. Fora Lula, Fora PT, Fora ladrões…Vamos tirar o Brasil do vermelho !!!!!

    • Quem manda no Brasil é o povo brasileiro que se livrou da lavagem cerebral do PT, não e a direita , nem a esquerda, é o POVO BRASILEIRO que se uniu, batalhou e venceu,.,,,,,Um bom lembrete para os que nós colocamos para nos representar na Câmara, ,no Senado e na Presidencia..

  7. Se está surpreso, então tenho certeza que os petralhas ainda irão te surpreender, pois eles sempre se superam em termos de imbecilidade.
    Agora, o Holliday TEM de processar e pedir uma indenização milionária, nada de merrequinha, tem de chocar esses idiotas e fazer com que repercuta entre eles, para que pensem muitas vezes antes de caluniar alguém novamente! Como você mesmo diz Luciano, é guerra política, nada de ser bonzinho com esses trates!

  8. Mais um exemplo da índole autoritária esquerdista. Eles acham que podem ditar a vida alheia. Como se o Fernando não tivesse direito ao livre arbítrio. Foram os petistas que mergulharam o país em uma profunda crise econômica. Se a comunidade negra passa por um momento de dificuldade financeira, parte dessa culpa recai sobre o governo petista.

Deixe uma resposta