Aprovação da PEC 241 em segundo turno humilha invasores de escolas

2
60

Como todo evento da guerra política, sempre há vitoriosos e aqueles que ficam rangendo os dentes. Desta vez quem está com cara de choro é a extrema-esquerda sádica que tem organizado invasões de escolas para lutar contra a PEC 241. Fazem isso porque querem que o governo gaste ilimitadamente e destrua nossa economia. Dilma Rousseff fez um trabalho gigantesco em nome deste tipo de destruição.

De qualquer maneira, não é possível que um movimento tenha qualquer traço de decência se ele se origina de uma demanda mal intencionada. Não é possível alguém liderar as invasões às escolas e nutrir qualquer traço de empatia pelos alunos, que querem duas coisas: empregos disponíveis e capacidade de conquistá-los. Ao lutar contra a PEC 241, os líderes que organizaram as invasões escolheram se posicionar pela fuga dos empregos.

Na verdade, não sobrou quase nada da reputação desses monstros depois da morte de um adolescente em uma das escolas invadidas nesta segunda (24).

Sem moral, hoje foram obrigados a ver o Congresso aprovar a PEC 241 em segundo turno, por 359 votos a favor e 116 contra. Os membros de partidos como PT, PCdoB e PSOL, que tanto gostariam de ver o povo sofrer, hoje vão ter que sofrer um pouco. De raiva. E o povo fica um povo mais aliviado.

Foi também uma vitória do estado laico, pois os inimigos da PEC 241 tinham um discurso dizendo que o dinheiro cai do céu. Mas isto é um baita de um mito. O Congresso não caiu neste mito.

Curta-nos e siga-nos no Facebook para receber todas nossas atualizações!

Para adquirir o livro “Liberdade ou Morte”, você pode consultar o site da Livraria Cultura ou da Saraiva.

Anúncios

2 COMMENTS

  1. Não vejo vcs falando nada sobre a PEC 106, antes de cortar da população eles tem q dar o exemplo cortando o deles.M as dizer o q deu uma page q apóia o Trump.

Deixe uma resposta