Monalisa acha que falar em família e em fé é 'extremismo'. E a democracia, como fica?

4
194

Se democracia significa alguma coisa é, sobretudo, a liberdade e o direito das pessoas em terem suas preferências, suas próprias ideias e se expressarem com elas desde que, com isso, não prejudiquem mais ninguém. Extremismo, em um regime democrático, é ignorar esse direito básico da vida em sociedade e acreditar que algumas pessoas devem ficar caladas enquanto outras podem falar.

Assista o vídeo para entender:

A apresentadora do Hora Um, Monalisa Perrone, acha que falar em valores de família e fé é algo que ‘beira o extremismo’. Curioso, pois [uma democracia é aquela na qual conservadores podem respeitar o modelo tradicional de família, assim como alguém que opta por outros modelos de família tem seus direitos resguardados, desde que não envolva coisas doentias como a pedofilia.

Desrespeitar isso é que é extremismo. É um extremismo na luta contra a liberdade de consciência do ser humano. Monalisa, portanto, é extremista!

Anúncios

4 COMMENTS

Deixe uma resposta